Bandalheira na sede da Presidência em SP deveria dinamitar candidatura do advogado-geral ao Supremo. Mas, como estamos no Brasil…

Luís Inácio Lucena Adams: prejudicado pelo envolvimento de seu vice no escândalo da sede da Presidência… ou não? (Foto: Agência Brasil)

Desde que assumiu a Advocacia-Geral da União, em 2009, o gaúcho Luís Inácio Lucena Adams, 47 anos, é candidatíssimo a uma vaga no Supremo Tribunal Federal, caminho exato que percorreu seu antecessor, o ministro Dias Tóffoli.

Diferentemente do aterradoramente medíocre currículo de Tóffoli, porém, Luís Inácio Adams (que não se perca pelo nome) ostenta uma boa formação e uma larga experiência profissional, sem longas passagens por poleiros do PT, como seu antecessor. (Vejam seu currículo.)

Mas o envolvimento no esquema de roubalheira de dinheiro público descoberto pela Polícia Federal em pleno gabinete da Presidência da República em São Paulo de ninguém menos do que o advogado-geral adjunto da União, José Weber Holanda Alves — alguém portanto muito próximo de Adams (vejam neste link) –, deve dinamitar a candidatura de Adams ao posto deixado vago pela recente aposentadoria do ministro Carlos Ayres Britto.

Bem, deveria — vamos colocar o verbo no condicional, no condicionalíssimo.

Porque, afinal de contas, estamos no Brasil.

No final das contas, o escândalo todo pode não ter consequência alguma para Adams, que foi quem mais batalhou para colocar Holanda Alves no posto. E aí, se eu não colocar o verbo no condicional, queimo a língua.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Nenhum comentário

  • Marco

    Don Setti; Mas pelo amor de Deus, esse governo não pode mais nomear ninguém do TRT, ainda mais gaúchos,todo nós sabemos q esses tribunais, promovem a revolução socialista nas regulamentações das profissões, são defensores dos piores tipos de corporativismo público.
    Abs.

  • P Faustini

    Nestes tempos petralhas proximidade com bandidos é pre requisito para voos altos.

  • Caio Frascino Cassaro

    Prezado Setti:
    Como assim dinamitar a candidatura do Luis Inácio – o Adams – ao STF? Para o Lulopetismo, o comportamento dele é pré-requisito. Nada como um relacionamento suspeito para dar substância ao pleito do quase homônimo do Apedeuta. O sujeito seria um Apedeuta II – a vingança, uma versão mais instruída e talvez menos safada do original, que mais uma vez foi apunhalado, traído, enganado…O pior é que daqui a pouco os rapazes de sempre vão aparecer por aqui para provar que a lua é preta, o sol é gelado, a terra é quadrada e o Luizinacio não sabia de nada. De novo.
    Um abraço.

    P.S. – Aliás, cadê a tropa? Sumiram? O gato lhes comeu a língua?

  • José Paulo

    Larga experiência profissional? Sem longas passagens por poleiros? O primeiro cargo de nível superior, na Procuradoria da Fazenda ele assumiu e 4 meses depois já foi nomeado chefe! Isso que é ascensão meteórica, só que… não parou mais! Dali em diante, só cargo comissionado e bau-bau ensino universitário… aliás, o que seria “especialização em Direito”? Direito do que? Civil, Tributário (que ele deu aulas), Romano?
    Por fim, quem será que digitou o curriculum? Será que ele não deu uma lidinha, pelo menos para corrigir os erros gramaticais grosseiros?

  • José Paulo

    P.S. Parece que é bem amigo dos milicos também, pelo rol de “honrarias”…

  • moacir

    Setti,
    Segundo o jornal O Estado de Minas,José Webwer de Holanda já foi exonerado da AGU em 2003,enquanto
    chefiava a Procuradoria Geral Federal Da União.Na
    época, o TCU o responsabilizou e a outros 12 ex-
    dirigentes do INSS por irregularidades num convênio com o CETEAD – Centro de Educação & Tecnologia em Administração da Bahia,entre 1998 e 2000.
    Após deixar a AGU,Weber assumiu a Procuradoria
    Geral da Universidade de Brasília ,nomeado por José
    Dirceu,então na Casa Civil.
    Em 2009 Adams tentou levar o amigo de volta para a
    AGU.O tal processo administrativo para investigar o Cetead já estava prescrito.Dilma ,na Casa Civil vetou.Adams esperou Dilma entrar na campanha presidencial e tentou nomear Holanda outra vez.Desta feita rolou:o aval foi dado pela nossa velha conhecida Ministra Erenice.

    O Ibope deste Luis Inácio no Planalto não atinge os 2 dígitos.Esta hipótese de STF é NULA!
    Você sabia que Adams estava bem cotado também para Ministro da Justiça?

    Holanda consta HOJE do site da Advocacia Geral da União no cargo descrito no post.

  • Paloma Lins

    Moacir, me divirto com você!

  • Tuco

    .

    A canalha imunda, sempre burra e medíocre
    – além dos mais diversos predicados -,
    quer entender que ministro do STF é cargo
    de confiança!
    Já tivemos, ao vivo, a prova do perigo à
    República que se nos apresenta um STF
    aparelhado – com as vergonhosas atuações
    do chicanowski e do tof.
    Mesmo o tratamento de “ministro” deveria
    ser afastado. Juiz é juiz! Teria de ser,
    como o é, “juiz de primeira instância”,
    e, “juiz do tribunal tal”, “juiz do STJ”,
    “juiz do STF” e por aí vai. Esse negócio
    de “ministro” já peca pelo nome!
    Entendo que não só os juízes estejam aptos
    a integrar os tribunais superiores. Há
    promotores, procuradores excelentes.
    Advogados do mais alto gabarito. Se tornariam
    juízes, dado o notório saber jurídico. E
    esse negócio de “ministro” seria reservado à
    política.


    .

  • José Geraldo Coelho

    Logo logo teremos um STF formado pela Juventude Lulista.
    Ou Juventude PeTista.
    Isso será um desastre para a República.

  • Angelo Losguardi

    Deveria ser candidatíssimo a uma vaga no xilindró, isso sim. Se isso aqui fosse um país sério, os membros dessa família estariam todos de macacão laranja numa prisão de segurança máxima, com luzes acesas 24 horas.

  • Angelo Losguardi

    Família não, QUADRILHA haha Acho que me deixei levar pelo prenome rsrsrs

  • Observador100

    Perfeito, meu caro Setti. A quadrilha é muito cara de pau não está nem aí para a opinião pública. Os miseráveis so enxergam o “bolsa família”, os corruptos querem é continuar mamando e os idiotas idolatrando seu chefe máximo, conhecido por “deus” entre as balzacas de plantão>

  • eleitora

    senhor jornalista,
    bom dia!
    a sua análise está corretíssima, uma vez que este senhor adms também prestou vários serviços ao PT quando era um dos integrantes da procuradoria do ministério da fazenda. é só ter conhecimento dos seus “brilhantes” pareceres para ver a constituição federal rasgada sistematica e impiedosamente em favor dos interesses da quadrilha. atualmente, pergunte aos advogados da união concursados, o que este senhor adams anda fazendo na agu. leio diariamente a sua coluna, do augusto nunes e do reinaldo azevedo. tal hábito ajuda a suportar a era da mediocridade.

    Muito obrigado pela gentileza e pela honra, para mim, de sua leitura diária!
    Um grande abraço e… continue nos visitando!

  • Pedro Luiz Moreira Lima

    Setti:
    Nada conheço do sr.Adams apenas um provável juiz do STF.
    SE fosse convidado a fazer parte de um governo qualquer e tal fato ocorresse comigo – pediria demissão imediatamente,me abriria para qualquer tipo de investigações e por fim colocaria a disposição da Justiça o que ela determinasse.
    A imprensa ainda não informou como funcionava o esquema,atividades de cada pessoa,montantes…tudo ainda na fase de investigação – pergunto diretamente ao Setti – estou errado nos fatos?
    Que existe caroço debaixo de angu,existe! mas preciso como cidadão brasileiro, me inteirar dos fatos e formar uma ideia posteriormente opinião.
    Agora nomear uma pessoa como o sr.Holanda,conforme fez o colega comentarista Moacir, é querer arranjar sarna para se coçar.
    Abraços a todos
    Pedro Luiz

  • Pedro Luiz Moreira Lima

    Moacir:
    Perdão – “conforme escreveu o colega comentarista Moacir…”
    Tirar das costas do nosso Moacir a culpa da nomeação.
    Abração Moacir,desculpa o erro.
    Pedro Luiz

  • Mairalur

    Deus Pai, não sendo esse, que não seja um ainda mais cumpanhêru! O ministro Teori já vai demonstrando que não é lá aquilo com que sonhamos: diz-se contra a transmissão dos julgamentos pela TV Justiça. Desde o início, não me caiu bem a figura dele.

  • Caio Frascino Cassaro

    Pedro:
    Alvíssaras!!!!!! Concordo com você em cada palavra. Mas acho que para o bem das apurações, os suspeitos devem ser afastados até a conclusão das investigações, aliás como fez Itamar Franco quando pairou um suspeita de corrupção sobre Henrique Hargreaves.
    Um abraço

  • moacir

    Prezado Pedro Luiz,
    No meu comentário eu menciono que as informações que passo adiante haviam sido publicadas num jornal mineiro.Como vivemos num país sem censura de imprensa e de expressão,e muito principalmente,como não há nada de ofensivo nem na reportagem do jornal nem no meu
    comentário,fique absolutamente tranquilo,não vou
    sofrer o tormento da sarna.
    Agora,eu gostaria muito que você entendesse o que o jornal publicou e eu repeti:
    1.Adams em 2009 pediu a Dilma,então Ministra da Casa Civil,para nomear seu amigo Holanda.
    2.A Ministra,tendo em vista denuncia do TCU
    de irregularidades na vida pregressa do canditado,
    VETOU,disse NÃO.
    3.Quando Dilma saiu da Casa Civil para tratar da sua campanha presidencial,Adams insistiu e pediu
    à nova Ministra ( aquela Erenice que foi afastada
    sob uma enxurrada de denúncias ) que nomeasse seu
    dileto amigo.Desta feita ele obteve êxito,tendo Holanda sido nomeado para o cargo,do qual hoje foi
    afastado em meio a uma operação policial
    Como os chefes não gostam de subalternos que lhes criem problemas em vez de trazer soluções,como **manda quem pode e obedece quem tem juízo**,como Adams conseguiu a nomeação do amigo passando por cima de um VETO da atual Presidente,ela está contrariada e ele perdeu pontos no IBOPE do governo.
    Já que o indiciado Holanda trabalhava na sala ao lado do persistente Adams, e era o segundo na hierarquia da AGU, ou Adams não sabia e nesse caso é tolo, ou sabia e nesse caso é cúmplice.
    Como a nomeação para o Supremo Tribunal Federal é
    imediata,e a investigação será longa, não poderá o Adams se tornar Ministro da nossa Corte Suprema,antes que o Brasil descubra se ele é um inocente sem noção ou se é um culpado sem vergonha.
    É nossa obrigação de cidadãos brasileiros zelar
    pelas instituiçoes republicanas.Num país onde uma ROSE qualquer tem o poder de nomear diretores de Agências Reguladoras do Governo,EU tenho todo o direito em me preocupar com quem vai ser um dos futuros Ministros do Supremo,com quem vai defender ou não a minha liberdade,as minhas garantias,os meus direitos.E os seus,caro Pedro.
    Abraços

  • Pedro Luiz Moreira Lima

    Amigo Moacir:
    Elogiei as suas informações e no meu comentário cometi um erro – “Agora nomear uma pessoa como o sr.Holanda,conforme fez o colega comentarista Moacir, é querer arranjar sarna para se coçar.” Parecia indicar que você nomeou e corrigi para – “Moacir:
    Perdão – “conforme escreveu o colega comentarista Moacir…”
    Tirar das costas do nosso Moacir a culpa da nomeação.
    Abração Moacir,desculpa o erro.”
    Concordo com tudo que escreveu – o fato ainda esta nas penumbras – dar tempo ao tempo para clarear.
    Grande abraço

    Pedro Luiz

  • Reynaldo-BH

    Esperemos.
    Talvez este mais novo escândalo seja o que demonstrará, definitivamente, o modo petista de governar.
    É didático na medida em que demonstra a rede de interesses escusos que permeia toda a máquina governamental aparelhada.
    Nasce no Gabinete da Presidência em São Paulo, passa pela ANA e ANAC, corrompe o TCU, emporcalha a AGU, mancha o MEC, entre outros.
    É esclarecedor que só um elo liga todos: serem do PT. Estarem a serviço de Dirceu, Lula e outros apaniguados.
    Afinal, qual a justificativa para que um diretor da Agência de Aviação Civil tenha senha de acesso a dados confidenciais do MEC? Mesmo seguindo a lógica dos corruptos? Por que alguém se sentiria confortável em fornecer tal chave de acesso se não soubesse do uso que este proporcionaria ao usuário indevido? E da obrigação de fornecê-la?
    A partir de qual razão objetiva, uma simples secretária-executiva consegue colocar bandidos (já conhecidos anteriormente às nomeações) em diretorias de agências reguladoras? E indo além, conseguir cargos no Conselho Nacional de Educação?
    Somente a certeza da impunidade e o espírito de corpo daqueles que se julgam como detentores do direito do estado (e desprezando o Estado de Direito) podem justificar este fim de festa. Fim de linha. Monumento da vergonha que alguns insistem em não ter.
    Não é mais necessário – como imaginávamos – ter os apadrinhados na boca do cofre de cada ministério. Basta que esteja em Brasília (ou São Paulo…) e que detenha o conhecimento do caminho das pedras aliado à prévia autorização de percorrê-lo. O cartão de apresentação deve trazer também uma estrela vermelha ou as duas letras que identificam os ladrões oficiais: PT.
    Basta isto.
    Alertamos desde o início para o gigantismo da corrupção desenfreada e sem nenhum pudor. Porém a realidade do por vir deixou-nos sem palavras.
    Nem o mais delirante ficcionista iria conseguir produzir uma ópera bufa com o enredo desta operação Porto Seguro.
    Um ex-presidente endeusado e mitificado. Uma secretária diligente – que foi por doze anos auxiliar do chefe da quadrilha hoje condenado – que viajou mais de 30 vezes ao exterior na comitiva oficial do presidente, usando passaporte diplomático. Um advogado da União (segundo na hierarquia funcional) que já se sabia no mínimo problemático, mas escolhido por ser amigo do advogado-geral. Dois irmãos que, um deles, não conseguiu ser aprovado para o cargo que ocupa (foi necessária intervenção pessoal do presidente e do quadrilheiro condenado, na terceira tentativa!) sequer pelo Senado Federal, casa de poucas virtudes (no Brasil de hoje) e de muitos Collor, Sarney e Renan. E um corrupto com cargo de diretor de uma agência reguladora com senha de acesso a outro ministério que, a rigor, seria tão funcionalmente próximo como futebol do balé clássico.
    A ficção nunca ousaria a tanto, sob pena de ser novela de quinta categoria.
    Como este governo é.
    Tanto é assim, que a própria base alugada com o PT à frente, permitiu o depoimento (a convite) do Ministro da Justiça e do Advogado Geral da União, para evitar a presença da secretária e dos irmãos presos.
    Nunca cheirou tão mal. É só observar os personagens envolvidos. Vai desde o ex-presidente Lula até técnicos do TCU.
    Receio que nem assim os apoiadores incondicionais do lulopetismo alterem a cantilena da imprensa golpista ou direita raivosa.
    Seria saudável – ao país – que refletissem. Não para darmos razão ou considerarem-se perdedores de uma batalha de Itararé.
    Esta diferença nos embates travados neste espaço é notável. Quando rebatem nossos argumentos com a necessidade de atacarem governos anteriores – exigindo julgamento de Eduardo Azeredo, por exemplo – encontram apoio integral por parte de todos nós.
    Sem que nos sintamos derrotados por isto. Porque deveríamos nos sentir assim? Devolvo a pergunta. Aguardo a resposta.
    Não se trata de pré-julgamento. Trata-se de fatos políticos, gravados por ordem judicial pela Polícia subordinada ao Ministério da Justiça do Brasil. Não basta para início de uma reação por parte de quem apoia de modo sincero? Será que existem estes apoiadores ou somente kamikazes a postos para defender o Império do Sol Roubado?
    Lembro-me ter lido, por mais de uma vez e de diversos comentaristas, a necessidade de um julgamento de FHC. Que fosse jurídico e não político. Não consegui entender em qual tipo penal (ao menos UM) se baseava esta argumentação. Mas, entendia o desejo de extrapolar o aspecto político para o (??) penal. Embora não concorde minimamente com esta proposição. Seria, evidentemente, uma vendeta de quem no poder quer apagar o passado e punir o adversário. Nada mais contra o estado de direito.
    No caso de Lula sequer se permite o julgamento político. É golpe (mesmo com o absurdo de ser contra alguém que já não está mais no poder).
    Imagine se este caso derive – por razões sólidas ainda não apresentadas – para um indiciamento de Lula! Se Dirceu já ameaça colocar “as tropas nas ruas” (de militantes) o que aconteceria se o indiciado fosse o chefe supremo?
    É nisto que reside a certeza da impunidade. Do nada a acontecer.
    Este foi o susto dos mensaleiros. Como um carola que descobre após morrer que Deus existe mesmo!
    Esta é a raiz da continuidade da corrupção sem freios. O exemplo parece vir de cima, ou ao menos, dos que são íntimos de quem estava acima de tudo e de todos.
    É assim a democracia que se prega como valor maior?
    “A ameaça mais aguda da maioria não passa de conjunturas de instabilidades políticas, raramente degenera em anarquia política e nunca se transforma numa tirania sustentável. Já as tiranias mais duradouras foram impostas por minorias organizadas e conscientes dos seus interesses. Segundo, como a facção é uma entidade minoritária, que defende interesses particulares e procura o domínio sob o pretexto da tradição ou da ideologia, uma maioria de interesses gerais jamais se transformaria num agrupamento estável. Terceiro, a competição entre facções é insuficiente para evitar a tirania. Uma sociedade estruturada em pequenos agrupamentos não impede que sejam feitos acordos para compartilhar os poderes executivo, judiciário e legislativo. A tirania, sim, pode subsistir dentro de uma política de facções e na ausência da igualdade como princípio fundador da república.” (Robert Dahl, maior pensador político do século XX do Ocidente, autor de A Moderna Análise Política).
    Ou seja, sem igualdade não há democracia.
    E igualdade é somente tratar todos com o mesmo peso e medida.
    É mais uma utopia de minha parte. A realidade aponta em outra direção. Na direção oposta.
    Onde aos amigos tudo é permitido e perdoado.
    Aos adversários (ou inimigos) nada além da intimidação.
    Não funcionou, não funciona e nem funcionará. A História não se faz a partir destes desvios. Pode também não ser uma linha reta, mas tem fim.
    O problema é saber onde é o fim.
    Esperemos.

  • Pedro Luiz Moreira Lima

    Calma ReynaldoBH:
    Ainda não temos dados para julgar,esperar a PF montar o processo.
    Abraços
    pedro Luiz

  • Maria

    Se fôssemos um país serio Luis Adams, não só deveria ter sua candidatura (a qualquer cargo público) dinamitada, como depois deste escândalo, ser demitido sumariamente!

  • Reynaldo-BH

    Pedro, esperemos. Sem pré-condenações nem pré-absolvições. Somente atendo-nos aos fatos.
    Esperemos.

  • Reynaldo-BH

    Um comentário adicional: ainda haverá alguém que julgue que o Supremo foi “muito duro” com os mensaleiros do PT?

  • João

    Existem nesse País, dois tipos de facções: a crminosa e a política; coincidentemente, o PT estar com as duas facções…

  • Lucas Tavares Furtado

    O Adams deveria ser defenestrado da AGU. Ele lutou para colocar como seu Adjunto uma pessoa (Weber)com histórico de falcatruas, cuja indicação já havia sido barrada pela Casa Civil quando Dilma era a titular. Agora o Adams e o Weber encaminharam para o Congresso Nacional um projeto que altera a Lei Orgânica da AGU para possibilitar a nomeação política de Advogados privados, sem concurso público, para se tornarem membros da AGU. Ademais, consta no projeto que se que os verdadeiros membros concursados emitirem paraceres contrários às determinações dos superiores o fato será considerado erro grosseiro passível de demissão. Trata-se da mais completa imoralidade e incostitucionalidade.

  • Pedro Luiz Moreira Lima

    REynaldoBH:
    Dando uma de provocador em cima de mim? rsrs.
    Não sei se justas ou não as penas – mas acho que o processo ainda vai dar muita dor de cabeça para o STF na área que não deveria dar – a Jurídica.
    Grande abraço
    Pedro Luiz
    PS – Se cuida muito, a crise irá passar!muita gente em sua torcida.

  • Pedro Luiz Moreira Lima

    A procuradora da República Suzana Fairbanks, que coordenou a investigação no Ministério Público Federal (MPF) em São Paulo em conjunto com a Polícia Federal, e que resultou na operação Porto Seguro, deu uma explicação que desmente a versão apresentada pelo Jornal Nacional da TV Globo, sobre o papel do ex-auditor do TCU (Tribunal de Contas da União), Cyonil da Cunha Borges de Faria Júnior.

    Suzana Fairbanks disse:

    “Ele [Cyonil] é um corrupto que sofreu um golpe, porque recebeu um calote do pagamento, não pagaram tudo e ele resolveu denunciar o esquema. Eram R$ 300 mil [o prometido] e ele recebeu R$ 100 mil, e ficou cobrando os outros R$ 200 mil”, destacou.
    É a coisa não é tão simples assim
    Pedro Luiz

    Qualquer acusação contra o governo do PT, caro Pedro, e você logo vem e coloca todas as dúvidas possíveis, por mais que sejam fortes as evidências, os testemunhos, as autoridades responsáveis pela investigação etc etc.
    Já com os governos tucanos, sempre coloca dúvidas sobre o outro lado: se o que dizem é verdade, se os dados estão corretos — e por aí vai.
    Não é mesmo?

  • José Mendonça Fº

    Esse Adams deve ser uns dos cornos políticos do governo:não sabe, não viu nem ouviu. Aprendeu com o “mudo”.Frequenta a casa do demitido ladrão, seu amigo há tempos e nunca desconfiou do patrimônio do cara. Acho que nem sabia que o moleque tem há 10 anos diversos problemas com a justiça. Vai ser burro nos infernos ou muito esperto.E ainda foi quem nomeou o careta como advogado adjunto. Tem coisa nesse angú.

  • José Carlos

    Tem que ser afastado imediatamente e que se faça uma investigação séria, pois não é possível, que aconteça esses problemas e ele não saiba, parece que esta imitando o Lula

  • zm

    O AGU Adams ai sei não! Batalhou pela nomeação do corrupto-adjunto a troco de quê? Não sabia de nada, doutorzinho? O cara todo enrolado e ele resgata para aturar numa posição estratégica dessa pq? Oposição, convoca o cara para explicar melhor essa lambança ai. Se ele realmente nada tem a ver com a esculhambação, peça desculpas e caia fora. Aí tem!!

  • Angelo

    Senhores,É uma pena o que acontece nestePaís,rico
    por natureza e pobre nas suas leis,que permitem
    todo tipo de aparatos para justificar a ladroagem
    de dinheiro público,e ser condecentes com os réus
    e seus amigos de imoralidades.

  • Pedro Luiz Moreira Lima

    Setti:
    Eu?EU??EU??? e finalmente Eu???!!!
    Quem falou foi a Procuradora da República Suzana Fairbanks do MPF – SP que coordena junto com a Policia Federal a Operação Porto Seguro.
    Apenas mostrei a notícia com a observação “tá feia a coisa.”
    Certa vez dirigindo ao Caio,Corinthians e Enio e agora com você – AS BATERIAS DE ARTILHARIA DE VOCÊS APONTADAS EM ALVO ERRADO,DEVERIA SER NA PROCURADORA SUZANNA FAIRBANKS,afinal a declaração é dela.
    Será a Procuradora da Republica Suzana Fairbanks PETRALHA?aí sim seria sinistro…
    Quanto ao PSDB – fica tranquilo,qualquer MARACUTAIA do PSDB jamais será apurado,averiguado e JULGADO???
    aí só será no dia que o Sargento Garcia prender o Zorro – esqueci MARACUTAIA do PSDB é assunto menor na Imprensa,imagina se estou afirmando PARCIALIDADE da IMPRENSA – Eu? Eu?? Eu??? Parcialidade da Imprensa – NUNCA!!! afirmação com DEDOS CRUZADOS rssrsrsr.
    Abraços
    Pedro Luiz.
    PS – Por favor!mudem a direção os tiros de artilharia só em cima de mim?ao menos dividam com a Procuradora.

  • Angelo Losguardi

    Setti, para os membros dessa quadrilha todos os seus “companheiros” são sempre inocentes, ainda que culpados. E todos cidadãos de bem (seus inimigos) são culpados, ainda que inocentes. Essa é a lógica desses caras dessa elite esquerdista. Isso é psicopatia, não tem cura. Só o regime democrático pra segurar a bestialidade dessa gente.

  • Caio Frascino Cassaro

    Prezado Setti:
    Estava demorando. Depois o Pedro reclama. O fato do camarada ser ou não um corrupto não invalida a denúncia. Aliás, via de regra quadrilhas desse tipo só são implodidas por denúncia de algum membro – tipo Roberto Jeferson no caso do mensalão.
    A postura do Pedro não surpreende. Novamente ele prova que tem, sim, bandidos de estimação. A quadrilha que assaltou o poder há dez anos não faz outra coisa que não seja delinquir. Mensalão, Correios, Aloprados, Quebras de Sigilos, Erenice, Rosemary, Palocci, Caseiro, Pimentel e mais não sei quantos outros escândalos que, semana após semana, estouram nos jornais, como se fosse uma novela ruim, com enredo de péssima qualidade e atores canastrões. E a tropa de choque vem nos blogs bradando todo tipo de desculpa estapafúrdia para justificar o injustificável, espancando os fatos, agredindo a lógica e atropelando a realidade.
    Setti, se o Luizinacio for pego fazendo sexo com uma menina de doze anos o Pedro e sua turma vão exigir que a menina seja encaminhada à FEBEM por abusar de um idoso.
    Depois disso tudo que aconteceu nos últimos dias, se alguém tinha alguma esperança que esse povo caísse na real pode esqueçer. É pura perda de tempo.
    Um abraço

  • moacir

    Setti,
    Lembra do tal inquérito administrativo promovido pelo TCU,com relação a supostas irregularidades cometidas por Holanda antes da sua primeira exoneração da AGU em 2003?
    Acabo de descobrir o nome do servidor que engavetou o processo até que prescrevesse:
    JOSÉ DIAS TOFFOLI!

    Moacir, é como dizem os bandidos: “está tudo dominado”.

    Inacreditável!

  • Luiz Pereira

    Setti,
    Será qie será necessária a presença de Okamoto para resolver este enrosco?
    Ele já foi acionado para o caso Rosemary.
    Esperemos que Adams seja “mascado” e cuspido em sua pretensão de entrar no STF.
    abs

  • Pedro Luiz Moreira Lima

    Caio:
    Leia a Imprensa – são as palavras da Procuradora e não minhas.
    Que exemplo grosseiro você deu,é preciso tanta grosseria para me contestar?
    Você me conhece para me chamar de bandido?afirmar que os meus contatos são bandidos de estimação?sabe da minha criação? enfim Caio nada conhece de mim para afirmações grosseiras,violentas e insultuosas a meu respeito.
    Se você e sua turma forem pegos abusando de uma menina de 12 anos,não me surpreenderia, você dar um exemplo tão horrível como deu existem sentimentos ocultos neles.
    Pedro Luiz
    PS – Setti lamento a crítica,sua resposta a mim dirigida foi injustas – deveria comentar as palavras da Procuradora.
    Resultado? incentivou comentários grosseiros,insultuosos e o Caio é craque nisto.

  • Pedro Luiz Moreira Lima

    Luiz Pereira:
    Em relação ao Adams de total acordo e do Okamoto,não o conheço,foi dado como inocente pelo STF.
    Grande abraço
    Pedro Luiz

  • Luiz Pereira

    Pedro Luiz Moreira Lima,
    O Okamoto só entra em campo quando as coisas estão cabeludas. Nem sei do que ele foi acusado e o que o levou ao STF.
    Sei, por gente séria que escreve, que ele é o bombeiro pessoal do Lula.
    abs

  • Naná

    E ainda há quem tema a previsão Maia.
    Este malta de bandidos que comanda o pais é mais devastadora do que a tal previsão.
    Mas o povão está “preocupadíssimo” com a Copa, o Fulero, o Carnaval né não?

  • Valdemar Habitzreuter

    É, vc tem razão: estamos no Brasil. Mas, é hora de protestar e mostrar ao povo brasileiro quem é quem. Este Adams seria um desastre se chegasse ao STF. Lá pensaria apenas no seu próprio umbigo e não nos cidadãos que trabalham honestamente. Não é ele que está emperrando o pagamento das aposentadorias do AERUS a que os ex-trabalhadores da extinta Varig tem direito?

  • Caio Frascino Cassaro

    Pedro:
    Eu é que sou craque no insulto? Vamos ao seu texto.
    “Se você e sua turma forem pegos abusando de uma menina de 12 anos,não me surpreenderia…”
    Você quer dizer com isso que me considera um pedófilo, quase um estuprador. E eu é que sou um craque no insulto.
    Quando digo que você tem bandidos de estimação não estou lhe ofendendo. Estou constatando um fato. Quer que eu prove? Eu provo. José Dirceu é um bandido. Condenado pela justiça. Idem Delúbio Soares. Idem José Genoíno. Posso chamá-los de bandidos, de corruptos, com a certeza de que não sofrerei um processo de calúnia e difamação por conta disso. Correto? Existe alguma mentira no que eu falei?
    Pois bem, agora com relação a você. Jamais vi aqui no blog nenhuma linha sua de crítica a esses criminosos. E sabe por quê? Porque eles são da “tchurma”, e quem é da “tchurma” nunca faz nada de errado, não é mesmo? As pessoas que fazem parte da “tchurma”, da patota, você os têm em alta conta. Os ESTIMA. Como a justiça já definiu o que eles são – são bandidos – são seus bandidos de estimação. Não há NENHUMA ofensa nisso. Novamente, apenas a constatação de um fato. Para você e tantos outros, a lei só serve para os adversários políticos. “Aos amigos, tudo. Aos inimigos, a LEI”, diz o velho ditado.
    Quando ao fato de eu ser um estuprador “in potentia”, sua observação não corresponde à realidade. Não há qualquer fato em minha vida que chegue perto de uma situação desse tipo. Não tive, por exemplo, uma situação não explicada com o “Menino do MEP”, aquele magrelo que se defendeu na cotovelada para não ser seviciado na prisão por Luizinácio, o farol universal dos povos. Antes que você grite, lembro ter sido notícia de jornal que o Apedeuta iria mover uma ação de calúnia contra o César Benjamin, o qual foi quem trouxe a público essa sujeira toda. (Cesar Benjamin era da tchurma, mas ficou horrorizado com o padrão moral do companheiro Luizinácio e tirou o time de campo). E sabe o que aconteceu? NADA. Não teve ação nenhuma. O tal menino do MEP, quando perguntado a respeito, calou. Luizinácio calou. Todos calaram. E quem cala, consente.
    Assim, quem tem bandidos e um estuprador “in potentia” no seu rol de preferências não sou eu. É você. Não deveria ficar chateado por eu dizer isso. Simplesmente é a realidade. Se você não gosta da realidade, mude seu ponto de vista. Mas não tente espancá-la para convencer o mundo de que você está certo.
    Pedro, não sei o quanto você sofreu sob a ditadura militar. Deve ter sido muito. A ponto de você não conseguir imaginar que esses caras, que estiveram lutando na mesma trincheira que você possam ter se tornado esse bando de quadrilheiros que transformaram a história contemporânea “destepaizzzzz” em uma novela ruim, com enredo de segunda e atores de quinta. E, depois do surgimento de dona Rosemary, aquela que trata o ex-Presidente por Luiz Inácio, um novelão mexicano com toques de Adelaide Carraro.
    Saia desse maniqueismo bobo, em que os “seus” são puros e que existe uma conspiração contra a sua “tchurma”. Se os caras andassem na linha do trem a gente nem estaria aqui discutindo. Não perca seu tempo defendendo uma gente que vale menos do que uma nota de três reais.
    Boa tarde

  • João Caetano

    A pavôa gorda adota a máxima do quanto mais safado, melhor.

  • Pedro Luiz Moreira Lima

    Caio:
    Reflita antes de escrever, as palavras escritas quando escritas erradas magoam desnecessariamente.
    Não defendo Genoino,Dirceu já foram condenados e nunca foram meus ídolos – quando jovem na AMES – o nome era Travassos,Wladimir – Dirceu?desconhecia.
    Houve CRIME DE CAIXA DOIS e o resto para mim exagero tanto da mídia como de juízes doidos por holofotes.
    Suas intervenções ou não pensa no que escreve ou são de puro ódio – qualquer que seja ela será sempre inútil o dialogo.
    Dou a minha opinião e não quero e nem desejo magoar ninguém – vamos parar por aqui, este blogue do Setti é uma terapia e prazer de escrever – jamais uma arena ou ringue.
    Passar bem
    Pedro Luiz

  • F penin

    O chefe responde solidariamente pelo subordinado. Se não errou por ação, o fez por omissão, pelo menos. Os dois merecem a competente defenestração…

  • F penin

    Quem ficará magoado com opiniões de outros leitores do blog, desde que não-ofensivas? Setti, você engole uns sapos…

  • Nadia

    Nada neste país melhora, todos que estão aí no comando querem garantir o seu bem estar e da prole, ainda bem que o tal de Adans não foi nomeado ministro do STF, deve ser imediatamente exonerado. A dilma só tem a sua volta pessoas que se envolvem em constante escandalo, e ela sabe de tudo, mas isto não lhe é importante , distribuí-se o bolsa família, mantem-se no poder e eles continuam no cargo desfrutando imoralmente as benesses as nossas custas. Só o neto manda nela.