Image
O dissidente Guillermo Fariñas na frente de sua casa, na cidade de Santa Clara, após receber o prêmio do Parlamento Europeu (Adalberto Roque/AFP)

O dissidente cubano Guillermo Fariñas disse que o Prêmio Sakharov 2010 de Liberdade de Pensamento, com o qual foi agraciado ontem pelo Parlamento Europeu, é um um reconhecimento internacional à causa dos presos políticos da ilha.

Muito corretamente, Fariñas, que já realizou 23 greves de fome em protesto contra a tirania do governo, acusa o regime cubano de “assassinato” e condena a atitude do presidente Lula — que, como se recorda, ao visitar Cuba logo após a morte de Zapata, num dos momentos mais infelizes de sua gestão, comparou os dissidente aos criminosos comuns trancafiados nas cadeias brasileiras.

“Luiz Inácio Lula da Silva será lembrado na história cubana como cúmplice da ditadura sanguinária de Raúl e Fidel Castro”, disse Fariñas ao site de VEJA de sua modesta casinha, caindo aos pedaços, na cidade de Santa Clara, na região central de Cuba, a 280 quilômetros de Havana. “Com este prêmio em mãos, eu diria a Lula o seguinte: ‘Ao deixar o poder, trate de se retificar’. Ele não está sendo capaz de fazê-lo enquanto ainda é presidente do Brasil”.

Andrei Sakharov, que da nome ao prêmio, foi um dos maiores físicos russos e um dos mais corajosos e destacados dissidentes do regime comunista da antiga União Soviética.

Leia aqui a entrevista concedida por Fariñas.

DEIXE UM COMENTÁRIO

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

1 + 18 =

15 Comentários

wilson em 24 de outubro de 2010

O que deve tirar o sono de Fidel é que enquanto leva horas e horas para catequizar os Cubanos no seu ilusionismo idiota os Intelectuais e Militantes do PT/PSOL/pcb ao soar um hahã do Fidel já dizem sim amo, pois de quatro já estão.

José Américo C Medeiros em 24 de outubro de 2010

Aí mora um dos perigos da continuidade do governo à la Lula. O alinhamento incrível, desnecessário, inquietante, absurdo, com ditadores sanguinários.

Roberto em 24 de outubro de 2010

MEU DEUS, ONDE ESTAO OS MARQUTEIROS DO PSDB QUE NAO DIVULGAM ESSES FATOS???? RAUL, FIDEL, HUGO CHAVES, EVO MORALES, E LULA.....TUDO IGUAL.....

Siará Grande em 24 de outubro de 2010

Ainda bem que os países civilizados não deram as costas para os democratas cubanos. Parabens pra o Parlamento Europeu. Parabens pra o Guillermo Fariñas.

Uehara Eduardo Katsuzo Uehara em 24 de outubro de 2010

O governo lula colocaram um cabresto na populaçaõ mais pobre do país ,aqueles que nao tem condiçaõ de compra ,revista e jornais e outro tipo de infornaçao euma pena a cesura esta ai!

Cris Mizon em 23 de outubro de 2010

oi Ricardo E o pior de tudo e que quando a gente tenta mostrar essas verdades para os petralhas, eles nao acreditam. Comecam (cedilha) a dizer que a fonte nao e (acento) confiavel (acento) e etc e tal. Eita, povo mais dificil de entender a verdade. (Aqui vou eu e meu teclado sem acentos. Fico louquinha!) Um abraco

Lílian em 23 de outubro de 2010

Eu fico indignada com essa situação! Mais indignada ainda com o PSDB, não divulgar estes "fatos" em horário eleitoral! Eu faço parte dos 4% que não aprovam o governo desse JU*3@TO. Pronto Falei!

ricardo carvalho em 23 de outubro de 2010

E o Lula ! Podia dormir sem levar um soco nos cornos. E muito bem dado.

Marcus(MG) em 23 de outubro de 2010

Olha tudo bem que ele tenha apenas este recurso contra um regime ditatorial, mas é inócuo visto que o próprio Lula quando esteve na ilha debochou de um preso político que fazia greve de fome e que tinha morrido.Isso é para mim suicidio,na verdade o governo cubano acha é bom.As pressões devem ser econômicas dos governos externos, o problema é que se fecha a porta aí vem um outro governo conivente como o Brasil e Venezuela e abrem as janelas.No caso de Cuba é só ivandindo como fez o próprio FIDEL e refundando.

Carla em 22 de outubro de 2010

Ricardo. E o cubano tem razão, falou a mais pura verdade!!! Graças a Deus que ele cita o Lulla¹³ nominalmente e não coloca, a nós, povo brasileiro nesse lixo que é a ditadura cubana! Beijocas Carla

Maria B. em 22 de outubro de 2010

Olha, Setti Eu acho que todo brasileiro deveria ganhar uma bolsa-turismo para Cuba, com direito a viver durante um mês como hóspede de um típico ilhéu. O paraíso não pode ser negado por Lula aos brasileiros que lhe dão 80% de popularidade.Os brasileiros poderiam partir de balsa e serem recepcionados pela polícia ao estilo cubano, como fazem com aqueles que tentam sair de Cuba, injustificadamente, é claro.Tenho absoluta certeza de que ao retornarem glorificarão Lula.

luis eugenio em 22 de outubro de 2010

É isso que nos espera? Presidente (sic) do Brasil diz que em Cuba não existem presos de consciência? Será que elle é cego? ou no minímo louco, por que eles não se mudam para lá?É porque querem usufruir das benesses que proporcionam os Países com baixo nível educacional,ou seja, POVO analfabeto analfabeto funcional é mais fácil de serem massa de manobra.

Isabel em 22 de outubro de 2010

Fariñas será lembrado na história como um dos pilares da reconstrução cubana. Lula não será lembrado na história brasileira: será nossa vergonha escondida.

Marco em 22 de outubro de 2010

Caro R. Setti : Eu tenho uma tese q quem mais despreza o ser humano são os Socialistas, a turma do mal estar, me lembro logo no 1 mandato do Lula, uma das coisas mais desprezíveis q vi em relação a um rapaz moreno q tinha sete filhos ele ficou acampado na frente do Palácio do Planalto. Pedindo para ver Lula, insistiu 3 dias, nínguem deu bola. No terceiro dia ele em forma de protesto ateou fogo no próprio corpo. Saiu na època no JN, não sei se tem no You Tube, chamaram de louco. Mas para mim foi um desilusão com o seu ídolo. Aí eu vi q o Lula não tem o menor respeito Humano. Abs.

Markito-Pi em 22 de outubro de 2010

Fariñas elevou Lula a um patamar imerecido: de cúmplice. Não é. É um mero capacho.

VER + COMENTÁRIOS
TWITTER DO SETTI