Image
A livraria, no coração de Madri: porta de entrada para novos escritores (Foto: elmundo.es)

Boa ideia para a maior rede de livrarias da Espanha, e uma das maiores da Europa, a Casa del Libro: nesta quarta-feira, 25 de março, em sua filial da Gran Vía, no coração de Madri, qualquer escritor ou projeto de escritor interessado terá, a partir das 19 horas, 4 minutos para defender ao vivo, perante um júri, os motivos pelos quais sua obra deve ser publicada.

O júri de especialistas decidirá, entre os concorrentes, os quatro vencedores, que terão suas obras editadas em e-books por sua afiliada Ediciones Tagus — distribuidora de um leitor de e-books do mesmo nome, algo semelhante ao Kindle da Amazon — e oferecidas à venda pela Casa del Libro na web e em toda a sua rede.

DEIXE UM COMENTÁRIO

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

7 + cinco =

2 Comentários

Luiz Ernesto Wanke em 29 de março de 2014

Sr. Ricardo: como faço para enviar-lhe meu livro "O dia que vimos começar uma guerra" da qual o jornalista é personagem? Será um prazer receber o livro, caro professor. Por gentileza, envie-o em meu nome para a Redação de VEJA Avenida Nações Unidas, 7221, 19º andar CEP 05425-902 São Paulo, SP Muito obrigado!

Flavico em 24 de março de 2014

Ok, só que bons escritores não são necessariamente bons oradores. Imagine o retraído e tímido Drummond de Andrade tentando vender seu peixe diante de uma banca por 4 minutos? Que ideia de jerico!

VER + COMENTÁRIOS
TWITTER DO SETTI