Amigos, elas fazem um belo trabalho: a israelense Noa (Achinoam Nini), a morena neta de judeus do Iêmen que emigraram nos anos 20 para Israel, e Mira Awad, palestina nascida em Israel, a loura de olhos claros que vocês verão neste vídeo, há anos se apresentam juntas, cantando pela paz entre os dois povos.

Elas cantam em inglês, hebraico e árabe, como neste concerto em Roma.

DEIXE UM COMENTÁRIO

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

19 − 12 =

4 Comentários

patricia m. em 15 de junho de 2011

Esqueceu de dizer que a Mira Awad eh arabe cristã... Ah certo, cristã. Palavra chave.] Como é que você sabe se eu esqueci ou optei por não registrar essa informação?

Jeremias-no-deserto em 14 de junho de 2011

Shalom, como diz a canção, significa paz e isso e´o que querem a maioria dos israelenses e dos palestinos.A paz só não interessa às ditaduras e teocracias árabes inconfomadas com a uma nação laica, democratica e poderosa como Isarel na região.E outra coisa: só ignorantes racistas é que construíram um estereótipo falso do judeu: estive visitando Israel e vi soldados negros, louros,pardos, mulheres com feições árabes, europeias,etc. Essas duas cantoras são a demonstração que pode haver a paz entre os povos em Israel. Basta Síria, o Irã, o Hamas e o Hisbollah concordarem em abrir mão de suas lucrativas bandeiras.

Esron Vieira em 14 de junho de 2011

Se deixarem de pensar que judaismo é raça e que Palestino é terrorista, a paz chegará rapidinho entre os povos. O ranço dos velhos líderes dos dois lados, que contamina os povos que querem viver livres e trabalhando.

Carlos Alberto Boff em 14 de junho de 2011

Grandes & Belas no significado completa da palavra.

VER + COMENTÁRIOS
TWITTER DO SETTI