ESTADOS UNIDOS: fotos surreais da devastação do furacão Sandy

Uma onda gigante junto à beira do lago de Chicago ameaça engolir um fotógrafo (Foto: Brian Jackson / Chicago Sun-Times )

Uma onda gigante junto à beira do lago de Chicago ameaça engolir um fotógrafo (Foto: Brian Jackson / Chicago Sun-Times )

O furacão Sandy, que passou pelo nordeste dos Estados Unidos na semana passada, deixou, como vocês sabem, um rastro de destruição — pelo menos 65 mortos, inundações, incêndios, milhares de casas destruídas, estradas interditadas e milhões de pessoas sem energia elétrica.

Eis algumas fotos especialmente dramáticas dos efeitos do furacão.

Rastros da invasão do mar sobre o Pier Jeanette em Nags Head, Carolina do Norte, domingo, 28 de outubro, causada pelo vento e pela chuva forte do furacão na área. Governadores da Carolina do Norte, onde as chuvas constantes foram açoitados por rajadas de vento na noite de sábado, em Connecticut declararam estado de emergência. Delaware ordenou a evacuação obrigatória para as comunidades   costeiras por oito horas de domingo. (Foto: Gerry Broome / AP Photo)

Rastros da invasão do mar sobre o Pier Jeanette em Nags Head, Carolina do Norte, domingo, 28 de outubro, causada pelo vento e pela chuva forte. Governadores da Carolina do Norte e de Connecticut declararam estado de emergência. Delaware ordenou a evacuação obrigatória para as comunidades costeiras durante oito horas no domingo (Foto: Gerry Broome / AP)

Nesta foto fornecida pela Guarda Costeira dos EUA mostra o HMS Bounty, um veleiro de 180 pés, submerso no Oceano Atlântico durante o furacão Sandy, a cerca de 90 km ao sudeste de Cape Hatteras, Carolina do Norte, segunda - feira 29 de outubro. A Guarda Costeira resgatou 14 dos 16 membros da tripulação com a ajuda de helicóptero. Horas depois, equipes de resgate encontraram um dos membros da tripulação desaparecidos, mas ele não respondeu. Eles ainda estão procurando o capitão. (Foto: Guarda Costeira dos EUA, suboficial 2 ª Classe Tim Kuklewski / AP Photo)

O “HMS Bounty”, um veleiro de 180 pés, submergiu no Atlântico durante a passagem do Sandy, 90 km ao sudeste de Cape Hatteras, Carolina do Norte, na segunda-feira, 29 de outubro. Dos 16 tripulantes, o capitão continua desaparecido (Foto: Guarda Costeira dos EUA, suboficial 2 ª Classe Tim Kuklewski / AP)

Águas do furacão Sandy inundam a Beach Avenue em Cape May, Nova Jersey, em 29 de outubro (Foto: Mark Wilson / Getty Images)

A fúria das águas inunda a Beach Avenue em Cape May, Nova Jersey, em 29 de outubro (Foto: Mark Wilson / Getty Images)

A estrada Route 30, uma das três principais vias para Atlantic City, New Jersey, é coberta com água da baía Absecon durante a aproximação do furacão Sandy, em 29 de outubro  (Foto: Tom Mihalek / Reuters)

A Rodovia 30, uma das três principais vias para Atlantic City, Nova Jersey, é coberta com água da baía Absecon durante a aproximação do Sandy, em 29 de outubro (Foto: Tom Mihalek / Reuters)

Um caminhão sendo levado pela força da água em uma estrada em Southampton, Nova York, em 29 de outubro (Foto: Lucas Jackson / Reuters)

Uma picape sendo levada pela força da água em uma estrada em Southampton, Nova York, em 29 de outubro (Foto: Lucas Jackson / Reuters)

Veículos submersos na Rua 14, perto da usina de energia Consolidated Edison, segunda-feira, outubro 29, em Nova York. (Foto: John Minchillo / AP Photo)

Veículos submersos na Rua 14, perto da usina de energia Consolidated Edison, segunda-feira, outubro 29, em Nova York. (Foto: John Minchillo / AP Photo)

Ruas inundadas sob a ponte de Manhattan na seção Dumbo de Brooklyn, NY, segunda - feira, 29 outubro (Foto: Bebeto Matthews / AP)

Ruas inundadas sob a ponte de Manhattan na seção Dumbo do Brooklyn, Nova York, segunda – feira, 29 outubro (Foto: Bebeto Matthews / AP)

Água corre para o túnel Carey (antigo túnel Brooklyn Battery), no distrito financeiro de Nova York, em 29 de outubro (Foto: Andrew Burton / Getty Images)

Água corre para o túnel Carey (antigo túnel Brooklyn Battery), no distrito financeiro de Nova York, em 29 de outubro (Foto: Andrew Burton / Getty Images)

A água do mar derruba o canteiro de obras do Marco Zero, em Nova York, em 29 de outubro (Foto: John Minchillo / AP)

A água do mar provoca estragos no canteiro de obras do Marco Zero, em Nova York, em 29 de outubro (Foto: John Minchillo / AP)

Um estacionamento de táxis amarelos é inundada como resultado de supertempestade Sandy na terça-feira, outubro 30, em Hoboken, Nova Jersey (Foto: Charles Sykes / AP)

Um estacionamento dos típicos táxis amarelos é inundada como resultado da supertempestade na terça-feira, outubro 30, em Hoboken, Nova Jersey (Foto: Charles Sykes / AP)

Carros flutuando em uma entrada de garagem inundada, em 30 de outubro, no distrito financeiro de   Nova York (Foto: Andrew Burton / Getty Images)

Carros flutuando em uma entrada de garagem inundada, em 30 de outubro, no distrito financeiro de Nova York (Foto: Andrew Burton / Getty Images)

Casa parcialmente em pé, destruída pelo furação em sua passagem por Nova Jersey

Casa parcialmente em pé, destruída pelo furação em sua passagem por Nova Jersey

Ondas varrem uma montanha-russa de um parque de diversões localizado na costa do Oceano Atlântico, em Nova Jersey, na quarta-feira 31 de outubro (Foto: Mike Groll / AP)

Ondas varrem uma montanha-russa de um parque de diversões localizado na costa de Nova Jersey, na quarta-feira, 31 de outubro (Foto: Mike Groll / AP)

Esta foto aérea mostra os danos em um parque de diversões, causados pela passagem da supertempestade Sandy na quarta-feira, outubro 31, em Seaside Heights, Nova Jersey (Foto: Mike Groll / AP)

Esta foto aérea mostra os danos em um parque de diversões, causados pela passagem da supertempestade na quarta-feira, 31 de outubro, em Seaside Heights, Nova Jersey (Foto: Mike Groll / AP)

A visão de danos causados pela tempestade sobre a costa do Atlântico em Seaside Heights, Nova Jersey, quarta-feira 31 de outubro, a partir do helicóptero que transportava o presidente Barack Obama e o governador de NJ, Chris Christie (Foto: Doug Mills / Reuters)

A visão de danos causados em Seaside Heights, Nova Jersey, quarta-feira, 31 de outubro, a partir do helicóptero que transportava o presidente Barack Obama e o governador do Estado, Chris Christie (Foto: Doug Mills / Reuters)

Barcos empilhados em uma marina em Brant Beach, na ilha de Long Beach em Nova Jersey Shore, em 30 de outubro, um dia após o furacão Sandy passar pelas ilhas de Nova Jersey (Foto: Clem Murray / Philadelphia Inquirer)

Barcos empilhados como se fossem brinquedos em uma marina em Brant Beach, na ilha de Long Beach, em 30 de outubro, um dia após a passagem do Sandy (Foto: Clem Murray / Philadelphia Inquirer)

LEIAM TAMBÉM:

Nova York: uma espetacular capa de revista que diz tudo sobre o furacão “Sandy”

FOTOS IMPACTANTES: Nova York na escuridão após a passagem da tempestade Sandy

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

18 − 18 =

Nenhum comentário

  • ari alves

    Gente, que coi-sa! Fico arra-sa-da com isso.

  • soraia e carlos

    eu achei as fotos das lanchas muito triste.

  • marcia

    Lá a natureza devasta. Aqui nós mesmos fazemos o serviço, colocando pessoas no poder (em todos os níveis)que devastam obras, a saúde, a educação, a segurança, o nosso direito a uma casa para morar.

  • vitor paulo

    que irado.isso foi bem fera,eu não quereia esta lar.