“Coluna do Estadão”: Mordomia privada

O presidente Fernando Collor ficou irritadíssimo quando soube que o ex-governador do Ceará Tasso Jereissati (PSDB) faz restrições a sua forma de lazer, que inclui programas como o fim do ano em Angra dos Reis no iate do empresário Alcides Diniz:

— Quer dizer que eu não posso estar com meus amigos? Eu não tenho mordomias, moro na minha própria casa e pago do bolso a comida servida em minha mesa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

um × 2 =