“Coluna do Estadão”: Sem novidade

O jornal Folha de S. Paulo, que pretende ter inventado a imprensa antes de Gutemberg, vai anunciar amanhã uma “reforma” que, entre outras inovações, juntará parte do noticiário de economia ao de política num caderno que se chamará “Brasil”.
Aplicados à Folha os critérios que o jornal costuma usar no julgamento de concorrentes, pode-se dizer que se trata de imitação.
No nome, de algo criado pela revista Veja na década de 60. No conteúdo, de uma mudança introduzida no ano passado pelo Jornal do Brasil.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dezoito − 15 =