A presidente Dilma Rousseff, em seu primeiro programa do horário eleitoral, exalta os órgãos de fiscalização do governo justamente quando eles NÃO detectaram a roubalheira que grassa há oito anos na Petrobras — o petrolão, esquema de desvio de dinheiro de concorrências superfaturadas para alimentar o caixa de partidos políticos, começando pelo PT.

Graça Foster, presidente da Petrobras há mais de dois anos, nunca notou nada de estranho por ali?

A diretoria muito bem paga da empresa… a mesma história.

Idem o Conselho de Administração.

O que fez a Auditoria Interna da Petrobras?

E a Ouvidoria da empresa… nada?

E o que fez a Controladoria Geral da União?

E a Agência Brasileira de Inteligência, a Abin, também não sabia de nada?

E o serviço de informações da Política Federal, foi passado pra trás?

E por aí vai.

Lembro também que a famosa “faxina ética” que Dilma afirma ter conduzido em seu primeiro mandato não resultou em nenhuma prisão.

DEIXE UM COMENTÁRIO

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

um × quatro =

TWITTER DO SETTI