Amigos, vocês já repararam na quantidade de notas de 100 reais que vem circulando pelo comércio?

Nos mais de 16 anos de existência do real, até recentemente a nota de 100 era uma raridade. Comerciantes a examinavam para checar se eram autênticas, poucos caixas eletrônicos as forneciam. Agora…

Sabe de que praga isso é sinal?

Uma praga chamada in-fla-ção.

Por falar no assunto, aproveite e leia esta reportagem, em que a pesquisa Focus do Banco Central – levantamento feito semanalmente pelo BC sobre as previsões para a economia de 90 instituições financeiras e grandes empresas – elevou de 5,78% para 5,82% a previsão de inflação para este ano.

O índice fica muito acima do centro da meta programado pelo BC, que é de 4,5%.

Baixou também a previsão da taxa de crescimento da economia, medida pelo Produto Interno Bruto (PIB): de 4,29% para 4,10%.

O governo começou o ano falando em 5%.

DEIXE UM COMENTÁRIO

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dez − um =

Nenhum comentário

Luiz Santos em 15 de março de 2011

José Geraldo Coelho, das 3 uma, ou voce é idiota, ou se faz de idiota ou acha que todos nos somos idiotas. Voce acha que todo mundo é topeira e desinformado nesse país? Ou que todo mundo tem 10-15 anos? É mais do que evidente que no governo FHC tinha mais inflaçao do que atualmente, entao como é que vc vem com essa de que FHC acabou com a inflaçao? Aqui vai um link da Folha: http://bit.ly/15Tt4D nos 7 primeiros anos de Lula menos 37% de inflaçao, calou sua boca? Para seu governo, o Lula em seu primeiro ano, teve que fazer um corte fiscal drastico para derrubar a inflaçao de 26% para 14,25%. Eu sei bem o eu passei durante o governo FHC, pegue os noticiarios economicos da epoca, alem de estagnar a economia, saimos de uma divida interna de 69bi para 800bi, e vem vc dizer que FHC acabou com a inflaçao? Faça-me um favor! Caro Luiz, você está querendo reescrever a história, mas aqui no blog até esse direito os leitores têm.

carlos nascimento em 15 de março de 2011

Eis a herança que o "lulalato" nos deixou. Agora os 99,9% (sic) de brasileiros que aprovavam o farsante, devem começar à chorar, vão cobrar de quem o estrago e o atraso que o pária legou ? Com a palavra os famigerados "petralhas" ? falem ai !!!

Fernando em 15 de março de 2011

Caro Setti, ontem à noite eu vi no canal VIVA o programa "Viva o Gordo", que é da década de 80 acho que final dos anos oitenta. Mas o que me chamou a atenção foi a atualidade dos temas tratados, em um esquete o personagem do Jô lia o jornal e reclamava: " olha só eles mandam a pessoa invertir e ai o cara vai e pega dinheiro no banco ai o governo fala que teve superaquecimento e aumenta o juro para esfriar a economia, o cara devia 500 e logo depois passa a dever 860, têm gente passando da pobreza para a falência sem conhecer a riqueza." E ou não atual?

Ricardo em 15 de março de 2011

No governo petista tudo tem de ser superlativo. Até a inflação

José Geraldo Coelho em 15 de março de 2011

Logo logo, teremos a nota de 200 reais. Isso é o sinal da irresponsabilidade do Lula e da ministra Dilma com a inflação. O ôba-ôba do consumo desenfreado tem esse custo e arrebenta nas costas dos mais pobres. A culpa será debitada na conta do Mantega e do Henrique Meireles, com certeza.

Tito Livio Bereta Bereta em 15 de março de 2011

Acumular idade tem vantagens e desvantagens. Quando da implantação do Real, o pt fez de tudo para ver fracassado o intento. E agora parece que o desejo, oculto por tanto tempo, será satisfeito. O que não conseguiram naquela época, atingem agora. Destruir uma das poucas iniciativas que deram certo no Brasil. Eu falei das vantagens e desvantagens, por ter vivido muitos anos num regime inflacionário. Sei o que significa, sei o quanto sofremos com isso. Mas essa meninada que contava 4, 5, 6 anos naquela época, somada agora aos que nasceram após o plano, nem sabe o que é inflação. Vai ser difícil explicar, pois nasceram sob a égide do consumismo. Sei não.....já imaginaram uma pedra de craque custando 50 reais? Ou uma carreira de cocaína custando 200 reais? O governo precisa pensar urgente no social! Chamem o Sarney. Afinal, foi ele que criou o "TUDO PELO SOCIAL".

Lapeno R em 15 de março de 2011

Elementar meu caro Ricardo. A Inflacao esta de volta. Lembro-me muito bem quando o plano real fpo lancado, no primeiro dia da nova moeda, eu fui la com meus cruzeiros novos e troquei o que tinha por uma nota de 10 reais, 2 de cinco, alguma de um real e as moedas. Era um garoto de 15 anos e tinha uma pequena colecao de papel moeda, do brasil e outros paises. Eu so fui ver a primeira nota de 100 reais uns 4 anos depois, de tao valiosa que ela era (nessa epoca a passagem de onibus em SP custava 50 centavos de real, e o paozinho custava 1 centavo!!). Vou assistir de camarote agora essa turma do PT e seus discipulos, como vao lidar com esse monstro chamado inflacao que foi domado pelo FHC.. Vao colocar a Selic a 50% ao ano? Eu acho que mesmo um medida extrema dessa nao nao fara diferenca, pois ja esta ocorrendo a Indexacao, os precos subindo, se aumenta os juros vem mais capital externo derrubando o dolar e o brasileiro com um apetite voraz para consumir bens importados, viagens. Daqui a pouco custo das coisas no Brasil vai estar mais caro que na Suica...

Jeringonça em 14 de março de 2011

Ricardo Antes das eleições já havia observado a circulação de notas de 100. Achei que seria porque o brasil mudou o padrão das notas (há uma nova familia lançada no final do ano)..,, mas não descartava a hipótese que voce levantou e acrecentava à minha observação: será que daqui dois anos a dilma vai cortar tres zeros no real? Será que depois da copa vai lançar nova moeda? É ... quem viveu inflação de 80% ano mês dorme com olho aberto..... exceto os petralhas..... que continuam se pendurando no governo gerando DESPESAS e nenhuma receita....são, como diz o RA, burgueses do capital alheio...

carlos mattos em 14 de março de 2011

Uma coisa muito interessante, voltei dos estados unidos em marco de 2010, apos 17 anos, estou aqui ha mais de 11 meses, (dia 31), e por coincidencia, ,hoje ao receber uma conta, meu amigo me pagou com 3 notas de 100, e eu nao as conhecia, pedi ajuda a minha mulher para checar, e ela me disse, que eram legais, muito curioso isto agora, e concordo, que e sinal da famigerada, INFLACAO mesmo

Marco em 14 de março de 2011

Algumas coisas, mesmo simplórias, a gente não esquece: Dilma estava com 2 ou 3%, início de 2010, e um irmão meu q conhece algo de economia (ao meu contrário!) disse a seguinte frase: "O Lula vai eleger essa mulher e ela vai quebrar o Brasil como a aquela outra quebrou a Argentina". Achei q ele estava louco ao cogitar ambas hipóteses, mas tenho lembrado daquele momento com alguma frequência.

Roberto em 14 de março de 2011

A coisa está ficando feia, portanto, hora de chamar o novo Messias de volta para realizar mais milagres no Planalto e derrotar esse monstro. Aliás, isso deve ser tarefa fácil, afinal o novo Messias passou oito anos dizendo que o FHC, aquele que acabou com a inflação no Governo Itamar, nada fez de importante, levou o país ao caos, conclui-se portanto que, "domar" a inflação será tarefa fácil para os competentíssimos petistas liderados pelo inigualável, insuperável governante recém saído do cargo.

ALBERTO em 14 de março de 2011

exatamente o que eu comentei com meus familiares há poucos dias... nota de cem voando prá todo lado é sinal de inflação. E agora? Temos alguém nesse governo que saiba surfar em mares revoltos?

Frederico Hochreiter/BH em 14 de março de 2011

É isso aí, Ricardo. Quando o Plano Real foi lançado fui ver uma nota de R$100 quase um ano e meio depois. Chamava a atenção. Há meses atrás fui surpreendido quando, sacando R$150 num caixa automático, sairam duas notas: uma de 100 e outra de cinquenta.Mas é claro que você, eu e todos os comentaristas devemos estar errados. No país que foi registrado em cartório isso é coisa de alarmistas.

Marcelo Caldas em 14 de março de 2011

Caro Sr. Ricardo Setti, não sou economista, mas queria lhe passar uma pergunta; lembra-se que FHC e amigos fizeram uma farra no café da manhã com apenas 1 Real em um mercado público? pois nãao sei como acadêmicos, professores e etc da área encaram com tanta distância esse assunto da inflação, digo porque não se encontra uma cédula de 1 Real nas ruas. Só sei que mudaram os critérios do cálculo para azeitar campanhas, mas fico sem entender como profissionais e funcionários do Banco Central e a tal do IPEA (pobre IPEA) se acomoda e cala-se sobre assunto que sempre foi espinhoso para os brasileiros. CADÊ OS HOMENS DO ESTADO BRASILEIRO, SÓ HÁ HOMENS DO GOVERNO???????? Marcelo Caldas - Recife/PE

Vera Scheidemann em 14 de março de 2011

Pois é, Ricardo, quando recebi minha segunda nota de cem reais, comentei com amigos - Isso é um péssimo sinal, sinal de que a inflação está de volta. Seus comentários provam que eu estava (infelizmente) certa. Deus queira que o "monstro" não acorde de vez. Por enquanto, parece, está se espreguiçando. Um abraço ! Vera

VER + COMENTÁRIOS
TWITTER DO SETTI