Image
Computador verde, que usa o mecanismo das plantas para adquirir sua energia da água e da energia solar  (Foto: Divulgação)

Vejam que invenção sensacional é o Plantbook, criado por dois pesquisadores sul-coreanos: um notebook literalmente verde, porque, além da cor, utiliza energia solar e água para gerar a energia elétrica que o faz funcionar.

Image
Um computador literalmente verde

plant-book-2

Inspirado na capacidade de absorção de água do bambu, sua bateria é carregada apenas com o hidrogênio, um dos componentes da água, e luz solar, como se estivesse fazendo fotossíntese, o processo realizado pelas plantas para a produção de energia necessária a sua sobrevivência. (Leia mais sobre a fotossíntese aqui).

plant-book-5

Image
Mecanismo da bateria, pela ordem dos termos em inglês: as células de energia solar; a tomada para receber o plug do notebook; a área por onde a bateria libera oxigênio; na outra extremidade da bateria, por onde a água penetra

Os dois inventores e designers, Seunggi Baek e Hyerim KimThe, explicam o mecanismo, simples e genial:

“O sistema usa um recipiente externo de água, já que o Plantbook , uma vez mergulhado na água, a absorve continuamente, e gera eletrólise usando energia armazenada numa placa fotovoltaica [que guarda energia solar] instalada em uma das pontas. No curso do processo, o notebook é operado usando o hidrogênio [cujos átomos são presentes na água] como fonte de energia e descarta oxigênio [o outro elemento químico constitutivo da água].”

“Se o usuário coloca a bateria num recipiente com água enquanto não usa o laptop, a bateria é carregada automaticamente e, ao mesmo tempo, libera oxigênio. Uma correia de silicone com formato de folha, instalada na ponta da bateria, serve como alça para conduzi-la e, ao mesmo tempo, indica, por meio de uma luz verde, seu nível de carga.”

Image
A alça de silicone em forma de folha avisa quando a bateria está carregada

Este notebook é ecológico por natureza: não utiliza energia elétrica gerada por fontes poluidoras, e ainda libera oxigênio na atmosfera.

Que tal?

Image
Simples assim — e muito bonito, ainda por cima

DEIXE UM COMENTÁRIO

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

12 + 9 =

21 Comentários

ARLINDO GARCIA JUNIOR NEGÓCIOS - ME em 13 de maio de 2012

A QUESTÃO POLITICA EM NOSSO PAÍS É UMA VERGONHA MESMO, MAS EU QUERO SABER URGENTE ONDE POSSO ADQUIRIR ESSE NOTEBOOK PARA REVENDE-LOS, POIS JÁ TENHO MAIS DE 20 COMPRADORES.ESSE VAI REVOLUCIONAR O MERCADO.TENHO QUE SABER QUAL É A CONFIGURAÇÃO.

Sidney em 12 de dezembro de 2011

INVESTIMENTO EM EDUCAÇÃO... GERA TECNOLOGIA E DESENVOLVIMENTO. AQUI NO BRASIL? VAMOS SONHANDO COM UM MUNDO TOCADO A PETROLEO E ALCOOL DE CANA! VIVA O ENEM, VIVA O PT, VIVA O EX-PRESIDENTE ANALFABETO!

Marcello Castellani em 27 de outubro de 2011

Pena que ainda seja um conceito... O problema é que como permite ao consumidor ficar livre da energia elétrica, este conceito jamais se tornará realidade. Os governos e as empresas querem-nos sempre dependentes e escravizados, pois com isso uma parcela substancial de nosso dinheiro sempre irá parar em suas mãos.

Alberto Porém Júnior em 25 de outubro de 2011

Internet Fake.

Kalyza em 25 de outubro de 2011

Este espaço é ótimo para podermos falar nossas idéias ou desabafos. Te perguntaria, Caro Ricardo Satti, que tal descobrirem a cura para o CANCER? Aí é ruim, não é mesmo? pois como ficaria a INDÚSTRIA FARMACÊUTICA, iriam a bamca rota, temos uma FARMÁCIA a cada esquina, me parece que esse é um dos motivos que o governo não investe em prevenção, não os convém, não é mesmo?

Kalyza em 25 de outubro de 2011

Se for vardade, só pelo fato de liberar óxigênio já é SENSACIONALLLL. Ecologicamente correto, O PLANTBOOK.

valter em 24 de outubro de 2011

Rs...melhor verificar a fonte antes de republicar. Parece que nem é jornalista. Se entendesse um pouco de tecnologia, veria de cara que um notebook tão fino assim inexiste atualmente.

Dru ARnaldo de Nicola em 22 de outubro de 2011

Perfeito, mas quando poderá ser comercializado, e outra ainda, há produtos que ecologicamente perfeitos ao serem dominados pela industria standard são rapidamente oferecidos a preços mais altos que os convencionais que continuam a ser produzidos e financiados alimentando um ciclo vicioso de consumo que enriquece às grandes industrias , assim, a propria sustentabilidade e a energia verde são transformados em um luxo para os mais ricos , servindo tambem para estimular jogadas de marketing para os gigantes da economia e maiores milionarios do planeta, como por ex. os Rothschild... O sistema não muda, o sistema é sempre o sistema, representa a crise em si

Ricardo em 21 de outubro de 2011

Legal, se não fosse lorota...

Anne M.da Silva Santos em 21 de outubro de 2011

Parabéns, Ricardo por noticiar algo tão importante para a humanidade (um produto simples, lindo e ecológico) para a 'tristeza' da indústria.

Andre K em 21 de outubro de 2011

Obviamente isso não existe. A eletrólise da água exige mais energia que ela gera (caso contrário ter-se-ia uma máquina de Carnot). Além disso, água pura não conduz eletricidade; são necessários eletrólitos (sais). E se NaCl for utilizado, não são formados H2 e O2, mas sim H2 e cloro, que é tóxico.

Wibi em 21 de outubro de 2011

Só acredito vendo!

Alvary em 21 de outubro de 2011

Nossa que coisa ... nada como imaginação, pesquisa e ação combinadas, esses caras são dois genios...

Rafael em 21 de outubro de 2011

Imagine se tivermos água como energia para todos os notebooks? Quantos litros de H²O seriam necessários?

Fabiano Gil em 21 de outubro de 2011

Parece muito surreal para ser verdade. Tem muito cara de pegadinha, mas se realmente for verdade, será um grande passo!!

Michel em 21 de outubro de 2011

Incrível, estão de parabéns esses gênios!

Observador100 em 21 de outubro de 2011

Caro Setti Será que isto existe mesmo? Ou seria uma destas "pegadinhas" da internet? abraço

JORGE FONSECA em 21 de outubro de 2011

Genial!!!

Luiz C Catossi em 20 de outubro de 2011

por mais que não saibamos aqui de sua capacidade de processamento e armazenamento, é um produto revolucionário. Por que ainda não falaram por aí ??? Não será viável por algum aspecto ? Não sei lhe responder. É projeto recente. E os consumidores, na esmagadora maioria, querem tudo aqui e agora, não é? Coisas de marca, garantidas, asseguradas, que todo mundo também tem. Também acho que não tiveram cacife para divulgação por veículos de grande alcance. Se eu pudesse, experimentaria esse fantástico note "verde". Abração

Ilson de Pádua em 20 de outubro de 2011

Prezado Ricardo, Como sempre você está de parabéns. Sempre nos trazendo novidades.! Abs, Ilson de Pádua Obrigado, caro Ilson. A gente procura sempre fazer isso mesmo. Um abração

Kitty em 19 de outubro de 2011

Olá Ricardo! Que maravilha é esta? Isso vai ser um estouro comercial, uma grande novidade no mercado. Já pensou meu caro,um notebook lindo de morrer,e completamente ecológico, usando energia limpa vinda da própria Natureza: água, plantas e sol! Um verdadeira façanha tecnológica!!! Vamos compartilhar no Facebook. Abração/bjs

VER + COMENTÁRIOS
TWITTER DO SETTI