Um logotipo adequado e, de preferência, chamativo e esteticamente agradável, é um meio eficiente de divulgar produtos, ideias, valores, imagem, ideologia e tantos outros aspectos da atividade humana.

Parece já estar mais que provado que, quanto mais simples e clean for, mais diretamente o logo conseguirá passar a mensagem pretendida.

Vejam abaixo alguns exemplos de logos que souberam fazer isso.

Image
Clássico, o logo do Carrefour deu margem a teorias malucas quanto a seu significado, como de que seria um saci azul (mesmo sendo a empresa da França…), um alienígena de gorro ou uma moça gorda de biquíni. Nada disso: é um simples “C” vazado

 

Image
Para nós, brasileiros, passa batido — mas no logo da escola de yoga da Austrália, o espaço entre a perna e o braço unidos tem o formato do mapa do país

Image
O nome da Vaio bate totalmente com a natureza da empresa: o VA é o sinal analógico e o IO representa a linguagem binária dos computadores

Image
Nesta marca do grupo Pepsi, os dois Ts alegres seguram um salgadinho, prestes a mergulhá-lo no molho vermelho que é o pingo do “i”

Image
Há pessoas que consumem o famoso chocolate há anos e jamais repararam que, na montanha nevada da Suíça, sede da empresa, há a forma de um urso

Image
O guerreiro espartano que dá nome a este clube de golfe é formado, justamente, pelo movimento de um jogador: a trajetória do taco forma a curvatura do elmo e o próprio jogador se transforma no rosto do personagem

Image
No logo da joalheira novaiorquina Snooty Peacock (algo como “pavão altivo”, em tradução livre”), o rosto da mulher — principal público-alvo da casa — é também o próprio pavão

Image
A companhia aérea norte-americana colocou em seu logo, de forma direta, uma seta que aponta para … o noroeste, região em que fica Minnesota, sua sede

Image
O logo da rede de TV norte-americana traz, nas penas coloridas, os seis departamentos em que se divide. A cabeça do pavão representa o telespectador

Image
Esta é uma empresa que vende dowloads de milhares de diferentes “fontes” (formatos de letras). Pretendendo, justamente, individualizar seu produto conforme o gosto e a necessidade do cliente, a palavra “my” (meu) forma a mão de uma pessoa

Image
O que você vê, logo de cara, parece óbvio: o logo da ONG em prol da África traz um mapa… da África. Olhando melhor, porém, há uma criança (à esquerda) e uma mulher, certamente sua mãe, se olhando

Image
A empresa promete entregar, rapidamente, qualquer encomenda em qualquer lugar do mundo — e, no logo, a seta entre o “E” e o “X” sugere aquilo que ela mais quer vender: velocidade

Image
“Families”, como o título já diz, é uma revista do grupo Reader’s Digest dirigida a famílias — cuja ideia de membros agrupados é fornecida pelas letras “ili”

Image
Este não há quem não conheça: o espaço entre o “F” e as linhas vermelhas que sugerem velocidade forma o número 1

Image
A Elettro Domestici, apesar do nome italiano, é uma empresa eletro-eletrônica britânica. O logo aproveitou suas iniciais para, de maneira simplíssima mas com excelente resultado, formar uma tomada

Image
A empresa norte-americana de engenharia e consultoria E2 juntou o “e” e o “2” num só símbolo, e já disse tudo

Image
A fábrica alemã de pneus representou seu produto nas duas primeiras letras de seu nome.

Image
O logo do zoológico do bairro do Bronx, em Nova York, aproveitou as pernas das girafas para criar o contorno da cidade e, também com os pássaros, passar a ideia de natureza em meio ao concreto urbano

Image
No logo dessa sorveteria americana já está o que a empresa considera um de seus pontos fortes: os 31 sabores disponíveis

Image
O famoso site de compras não colocou a seta amarela só para enfeitar ou sugerir um sorriso: ela também sugre que, ali, o consumidor pode achar tudo, de “a” a “z”

DEIXE UM COMENTÁRIO

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

oito − sete =

8 Comentários

adalberto em 17 de fevereiro de 2014

realmente nos passamos em muitas coisas pois o nosso cérebro,o logo do zoo do bronx,hope for africa dentre outros nos mostra que devemos estar mais perceptivos e mais atentados a esses detalhes que vai de um logo até momentos simples da vida que por causa da pressa deixamos de apreciar.

oberdan da silveira barbosa em 25 de setembro de 2012

Olá Ricardo. A tempos não escrevo à você e gostaria de convida-lo a visitar meu blog novamente: www.oberdanbarbosa.wordpress.com A Min. Eliana Calmon determinou a reautuação dos magistrados em Campinas e o MPT tornou as investigações (relativas a minhas denúncias) em INQUÉRITO CIVIL PÚBLICO. Confira só. Um abraço Oberdan Obrigado por sua visita e por seu convite, caro Oberdan. Deixo no ar seu link para que os leitores também possam conhecer seu blog. Um abração e... volte sempre!!!

Luis em 11 de junho de 2012

Nunca havia visto o "C" do Carrefour. Apenas 2 flechas estranhas... Cada peça que a mente prega na gente....

Tuco em 09 de junho de 2012

. Elettro Domestici: um plug, não uma tomada. .

josias pimentel em 08 de junho de 2012

Os profissionais da propaganda estão se superando naquilo que é belo e prático. Linda mensagem naquilo que eles propõem.

Remindo Sauim em 08 de junho de 2012

Seu comentário não tem nada a ver com o post e não será publicado.

Teresinha em 08 de junho de 2012

Muito bom! Deve ser gratificante o trabalho dos criadores de marcas. Sem dúvida para desenvolver uma ideia tem que ter olhar de artista.

Vera Scheidemann em 08 de junho de 2012

Muitíssimo interessante ! Alguns são geniais. Vera

VER + COMENTÁRIOS
TWITTER DO SETTI