Image
Rolando no chão de tanto rir em Miami, após escutar piada do comediante e cantor Joe E. Lewis: ele caiu mesmo da cadeira (Fotos: John Dominis – Time & Life Pictures/Getty Images)

Entrar na intimidade de Frank Sinatra (1912-1998) nunca foi tarefa fácil. Cercado permanentemente por uma grande e fiel equipe de colaboradores e puxa-sacos, enxames de mulheres e amigos, o maior cantor popular do século XX era considerado uma personalidade impenetrável até para quem chegou a conviver com ele.

Não por acaso, celebra-se uma matéria escrita pelo lendário repórter americano Gay Talese, batizada Frank Sinatra has a Cold (“Frank Sinatra está resfriado”) e publicada originalmente na revista Esquire em abril de 1966, como um dos grandes perfis da história do jornalismo, tamanha a perícia do autor em adentrar o universo particular do Old Blue Eyes sem falar com ele.

Exatamente um ano antes de que Talese trouxesse à tona todas as nuances do que acontecia no mundo quando Sinatra pegava uma gripe, porém, a não menos seminal revista americana Life já dera ao público um belo aperitivo do astro com um enfoque mais humano e intimista.

“Permissão” para acompanhar Sinatra

Image
A capa da edição da “Life” de 23 de abril de 1965

Em sua edição 23 de abril de 1965, Life trazia uma reportagem de capa intitulada Sinatra Opens Up (“Sinatra se Abre”), um belíssimo especial de 16 páginas com imagens do fotógrafo John Dominis e texto do editor Thomas Thompson. A dupla conta que “teve permissão” para acompanhar The Voice e sua “tchurma” durante o seu dia-a-dia, o que resultou em uma bela reportagem.

Na matéria, Thompson relata os ataques de fúria de Frank, então com 39 anos, em pleno palco, fala de seu lado generoso e ao mesmo tempo discreto – doava 100 mil dólares a uma universidade, por exemplo (uma fábula de dinheiro na época) com a garantia de que isso não se tornasse notícia -, e revela a receita do lendário crooner para aprender a controlar a respiração ao cantar (“nadando em piscinas públicas e cantando”).

Mas, basta que apenas observemos as fotos de John Dominis para termos esta visão inédita de Sinatra. Abaixo, uma seleção feita a partir de imagens produzidas para a ocasião, mas inéditas na versão impressa da revista, e algumas também que vieram a público com Life na ocasião.

Image
Após filmar nos estúdios da Warner, “The Voice” prepara-se para decolar em um dos seus dois helicópteros rumo a Palm Springs, na Califórnia. Ele possuía, então, mais três aeronaves, incluindo um jatinho
Image
Com Sammy Davis Jr. e Natalie Wood, nos bastidores da peça “Golden Boy”, que o amigo protagonizava na Broadway, em Nova York (foto não publicada na matéria da “Life”)
Image
Pausa para assistir a um programa de TV apresentado pelo filho, Frank Sinatra Jr., então aos 21 anos
Image
Esforçando-se para lembrar da letra de uma canção durante um ensaio
Image
Pai zeloso, filho atencioso: aqui, Frank se despede do pai, Martin (78 anos à època) e Dolly (75, de óculos claros, à esquerda) em frente à suíte presidencial do The Sands Hotel, em Las Vegas

 

Frank-Sinatra-Life-John-Dominis

Image
Com o gigante do jazz Count Basie, um de seus mais ilustres parceiros musicais (esta fotografia também não entrou na edição final)
Image
À vontade, fazendo a barba — foto em que aparece um pouco da calva que nunca era vista em público, escondida por perucas de alta qualidade (outra imagem inédita na revista)

DEIXE UM COMENTÁRIO

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

sete + 15 =

5 Comentários

Tadeu em 20 de fevereiro de 2013

Seu comentário calhorda e ofensivo foi deletado. Favor sumir daqui.

moacir em 18 de fevereiro de 2013

Setti, Pois eu gostaria de ouvir nesse Show , além das 3 canções já mencionadas:Strangers in the Night,Something,Moon River e For Once in my Life Ah, Moacir, se for pra fazer lista do que é muito, mas bom no Sinatra... Não dá! Eu incluiria essas três e mais umas 50! Abração

toninho malvadeza em 18 de fevereiro de 2013

Antigamente SINATRA era uma celebridade.Hoje alguns consideram :Naldo,Sabrina Sato,Justin Biba,e por ai vai .

Vinicius Medeiros em 17 de fevereiro de 2013

Memorável a interpretação dele com a filha Nancy de Something Stupid. Fica o vídeo: http://www.youtube.com/watch?v=u6bOCUOPN0w

carlos nascimento em 16 de fevereiro de 2013

Ricardo Setti e The Voice, tudo a ver, fã e ídolo, uma curiosidade: será que RS como jornalista teve a oportunidade de entrevistar Sinatra ? Caso positivo, conte-nos ! Caso negativo, o quê faltou para viver esse sonho, afinal de contas vc sempre foi estrela do jornalismo, Veja, Playboy, Veja novamente.... Confesse, qual a canção que lhe faz sentir saudades: - 'My Way' ou 'New York, New York' ? abração Carlos Nascimento. Infelizmente não tive essa sorte. Pouquíssimos jornalistas no mundo conseguiram. Quanto às canções, praticamente todas. Talvez principalmente "I've Got You Under My Skin", ao lado das duas que você menciona e, bem, várias outras. Abração!

VER + COMENTÁRIOS
TWITTER DO SETTI