A presidente-candidata Dilma Rousseff (PT) votou neste domingo às 8h45 na Escola Estadual Santos Dumont, na Zona Sul de Porto Alegre.

Pouco antes, fez um balanço da campanha eleitoral – e disse que a corrida teve momentos “lamentáveis”. Ainda assim, a presidente acredita que houve oportunidade para o “debate sadio”.

Depois de fazer campanha na ofensiva e ultrapassar limites em ataques a adversários, a presidente afirmou: “Foi uma campanha diferente. Tivemos uma morte [a do candidato do PSB, Eduardo Campos, num acidente com o jatinho em que viajava e que caiu em Santos (SP)], reviravoltas. Teve momentos em que o nível não foi muito alto, mas eu não diria que o baixo nível prevaleceu. Eu acho que teve momentos lamentáveis. Eu acredito que isso foi rejeitado pela população. Acho que a campanha teve oportunidades de confrontar opiniões e fazer um debate sadio”.

Dilma também convocou a população a comparecer às urnas. “É nesse exercício do voto que as pessoas podem externar suas opiniões.”

Ao votar, Dilma estava acompanhada do governador gaúcho Tarso Genro (PT), que tenta a reeleição e vota na mesma seção eleitoral, a candidata a vice de Tarso, Abgail Pereira (PCdoB), e o candidato derrotado ao Senado, Olívio Dutra (PT). Ao todo, passou 15 minutos na escola. À saída, foi saudada por eleitores petistas que agitaram bandeiras.

A presidente viajou para a capital gaúcha no sábado, onde participou do seu último evento de campanha: uma  caminhada e carreata pelo centro de Porto Alegre de que participaram 8 mil pessoas, segundo a Brigada Militar (PM gaúcha).

Pouco antes, falou à imprensa e disse que sua candidatura foi alvo de um “processo golpístico”, aparentemente  querendo desqualificar informações publicadas pela VEJA em sua mais recente edição. Na reportagem de capa, a revista revelou que o doleiro Alberto Youssef, um dos pivôs de um megaesquema de lavagem de dinheiro e pagamento de propinas a políticos e partidos desvendado pela Operação Lava Jato, afirmou, em delação premiada à Polícia Federal, que Dilma e Lula tinham conhecimento do assalto aos cofres da Petrobras.

DEIXE UM COMENTÁRIO

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

seis − dois =

16 Comentários

soninha em 26 de outubro de 2014

Lamentável, da parte dela, debate sadio quem nos proporcionou foi Aécio.

analu em 26 de outubro de 2014

Dilma acha que o "baixo nível" não prevaleceu. Digam-me o que entende de "baixo nível" uma discípula de lula (com minúscula mesmo). Parabéns ao RS pela sabedoria, e pelo discernimento. Qua a Dilma tenha o mesmo destino de Tarso Genro! E que partam juntos para CUBA!

Bruno Sampaio em 26 de outubro de 2014

Primeira boa notícia: o (impublicável) do tarso genro rodou. Menos um para ajudar a levar o país ao abismo e acoitar terroristas condenados fora do país. Aguardo ansiosamente a outra boa notícia...

osvaldo cesar bataglia em 26 de outubro de 2014

Lamentável foi o nível da campanha desse partido que está no poder.

DIZ em 26 de outubro de 2014

Dilma é gaúcha por "auto-adoção".

Cida em 26 de outubro de 2014

Vai pra Cuba Dilma. Lá tem emprego pra voCê. Faxineira do Fidel Castro. kkkkkkkk

Daniel em 26 de outubro de 2014

Esse povo do PT vive em um universo paralelo... não é possível que ELA ache que houve momentos lamentáveis na campanha... só se ela estiver se referindo a ser pega no flagra mentindo, ou às verdades que o Aécio falou sobre ela...

Gi em 26 de outubro de 2014

Eu concordo presidenta-candidata! Esta campanha politica teve episodios realmente lamentaveis.Na minha opiniao, eles foram invariavelmente protaganizados pela senhora, o demonio dos nove dedos,Joao Goebbels Sacana, seu partido e seus militantes alem de todas as linhas auxiliares do seu projeto bolivariano de poder. Ah, e antes que me esqueca, o que dizer do TSE? O que fez diante de tantos crimes eleitorais cometidos "em plena luz do dia"? Nada. E durante o desenrolar do segundo turno alterou as regras do jogo para "prevenir baixarias"...Hummm. Entao tah! O Brasil decente viu claramente de que lado partiam as injurias, calunias, terrorismo eleitoral e o festival nacional de crimes eleitorais. Um verdadeiro "Halloween tupiniquim"! E, last but not least, censuraram a revista Veja por ter publicado material incoveniente. Nao vivi os anos de chumbo, mas li a respeito. Confesso que tenho me arrepiado ao constatar certas semelhancas com o que ocorre no seu governo. Desejo tudo de bom para a senhora, mas desejo mais ardentemente o que eh melhor para a democracia do Brasil :que a senhora perca !

Mario Sergio em 26 de outubro de 2014

Quanto custou para os contribuintes esse voto em porto alegre?

RICARDO em 26 de outubro de 2014

HOOOOOOOOOOOOOOOOO cara e eu perdi este debate. Onde foi, no canal BR. ou na Tveza? PRESIDENTE E VICE SADIOS 45 JÁ VOTEI

Luis em 26 de outubro de 2014

se fosse mineira, tava na broa de milho e pão de queijo, barbaridade, desejo uma longa permanência nos pampas tchê !

Verota em 26 de outubro de 2014

Chimarrão com a mão esquerda???????

Sergio Braga em 26 de outubro de 2014

Em política, a gauchada só faz *****. Votar no PT depois de tantos escândalos é gostar *** *** ***

Berta Reel em 26 de outubro de 2014

O PT vai atribuir a elite, esquecendo que a classe média também faz viagem com esforço próprio. E não é ESTARRECEDOR DILMA! Eleitores com interesse na eleição, no exterior, olha o AÉCIO dando SHOW! Na Grécia: Aécio – 268 votos / Dilma – 71 e em Israel: Aécio 187 votos / Dilma: 16. Vai precisar de PRONATEC Dilma!

tutti em 26 de outubro de 2014

Lamentável é ter ela como candidata.

KKKKKKKKKKKKKKKKKK em 26 de outubro de 2014

- a ÚNICAPROPSOTA QUEOUVI DEL, FOI o PTONATEC JOVEM, memso assim, na propaganda um, dois antes do segundo turno ... - -

VER + COMENTÁRIOS
TWITTER DO SETTI