Deus é pai: fracassa projeto de Collor para eleger o prefeito de Maceió como ponto de apoio a sua pretendida reeleição como senador

Collor com Lessa (acenando): projeto naufragado (Foto divulgada pela campanha eleitoral de Ronaldo Lessa, do PDT)

A eleição parece decidida em Maceió e o candidato que o atual senador Fernando Collor (PTB-AL) apoiou durante a campanha como parte de seus esforços para se reeleger em 2014, impugnado pela Justiça Eleitoral, foi substituído às pressas por um nome obscuro sem chances.

Por especifidades da política brasileira, o candidato com que o ex-presidente que renunciou por corrupção contava é o ex-prefeito de Maceió (1993-1996) e ex-governador Ronaldo Lessa (1999-2006), que foi do PSB e depois bandeou-se para o PDT — e contra quem Collor fez em 2002 uma campanha indecente e pessoal, na qual colocava em dúvida a masculinidade do adversário.

Neste ano, Lessa aliou-se ao antigo rival difamador mas não chegou lá.

Para azedar mais as coisas para Collor, deve vencer no primeiro turno o tucano Rui Palmeira.

Como sou daqueles que considera que o que é ruim para Collor, politicamente, é bom para o Brasil, não tenho dúvidas em comemorar o naufrágio de Ronaldo Lessa.

Leia no site de VEJA.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Nenhum comentário

  • alberto santo andre

    faço minha suas palavras, apenas acrescentando que ,o que e ruim para o pt e seus cumplices, sempre vem a favor de um brasil livre e mais democratico.

  • Teresinha

    Era estranho o alagoano votar em Collor, mas com aqueles arroubos e esbugalhando os olhos na sua missão de atacar a Veja naquela CPI que eles não querem investigar aliados do PT, Alagoas perdeu o medo diante de tanta vergonha que o Collor dá.

  • Tuco

    .

    Vamos combinar: dá pra ser pior
    do que o Collor?
    Esse Lessa quer fazer história!
    Esse deve lamber latrinas!


    .

  • carlos nascimento

    O povo alagoano vai definir o futuro dessas biografias, acho que já estão devidamente vacinados.

  • Zaratrusta

    É um festival! Gamba cheira a gamba, não dizem?
    O impressionante em todos os aspectos da política de uma forma geral, é que ultimamente, são exatamente os indivíduos menos honrados que assumem a representação do povo.

  • Noelia Alves Pessoa

    Mas que é isso…deixa o rapaz…!
    Collor não foi julgado e inocentado pelo Supremo, do qual fazia parte na época o Celso de Melo, se não me engano?
    Se o Supremo julga e condena, não importa se de forma ortodoxa ou heterodoxa, está ótimo. Mas se o Supremo julga e inocenta não vale?
    Ou se acredita na capacidade do Supremo ou não se acredita.A não ser que se aceite, que o Supremo tbém pode errar, a depender das circunstâncias…
    Esclareço que jamais votei e jamais votaria em Collor. Mas muita gente boa, esclarecida, inteligente, rica, de nivel superior votou.
    Inocentado pelo Supremo…..pois é…!

  • João

    Fernando Collor de Melo, não é só um ex-presidente; ele é também um monstro da política brasileira que infelizmente é adorado por ignorantes e corruptos…

  • João

    A culpa desse canalha ser hj um Senador foi justamente o Povo alagoanos, que apoiou esse ladrão e fez dele um Senador. A Justiça Eleitoral, também tem culpa, poquê, o lugar dele era na Cadeia e não Senado brasileiro. Que vergonha que tenho de ser brasileiro!!!!

  • João

    Em qual quer, País civilizado do mundo, esse canalha, Collor, teria sido no mínimo julgado à prisão perpétua…

  • Ailton

    Povo alagoano tem que no minimo olhar para sua propria realidade, olhar as condições em se encontra as suas Alagoas com a era Collor. Collor destruiu o estado, Alagoas um estado pobre e Collor, simplesmente dá uma anistia de U$3.0bilhões(R$6.0bi) para as dividas dos usineiros de açuçar, com o estado das Alagoas, todos os usineiros beneficiados são amigos intimos ou um familiar do Collor.