Image
Shakira e María Emma: ex-chanceler cuida da fundação que a cantora mantém, focada em educação pública

Publiquei neste espaço um post sobre a nova e bela secretária-geral da União Sul-Americana (Unasul), Maria Emma Mejía, informando que ela foi apresentadora da BBC de Londres, candidata a vice-presidente da República e também à prefeitura de Bogotá, além de chanceler de seu país.

Lembrei que ela, por ser bonita e elegante, já se queixou mais de uma vez que isso acaba perturbando seu trabalho: ficam comentando sua aparência e não o conteúdo do que ela diz e faz.

Pois bem, faltou uma informação interessante: María Emma, que é jornalista e também apresentou um programa destinado ao exterior na maior emissora de TV da Colômbia, a Caracol TV, é a presidente da Fundación Pies Descalzos, ONG mantida pela cantora Shakira, sua amiga, e destinada a “encontrar oportunidades para a infância vulnerável e desplazada da Colômbia” (desplazadas são as pessoas que precisaram deixar suas terras e suas casas por causa da guerra movida pelo Exército contra os narcoguerrilheiros das chamadas Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia , as Farc).

A Pies Descalzos – título da primeira canção de sucesso da carreira da cantora — se preocupa fundamentalmente com a educação pública. Entre outras atividades, ajuda ou mantém escolas, monta bibliotecas e redes de computadores e fornece bolsas de estudos a jovens pobres e a professores que precisam se aperfeiçoar.

A aparência glamourosa de uma cantora de sucesso, rica (vendeu perto de 100 milhões de discos e realiza shows no mundo inteiro), bonita, que namora um craque da seleção espanhola de futebol campeã do mundo (o zagueiro Piqué, do Barcelona) e frequenta páginas de revistas e a tela de programas de TV de celebridades faz com que seja pouco conhecida a obra importante e exemplar financiada por Shakira.

Ela destina muitos milhões de dólares (nunca revela quanto) à fundação, que conta também com o apoio de várias empresas, tem braços em quatro cidades da Colombia, corpo próprio de funcionários e um grande número de colaboradores voluntários.

DEIXE UM COMENTÁRIO

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

treze − 6 =

5 Comentários

Gert em 29 de abril de 2011

Espero que a Unasul fracasse logo. É só mais um ralo pra levar nosso dinheiro embora.

Vera Scheidemann em 29 de abril de 2011

Gosto da Shakira. Que bom saber que ela emprega um pouco do muito dinheiro ganho em obras destinadas a jovens pobres. Vera

JT em 29 de abril de 2011

Setti, A história com certeza é bem floreada! Sobre o MP Lafer, preciso esclarecer que na verdade tenho dois na família! Em 1997 ganhei de meus pais um MP Lafer vermelho 1974, que usava (e abusava...) na faculdade - eu era feliz e sabia. Fui ficando com o carro depois de me formar, até me tornar um grande entusiasta do modelo. Comecei a editar o site e fiz muitos amigos no ramo, aqui no brasil e no exterior. Em 2008 comprei este MP Lafer branco que você viu no vídeo do "Life in a Day". Busquei ele no Rio de Janeiro, pois conhecia o dono desde 2002 e o preço estava excelente. No Natal daquele ano chamei meus pais na garagem e disse que estava na hora de retribuir por tudo o que me deram. Então entreguei as chave do MP para eles! Foi muito emocionante. Nunca liguei para carros novos, mas este ano parei de usar o MP no dia a dia. Agora, só de fim de semana. É uma terapia guiar de capota abaixada. Abraços! Bela história, caro Jean. Abração e obrigado.

José Geraldo Coelho em 29 de abril de 2011

A Dona Maria Emma reclama por ter sua beleza mais reconhecida que sua capacidade intelectual mas, ela é bonita. E sabe que é bonita. Ela posa como mulher bonita, e veste como mulher bonita. Não só com elegância mas sempre valorizando seu rosto lindo, seu charme e seu maravilhoso biotipo. Ainda não vi uma foto em que ela não tenha posado como uma modêlo ou atriz. São fotos de mulher vaidosa, que valorisa sua ótima aparência. Ela é passiva de adjetivos mais populares como os que usamos para definir a Shakira em bate-papos. Dito isso eu pergunto. Por que reclamar. Por que não se sentir bem sendo considerada linda. Por que se incomodar em ser um símbolo de feminilidade. Comparando pela foto ela me parece mais bonita que a Shakira porque é mais sóbria. Mais elegante. Sua capacidade é que poderia atrapalhar sua beleza. Soa machismo mas não é. É a minha verdade.

JT em 29 de abril de 2011

Caro Setti, Me perdoe por fugir do tópico, mas queria compartilhar um episódio pitoresco contigo. Como editor de um site dedicado ao MP Lafer, recebo diversas mensagens de todo o Brasil e de países para onde o carro foi exportado. Esta semana tive a surpresa de ler o relato de um argentino peronista, que me pediu ajuda para vender um mini Austin 1948, que teria pertencido ao casal Perón. Na dúvida, resolvi traduzir e publicar: http://www.mplafer.net/2011/04/austin-peron-pancho.html Abraços! Caro Jean, o carrinho é sensacional. Mas o dono fala, fala, fala -- e não mostra nenhuma prova de que pertenceu, mesmo, a Perón. Não é mesmo? De todo modo, é uma absoluta preciosidade. Como, aliás, seu MP Lafer 1974, branco, que parece saído da loja. Abração

VER + COMENTÁRIOS
TWITTER DO SETTI