Image
O presidente-ditador, que já fechou mais de 30 emissoras de rádio, homenageado na Argentina por seu compromisso com a liberdade

Amigos, parece piada, mas é verdade.

O presidente-ditador da Venezuela, coronel Hugo Cháves, já fechou pelo menos 34 emissoras de rádios em seu país, esmagou a principal rede de televisão do país, transferindo seus recursos para a TV estatal, faz o que pode para silenciar os poucos jornais independentes que restam e controla 750 diferentes meios de comunicação venezuelano, e assim mesmo recebeu de professores universitários da Argentina um prêmio por supostamente “defender a liberdade de imprensa”.

Vocês devem ter visto: em visita oficial à Argentina, Chávez foi homenageado – sim, homenageado — pela faculdade de jornalismo (justamente de jornalismo) da Universidade Nacional de La Plata “por seu compromisso inquestionável e autêntico em defender a liberdade dos povos, os direitos humanos e ser consistente com a verdade e os valores democráticos”.

O Prêmio se chama Rodolfo Walsh e foi criado há 14 anos “para estimular a excelência jornalística e o compromisso com a verdade, a ética, os valores e a militância profundamente social”.

Image
Página do Clarín exibe imagem de banca sem a edição do jornal

Um conselho acadêmico aprova o homenageado de cada ano.

Os mesmos “meios acadêmicos” supostamente “nacionalistas”, sob a liderança do diretor da Biblioteca Nacional, Horácio González,  também tentaram cancelar, na marra, mas felizmente sem sucesso, o convite para que o escritor peruano Mario Vargas Llosa, Nobel de Literatura de 2011, fizesse a palestra de abertura da importante Feira do Livro de Buenos Aires, agora em abril, por sua “posição política liberal e reacionária, inimiga das correntes progressistas do povo argentino”.

Belos intelectuais, esses.

DEIXE UM COMENTÁRIO

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

um × quatro =

20 Comentários

Kitty em 05 de abril de 2011

Caro Ricardo, Infinitivamente obrigada!!!! Se vocë permitir, no Jornal Clarin foi publicado um muito bom artigo sobre O escritor V. Llosa, e pretendo comentar para VC, no Bytes de Memoria. O acesso ao cyber na cidade ê mais complicado, porquê tem sempre muitas pessoas. Pinamar ê mais tranquilo. Me aguarde. Abracos .

Mauro Pereira em 03 de abril de 2011

Caro Ricardo Setti, boa noite. A cada dia que passa eu sinto mais revigorada a minha suspeita de que a humanidade está em transe. São muitas anomalias acontecendo em tão pouco tempo. É assustador o comportamento dos humanos nesse início de século. Os acontecimentos pitorescos de antanho praticamente desapareceram do nosso cotidiano. Alguns deles, para a minha alegria, ainda se manifestam aqui na Coluna do Ricardo Setti. Porém, o insólito e o bizarro tornam-se frequentes e ganham contornos de naturalidade. Estaria o nosso planeta sendo alvo de uma invasão inca-venusiana, civilização milhares de anos-luz à nossa frente e os absurdos que vêm se repetindo em escala internacional é um bem orquestrado plano dos invasores visando a plena dominação e a extinção da raça humana? Não sei, não. Ou é isso ou, então, o Todo Poderoso se cansou de fazer vistas grossas à mediocridade terrena. Só pode ser! Como buscar racionalidade, por exemplo, em uma reunião entre a Associação Brasileira de Mulheres e a Associação Brasileira de Mulheres Negras, para discutirem temas referentes às mulheres? Considerando-se a minha pouca capacidade de discernimento, agravada pelo fato de que ao escrever essa ode à idiotia eu invoquei a inspiração do Chico Xavier – que sabiamente se absteve da missão ingrata -, e, como castigo pela presunção recebi o espírito do Emir Sader, acho muito confuso o relacionamento entre essas duas entidades. Será que mulheres negras seriam reconhecidas como mulheres pela Associação Brasileira de Mulheres? E, por sua vez, a Associação Brasileira de Mulheres Negras vislumbria algum vestígio de mulher nas mulheres da outra associação, de mulheres!? Sei lá, isso deve ser “coisas de mulher”, elas que se entendam. Além do mais, eu não conheço os regimentos internos das duas instituições. Talvez a mulher de uma associação seja diferente a da outra. Uma terráquea, outra inca-venusiana. Ou vice-versa. Pode ser. Acho que saderlei cedo demais hoje. Tá feia a coisa, caro amigo. Preciso parar de “manguaçá”, urgentemente. Mas sem o consolo da “marvada” confesso que fica muito difícil encarar sem nenhum constrangimento, a súbita conversão do Zé Dirceu ao islamismo, implorando aos tribunais que o condene em todos os processos que estiver respondendo, aos doutorados concedidos a um apedeuta que ganham contornos internacionais patrocinados por nossos patrícios de além-mar e ao reconhecimento de Hugo Chávez como a maior expressão da democracia na grande latrina “por seu compromisso inquestionável e autêntico em defender a liberdade dos povos, os direitos humanos e ser consistente com a verdade e os valores democráticos”. Não dá, caro amigo. Quando Lula fala e o mundo se ilumina e Hugo Chávez é instado à condição de referência na defesa da liberdade de expressão, é porque realmente prenuncia-se o apocalipse. Apesar de tudo disso, eu tenho que parar com essa pingaiada. Já! Hahahahaha, caro Mauro, só mesmo com bom humor para enfrentar essa insânia toda. Abração

Marinho em 02 de abril de 2011

Quando penso que os brasileiros são uns ratos,aparecem os argentinos que são uns piolhos!!!!!

Hector em 02 de abril de 2011

Lindo isso!Lindo! Ele fechou o equivalente a uma rede Globo e calou algumas revistas liberais equivalentes à... Não causemos muita polêmica. Estes meios de comunicação que dominam o pensar das pessoas e fortalecem esse sistema imundo devem ir para o chinelo mesmo!

Mauro Pereira em 02 de abril de 2011

Caro Ricardo Setti, boa noite. Sempre fui arredio a convivência, ainda que superficial, com os intelectuais. Senhores da virtude, mestres da sabedoria e proprietários da verdade absoluta, são especialistas na arte da empulhação. Aqui pels nossas bandas, eles conseguem deixar cada vez mais fétida a já mal cheirosa latrina das Américas. Fartam-se de rir ao concederem título de doutor a um apedeuta e a premiar um tirano insandecido com sua ascenção a "defensor intransigente das liberdades". E viva (ou morra) a excelência jornalística!

Matheus de Souza em 02 de abril de 2011

Não é de hoje que acontecem essas premiações ridículas. O Homem do Ano do Le Monde pro Lula, o Nobel da Paz pro Obama, Stalin foi eleito o Homem do Ano da revista Time duas vezes, 1939 e 1942, e Hitler ganhou em 1938. Hitler também quase venceu o Nobel da Paz (é isso mesmo, você não leu errado) no mesmo ano. Isso não é exclusividade dos nossos tempos.

Kitty em 01 de abril de 2011

Prezado Setti, Dois trechos da coluna: OPINIAO- CLARÍN, escrito por Ricardo Alfonsin(U.C.R),um ferrenho crítico do kirchnerismo. A tolerância, a justiça e a libertade sao pilares nos quais se assenta a democrácia que entre todos devemos defender. O autoritarismo e a pretensao de instalar o pensamento único sao de regimes totalitários incompatível com o estado democrático cuja obrigaçao é garantir o exercício de seus direitos políticos,civis,socias e humanos a todos os habitantes. "Os argentinos devemos estar alertas perante a estes embates que limitam as libertades essenciais próprias de qualquer democracia e defender-nos de qualquer intento de cercear-nos o exercício dos nossos direitos que com tanto sacrifício obtivemos. E agrega: Hoje mais do que nunca, adquirem extraordinaria vigência as palavras de Voltaire "nao penso igual que tu, mas estou disposto a dar a minha vida para que digas o que pensas". Abs.

Interrogações à distância em 01 de abril de 2011

Boa-tarde Setti. Na companhia de Goya, aqui fico à pensar com os meus botões: « El sueno de la razõn produce monstruos »... Abraços

Raphael em 01 de abril de 2011

Não há problemas com os intelectuais e não vejo no meio acadêmico sentimentos tão favoráveis assim a Chaves. Neste meio há uma pluralidade inconteste e não é verdade que são formados em sua maioria por comunistas ou marxistas. É preciso distinguir isso. Sartre era reconhecidamente de esquerda e bastante crítico do comunismo e de qualquer forma de repressão. POderia citar inúmeros intelectuais que foram bastante críticos do comunismo ou do marxismo levado de maneira dogmática. Precisamos ter compromisso na hora de buscar informações pois daqui há pouco qualquer espírito mais humanista, que defende o bem da humanidade será tachado de petista ou comunista. Não vamos matar a criticidade ao analisarmos o processo histórico. Agora, desculpem-me profundamente os que divergem, os intelectuais mais críticos (na minha concepção)tanto não vai levar em conta esta "homenagem" a Chaves, quanto não vai deixar de ver as baboseiras defendidas por Mario Vargas Llosa. Ganhar prêmio Nobel, atualmente, significa muito pouco, sabendo como esta instituição funciona, quem financia, para que propósito. Abraço a todos

ALBERTO SANTO ANDRE em 31 de março de 2011

SE OS ARGENTINOS ATE PREMIARAM CHAVEZ, QUE E UM DITADOR, VISTO QUE DE MAOS DADAS COM A CORRUPCAO ,EXTRUPOU INUMERAS VEZES A CONSTITUICAO VENEZUELANA,PORQUE RECLAMAM, E TENTAM CRIAR RITOS CONTRA OS GOVERNOS MILITARES ARGENTINOS, QUE SE COMPARADO A CHAVEZ SERIAM CRIANCAS BRINCANDO DE GUERRILHA. [SERA QUE ELES SAO ADEPTOS DAQUELA TIRADA QUE DIZ QUE PIMENTA NOS OLHOS DOS OUTROS E REFRESCO ,OU SERA PURA MEDIOCRIDADE POPULISTA ]

ALBERTO SANTO ANDRE em 31 de março de 2011

NAO NOS PREOCUPEMOS, NA ARGENTINA ONDE BUENOS AIRES JA TEVE STATUS DE CIDADES COMO PARIS ,CASO CONTINUE OS DESMANDOS ,EM POUCO TEMPO JA NEM SERA UMA CIDADE ,SERA APENAS UMA ALDEIA EM UM PAIS TERCEIRO MUNDISTA ,CASO CONTINUE COM ESTES INTELECTUAIS DE ARAQUE.

Jose Figueredo em 31 de março de 2011

Como avançar nas ciências com mestres destrambelhados.Esquecem as pesquisas para pensar em Marx.Saudosistas inveterados daquilo que sucumbiu por ineficiência.O mundo precisando de cabeças boas e criativas na busca de soluçôes para infinitos problemas,como por exemplo eliminar o uso do meio ambiente e da ciência "NUCLEAR" para a produção de energia elétrica.Enquanto isso os MESTRES ficam enchendo a cabeça de seus pupilos de "TITICA".A fome,a pobreza e as doenças se combate com?com?...trabalho,produção,pesquisas,o resto é papo furado da politicalha.

Siará Grande em 31 de março de 2011

Por favor, Ricardo, retire as aspas de "intelectuais". Pois na América Latina só é intelectual que for marxista ou comunista ou terrorista ou socialista ou petista.

Kitty em 31 de março de 2011

Caro Ricardo, VC nao imagina, a tristeza de muitos leitores, e da kitty, quando fomos na banca a buscar o Jornal Clarin no dia domingo, e alí nos disseram que o jornal nao tinha saído por causa do bloqueio . Mas, o mais triste ainda, foi no dia siguinte,quando o jornal, de maior circulaçao do país,a sua primera página estava em "BRANCO"- todos sentimos um profundo repudio!!!!!

Roberto Sterling em 31 de março de 2011

Mas não são só as Universidades que enlouqueceram... Sarney será o homenageado da Polícia Federal... Imagine só... Para o mundo que eu quero descer !!!!!!

Kitty em 31 de março de 2011

Caro Ricardo, boa tarde!!! Ontem 30/03, postei um comment sobre este absurdo, a Augusto Nunes, na realidade foi um adendo a o que ele tinha escrito, que incluia a Chávez, e eu aproveitei para contar sobre esta barbaridade que você, como sempre, descreve tao bem. Eu tinha juntado um monte de informaçoes sobre o caso, do meu jornal Clarín, para lhe enviar. Achei que lhe estaría incomodando com tanto bla-bla de baires. Inclusive lhe envie um modesto comment sobre o bloqueio dos Jornais Clarin, La Nación, nao estou achando ele, na realidade nao lembro em que seçao do Blog a postei. Estou tecleando com um nó na garganta, prestes a chorar quando vi o seu post. Está tudo na mesa, folhas e mais folhas de jornais, e sem coragem de escrever por achar que estava abusando da sua paciencia. Ainda ontem na TV estava vendo esse sujeito falando de Democracia e Libertade de Imprensa na Venezuela. Durante a entrega do Prêmio Rodolfo Walsh, os jornais nacionais nao tinham direito ao acesso ao recinto, porque estava estreitamente vigiado por um grupo de "patoteiros" baderneiros e pelos marmanjos guardacostas de Chávez e, claro, do governo. Na foto de ontem aparecía o venuezolano e Cristina juntos, com os braços levantados fazendo o signo "V" de vitória na mais deslavada provocaçao. Os dois se entendem nessa sua tao especial "demoKrasia". A Minha democracia e de muitos argentinos que nao compartilham essa ignomínia,é aquela que defende, entre muitas coisas, a plena e absoluta Libertade de Imprensa,um dos mais importante pilares da DEMOCRACIA. Sempre gostarei de seus posts!!!! Abraços e desculpe estou molhando o teclado..........e nao enxergo----

Paulo Bento Bandarra em 31 de março de 2011

Calma, calma, que daqui a pouco os intelectuais brasileiros farão alguma coisa parecida! Quem sabe ele não venha a ser tornar "Doutor Honoris Causa" por Viçosa, e dedique ao paladino da liberdade, Fidel Castro?

Kitty em 31 de março de 2011

Caro Ricardo, Estou com um nó na garganta prestes a chorar!! Ontem ´postei um comentário a Augusto sobre este tema,contei a êle em poucas palavras a B-a-r-b-a-r-i-d-a-de que eu estou acompanhando, aquí em este país, que sempre me acolheram de braços abertos,e agora esse governo anti-demoKrático outorga um prêmio a Chávez. Ricardo, juntei tantos comments, todos para lhe enviar, inclusive as fotos de Chávez e Cristina levantando os braços e fazendo a "V" da vitória. Os comentários da oposiçao, trechos do discurso dele.Enquanto esto acontecía,os jornais nacionais nao tinham acesso ao recinto que estava super protegido por "patoteiros" que faziam a vigilância. Foi uma tremenda provocaçao. Você está certo, parece uma piada!!! Caro Ricardo, eu nao envie para você porqué nao estava obtendo respostas suas, e eu pensé que VC nao estivesse mais interessado em receber news de Baires,e eu nao quis lhe incomodar. A último post foi justamente sobre o bloqueio ao jornal Clarín, que sempre foi o "meu Jornal",inclusive ,as noticias sobre Vargas Llosa, a maioria delas, as lei em esse Jornal.Você escreveu tudo, e tao bem, que estou chorando de emoçao, mas de impotência também. Se todo este meu impertinente desabafo ,algumas palavras que poderia lhe incomodar, pode DEL. Sempre serei grata pela pela sua paciencia e gentileza. Nunca dexarei de ler os seus posts!!! Nao lembro em qual seçao postei o comment do bloqueio dos jornais Clarin- La Nación,e Olé. Abraços.

Daniela Contin Garcia em 31 de março de 2011

Ricardo, o que está acontecendo com as Universidades? Algum surto de retardamento? Lula, um apedeuta, recebe o título de "doutor honoris causa", Chaves, um ditador, recebe esta homenagem agora. Sinceramente, não entendo mais nada...

Jota em 31 de março de 2011

Esse prêmio é uma piada... de mau gosto.

VER + COMENTÁRIOS
TWITTER DO SETTI