Ah, o que não fazíamos para tentar fazer de Playboy imbatível. A responsabilidade pelos gastos editoriais — cachês de estrelas, cachê dos fotógrafos, despesas de viagens para a feitura de ensaios — cabia a mim, e olhando para trás confesso que, vez por outra, posso ter exagerado.

É certo que Andrea Guerra, revelada pela revista alguns anos antes, era em 1998 uma bela garota, tinha feito trabalhos na Globo — inclusive na novela Malhação — e  gozava do reconhecimento dos leitores.

Será, porém, que era mesmo o caso de fazermos o ensaio de capa com ela para maio daquele ano justamente na suite preferida de Madonna no hotel Eden Roc, de Miami Beach?

A foto mostra a editora Ariani Carneiro, incansável em suas viagens pelo mundo coordenando ensaios, o excelente fotógrafo Bob Wolfenson (corpo mais ereto) e um assistente fotografando Andrea, nua, junto à amurada da suite.

Você pode conferir o luxo do hotel pelo seu delirante átrio-bar, clicando aqui, e por uma vista geral do complexo, neste link.

A capa com Andrea Guerra ficou muito bonita, e bem mais discreta, é claro, do que a foto da amurada. Confira aqui.

DEIXE UM COMENTÁRIO

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

sete − um =

TWITTER DO SETTI