Image
Demóstenes: “Se pedimos a derrocada de Arruda, não seremos lenientes com a continuidade das barbaridades no DF” (Foto: Agência Senado)

O partido Democratas (DEM) deverá apresentar, na próxima semana, pedido de impeachment contra o governador do Distrito Federal, Agnelo Queiroz (PT). Sua fundamentação está em recentes denúncias de desvios em convênios mantidos pelo Ministério do Esporte, dirigidas não apenas ao ex-ministro Orlando Silva, mas também à gestão de Agnelo na pasta. A informação foi dada pelo líder do partido no Senado, Demóstenes Torres (GO), em pronunciamento nesta sexta-feira (4).

– O Democratas não vai ficar parado. Se pedimos a derrocada do único governador eleito pelo PFL em 2006 (José Roberto Arruda), não seremos lenientes com a continuidade das barbaridades no Distrito Federal – afirmou o senador Demóstenes Torres (DEM-GO) em Plenário, nesta sexta-feira (4).

Na ocasião, Demóstenes citou reportagem (…) que aponta a Federação Brasileira de Kung-Fu (Febrak), administrada pelo ex-policial militar João Dias, como “a ONG pioneira nos trambiques, ainda em 2005 (Agnelo estava no ministério)”. João Dias foi autor da denúncia à revista VEJA sobre irregularidades em convênios do programa Segundo Tempo, que culminou com a saída de Orlando Silva.

Demóstenes comentou que o próprio Agnelo já teria admitido cultivar uma “relação muito boa” com João Dias. Embora o atual governador do Distrito Federal classifique as acusações como “falsas, irresponsáveis e criminosas”, o senador por Goiás acredita que o fórum ideal para esclarecer sua veracidade é uma comissão parlamentar de inquérito (CPI).

O obstáculo à abertura de uma investigação desse tipo, segundo argumentou, é o fato de Agnelo contar com o apoio de 22 dos 24 deputados distritais. Se a Câmara Legislativa do Distrito Federal não agir nessa direção, Demóstenes acredita que só resta a missão ser assumida pelo Ministério Público ou pelo Poder Judiciário.

Leia mais detalhes sobre o caso no site de VEJA.

DEIXE UM COMENTÁRIO

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

19 − 4 =

9 Comentários

Carlos Reis - USA em 08 de novembro de 2011

APOIAMOS E APLAUDIMOS. Antes tarde que nunca. Good job Senator, Thank you.

Carlos Reis - USA em 08 de novembro de 2011

Ainda que tenha esperado o fim do primeiro tempo e o intervalo, nos

JEOVAH SANTOS em 06 de novembro de 2011

EU SO QUERIA SER PRESIDENTE DO BRASIL POR UM ANO, MAS COM TODO PODER DE UM VERDADEIRO LIDER SEM SER ROBOT ! PRA ACABAR COM ESSA RATAZANA NOGENTA QUE NUNCA DEIXA DE ROER O QUE NAO E DELES! ISSO JA E DEMAIS ! A GENTE NAO VER UMA NOTICIA QUE NOS HONRE, SO ROUBOS E CORRUPÇOES, MAS TAMBEM NINGUEM VAI PRESO ! E UM PAIS CHEIO DE LEIS FEITAS PELOS PROPRIOS LALAUS, E A JUSTIÇA AINDA OBEDECEM SUAS LEIS ! E MUITO ESQUISITO! SEI QUE NO TEMPO DA DITADURA, ERA RUIM PRA QUEM E BANDIDO,LADRAO E CRIMINOSOS, O NEGOCIO ERA SERIO !O NEGOCIO ERA TAO SERIO QUE DEPRESSA DERAM UM JEITO NO PRESIDENTE, MATANDO-O E COM UMA BOA ENCENAÇAO DE QUE ELE SE SUICIDARA. EITA BRASIL CHEIO DE RATOS DE ESGOSTOS! FALTA RATICIDA E MUITA !

*Mari Labbate* EMAS44 em 05 de novembro de 2011

QUE BOA IDEIA! Viva o Senador Demóstenes Torres! É um abençoado!

Reynaldo-BH em 04 de novembro de 2011

Recordar é viver. Mensalão do DEM no DF. O famigerado Arruda pego com provas evidentes. Passeatas de petistas enfurecidos. Estudantes da UNEA. Exigência de renúncia imediata. Protestos por toda BSB. E nós apoiamos a imediata prisão do bandido! Como todo e qualquer brasileiro com vergonha na cara deveria apoiar. O DEM - em que pese minhas divergências profundas com este partido que ainda carrega nos genes o adesismo a tudo! (Aliás, até ao PT! Kátia Abreu não me deixa sem exemplo.) - agiu de modo correto: expulsou o trombadinha. Pergunta: onde estão os indignados de então? Onde estão as passeatas contra o "aluno", já que Agnelo se referia ao bandido (apud Orlando Silva) como "mestre"? Onde os protestos indignados exigindo a renúncia deste indecente que está mais que envolvido: envolveu a todos, como líder do bando? Por que o PT não expulsa sumariamente Agnelo como exigiu - e foi atendido! - que se fizesse com o Arruda? Enfim, onde está a VERGONHA NA CARA destes ícones da (in)decência? Recordar é mesmo viver... Abraços. PS: Um raio caiu sim duas vezes no mesmo lugar. O que muda é a árvore (ou cara-de-pau) atingida.

Ana em 04 de novembro de 2011

Esse senador Demóstenes Torres devia ser o candidato da oposição à presidência da república. Ele é muito respeitado no centro-oeste e também em MG. Aécio é muito paz e amor!

Ismael em 04 de novembro de 2011

Como estamos no país do faz-de-conta, Agnelo já tem pronta uma desculpa a là Jaqueline Roriz: "As falcatruas foram cometidas antes de me eleger governador".

Marcia Freitas em 04 de novembro de 2011

Ricardo,um leitor da coluna do Reinaldo Azevedo escreve que vai lançar uma campanha para novo lema da bandeira que será:"Ordem no Congresso".É o que o povo quer e o país precisa.O sen. Demostenes,tem que continuar sua luta e dasmascarar o governador de Brasilia que em nada diferencia do antecessor que foi cassado por corrupção.Só que sendo do pt ou do pcb, da base aliado do governo,fica tudo por isso mesmo.cadê as oposiçôes?só o Demostenes?

Natal em 04 de novembro de 2011

Se metade da "oposição" tivesse a postura deste senador, o país não assistiria "bestializado" como diria José Murilo de Carvalho, a tanta roubalheira e cinismo. Petistas e seus asseclas armaram o maior rebu quando Arruda foi flagrado cometendo crime semelhante; o DEM foi exemplar ao expulsar seu único governador. Já o PT, todos sabemos: esconde o mal feito, protege o ladrão e ataca quem pede punição. Dois crimes iguais com tratamentos diferentes se justifica para eles, pois esquerdista roubando é apenas "confisco" da burguesia!

VER + COMENTÁRIOS
TWITTER DO SETTI