Image
Marco Aurélio com Lewandowski, durante sessão do STF de 28 de novembro: votos isolados pela diminuição de penas (Foto: Ueslei Marcelino / Reuters)

Amigas e amigos do blog, como o ministro Marco Aurélio, do Supremo Tribunal Federal, é bonzinho!

Sob argumentação jurídica esmagada por seus colegas, o piedoso ministro, como se sabe, queria reduzir a pena dos mensaleiros já condenados — coitadinhos… –, prejudicando a credibilidade do Supremo e a confiança que os brasileiros passaram a ter na possibilidade de poderosos, finalmente, irem MESMO para a cadeia.

Diante de insinuações feitas durante o julgamento pelo próprio Marco Aurélio e pelo ministro revisor do caso do mensalão, o inevitável Ricardo Lewandowski, no meu modestíssimo entender a frase do dia ficou mesmo para o ministro Joaquim Barbosa, relator do processo e agora presidente do Supremo:

–Malas de dinheiro, carro forte, tudo[isso] é inusitado, e não a nossa decisão.

Image
O ministro Joaquim Barbosa foi quem deu o tom da decisão do Supremo: 7 a 2 contra a redução das penas (Foto: Carlos Humberto / STF)

Bato palmas também para o ministro Luiz Fux — alvo de tentativas maciças de desmoralização por parte de setores bem identificáveis. Juiz competente e severo — juiz concursado, é bom que se lembre –, com longa carreira que incluiu uma passagem com brilho pelo Superior Tribunal de Justiça, Fux assinalou, a certa altura da sessão de hoje, que penas duras, como as aplicadas, entre outros, ao empresário Marcos Valério, só foram impostas pela razão elementar de que ele, como outros réus, praticaram diversos crimes.

E arrematou:

— A pena final só é mais expressiva para aqueles réus que cometeram muitos delitos contra as instituições democráticas brasileiras.

Ou seja, Fux deixou claro, como já haviam deixado vários ministros, começando pelo então presidente da Corte, Ayres Britto, que o mensalão constituiu, efetivamente, uma tentativa de golpe contra as instituições — um Poder, o Executivo, tentando se assenhorear de outro, o Legislativo,por meio de corrupção, ecom dinheiro público.

DEIXE UM COMENTÁRIO

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

catorze − 4 =

34 Comentários

markito-Pi em 07 de dezembro de 2012

Tive de voltar, pois , explicando Fux, deixei Joaquinzão Maravilha sem meu apoio. Desnecessário, claro, para um herói nacional.O comentário foi um jab direto no queixo do chicaneiro lewando.O filho-da-vizinha também, na sua missão continuada de melar o processo, chamou de HETERODOXO. Gilmar Mendes, chutou direto na altura da virilha: heterodoxo, é só o número de réus.Os crimes, são comuns.O Brasil decente vibra. Joaquinzão Maravilha também, chutando de novo o chicaneiro, que nem enrubesce, disse a real frase ,: a nação não aguenta mais este processo....

markito-Pi em 07 de dezembro de 2012

Os escrotos-petistas( com o devido perdão pela redundancia) sòmente fazem estes discursos para a petralhada, talvez querendo motivar estas "hordas"inexistentes a alguma ação.Desqualificar Luiz Fux porque apresentou currículum? Todos os ministros, desde o império fizeram isso, porque é do cerimonial.Todos visitam os poderes do Senado e seus, talvez , futuros colegas.Um caso recente, dois, aliás são emblemáticos: Edson Vidigal lambeu todos os sacos para conseguir indicação. Não deu, apesar de patrocinado pelo inacreditável Sarney.Asfor Rocha foi além, e até teve assessoria de imprensa para coloca-lo na mídia. Sifu. Também foi patrocinado por Sarney. A única exceção visível, até aqui(pode haver outras...)é a do chicaneiro Lewandowski. Praque currículum? Mamãe passou açúcar no chicaneiro e pediu à vizinha, coroada de galhos mais que visíveis, que arranjasse uma boca para o filho. Esta linguagem o pt entende e a madame matriz mais que ninguém.A boquinha disponível era esta,o STF, e o pagamento desmoralizante é feito duas ou 3 vezes por semana.Marco Antonio Villa já registrou para a história, a sabujice continuada, a inaptidão, a chicanagem e as vergonhosas derrotas: Leviano levandowsky perdeu TODAS, e por goleadas acachapantes.

Maria Margarete Flores em 07 de dezembro de 2012

Caro Augusto, Vivemos um momento histórico, onde o Brasil decente esta vencendo com uma larga maioria de votos. Difícil qualificar Lewandowisk, Toffoli e Marco Aurélio, pra não perder a elegância, classifico-os como patéticos. Após este julgamento acho que da pra vislumbrar uma luz no fim do túnel, mas o batalha é árdua, os ladrões são muitos...é um novo escândalo a cada dia mas não temos o direito de desanimar. O escândalo Lula x Rosemery é nitrogliceria pura!!! O crápula do Lula some... a Dilma faz carranca e em todos seus pronunciamentos diz que esta investindo no país como nunca foi feito desde a época do Dom Pedro/FHC. O Mantega faz declarações diárias e promete crescimento do pais para 2013. 2012 deu traço. Enquanto isto a China cresce 8/9% e investe maciçamente em educação. E o Brasil ocupa o 39º lugar em recente pesquisa feita entre 40 países. O Brasil desce ladeira abaixo! E a oposição onde está, que não se manifesta, que não vira a mesa? "O que me preocupa não é nem o grito dos corruptos, dos violentos, dos desonestos, dos sem caráter, dos sem ética... O que me preocupa é o silêncio dos bons." Martin Luther King Enfim, que Deus de saúde,luz e muita força ao homem do ano o Digníssimo, o gigante, o corajoso, JOAQUIM BARBOSA. Tudo o que dissermos para qualificar, dignificar, este Homem é muito pouco. abraço Margarete

toninho malvadeza em 06 de dezembro de 2012

O Brasil decente agradece. Lewandofumodowski continua sendo vaiado pelos aeroportos e restaurantes da vida.

Marta Otto em 06 de dezembro de 2012

Prezados Setti e Pedro Luiz, fantásticas as pérolas de Oscar Niemayer. Agradeço pelo compartilhamento. Abraços, Marta

Ronaldo em 06 de dezembro de 2012

O ministro Lewandowkski age como um verdadeiro piolho pubiano, não desiste nunca de defender os mensaleiros. É sua bandeira, é sua vida. Por sorte temos seu veneno que é o presidente do STF. A atuação do Lewandowkski é inervante, causando náuseas ao povo brasileiro. Nunca se viu tanto cinismo e desonestidade numa sessão do supremo.

Alberto Semer em 06 de dezembro de 2012

Impagavel a arregada do MAM ao final da sessão quando o Joaquinzão deu ele como derrotado na votação. Deu uma sabonetada para tirar seu nome como autor desta proposta exdrúluxa. Enfiou o rabinho no meio das pernas...

Angelo em 06 de dezembro de 2012

Senhores,O que dizer desta foto de dois verdugos do STF,contaminados pelo lulopetismo,que os dirige,na esperança de desacreditarem o STF. Mais uma vez o Excelentíssimo Sr.Ministro Joaquim Barbosa está fazendo sua parte com honestidade.

neil ferreira em 06 de dezembro de 2012

Lembro também o incrível Ministro Celso Mello, infelizmente perto da aposentadoria precoce ("motivo de saúde", ele informou, que pena !) que falou a frase definitiva: "Heterodoxa é a corrupção com recibo, tal a certeza da impunidade".

santyrojr em 06 de dezembro de 2012

Opa!!!

Teophilo em 06 de dezembro de 2012

Esse ministro honra a toga, honra o Supremo, honra os brasileiros de origem humilde que sobem graças a seu esforço.

RONALDE em 06 de dezembro de 2012

Marco Aurélio, fanfarrão, fazer vênia para praticamente libertar toda a curriola é de um ridículo atroz. Do Lewan a gente não espera outra coisa, ele está escalado para isso. Tóffoli está com medo do escárnio final, já que o julgamento é televisionado.

Mairalur em 06 de dezembro de 2012

O advogado do Valério bem que poderia contratar um parecer que sustentasse que, mesmo após a condenação e o encerramento do julgamento, a delação premiada suaviza o tempo de cana. Há, sabe-se, pareceres que sustentam tudo e qualquer coisa, a favor, mais ou menos, muito pelo contrário. Quem sabe passasse no plenário e saberíamos de muitas coisinhas.

Marcio Y em 06 de dezembro de 2012

Eu, por outro lado, já concordo com o Min. Marco Aurélio, não deveria haver penas tão díspares, poderiam sim tomar como base a pena de Marcos Valério, de 40 anos, e aplicá-la aos demais mensaleiros, pronto !

Pedro Luiz Moreira Lima em 06 de dezembro de 2012

Setti: Para seu POST sobro nosso Niemeyer Mais uma prova de que a caduquice só ocorre para os que se negam a continuar vivendo normalmente. Vejam o que ele deixa em seu blog no twitter, pois há algumas perfeitas para começar a semana. PÉROLAS DE OSCAR NIEMAYER (104 ANOS) - Ganhei um convite para ver o filme da Bruna Surfistinha. Espero que seja MESMO um filme sobre surf. O filme da Bruna Surfistinha é uma apologia ao baixo meretrício e aos mais baixos instintos humanos. Mas pelo menos rolou uns peitinhos. - Meu médico me proibiu de tomar vinho todos os dias. Sorte que ele não falou nada sobre Smirnoff Ice. - Fui convidado para ver o pessoal do Comédia em Pé. Só não vou porque minha artrite não deixa ficar em pé muito tempo. - Esse humor do Zorra Total já era antigo quando eu era criança. - Linda, eu não vou a museus. Eu CRIO museus. Quer ir Ver uns museus? - Sem sono e a fim de sair pro agito. Quem embarca? - Existem apenas dois segredos para manter a lucidez na minha idade: o primeiro é manter a memória em dia. O segundo eu não me lembro. - Ivete Sangalo me encomendou o primeiro trio elétrico de concreto armado do mundo. O pessoal aqui no escritório já apelidou de “Sangalão”. A proposta era fazer o “Sangalão” de madeira para ficar mais leve. Aí eu disse pra Ivete “Quer de madeira? chama um MARCENEIRO!”. - Projetar Brasília para os políticos que vocês colocaram lá foi como criar um lindo vaso de flores pra vocês usarem como PINICO. - Caro Sarney: ser imortal na Academia Brasileira de Letras é mole. Quero ver é tentar ser aqui fora! - Nunca penso na morte, NUNCA. Vou deixar para pensar nisso quando tiver mais idade. - Perto de mim Justin Bieber ainda é um espermatozóide. - Odeio praias lotadas aos domingos. Não dá pra surfar direito, é o maior crowd. - Brasília nunca deveria ter sido projetada em forma de avião. O de camburão seria mais adequado. Na verdade quem projetou Brasília foi Lúcio Costa. Eu fiz uns prédios e avisei que aquela merda não ia dar certo. Sim, ela é aquele avião que não decola NUNCA. Segundo a Nasa, Brasília é inconfundível vista do espaço. - Duro admitir, mas atualmente Marcela Temer é o monumento mais comentado de Brasília. - Todos ficam falando Zé Alencar é isso, Zé Alencar é aquilo. Mas quem fez Pilates e caminhou na praia hoje? EU! - O frevo foi criado há 104 anos. Ou seja: só tive um ano de sossego desse pessoal pulando de guarda-chuvinha. - Segredo da Longevidade 48: Não viva cada dia como se fosse o último. Viva como se fosse o primeiro. - Na minha idade, a melhor coisa de acordar de madrugada para ir ao banheiro é ter acordado. - Alguns homens melhoram depois dos 40. E eu mesmo só comecei a me sentir mais gato depois dos 90. - Queria muito encontrar um emprego vitalício. Só pra garantir o futuro, sabe… Andei Comprando apostilas para Concurso do Banco do Brasil. Não quero viver de arquitetura o resto da vida. - Foi-se o John Herbert, 81 anos. Essa molecada da área artística se acaba rápido demais. - Só me arrependo de UMA coisa na vida: de não ter cuidado melhor da minha saúde para poder viver mais. - São Paulo mostrou ao Brasil como se urbanizar com inteligência: basta fazer o exato contrário do que aconteceu lá. - Fato: o meu edifício Copan aparece em 50% dos cartões postais de São Paulo. DE NADA. - A quem interessar possa: eu NÃO estive presente na fundação de São Paulo há 457 anos. Na verdade eu não fui nem convidado. - Se eu projetasse a casa do Big Brother os participantes iriam brigar pra ver quem saía PRIMEIRO. - A vida é um BBB e eu quero ser o último a sair! Muito obrigado, Pedro! Vai virar post, sim!!! Abração

razumikhin em 06 de dezembro de 2012

Sei lá. Pareceu que o ministro MAMello estava preocupado com a desumanidade das cadeias brasileiras. Vai que o JD - esse cara é 10! - se suicida. Já pensou que culpa cristã?

Sergio the original since 1ª Leitura em 06 de dezembro de 2012

Caro Setti: Esse Marco Aurélio é uma no cravo e outra na ferradura né não? Vá saber o que se passa na cabeça do dito cujo! Me parece um autêntico bipolar.

hiran em 06 de dezembro de 2012

Bastou colocar o ministro Marcos Aurélio sentado ao lado do advogado de defesa dos bandidos (Lewandowski), para ele começar à ver o ***** que também pode ***** ***** os mensaleiros. Nótem que o ministro Dias, já não está tão contaminado pelo Lewandowski, pois está sentado longe do dito cujo!

Silva em 06 de dezembro de 2012

Parabéns mais uma vez aos Ministros Joaquim Barbosa e Luiz Fux, provaram que Marco Aurélio no alto de sua vaidade queria mesmo é melar tudo agora no final. No alto de sua vaidade não aguenta que Joaquim Barbosa seja a estrela da vez e por que não bagunçar tudo?

markito-Pi em 06 de dezembro de 2012

A chatíssima sessão de ontem do STF, graças ao chicaneiro Lewandowski, teve um momento quase hilariante:O leviano advogado de bandidos travestido de juiz, no longo e enfadonho discurso inútil, chamou o processo de heterodoxo, patati, patatá. Foi violentamente chutado nas canelas por Gilmar Mendes e Celso de Melo, que enumeraram as heterodoxidades. Como notado por outro colega logo aí abaixo, a Ministra Carmen desmoralizou o ex-ministro Carlos Veloso( seu professor...)que emitiu um parecer comprado, desdizendo o que sempre votou. Quem leu o parecer?: O de sempre; o chicaneiro Lewandowski. Nunca é demis lembrar, por fim , caro Setti, que este cidadão, Veloso, dias antes de aposentar-se, concedeu habeas-corpus a Paulo Maluf e Flavio idem, para que fossem soltos das jaulas da Polícia Federal em SP. O argumento, de grande valor jurídico, foi que " o penalizava ver pai e filho pressos na mesma cela."Pois é. Não se estranha que o chicaneiro Lewandowski se orgulhe de sucede-lo naquela cadeira do STF.

Think Tank em 06 de dezembro de 2012

Há muitas evidencias de que o Executivo meteu a "coleira" no Legislativo e na tal "oposição" também, dada a mansidão destes e deste que disputou e perdeu a presidência/prefeitura. No Judiciário temos ai espécime escancarado deste revisor e vassalos encoleirados.

Henrique Araujo em 06 de dezembro de 2012

Ainda acho que vão aliviar para esses caras, já que é costume em nosso sistema judicial-penal. Há inúmeras possibilidades na Lei de Execuções Penais (é esse o nome?) No entanto, eles têm um azar: todo o mundo está de olho. Daí, falharam, até agora, todas as tentativas dos seus advogados de defesa (Lewandowski, Marco Aurélio e Toffoli) de aliviar a sua situação. Vamos ver no que vai dar, no fim das contas. Só me falta aparecer uma presid'anta com algum decreto de indulto presidencial.

Justiceira em 06 de dezembro de 2012

O que deu no Marco Aurelio??? Começou bem e está acabando muito mal

Kitty em 05 de dezembro de 2012

Olá caro Ricardo, Embora off-topic, aproveito este seu espaço para agradecer ao leitor Reynaldo-BH pelo link que postou em 05/12 às 21:34 sobre uma magnifica interpretação de Dave Brumbeck- que hoje veio a falecer. Deixo uma frase que li e a transcrevo aqui:"people only die when they are forgotten; we will never forget your music Dave Brubeck. (As pessoas somente morrem quando são esquecidas; nós nunca esqueceremos da sua música Dave Brubeck). Este é o JAZZ que eu realmente gosto.E,"Take Five" é uma das interpretações que mais gosto..Um abração//Kitty

J.B.CRUZ em 05 de dezembro de 2012

Pelo menos os passaportes estão presos..Francamente, Ministro Marco Aurélio, vaidade agora não!!Até o Toffoli foi contra..Já o Lewandowiski continua com a mente bloqueada pelo lulopetismo...

Wolney Dutra em 05 de dezembro de 2012

Valeu, ministro Joaquim!

moacir em 05 de dezembro de 2012

Setti, Acabo de assistir a gravação do julgamento.Chamaram-me a atenção 2 coisas: 1-Marco Aurélio vinha anunciando essa releitura do art 71 há muito tempo e é óbvio que todos os advogados de defesa captaram a mensagem e hoje choveram memoriais.O Thomaz Bastos,advogado de José Salgado,fundamentou seu memorial num parecer do ex ministro do STF Carlos Veloso que repetia a aporia lá de Marco Aurélio de A a Z. 2-A ministra Carmem Lúcia votou acompanhando o relator e fundamentou seu voto num HC - adivinha de quem? DO MESMO EX MINISTRO CARLOS VELOSO.Deve tercustado caro o tal parecer. Finalmente,me diverti dia destes lendo os 500 comentários que repercutiram lá no Reinaldo,a tal entrevista,dada pelo Fux à Folha.Não contei,mas chutaria uma aprovação de 95%.Tem comentários muito bons mas eu faria o seguinte resumo da ópera: **Luiz,meu filho,eu te perdôo em nome do Pai,do Filho e do Espírito Santo.VÁ E NÃO PEQUE MAIS!!

Silvio dos santos em 05 de dezembro de 2012

Quase que o STF cai nessa armadilha ! Seria uma desmoralização !

Jorge Chequer em 05 de dezembro de 2012

É o que diz a lei.Que assim seja. Todavia, a voz rouca das ruas (44 milhões) estaria mais satisfeita e reparada se os orquestradores (mentores maquiavélicos - PR,JD,...) ocupassem as celas dos presídios por 30 anos. Em cada braçada do MV havia a ordem dos chefões.

Mimi em 05 de dezembro de 2012

Acho excelente que essa hipótese tenha sido levantada agora e devidamente rebatida. Essa tese com certeza seria levantada pela tropa de choque petista futuramente. Mais uma vez, ficou caracterizado que houve sim amplo direito de defesa, tendo sido consideradas todas as possibilidades de beneficiamento aos réus, inclusive por argumentações apresentadas pelos próprios ministros. Assim esgotam-se os argumentos para desqualificar o julgamento. Marco Aurélio Mello nos fez um favor.

Pedro Reseck em 05 de dezembro de 2012

Lewandowski está fazendo o papel dele nessa opereta .. advogado de Defesa .. Marco Aurelio assumiu para si o papel de Bufão . Sua maléfica vaidade , a soberba e a inveja o desmoralizaram e o desmacararam...l

Reynaldo-BH em 05 de dezembro de 2012

http://www.youtube.com/watch?v=faJE92phKzI

Charles Wynn em 05 de dezembro de 2012

Não há como realmente ressaltar o papel do ministro Joaquim nisso tudo. Parabéns a Veja por sempre estar no bom combate. Abaixo a petralhada!

SergioD em 05 de dezembro de 2012

Ricardo, nada haver com o post. Morreu Dave Brubeck. O Jazz, e seu admiradores, está de luto. Abraços Eu também estou, caro SergioD. Tentei várias vezes vê-lo ao vivo, como tive a felicidade de assistir a vários outros gigantes do jazz, mas não consegui. Um colosso, deixa uma marca que ninguém vai apagar. Abraço

VER + COMENTÁRIOS
TWITTER DO SETTI