O assassinato da vereadora Marielle Franco (PSOL/RJ), que chocou o país, foi o tema central dessa edição do programa “Estúdio Veja”. Participei a convite de Silvio Navarro e Augusto Nunes e, entre outros comentários, disse que a segurança pública nunca foi de fato prioridade dos governos.

Ativista de direitos humanos e crítica da atuação policial nas favelas da cidade, Marielle recebeu quatro tiros na cabeça dentro de seu carro. no centro do Rio de Janeiro, na noite de 14 de março de 2018. O motorista do carro, Anderson Pedro Gomes, também morreu depois de ser baleado, e uma das assessoras de Marielle ficou ferida por estilhaços, mas sobreviveu.

Debatemos, ainda, a efetividade da intervenção federal nas favelas e a corrupção na política e no setor de segurança pública do Rio de Janeiro.

DEIXE UM COMENTÁRIO

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

cinco × cinco =

TWITTER DO SETTI