Esta reprodução amadora de uma página dupla da revista dobrada não faz jus à beleza do ensaio de Andrea Guerra. Serve, no entanto, para ilustrar bem o que diz o título deste post.

Raramente, em meus cinco anos como diretor de Playboy, publicamos todo um ensaio de capa realizado só em ambientes internos ou em estúdio.

Os trabalhos, mesmo produzidos em locações, em geral procuravam incorporar à beleza feminina também os elementos da natureza — a luz do sol, a cor do mar e da vegetação, rios e cachoeiras quando era o caso, a exuberância de tons de diferentes flores e até de frutas.

DEIXE UM COMENTÁRIO

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

7 − 5 =

TWITTER DO SETTI