Image
Apple: loja “pirata” deixa consumidores revoltados

Amigos, no país que domina absolutamente o mercado mundial da muamba falsificada — a China –, acaba de acontecer algo hilariante.

Consumidores chineses, indignados, descobriram que uma vistosa loja da Apple na cidade de Kumming não tinha qualquer autorização da empresa para existir com o logo famoso da maçã mordida, embora os produtos vendidos fossem autênticos.

Mas há de chegar a hora em que consumidores chineses irão comprar produtos em que confiam — para descobrir que vieram do Paraguai.

Aí talvez, tendo passado pela experiência que milhões de consumidores mundo afora já viveram, tendo enfim provado do próprio veneno, os chineses pressionam, de dentro do país, para que as falsificações com que seus compatriotas inundam o planeta pelo menos diminuam.

Leiam no site de VEJA.

DEIXE UM COMENTÁRIO

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

1 × 4 =

9 Comentários

Ailton em 26 de julho de 2011

O carro top de linha de uma certa marca chinesa, que um famoso apresentador dominical, virou o seu garoto propaganda, que TOP de LINHA custa R$58 mil, não chegam aos pés de Renault Sendero StepWay, ou Citroën AirCross, ou um VW Crossfox, falei dessas marcas por estarem na faixa de preço da marca chinesa, e estarem há anos luz em qualidade, Em relação ao produto do apresentador.

mané brasileiro em 26 de julho de 2011

Setti Quem com ferro fere,com ferro será ferrado!

Ailton em 26 de julho de 2011

Os projetos de PRODUTOS das fabricas, que um dia se transferiram para lá, foram usados pelos próprios Chineses, para fabricar de forma inescrupulosa, os produtos pirateados. PORTANTO, NÃO TEM O QUE RECLAMAR!

Ailton em 26 de julho de 2011

Chineses ´já começam a tirar o sono e o apetite do degustador de pizza, o Signor Luca di Montezemolo. E além do mais, bem feito para a indústria eletrônica,ela foi atraida pela mão de obra barata da china, transferem as suas industrias e entregam todo o projeto que depois seriam cópiados e usados para fabrica inescrupulosamente, produtos piratas idêntico aos delas. EMBRAER foi para lá, a nossa ROCHEDO, PANEX já estão lá, a MUNDIAL foi uma das primeiras, agora reclamam POR COPIAREM as suas panelas e tesouras? ORA POIS!!

Ailton em 26 de julho de 2011

Amigo Ricardo Sett; E na China, alguma coisa tem autorização do dono da marca para existir? Fizeram até FERRARIs idênticas as de Luca di Montezemolo! Como mostrou o FANTÁSTICO da RGlobo em 2009, só que a versão chinesa custava apenas 200mil Reais eram idênticas em tudo a original de R$2,0 milhões, fabricadas em MARANELLO-Itália, o seu presidente Luca di Montezemolo desconfia, que hoje, (por baixo) 25% de todas as 'FERRARIS' que existem no mundo, são de fabricação chinesas e 100% delas, dentro na propria China, são chinesas mesmo. Só não sabems se a qualidade são as mesmas de Maranello. Você tem mesmo dúvidas, caro Ailton? Abraço

Think tank em 25 de julho de 2011

Uma pergunta: E onde acham que os autênticos produtos da Apple são feitos? Nas fabricas da Apple se este não tem fabrica? Não se iludam, o hardware são feitos pelos Taiwaneses, Chineses, ou Coreanos, aqueles que dispuserem a cobrar menos... e os programas (firmware/software) pelos Indianos... Taiwan e Coreia do Sul têm produtos infinitamente superiores aos chineses, caro amigo. Veja, por exemplo, o "calor" que a indústria automobilística da Coreia está dando em americanos, europeus e até japoneses.

Alexandre em 25 de julho de 2011

A desonestidade dos chineses chegou ao cúmulo do ridículo, passar a pernas nos próprios conterrâneos,só pode ser brincadeira.Será que eles copiaram a lei do Gérson daqui do Brasil? Vamos cobrar copyrights desse "povinho".

P Faustini em 25 de julho de 2011

Quem diria , o Paraguay vai nos vingar eheheheh.ARRIBA PARAGUAY

Alexandre em 25 de julho de 2011

Apenas uma palavra: Bem feito.

VER + COMENTÁRIOS
TWITTER DO SETTI