Que providências deverá tomar a presidente Dilma Rousseff diante do fato de que o programa “Minha Casa, Minha Vida”, que supostamente construirá um milhão de novas residências, é o mais atrasado de todos os projetos do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) em matéria de desembolso de dinheiro?

O “Minha Casa…”, intensamente propagandeado durante a campanha eleitoral da presidente, dispunha de 7,3 bilhões de reais para investir em 2010, mas só desembolsou 1,6 bilhão – o que significa apenas 22% do dinheiro disponível.

Conhecendo-se seu estilo, a presidente deveria ficar furiosa com esse atraso.

O problema é que quem coordenava o PAC até 31 de dezembro passado era… ela própria, como chefe da Casa Civil do ex-presidente.

DEIXE UM COMENTÁRIO

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dezesseis + 17 =

Nenhum comentário

simone em 23 de setembro de 2011

A culpa é do próprio brasileiro como um todo que infelizmente não tem uma base cultural como a de países desenvolvidos. O governo do país contribui para tudo isso, é obvio, mas quem entra lá, antes disso, é um cidadão "comum", como eu, você, mas bastou chegar lá em cima que tudo muda e pra alimentar sua ganância acaba se corrompendo. Pq será que isso acontece com uma grande maioria? É aquele negócio: brasileiro é malandro, gosta de tirar proveito de tudo e de todos. Tá na hora de mudar, se não começar por nós por quem vai começar? ps: Lembrando: toda generalização é perigosa e injusta.

Pythagoras em 20 de janeiro de 2011

Essa e facil: a culpa e do FHC. Ele nao e o culpado por tudo?

Ricardo em 19 de janeiro de 2011

Por que ela não culpa os governos anteriores? É, e ela disse que não havia herança maldita, só bendita, é uma fanfarrona. De gerentona ai não tem nada, só uma grande, imensa despreparada, e o povo acreditou.

Ricardo em 19 de janeiro de 2011

Pois é, como é que se elege uma figura como esta para a presidencia, se a mulher faliu até lojinha de R$1,99, não deu conta em 8 anos de desenvolver um projeto de habitação, que está travado, alias materia de hoje na imprensa ´´Dilma tenta destravar Minha casa minha vida´´, na verdade o que ela soube fazer foi receber o bonus da diretoria da Petrobras, só isto vea neste link abaixo, cada um do conselho administrativo recebeu R$ 8 milhões em salários, que bolada hein. http://www.petrobras.com.br/ri/Show.aspx?id_materia=fhdwH96nI3DIBlm5INuCIg==&id_canal=sgg76UC3KYDxaq0ESLvT5w==&id_canalpai=/zfwoC+leAQcwFyERVZzwQ== Você se enganou quanto à remuneração, meu caro Ricardo. Na verdade, os 8 milhões de remuneração ANUAL destinam-se a todos os membros da diretoria executiva e mais os integrantes do conselho, somados. Os conselheiros recebem um décimo da remuneração dos diretores. Seria preciso fazer muitas contas para se chegar a quanto ganha um conselheiro, mas não certamente está a anos-luz de distância de 8 milhões.

ALBERTO em 19 de janeiro de 2011

Alguém ainda acredita que o PAC não passa de uma peça de propaganda? Alguém acredita que o plano que o Mercadante anda anunciando ( não sei qual o nome mercadológico ) vai dar em algo? Os petistas sobrevivem da propaganda e que acredita que vote neles...

carlos nascimento em 19 de janeiro de 2011

Eu ainda não conhecia a veia humoristica do RS, o cara é S A R C Á S T I C O, o pessoal - Diretores da Globo e demais emissoras - deveriam atentar para o diamante bruto que está ai. Bem, conhecendo os antecedentes da Presidente, acredito que ela vai começar a dar "porrada" no reflexo do espelho, será que vai ?

Ixe em 19 de janeiro de 2011

Serão 4 anos divertidos, sob esse aspecto, de não poder malhar o antecessor, da qual foi a principal gerente. Será uma saia-justa permanente não poder usar de uma das principais armas petralhas: em casos de fracasso (e como são muitos, meu Deus... até a inflação de volta...) e de pura incompetência, sempre passar a responsabilidade para os antecessores. No caso, simplesmente não pode.

jonas em 19 de janeiro de 2011

SEJAMOS JUSTOS COM A DILMA,O PAC COMEÇOU A SER IMPLEMENTADO NO INÍCIO DO SEGUNDO MANDATO DO LULA,O "MINHA CASA,MINHA VIDA NO MEIO PRO FIM DESTE MANDATO. SÓ ISSO DÁ UNS 2 ANOS,2,5 ANOS DE UM PRO OUTRO. ISSO SEM FALAR QUE O PRIMEIRO JÁ VINHA DE PROJETOS ABORTADOS HÁ ANOS POR OUTROS GOVERNOS,O SEGUNDO TEVE QUE SAIR DO NADA.

gaúcha indignada em 19 de janeiro de 2011

Só com a polícia federal, poderemos resolver o projeto "minha casa, minha vida". CADÊ?????

Sonia em 19 de janeiro de 2011

Eu fico pasma com a falta de informação da imprensa. Até o reino mineral sabe que o atraso está na burocracia e que não se pode passar por cima dela. Tem que fazer licitação, e mil e uma coisa. Isso não se faz da noite pro dia. É lamentável que a imprensa se faça de cega pra atacar Dilma...

Iago José em 19 de janeiro de 2011

Caro Ricardo, Bonjour! Pois é, o histórico do PAC é de fracasso. No number one, nem metade do orçamento previsto foi gasto, e o number two já fora lançado. Agora vem mais uma para entrar na história dos petralhas! É esperar para ver, meu caro amigo! Grande abraço, Sucesso, Iago José

Marco em 19 de janeiro de 2011

Caro R. Setti: Isso q podemos conceituar de demais e muito pouco... Abs.

Bruno em 19 de janeiro de 2011

Setti, sugiro ela esbravejar em frente ao espelho. Quem sabe ela aprende alguma coisa nestes 4 anos a frente do Governo petista.....

Ivy em 19 de janeiro de 2011

Já eu gostaria de saber até quando a população vai permitir que esse grupelho domine o país e nos faça de cordeirinhos.

Jade em 19 de janeiro de 2011

Registro aqui meu repúdio para com a última revista Veja, que noticiou na seção GENTE que a tal Iriny da equipe do ministério com m minúsculo, e que vai fazer política para mulheres, gosta de sambar. Por acaso a revista Veja perdeu a noção? Está debochando? Tanta gente morrendo tragicamente por causa da irresponsabilidade do governo e a Veja vem informar que a criatura gosta de dançar? Isso é demais! A quem interessa saber as preferências dessa criatura? Vou protestar não renovando minha assinatura, não tenho interesse nas preferências de ninguém da equipe desse governo. Considerei uma grande falta de respeito. Um escárnio para com os mortos na tragédia. Pegou super mal, seria bom se os editores se dessem conta. Deveriam pedir desculpas aos assinantes. Jade, sou apenas um colunista do site de VEJA e responsável por este modesto espaço. Você poderia dirigir suas observações à revista. Escreva para o diretor de Redação, veja@abril.com.br Um abraço

gaúcha indignada em 19 de janeiro de 2011

Quem credita no projeto do projeto ao partido da taxa de sucesso, infelizmente é o "zé povinho", coitados, são enganados há 8 anos.

VER + COMENTÁRIOS
TWITTER DO SETTI