Image
O WHY tem capacidade para 12 passageiros e 20 tripulantes

Amigos, o WHY – Wally Hermès Yacht — deve ser o novo sonho de consumo de todos os bilionários russos que se prezam. Um iate que é uma imensa e confortável casa, a deslizar suavemente mar afora, e além do mais produto da união do design chique da grife francesa Hermès com a tecnologia náutica da Wally, de Mônaco.

Image
O Wally Hermés Yacht usa energia verde, com 20 a 30% de economia de combustível e consumo de eletricidade 40 a 50% a bordo. São 900 m2 de painéis solares, produzindo diariamente 500 kW.

Esse peculiaríssimo iate conta com uma tecnologia sustentável, e alia conforto e estabilidade. O Wally Hermès Yatchs 58×38 nasceu da ideia de criar uma ilha flutuante, plena de espaço, conforto e requinte — com o toque politicamente correto, num projeto miliardário, de também ter “sustentabilidade do ponto de vista energético”.

Image
Projeto delirante, quase inacreditável: três plataformas, piscina de 25 metros, spa, heliponto, sauna, ginásio e sala de massagem, um passeio de 130 metros, sala de música, sala de jantar, cinema, decks de madeira, suítes, terraços, um lounge. Ufff…

“Esperamos abrir um novo caminho, oferecer um novo estilo de vida, que é diferente, sereno, contemplativo e que respeita o entretenimento, movendo-se devagar pela água, combinando o prazer de navegar com um conforto absoluto. O WHY é a união de nossos sonhos, um caminho verde que nos leva para longe”, afirma Pierre-Alexis Dumas, diretor artístico da Hermès.

Image
Parque do grande deck com espreguiçadeiras. Os pavimentos são ligados por escadas, mas há também um elevador

O casco é inusualmente triangular, com 3.400 metros quadrados de espaço, tem volumes interiores e exteriores semelhantes aos de uma casa, é estável mesmo em pleno andamento e tem uma velocidade de cruzeiro ideal de apenas 12 nós.

Image
Com um salão espaçoso, no andar inferior estão o “lounge”, o piano bar e a sala de jantar

O WHY é ainda um projeto, mas há um protótipo para que os interessados possam conhecê-lo. O investimento, para aquisição, é de cerca de 150 milhões de dólares. Moleza para bilionário russo.

Image
A vista para o mar está presente em todos os cômodos

Especificações:

Comprimento: 58 metros

Metros quadrados de áreas de convivência: 3.400

Velocidade de cruzeiro: 12 nós (aproximadamente 22 km/h)

Velocidade máxima: 14 nós (perto de 26 km/h)

Energia renovável produzida: 500 kWH/dia

Economia anual de combustível: 160 mil litros

Assistam ao vídeo:

DEIXE UM COMENTÁRIO

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

quatro × um =

11 Comentários

Carla Pola em 22 de fevereiro de 2012

Simplesmente divino!!! Estou babando! hahahhahahahahaha Eu colocaria proteção no primeiro andar...Está muito aberto, é perigoso..No mais, sem mais... Beijocas

Cristiano em 21 de fevereiro de 2012

À vista é mais barato?

Ronalde em 21 de fevereiro de 2012

A Hermés tem que nos falar sobre uma tempestade em mar aberto sobre um bicho desses!

Think tank em 21 de fevereiro de 2012

Deixando de lado as lorotas como "politicamente correto", esta casa flutuante tem como ser apátria para escapar das garras sedentas por MEGA tributos da Cleptolândia?

JT em 20 de fevereiro de 2012

Para quem for comprar uma casinha como essa, vai precisar de um caseiro experiente. Ouvi dizer que tem um comandante italiano de cruzeiro disponível no mercado... mas você tem que pedir para ele ir a bordo.

J.B.CRUZ em 20 de fevereiro de 2012

As vezes sentimos mais prazer nos sonhos, do que na realidade...Este é um dos momentos, colírio para os olhos, parece maquete......

Cilene Santana em 05 de novembro de 2011

Sonho de consumo de qualquer mortal....imagina como seria muito bom,estar nessa casa,quando você sentir vontade de fugir de tudo e de todos. Pensar na vida..refletir...Que maravilha!!!!

ioiô em 31 de outubro de 2011

Uau!!! É de tirar o fôlego! Como disse a Ana (23/10/11) é só pra eles mesmo. Nós, pobres sonhadores, revoltados e impotentes, temos que nos conformar igual ao menino que vai dormir com fome porque se não "o boi da cara preta vem pegar". Então eu diria: só não compro uma dessas porque tenho muito medo dos "piratas do Caribe" e do "navio fantasma" me atacarem - (dos filmes). Saudações...

jader pereira em 26 de outubro de 2011

Caro Setti, lembra-se daquela célebre frase que se costuma pronunciar ao ouvir os valores da mega-sena acumulada?'Não sei o que faria com tanta grana!'Pois esse sonho de consumo faz a supra-citada perder sentido:o maior prêmio lotérico já pago no Brasil,não cobre nem de longe o valor dessa megalomania!

Ismael em 25 de outubro de 2011

Esse projeto deve ter começado antes da crise de 2008 e agora "navega" apenas nos mares virtuais de nossos sonhos e da internet. Ó dura realidade..rs...

Ana em 23 de outubro de 2011

AH, Ricardo, isso é para gente de muito dinheiro, como o pessoal do PC do B e do PT. Já pensou Orlando Silva e Zé Dirceu fazendo a leitura de O Capital nesse maravilhoso deck! Pra nós, o povo, somente o piscinão de Ramos ou Praia Grande com seus churrasquinhos à beira-mar. Bjs

VER + COMENTÁRIOS
TWITTER DO SETTI