Marco Cianfanelli, escultor sul-africano, radicalizou em uma mega-homenagem a Nelson Mandela, o “pai” da África do Sul livre do regime racista do apartheid e democrática.

Com nada menos que 50 placas de aço de 10 metros de altura cada, cortadas a laser e inseridas na paisagem, ele representou o 50º aniversário da captura e prisão de Nelson Mandela, numa região periférica de Johannesburgo, em 6 de agosto de 1962, e que lhe custaria 27 longos anos de cárcere, boa parte deles em solitária. A escultura está erigida no exato local onde o então dirigente do à época ilegal Congresso Nacional Africano, aos 44 anos, foi detido.

De perto, a escultura parece consistir apenas em um punhado de hastes de aço negro de formato irregular apontando para o céu.

À medida que o observador se afasta da obra, a visão em perspetiva das colunas mostra uma imagem perfeita do rosto de Mandela, o homem que, em prol da paz e da democracia em seu país, estendeu a mão aos algozes, tornou-se o primeiro presidente da República eleito pelo voto livre de todos os cidadãos, negros e brancos, e, embora pudesse ser reeleito, provavelmente quantas vezes quisesse, preferiu ir para casa em 1999, depois de cumpridos seus cinco anos de mandato, para dar exemplo.

LEIAM TAMBÉM:

Um aperto no coração dos sul-africanos: Mandela, um dos gigantes do século XX, pode estar se despedindo para sempre

DEIXE UM COMENTÁRIO

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

treze + quatro =

Nenhum comentário

gd.souza em 18 de fevereiro de 2013

fantático!! o Nelson m. merece

moacir em 17 de fevereiro de 2013

Setti, O único post no qual consegui comentar foi este.Ao enviar acusa error.Será algum problema com o blog? Meu caro Moacir, desculpe a demora em responder. Sim, tivemos problemas técnicos. Eu, de minha casa, não conseguia acessar nossa ferramenta de edição nem meu próprio blog. Felizmente a coisa não durou muito. Um grande abraço

moacir em 17 de fevereiro de 2013

Belíssimo o trabalho do escultor.Quanto a descer da Cruz,Mandela e Bento XVI conseguiram.Quando descerá da sua o Brasil?

Matheus em 17 de fevereiro de 2013

Setti, arruma teu horário de verão, aqui no Brasil, terminou ontem e tu continua adiantado. Abs. Prezado Matheus, eu estou no Brasil. E o horário do nosso instrumento de edição não depende de mim, é tudo automático. Vou ver o que se pode fazer num domingo. Abração!

VER + COMENTÁRIOS
TWITTER DO SETTI