Imagem de Dilma é usada no exterior em propaganda de regime para emagrecer

O cartaz do evento

O CARTAZ DO EVENTO — O título principal diz : “De gordo a magro” e, logo abaixo: “Se pode, se deve e que bem que faz! Para baixar de peso, o impossível não existe”. Em seguida, o dr. Máximo Ravenna é apresentado como “o especialista número 1 da Argentina”. Abaixo, “O Guru de famosas personalidades”, com as fotos da apresentadora de TV argentina Susana Giménez e da presidente Dilma Rousseff

O médico e psiquiatra argentino Máximo Ravenna, criador de um método de emagrecimento em voga no Brasil e em vários países estrangeiros, está usando a imagem da presidente Dilma Rousseff para a propaganda de um evento que realizará no próximo dia 4 de março num resort em Encarnación, no Paraguai, às margens do Rio Paraná, o AWA Resort Hotel.

A promoção do evento está fazendo circular um cartaz que apresenta o dr. Máximo como “O guru de famosas personalidades”, com as fotos da presidente e, ao lado, da apresentadora de TV mais conhecida da Argentina, Susana Giménez — algo equivalente ao que foi, no Brasil, a falecida Hebe Camargo, com o acréscimo de que, na juventude, Giménez foi vedete de sucesso no teatro, atriz de televisão e mulher de um campeão mundial de box.

Não se sabe se a presidente autorizou o uso de sua imagem, embora ele esteja notoriamente satisfeita com os resultados da assessoria de Ravena: boa parte dos alegados 13 quilos que Dilma pretendia perder já se foi.

A presidente aumentou muito de peso ao longo da campanha eleitoral do ano passado, por alimentação inadequada e fora de hora, falta de caminhadas e excesso de stress.

Ravenna não criou uma “dieta”, mas um método de emagrecimento. Ele consiste, como explica o próprio site da clínica, em “uma terapia interdisciplinar de emagrecimento que trabalha o vínculo alimentar, modificando a maneira do paciente  relacionar-se com a comida”. Ou seja, o método inclui, sim, uma dieta, mas os pacientes são acompanhados permanentemente por uma equipe multidisciplinar, composta por médicos, psicólogos, nutricionistas, professores de educação física e outros especialistas.

Os pacientes passam por todos os membros da equipe, com periodicidade variada, e são submetidos periodicamente a exames, especialmente de sangue.

As clínicas são equipadas com instalações para psicoterapia de grupo, sala para atividades físicas ou dança, restaurante e outras. Os pacientes que desejaram podem almoçar e jantar ali, ou comprar e levar para casa alimentos adequados a seu programa de redução de peso.

O núcleo central do que o médico denomina “terapia” não se cinge, portanto, a calorias, embora elas naturalmente importem. Trata-se, sobretudo, da abordagem psicológica do problema, feita em grupos e que o paciente deve frequentar pelo menos três vezes por semana. Isto porque “modificar a maneira do paciente relacionar-se coma comida” é entendido como tratar a compulsão — a qual estaria no âmago da questão de comer em demasia.

Ou seja, o ideal, para o método funcionar — e o êxito tem sido comprovadamente muito grande, com pessoas perdendo até 70 0u mais quilos, sem cirurgia, sem o uso de medicamentos e, melhor do que isso, mantendo-se no peso adequado — é a FREQUÊNCIA à clínica.

Embora haja uma clínica Ravenna em Brasília, de alguma forma o dr. Máximo está conseguindo contornar este ponto — a terapia de grupo –, praticamente impossível de encaixar na agenda da presidente, sem contar a questão da privacidade decorrente da ocupante de um cargo desta envergadura.

Quem sabe, na palestra de abertura que fará no evento no Paraguai, o dr. Ravenna não faça alguma revelação a respeito?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

vinte + 9 =

58 Comentários

  • Mairalur

    Se faltava alguma coisa, já não falta nada. Esculhambación total.

  • Bernardo Pereira

    Isso não é dieta e ela sabe disso. Cuidado com a saúde Dilma, são 4 anos pela frente.

  • Painho, Rei do Gado

    O Ravenna esvaziou a barriga da Doutora Pasadilma mas parece, a julgar pela última acusação contra FHC, que o **** ***** foi transferido para a cabeça.

  • Andre

    É para jogar a derradeira pá de cal no imenso buraco que a vergonha alheia nos dá.

  • Payxão

    Faz sentido, garota propaganda que ganhou a reeleição……
    Mas já vi uma charge no “Jornal da Besta Fubana” na qual diz: “COMPROVADO: MENTIR ENGORDA”, acabou a campanha eleitora, as mentiras à rodo diminuiram e ela emagreceu.

  • José Carlos

    Dieta de Ravenna coisa nenhuma. A dieta dela é a “Dieta do Medo”. Experimente você, ficar mais de 2 meses sem conseguir dormir direito (tendo pesadelos em que um camburão vem chegando para levá-lo para a delegacia) para ver se você não perde muito mais do que 13 quilogramas.
    O dia tá chegando. Que pena, vai estragar a dieta e volta a ganhar peso com o efeito sanfona. Coitadinha dela. Vou chorar junto.

  • Marcio

    Continua **** de mesmo jeito.

  • Rangel

    Ficaria melhor mostrando a imagem do bolso do contribuinte no lugar da governanta.

  • Moacir 1

    Prezado Setti,
    Peço licença para um desabafo em off topic. O assunto está atravessado na minha garganta faz dias.Tomara que seja “moderável”.
    Obrigado
    //
    A julgar pela reação vergonhosamente tímida dos líderes , dos governos , das organizações regionais da América Latina, como a OEA e a Unasul sobre a prisão arbitrária do prefeito de Caracas Antonio Ledezma , é difícil não concluir que todos eles se tornaram uma organização de proteção para regimes repressivos.
    Em vez de solicitar a libertação incondicional de Ledezma, bem como a do líder da oposição Leopoldo Lopez e outros presos políticos que, segundo a Organização das Nações Unidas ,têm sido vítimas de detenções arbitrárias, as maiores organizações regionais e os líderes líderes latino-americanos têm, em grande parte , feito cara de paisagem e olhado para o outro lado.
    De que servem essas organizações regionais, se nem sequer levantam um dedo para fazer valer as suas próprias Cartas e os princípios que as justificam, pedindo o respeito e defesa da democracia?
    Como se justifica a ausência de uma resposta forte do Brasil , o maior país da região, cuja MandatáriA posa nas fotos como líder de uma democracia moderna?
    Como é possível acreditar – como a senhora presidentA – ser um “assunto interno” da Venezuela o fato de que qualquer liderança oposicionista que se fortalece por lá é simplesmente aprisionada , sem ordem judicial ?
    Como podemos engolir calados que o presidente do partido da presidentA ,o petista Rui Falcão , em nome do povo brasileiro embora sem procuração , vá a Caracas na maior cara-de-pau , para garantir apoio aos chavistas? Se os assuntos da Venezuela são só da conta dos proto-ditadores por que Luizinácio Lula da Silva , pediu votos para eleger o “presidente” herdeiro Nicolás Maduro nas últimas eleições presidenciais?
    Como pode uma presidentA que se auto denomina de Coração Valente , que participou da luta armada contra a ditadura militar brasileira e que por ela foi torturada , se calar covardemente diante de um regime cada vez mais liberticida ?
    Será que a PresidentA não se envergonha de ser cúmplice de todas as violações dos direitos humanos que vêm sendo cometidas diuturnamente pelo seu cumpanheiro bolivariano? Será que DilmA imagina que a sociedade brasileira – a exemplo dela e dos do seu partido corrompido – é formada por zumbis morais e por mentecaptos incapazes de sentir empatia ou de abstrair que os direitos humanos são universais e não uma mera questão “interna” da Venezuela?
    Será que a política externa da senhora Dilma Rou$$eff – como escrevem seu nome nos blogs os revoltados cidadãos venezuelanos – desconhece que desde 1988, a Constituiçao DESTE PAÍS , no seu artigo 4 , passou a prever a defesa da democracia, dos direitos humanos, da autodeterminação dos povos e da paz?
    Se for este o caso é preciso que a Presidenta seja chamada à razão.Sugiro que alguém – pelamordedeus! – no nosso ruborizado Itamaraty ,S-O-L-E-T-R-E para a MandatáriA o Compromisso de Santiago com a Democracia de 1991,a Declaração de Quito de 1995, a Declaração a Respeito da Manutenção da Democracia de 1997,o Compromisso Democrático de Cartagena de 2000, o Protocolo de Ushuaia do Mercosul de 1998, a Carta Democrática Interamericana de 2001, a Declaração de São José de 2002,todas elas assinadas por ESTE PAÍS , compromissado com a ordem democrática e, portanto, prevendo reuniões de emergência entre Estados membros no caso de haver interrupção dela.
    Saiba a nossa leviana presidentA que décadas atrás, quando um país latino-americano descaradamente violava as liberdades democráticas, como a Venezuela está fazendo agora, os mais importantes líderes democráticos da região condenavam tais eventos, e pediam reuniões extraordinárias da Organização dos Estados Americanos para pressionar por ações de correção de rumo.
    Quando, por exemplo, em 1992, o ex-presidente peruano Alberto Fujimori fechou o Congresso de seu país , o governo da Venezuela rompeu relações diplomáticas com o Peru, a Argentina mandou para casa o seu embaixador, o Chile e vários outros países solicitaram oficialmente que o Peru fosse desligado da OEA. E a OEA protestou contra a ação de Fujimori, forçando-o a convocar eleições antecipadas para um novo Congresso, alguns meses depois.
    Nada disso aconteceu após a prisão de Leopoldo Lopez , a perda do mandato legislativo de Maria Corina Machado e,na quinta-feira,do sequestro do prefeito Ledezma, um dos recordistas de votos na Venezuela e um de seus principais líderes oposicionistas ter sido sequestrado.
    Nenhum governo latino-americano teve a dignidade de condenar essa prisão autoritária feita no figurino covarde das piores ditaduras ,nem tão pouco solicitou uma reunião extraordinária dos ministros das Relações Exteriores da OEA para resolver a questão.
    Maduro, que no início deste mês promoveu comemorações oficiais para homenagear a tentativa de golpe de 1992 comandada pelo falecido presidente Hugo Chávez, acusou Ledezma e outros líderes da oposição de “conspirar e organizar” ações violentas contra o governo, o que eles negam categoricamente, e a nomenklatura chavista não consegue provar.
    Na sexta-feira, o Secretário-Geral da OEA, José Miguel Insulza , expressou sua preocupação sobre os últimos acontecimentos na Venezuela. Mas, na ausência de qualquer pedido de qualquer país membro para que a questão fosse discutida , o que faz hoje é basicamente assistir aos eventos venezuelanos de longe.
    A União de Nações Sul-Americanas – Unasul – anunciou sexta-feira que vai enviar uma delegação de ministros das Relações Exteriores do Brasil, Equador e Colômbia para a Venezuela, em data ainda a ser determinada para observar a situação de perto.
    Isso pode ser uma boa notícia para Maduro, uma vez que a Unasul é o grupo regional mais simpático ao seu governo. No ano passado, a Unasul despachou pra Caracas os ministros das Relações Exteriores dos mesmos três países , em um suposto esforço de mediação após os protestos estudantis em Caracas que deixaram um saldo de pelo menos 43 mortos pela repressão “coletiva castrista” ou a oficial
    Mas os mediadores da Unasul não só não conseguiram intermediar um acordo entre Maduro e a oposição – que conversa pode-se ter com trogloditas que acreditam ser submissão o único sinônimo da palavra diálogo? – mas ajudou Maduro ganhar um tempo precioso para dizimar os protestos. Os três ministros de Relações Exteriores dos países cúmplices, não conseguiram a libertação de todos os estudantes presos durante os protestos, nem um compromisso de Maduro para atender a algumas exigências básicas da oposição, tais como a nomeação de autoridades eleitorais independentes para as eleições legislativas deste ano.
    Em 2013, a Unasul já havia corrido para abençoar a vitória eleitoral duvidosa de Maduro, depois de um tribunal eleitoral pró-governo o ter proclamado vencedor por 1 por cento dos votos , apesar das acusações de fraude maciça feitas pelo eleitorado e as oposições.
    Na última sexta-feira ,o Presidente Ernesto Samper , da bolivariana Unasul , em vez de lamentar a ausência de modos democráticos de Maduro, criticou as sanções norte americanas contra cerca de cinco dezenas de funcionários venezuelanos suspeitos de abusos de direitos humanos e corrupção.
    O Human Rights Watch , classificou as colocações de Samper como lamentáveis, porque não há absolutamente nenhuma conexão entre o cancelamento legítimo pelos EUA de seus vistos e o congelamento dos bens de funcionários venezuelanos envolvidos em abusos de direitos humanos , em corrupção e em narco-tráfigo com as cada mais mais frequentes detenções arbitrárias na Venezuela .
    É claro como o sol do meio dia ,que estamos assistindo a uma deterioração diária das liberdades fundamentais na Venezuela. É evidente que os chavistas , com uma taxa de aprovação popular de meros 22% ,não poderão mais concorrer em eleições democráticas. É óbvio que o regime de Maduro está apenas se adaptando a esta nova realidade política e que se encaminha a largos passos para se transformar em mais uma homicida ditadura no continente.
    Contra a escalada da repressão chavista , que vozes latino americanas se elevarão? Não é nenhuma surpresa para ninguém que os aliados mais próximos da Venezuela chavista – os demagogos populistas dominantes no Brasil, Bolívia, Equador, Nicarágua e Argentina – têm-se mantido e vão continuar em num silêncio abjeto.Entre eles Dilma Rou$$eff.
    Que barbáries precisará Maduro cometer, para que o governo brasileiro se toque que a cláusula democrática do Mercosul – que para os amigos tem sido flexibilizada – tem que ser usada para fazer frente aos abusos dos regime totalitários de seus cumpadres aliados? Onde está escrito que a cláusula democrática do Mercosul existe para ser descumprida a menos que , como já vimos, o impedido legal e constitucionalmente , seja um Lugo amigo?
    Será necessário que o mundo assista horrorizado ao exército venezuelano – cumprindo uma LEI recentemente elaborada no Ministério da Defesa da Venezuela – atirando para matar contra manifestantes antes que Dilma Rou$$eff decida honrar o cargo que exerce?
    O Brasil petista,a PresidentA, os países cumpanheiros , a Unasul, o Mercosul e todos os pseudo-democráticos outros grupos regionais estão cada vez mais assumindo , sem qualquer vergonha, o papel de protetores dos abusos de governos autoritários , em vez daquele de defensor das liberdades democráticas.
    Mas o Brasil do qual fazemos parte não se calará. Somos solidários ao povo venezuelano.
    Finalizo com palavras antigas da lavra de Mario Vargas Llosa , que no entanto são mais atuais do que nunca:
    *
    ” Em nome da cultura da liberdade, aprovada pelos povos da América Latina, exorto todos os governos democráticos e todas as organizações internacionais a cortar todos os laços com o governo ilegítimo e a fazê-lo sentir o repúdio das instituições e dos homens do mundo livre”.
    *
    Abraço

  • Daniel

    Cuidado, a dieta dela enxuga os cofres e isso ela faz como ninguém.

  • ArquivoX

    kkk, onde a população foi amarrar o “votobode”, e quem vai receber o cache ela ou o partido…há o marcos valerio vai decidir em uma reunião com o lula…tudo em minúscula mesmo…

  • jorge

    Daqui a algum tempo a foto dela estará estampada no mundo,por ordem da “INTERPOL”,seguida do seguinte texto:
    PROCURA-SE VIVA OU MORTA.
    *********,*****,**************,MENTIROSA,********** SE COFRES PÚBLICOS,MENTIROSA.
    CONSEGUIU,EMAGRECER OS COFRES DA PETROBRAS À TAL PONTO,QUE FALIU A MAIOR EMPRESA DO BRASIL.
    SUA QUADRILHA É FORMADA POR LULA O CHEFE,SEGUIDO DE JOSÉ DIRCEU e TODOS OS PETRALHAS.

  • Glória Anaruma (Jundiaí-SP)

    A gente tá aqui num perrengue danado para pagar contas de sobrevivência e ela tem um baita equipe, paga por nós, para saber se relacionar melhor com a comida? Viva com 788 reais e fique magra sem nos emagrecer ainda mais.

  • João Alves

    Agora que emagreceu só falta tirar o bigode ! Por outro lado, isso é bom para mostrar para o zé povinho que nela votou como ele está preocupada com a situação desastrosa em que deixou o país !

  • Isa

    Durante a campanha parecia estar precisando emagrecer no mínimo de 20 a 30 Kg.
    O stress não foi só durante a campanha, mas continuou com o PETROLÃO; fortes emoções.
    Como explicar? Precisava fazer dieta (confirmado em noticiários que nos jantares que participava havia comida especial para dieta), sessões de terapia, ginástica.
    Impossível Com uma vida agitada, e emoções fortíssimas DUVIDO QUE NÃO TEVE MEDICAÇÃO, JÁ QUE TERAPIA ERA IMPOSSÍVEL, POR FALTA DE TEMPO.
    Aqui vai uma sugestão:
    DILMA CONTRATARIA O TAL MÉDICO MÁGICO PARA TRABALHAR NO SUS, COM UM BOM SALÁRIO, PARA QUE ELE ATENDA TODOS QUE DURANTE 3 ANOS ENGORDARAM, PORQUE O PADILHA E A ANVISA RETIRARAM OS MEDICAMENTOS QUE SÃO PARA QUEM NÃO PODE FAZER TRATAMENTOS CAROS.
    O ÚNICO REMÉDIO QUE PADILHA DEIXOU FOI A SIBULTRAMINA, POIS ERA UM DOS REMÉDIOS QUE O LABORATÓRIO LABOGEN TRABALHARIA.

    Por que DILMA não fez uso da tal SIBULTRAMINA DO LABOGEN?
    Fácil… Ele pode causar graves danos ao coração, e causar até a morte. Ela não se arriscaria…
    Mas hoje o número de obesos TRIPLICOU e todos continuam sem medicação adequada e eficaz.

  • blindado

    Quero saber quem vai pagar essa conta.Não muda nada que se aproveite.Quando o IMPEACHEMENT estiver encaminhado,o efeito sanfona vai atuar com juros e correção.

  • Gustavo

    PROPAGANDA ENGANOSA! Dilma esta magra devido ao Desespero pelas consequencias desastrosas do seu governo e nao por causa de um regime…

  • José

    Perdeu peso, agora só falta o mandato.

  • Justice

    Não pode ser comparada nem a raspa de tacho, tamanho a mediocridade.

  • Porcão

    Com a corda no pescoço a beira de um impechment é fácil emagrecer. Caso derrubem mesmo, volta a ser uma ****** atacando porco no rolete e tudo que aparecer na frente. Vamos ajudar parando o país. Não compre nada e diminua o consumo. Menos imposto pra elles roubarem

  • Paulo

    Eu já acho que dizer que está fazendo essa dieta e deixar-se aparecer em propagandas é uma bela desculpa para quem mal consegue comer de tanta preocupação com o que vem por aí. E o medo também deve fazê-la ter dores de barriga que a transforma de presidentAh em *** *** *** *** *** *** **** *** ***

  • aparecido f.

    O petrolão está tirando a fome….quem quiser acreditar numa clinica paraguaia que acredite…

  • Dilma Bola Murcha

    Coitadilma,,,,Dançou Feio… DE Botijão e Máquina de Lavar na Posse a uma Bola Murcha 45 dias Depois.

  • Clemente

    Eu tenho um outro regime para Dilma*** muito mais eficaz do que o desse argentino picareta. Manda *** *** viver com um salário mínimo! Espero que você não me censure.

  • Claudio Lessa

    Não divulgo boatos.

  • Rodrigo

    Dê o fora daqui, vá se espalhar nos blogs sujos. Você não sabe distinguir o que é ESCREVER OPINIÃO?

  • Zeca

    Eu tenho um outro regime para Dilma : Regime fechado na Papuda.

  • Gilvan

    Petrolão mudou de nome, agora chama-se dr. Máximo Ravenna,e o pior o cara está faturando por não ter feito absolutamente nada.
    Sessenta dias sumida do povo brasileiro foi o suficiente para saber que não existe nenhum regime, mas o abalo psicológico em saber que a qualquer momento seu nome pode ser citado por delatores na esquema petrolão. Isso sim, emagrece que é uma belaza.

  • moises santos

    ELA ESTA MUITO PARECIDA COM O MADURO DA VENEZUELA.

  • Vanderlei

    A dama da capa de botijão de gás é a mais nova top model de quem?

  • Alex

    Pô, Setti, que marqueteiro deu essa ideia ao Dr. Máximo Ravenna?

  • soninha

    A única coisa que senti de menos nela, foi o célebro e a mais foi um biquinho de botox.

  • eliane

    Em menos de um ano ela terá engordado o dobro!

  • Marcos F

    Falta agora Dilma fazer um anúncio: “Como emagrecer um país” – mostrando exemplos da Argentina e Venezuela. “-Você tambem pode!”

  • André

    Para o povo o SUS, para a Nomenklatura a clínica particular.

  • jair

    ate que fim pegou o cara,acabando com a mata do brasil quem sabe agora vamos conseguir beber agua,si o stf nao soutar o cara ai e o fim

  • André

    Sei bem qual é a dieta da Sra. Dilma. Próximo passo da dieta é comprar uma peruca.

    Tá sendo carcomida por dentro.

  • jair

    eu fico envergonhado ver os politicos,o poder judiciario recebendo 35% ai os professores fica um mes de creve pra tentar um almento de 10% e o governo nao da a justiça nao contesta o seu almento.veja paralizaçao dos motorista a primeira coisa que fala e punir.

  • Armando

    Somos nós que estamos pagando o tratamento ? Quanto custa por mês ? gostaria de saber.

  • Marcelo

    O Regime proposto pela dona em questão é tiro e queda, basta uma olhadela nas pessoas submetidas a ele, os súditos do Fidel, do Stalin, do Gorducho da Coreia do Norte: é só pele em cima do osso.

  • raquel

    Pensei que fosse outro tipo de ‘regime’…

  • Oliveira Jr

    Haveria, porventura, um método para eliminar a idiotice, a covardia, a insensatez, o esquerdo-imbecilismo e a incapacidade de raciocínio numa pessoa aparentemente normal, tipo assim, dirigente de sindicato, jornalista chapa-branca e até, por que não, presidente de república?

  • Nilo

    A coisa esta tao feia, que tem feito bico na propaganda, como”modelo”.

  • Márcio

    Ela está eh tomando tarja preta e com depressão em razão da preocupação com o impeachment vindouro

  • Olivia Paz

    Ela não pode reinvidicar o direito de imagem, uma vez que usa da Merry Streep no facebook pra ropaganda do FIES.

  • Anônimo Paulistano

    Dietas de emagrecimento rápido implicam em engorda idem, não existe milagre a não ser na reeducação alimentar, mesmo assim é bastante complicado porque exige vigilância total ao que vai se ingerir, essa conversa de terapia e equipe multidisciplinar para controlar a ansiedade não existe.

  • Nini

    Propaganda com Dilma mentirosa e propaganda enganosa

  • Claudia Gouveia

    Ih! cuidado…. Dilma como garota propaganda sei não….será que funciona mesmo?

  • Felipe

    Para a plebe, Sistema Único de Saúde; para o Politburo, médicos e clínicas de ponta, chique no último;

  • cristina

    Não publico ofensas, insultos ou xingamentos contra quem quer que seja.

  • Charles A.

    E lá vai ela gastar o que não lhe pertence para melhorar a imagem e a autoestima. Para isso apela para um picareta de milionárias.Não adianta,dilma.Sua fome está na alma,é o apetite dos predadores e dos frustrados. Quanto à “envergadura do cargo”, está reduzida à envergadura de uma ratazana gorda. O Brasil desce a rampa e dilma paga para emagrecer com o dinheiro dos contribuintes. Tudo tem seu preço e a cobrança virá,cedo ou tarde.E dilma continuará gorda…

  • Charles A.

    Ai,meu deus!As pelancas, o que ela vai fazer com elas?Vai passar 6 meses operando pelancas em algum hospital caríssimo,pago com dinheiro público? As pelancas,dilma,que estão em sua alma nunca sairão de lá;vão se juntar a seus crimes impunes .Dilma parece uma rainha;só lhe falta a nobreza!

  • dyanne

    kkkkkkkkkkkkk era so o q faltava

  • Lola

    Será que ele ainda conseguirá algum cliente ?

  • Charles A.

    Grande comentário do Moacir 1 às 19:03! Um artigo completo e detalhado que deveria estar em destaque na grande imprensa para ser lido e discutido. Aí está uma sugestão ao grande jornalista Ricardo Setti.

    Boa sugestão! Vou reler o comentário e decidir.
    Abração e obrigado.

  • Samuel

    Encarnación não está às margens do Rio Paraguai, mas sim às margens do Rio Paraná.

    Você tem razão, eu me enganei e vou corrigir. Muito obrigado!

  • Ricardo

    Acho que o nome da dieta deveria ser Petrolão.

    Pela manhã, no desjejum, digerir várias denúncias sem molho.

    No almoço, duas delações premiadas na grelha e a noite deglutir uma denúncia no JN regada a gravações telefônicas de “cumpanheiros”.

    Nos finais de semana, ingerir com moderação uma reportagem de VEJA e de sobremesa um relatório da Abin sobre os movimentos populares de impeachment nas redes sociais.

    Também recomenda-se passar as noites em claros ou regadas a Dormonid ou Zolpiden. Durante o dia é possível usar Diazepan em doses cavalares.

    Para terminar algum exercício. Corridas a São Paulo para dialogar com o mentor e chefe. A sensação de incompetência e nulidade auxiliam na perda das gordurinhas localizadas e tira estrias e celulite.

    Ahhh e o preço. Somente US$ 80 bilhões. Só. Garanto que funciona.

  • elizabeth M. Frederico

    Pois eu vaticino que, breve, muito breve, todo o povo brasileiro será modelo de “esbeltez” para o restante do planeta! Hehehe…