Brasil joga bem no primeiro tempo e empate de 1 a 1 com o Chile é castigo

Neymar (saltando) e Silva disputam jogada no Brasil x Chile, pela Copa de 2014 (Foto: domínio público)

A Seleção Brasileira teve sua melhor atuação na Copa até agora neste primeiro tempo contra o Chile pelas oitavas de final, no Mineirão.

A entrada de Fernandinho desde o início da partida, no lugar de Paulinho, que não vinha bem, de novo foi o eixo dos acertos da Seleção. Com Fernandinho incansável no meio de campo, Luís Gustavo pôde se lançar à frente e auxiliar o ataque, enquanto funcionaram muito bem as instruções de Felipão para que Oscar ficasse de olho em Daniel Alves quando o Chile avançasse e para que Hulk fizesse o mesmo com o outro lateral, Marcelo.

O empate de 1 a 1 terminou sendo um castigo para a Seleção, que atuou com um meio de campo compacto e ágil, que finalizou 10 vezes, contra 2 do Chile, e que mostrou forte disposição de luta desde os primeiros minutos. Acabou sendo um castigo também para Hulk, que atacou com perigo e defendeu com denodo mas que, num lance isolado, quando tentava devolver uma bola a Marcelo, bateu curto e permitiu aos chilenos recuperá-la para o sempre perigoso Alexis Sánchez fazer o gol de empate.

Algumas falhas individuais da Seleção, plenamente aceitáveis em jogo tão decisivo, não comprometeram seu desempenho. O Brasil joga melhor. Preocupa a pancada que Neymar, novamente muito importante ao time, levou perto do joelho esquerdo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

cinco × um =

Nenhum comentário

  • Antoninho

    Olha, apesar dos numeros nao achei tanta superioridade. E senti falta do Paulinho na bola aerea… O castigo tvz tenha sido o erro do arbitro.

  • Vaulber B. Pellegrini

    1 a 1 contra o Chile, seria a vitoria do Brasil e não da $eleção!!!!