Essa inacreditável manobra para trazer de volta ao PT o ex-tesoureiro Delúbio Soares, figura central do escândalo do mensalão — de que participam figurões do PT como o ex-ministro José Dirceu — não é assim tão difícil de entender, não.

Delúbio, como se recorda, foi expulso do PT em 2005. Hoje, é um dos 40 réus do processo criminal do mensalão que tramita no Supremo Tribunal Federal e deverá ser julgado este ano.

Ao procurar velhos companheiros e pressioná-los, como tem feito, ele revela que não quer ficar na chuva. Estar no PT é uma forma de abrigar-se. E o ex-tesoureiro nem precisa lembrar, porque todo mundo sabe, que é um arquivo vivo de fatos que podem, ou não, chegar ao conhecimento da Justiça, dependendo de como sopre o vento. Delúbio não quer ficar na chuva, e o PT está numa saia justa porque teme tanto reabrigá-lo — seria um escândalo de grande repercussão — como deixá-lo molhar-se.

O assunto Delúbio poderá ser discutido pelos grão-senhores petistas no começo de fevereiro, já que todos estarão em São Paulo no dia 10 para uma reunião do Diretório Nacional do PT que vai comemorar os 31 anos de fundação do partido e a vitória eleitoral da presidente Dilma Rousseff.

Não sei quando vai ocorrer, mas acho que Delúbio, por ser arquivo ambulante de podres do PT, vai, sim, acabar sendo novamente aceito no partido.

DEIXE UM COMENTÁRIO

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

oito + 14 =

16 Comentários

fpenin em 27 de janeiro de 2011

E você tem dúvidas, caro Setti? Para os "home" ética é apenas uma palavrinha escrita no dicionário, mas sem signicado algum. Palavra por palavra, vale a do chefe, mesmo que agrida aquela que nada expressa: ética.

Marinho em 27 de janeiro de 2011

Onde estão ás "autoridades" deste país de faz-de-conta que não investiga estes ratos?A moral e á ética mudaram deste país faz hora,se é que um dia passaram por aqui.

Telma em 26 de janeiro de 2011

Que horror essa foto!

carlos nascimento em 26 de janeiro de 2011

Delúbio estará de volta em março, já é o dedo cortado do molusco em ação, um recado ao STF, uma desmoralização do País, depois que isso ocorrer, vou sugerir a familia do PC FARIAS que entre com um processo contra todos, exigindo REPARAÇÂO, pois PC Farias em comparação com Delúbio é a mesma coisa que comparar ladrão de galinha com raposas ferozes. Te cuida Joaquim Barbosa, a briga vai ser feia.

Caio Frascino Cassaro em 25 de janeiro de 2011

Prezado Ricardo: Se o companheiro Delúbio não ficar esperto, corre o risco de virar é "Arquivo Morto".

carlos nascimento em 25 de janeiro de 2011

A história irá revelar com o passar do tempo a verdadeira situação do MENSALÃO. Eu, gostaria de ler dos comentaristas, bem como, do jornalista RS,quais as razões que fizeram nossa Sociedade se envolver e detonar o Collor, aplicando o impeachmant e, no caso do Lulla ter passado a mão em sua cabeça, permitindo que o pt transformasse um crime politico em preconceito contra o 9(nove) dedos. Se colocarmos na balança, nossa omissão no caso do Molusco irá custar carissimo, coisa que no impeachmant elevou nossa auto estima e capacidade de conquistas. Dirão que o molusco foi hábil, comprou tudo, até os inimigos.

Aldo Matias Pereira em 25 de janeiro de 2011

Ricardo, Não vejo muito problema para o PT com o imbróglio chamado Delúbio: já existem precedentes anteriores nos casos Celso Daniel, Toninho do PT, vários diretores de sindicatos e, por aí vai! Não é mesmo fácil?

Captain Leo, San Diego, CA, USA em 25 de janeiro de 2011

Um conselho para o Delubio: Contrate guarda-costas e comece a usar um bom colete 'a prova de balas. Celso Daniel foi apagado por muito menos. Leo

Marco em 24 de janeiro de 2011

1- O PT é o lugar certo para a criatura. Claro q em cargo de grande importância. 2- Curisosidade: posso estar enganado, mas creio q ele pediu a desfiliação, não tendo sido expulso. Alguém confirma o ocorrido? Ele foi expulso. Um "grande gesto" do PT para disfarçar o mensalão.

carlos nascimento em 24 de janeiro de 2011

Pronto, ai está um bom exemplo daquilo que tento explicar:" alicerces podres não constrói casas firmes". As sujeiras são escondidas com mentiras, que cada vez mais são necessárias novas mentiras e, sendo assim o discurso fica prejudicado. O rapaz está com sorte,Celso Daniel e PC Farias, infelizmente, não tiveram a mesma sorte, foram DETONADOS. Por enquanto....

Adair Giacomo Baccin em 24 de janeiro de 2011

Hhhhhhhhhhheeeeeeeee. Acho que não volta ???? Eles vão dar um jeito de mantê-lo afastado é só sustentá-lo com as mesmas mordomias (e vão fazer) porque senão ele abre a boca - se der tempo- Rsssssssssss. Não vimos tudo ainda Eta turminha braba.

gaúcha indignada em 24 de janeiro de 2011

Além do Delúbio, como arquivo vivo, tem o Genuíno(hoje "assessor" de ministro), o Zé Dirceu, o Palloci(hoje ministro), etc...., e como arquivo MORTO tem o Celso Daniel (que Deus o tenha). Até quando suportaremos?????

Bruno em 24 de janeiro de 2011

É bom ele ter cuidado para náo virar arquivo morto. Essa turma náo brinca em serviço.

Roberto P Pedroso.com.br em 24 de janeiro de 2011

Caro Ricardo, se eu estiver sendo chato é só falar que eu paro com meus questionamentos e sugetões> - Fico imaginando o que aconteceria caso eu em um programa de televisão declarasse ter presenciado diversos comportamentos desonestos sem ter denunciado os mesmos. Veja abaixo parte do programa Roda Viva da TV Cultura onde Alberto Goldman na época exercendo mandato de governador do estado de São Paulo (dezembro/2010)São só 3 minutos eu editei. Minha duvida é a seguinte: tendo conhecimento dos ilícitos e seus praticantes, não tendo o Sr Alberto Goldman denunciado os fatos dentro dos parâmetros da legalidade significa que ele se omitiu. Tendo ele se omitido frente a fatos graves não o faz conivente e então, cúmplice? Obrigado pelo vídeo, caro Roberto. Eu havia assistido à entrevista do ex-governador Goldman ao "Roda-Viva". Na verdade, o fato de ele ter visto e sentido no ar a bandalheira em curso no Congresso não significa que ele tivesse qualquer prova concreta. Ele sabia que era verdade, mas não havia prova material a apresentar a quem fosse -- à Polícia Federal, ao Ministério Público, à Corregedoria da própria Câmara. Homem de bem, com boa folha corrida na política, se tivesse Goldman certamente não seria omisso. Eu mesmo, e Deus sabe disso, tive e ainda tenho conhecimento de barbaridades incríveis de homens públicos, um ou outro já falecidos, que não posso comentar por não ter provas. Em não tendo, quem acaba por ser processado não é o criminoso, mas quem o acusa. Abração http://www.youtube.com/watch?v=2bnfo47vWyY&feature=player_embedded

Anônimo em 24 de janeiro de 2011

Ricardo Eis o tema Delúbio: PT Estou aqui de regresso E ameaçando te peço A minha nova inclusão Voltei pra rever os amigos que um dia Me fizeram chorar de alegria E me acompanham no mensalão Vai voltar O Delúbio que partiu tristemente Por que razão quer voltar? Acontece que amigos Não abandonam companherios de fé Vá rever os seus riscos, mentiras e cascatas Vá sonhar em novas campanhas E abraçar seus amigos legais Venha prá cá Pois nos resta um consolo e alegria de Saber que depois do PT é de dinheiro que você gosta mais Ótimo, morri de rir! Abraços

Daniela Contin Garcia em 24 de janeiro de 2011

Ricardo, uma hora ou outra a cobrança vem, seja da maneira que for, de qualquer lado... o mal com mal se paga. Pode ser um pensamento errado da minha parte, mas penso que Delúbio corre um certo perigo em confrontar-se com membros deste partido, mesmo que ele tenha a faca e o queijo na mão, não podemos esquecer do caso Celso Daniel, e sendo Delúbio um arquivo dos podres do PT, seria fácil a queima deste arquivo, sei lá, eu penso assim, se bem que não seria uma perda tão grande para a humanidade...

VER + COMENTÁRIOS
TWITTER DO SETTI