Amigos do blog, a espanhola Maria Pagés — a “dançarina dos braços intermináveis” — e o belga de origem marroquina Sidi Larbi Cherkaoui se uniram para um espetáculo que funde dança contemporânea com o flamenco, que estreou em Cingapura, está rodando o mundo e é belíssimo, Dunas.

A música, de vanguarda com uma levada de “raízes” aqui e ali, é do polonês Szymon Brzóska e do espanhol Rubén Lebaniegos.

A sugestão é da amiga do blog — muito mais do que amiga — Marcia Setti.

DEIXE UM COMENTÁRIO

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

cinco + dezenove =

2 Comentários

cacalo em 19 de agosto de 2011

NEPOTISMO!!! Hahahahaha, grande Cacalo, querido amigo. Obrigado por sua visita e sua brincadeira. Abração

Marcia Setti em 19 de agosto de 2011

Que legal!!!!!!!! Pena que vc não viu o show ao vivo!!!! Beijos Marcia Gostou de estar como "muito mais que amiga" do blog? Beijos mil

VER + COMENTÁRIOS
TWITTER DO SETTI