Comissão da Verdade: enfim consegui concordar com alguma coisa que diz o trapalhão Nelson Jobim

Comissão da Verdade: enfim consegui concordar com alguma coisa que diz o trapalhão Nelson Jobim O ministro da Defesa Nelson Jobim (Foto: Sérgio Dutti AE / Veja)

Não imaginei que fosse logo no começo do governo Dilma elogiar o ministro da Defesa, Nelson Jobim, trapalhão que tantas vezes critiquei.

Mas gostei de sua declaração recente sobre a Comissão da Verdade que o governo pretende criar para esclarecer – sem atropelar a Lei de Anistia – as violações de direitos humanos ocorridas durante a ditadura militar:

— (…) Uma coisa é a recuperação da memória para ensinar o futuro. Outra é a recuperação da memória para se retaliar o passado. Nenhuma glorificação, nenhuma retaliação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

nove − um =

Nenhum comentário

  • gaúcha indignada

    A comissão da verdade deve pesquisar e punir todos os terroristas, assassinos, assaltantes, que atuavam no regime militar e que receberam “anistia”(??), aliás alguns estão no poder…..

    A lei, que menciono no post, cara Gaúcha, fala em apurar o que aconteceu, mas não em punir, porque o Supremo Tribunal considera que a Lei de Anistia, de 1979, é constitucional, está em vigor e impede as punições para os dois lados. Quem foi punido no passado, como a própria presidente Dilma, já foi. Agora, não mais.

  • Marco

    Caro R. Setti: Espero q essa comissão da ” verdade ” esclareça o q dizem sobre a Presidente, se matou, robou e pegou em armas. Me lembro q choque Elétrico antigamente era para tratamento psicológico. Senão tudo vira fantasmagoria até as torturas, tem amigo meu q diz q foi torturado no regime, perguntei a idade dele na època ele disse q nasceu 1963, fiz os cálculos, ele deveria ter entre 7 a 14 anos.
    Abs.
    Pena q não achei no You tube, o debate na TV Com do Laseir com as partes, q foi decido pelo público por não abrir. O mais constrangedor foi a OAB do RS fechar com a do RJ, então pergunto é a opinião da Entidade ou dos advogados ?

    Caro Marco,

    O processo contra a presidente Dilma está hoje acessível a consultas nos arquivos do Superior Tribunal Militar, em Brasília. Não fiz pessoalmente essa consulta, mas sei que não houve acusações de contra ela. E não custa lembrar que ela foi condenada a uma pena de prisão que cumpriu até o último dia.

    Quanto ao debate que você menciona, não estou ao par. Do que se trata? Quem é o Laseir?

    Abração

  • Andre Couto

    Um treco chamado “Comissão da Verdade” só pode ser baseado no “Ministério da Verdade” ou no “Ministério do Amor” de George Orwell.

    Evidentemente que esta comissão tem o intuito de investigar somente um dos lados! Sabemos qual é: o lado do governo militar. Certeza que os terroristas que assaltaram, mataram, sequestraram e que agora tomam conta do governo serão esquecidos por esta comissão.

    Isso é pura propaganda. Pura demagogia e me assusta que vc, Ricardo Setti, não perceba isso.

    Recomendo que leia Reinaldo Azevedo, seu colega aqui na Veja.

    []s
    Andre

  • VERLÂNDIO TRINDADE DE SOUSA

    329/16/10/2000 EXISTE PARA É CUMPRE, CUMPREM, MAS NEM TODO O FAZ MUTATIS MUTANDIS CARPE DIEM SIC ORDE E TAMPOUCO ORDEM.VÁI EM ONZE ANOS QUE QUE 329/16/10/2000 SE CUMPRE, CUMPREM; VAI PARA ONZE ANOS QUE 329/16/10/200 SE CUMPRE, CUMPREM E NÃO ESCREVO CUMPRO, CUMPRES,CUMPRIMOS, CUMPRIS, POIS VERLÂNDIO TRINDADE DE SOUSA É O QUE, TENDO SUJEITO, SÓ SE USA NAS TERCEIRAS PESSOAS, DO SINGULAR E DO PLURAL. 5º. ART. TODOS SÃO IGUAIS PERANTE LEIS, SEM DISTINÇÕES DE QUALQUER NATUREZA, GARANTINDO-SE AOS BRASILEIROS E AOS ESTRANGEIROS RESIDENTES NOS PAÍSES AS INVIOLABILIDADES DOS DIREITOS ÀS VIDAS, ÀS PROPRIEDADES, ÀS LIBERDADES, ÀS SEGURANÇAS, ÀS EQUIDADES, NOS TERMOS SEGUINTES: PERANTE PREPOSIÇÃO ESTE A NÃO HÀ PERANTE PREPOSIÇÃO PERANTE, MAS MAN HAVIDO A. PERANTE TAMPOUCO TEM ACESSÓRIO A ,TAMPOUCO ASSESSÓRIO A, PERANTE A LEI É ERRADO.
    Erária (latim aerarium, -ii)
    s.m. Conjunto dos recursos econômicos e financeiros de uma entidade ou de um Estado, Pátria, Nação, Criador, Onipotente, o Pai é todo-poderosa e orde sim ordem sic. = tesoura, tesoiro ou tesouro ou tesoira é simplesmente adjetivo público, Agnelo Santos Queiroz Filho, Dilma Vana Rouseff presidente da República federativa do Brasil da América do Sul da terceira potência mundial de Pib da maior floresta mundial do maior rio mundial de 8.547.403 km2 …QUEM É, O QUE É O DESORDEIRO DA ORDEM SIM ORDE PÚBLICA, O PERTURBADOR SIM PERTUBADOR DA PERTURBAÇÃO SIM PERTUBAÇÃO PÚBLICA. O DEPUTADO FICA NO PRETÉRITO IMPERFEITO DO INDICATIVO QUANDO O OUTRO DEPUTADO DA FRASE ESTÁ NESSE TEMPO E MODO, OU QUANDO ESTÁ NO PRETÉRITO MAIS-QUE-PERFEITO DO INDICATIVO. QUANDO, PORÉM, SE EMPREGA O PRETÉRITO IMPERFEIO PELO PRETÉRITO PERFEITO, USA-SE HÁ, E NÃO HAVIA.

  • Silvio

    Todo deveríamos ser a favor do total conhecimento dos fatos ocorridos durante a ditadura militar. Ou seja, ter ciência dos atos e da violência praticados por ambos os lados sem discriminação.E mais, deixar claro e transparente as motivações que levaram os dois lados,( forças armadas e terroristas )a empreenderem tais ações e que tipo de país almejam construir no futuro.

  • Pedro Luiz Moreira Lima

    Amigo Setti:
    Um articulista como voce que defende a Democracia e abomina Golpes e Ditaduras,sempre um defensor e intransigentemente defensor da Verdade e da Comissão da Verdade merece o termo AMIGO.A defesa da Historia que voce faz é a mesma que faço ,somos AMIGOS de uma NOBRE CAUSA.
    Um grande abrço
    Pedro Luiz Moreira Lima

    Obrigado e outro abraço para você. Fiquei indignado com a homenagem ao ditador. Quem levantou a lebre foi o colunista Janio de Freitas.

  • Marco

    Caro R. Setti: É um programa apresentado aqui no RS, pelo Lasier Martins na TV COM diariamente, com temas políticos.Com convidados Indepedentes e interessados, e no final com interativa para o público. Setti, sei q isso pode se caracterizar como Crime de Estado, mas como regularizar, ou se ter defesa de Estado contra esses grupos?
    Abs.

    Amigo Marco, não sei responder a você porque não fiquei inteirado do que se passou nesse programa do Lasier Martins. Se você contar, vai ser uma contribuição para o blog e seus leitores, que eu agradeço desde já.

    Abração

  • Marco

    Caro R. Setti: Foi agora no Início de Jan, não me lembro precisamente a data, foram convidados o Dr. Amadeu Weimann um dos maiores criminalista aqui do Sul , não me lembro o nome do Professor universitário da Puc , que defenderam a Anistia de 1979, e por parte da abertura dos arquivos o Diretor de Direitos humanos da OAB e um outro Dr, de Direitos Humanos se não me engano prof da Unisinos. Foi um debate técnico de alto nível com entrevistas nas ruas e opiniões por email e no final com uma interativa por telefone. Venceu pela não abertura e a soberania do STF, mesmo não me lembramdo o nome da organização Mundial, q contestou, apenas isso nada de mais. Me desculpe ter errado o nome do Lasier, já q o Jornalista mais conhecido daqui, acho q vc ou teu irmão devam conhecer o falecido irmão dele Lupi Martins, q trabahou muitos anos na hora do Brasil. Não quis tirar onda do Lasier q ficou conhecido no you tube por causa do choque na festa da Uva de Caxias. Mas como esse debate foi recente acho q vai ser postado no you tube, ou vou ver como conseguir, aí te passo. Estou apenas manifestando a minha opinião de telespectador, te confesso q sou leigo jurídico, para um embasamento melhor do assunto. O q gosto tu sabe é de filosofia.
    Abs.

    Obrigado pelo esclarecimento, meu caro Marco. A abertura dos arquivos da ditadura é uma coisa, a reabertura dos casos judiciais que o Supremo vetou por considerar em vigor e constitucional a Lei de Anistia é outra. Acredito que o pessoal do debate tenha concluído pela não reabertura dos casos judiciais.

    E a organização internacional que se manifestou foi a Corte Interamericana dos Direitos Humanos.

    Você tem toda razão em preferir a filosofia…

    Abração

  • Cristaldo-SP

    Caro Setti,

    Suas intenções são nobres, próprias de pessoas decentes.
    Mas não concordo com essa comissão, porque acabará sendo dominada pelos esquerdistas e servirá com certeza para glorificação de uns e retaliação de outros.
    Pra começar, como e quem comporá essa comissão?
    Quem assegurará que não haverá um desvirtuamento de propósitos? Os petistas?!?!? Eu, hein!?!