Minha solidariedade a Reinaldo Azevedo diante de energúmenos que o ameaçam por dizer o que pensa e por dizer a verdade

Amigos do blog, nem sempre concordo com o que o meu colega e amigo Reinaldo Azevedo escreve, e com certeza nem sempre ele concorda com o que eu escrevo.

Com o Augusto Nunes, e com outros blogueiros, certamente acontece a mesma coisa.

Aqui no site de VEJA não existe “pensamento único” — diferentemente do que pensam alguns leitores que, esses sim, tocam pelo mesmo tom, o do poder lulo-petista.

Mas Reinaldo, por dizer uma série de verdades sobre a ação de fascistas durante a recente ocupação da reitoria da USP, está sendo pessoalmente ameaçado por vários energúmenos, e por um em especial.

panfleto

Panfleto distribuído na USP e publicado no Facebook: ameaças e protestos

Declaro aqui minha pública solidariedade ao Reinaldo diante de trogloditas incapazes de conviver com a diferença, incapazes de dialogar, incapazes de entender e praticar a democracia e que merecem, como vão, ser levados às barras dos tribunais.

Cadeia neles!

Para entender o caso, leiam texto a respeito postado pelo Reinaldo.

Leiam também o que o Augusto Nunes escreveu sobre o assunto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

5 × um =

15 Comentários

  • Vanda

    O absurdo é que isto sim é a #Ditadura! Reinaldo não poder falar o que pensa, até porque ele é jornalista!

  • Tuco

    .

    Entre a canalha pútrida, e os
    senhores – Jornalistas de verdade -,
    só há diferenças! Cada qual com seu
    estilo, o certo é que nós, assíduos
    leitores (e humildes colaboradores),
    aqui encontramos um porto seguro.


    .

  • Petrus

    É no mínimo deprimente viver em uma ditadura mascarada. A patrulha ideológica alcança todos os cidadãos, desde pequenos blogs até os grandes blogueiros, a liberdade é menor a cada dia, todos blogs políticos sabem do que falo, pois não existe um sem patrulha ideológica
    Na minha opinião o caso do Reinaldo Azevedo não é surpreendente, pois a ameaça não é nada mais do que uma consequência decorrente de anos sem TOTAL liberdade de imprensa e de expressão, algo o qual ao meu ver é um absurdo, quero reiterar que a ameaça não é surpreendente, mas ainda assim ela é absurda e lamentável
    Só tenho medo de viver em uma ditadura mascarada hoje e de amanhã encontrar a tirania
    Abraços

  • Octávio

    Gostei da solidariedade ao Reinaldo, de quem sou leitor e palpiteiro assíduo. Pelo menos chegamos ao ponto em que sabemos, cada dia mais, quem são os inimigos do Brasil. Aos poucos a “ditabranda” vai dando lugar para a “democradura”. O petismo é uma epidemia e não tem vacina!

  • JT

    No Rio o governo manda a polícia tomar conta da favela. Em São Paulo o governo manda a polícia tomar conta da universidade. No Rio os favelados hasteiam a bandeira do Brasil. Em São Paulo os universitários criticam a classe média e a imprensa. O que há em comum na favela do Rio e na universidade de São Paulo? Elas estão cheias de traficantes – de drogas, de ideias ultrapassadas, tanto faz. E o que todo traficante quer? Um estado paralelo, sem polícia.

  • Marco

    Amigo Setti: Já comentei no Nunes, o problema do Rei é o mau humor, no resto das suas funções; é sem dúvida o jornalista de maior faro apurado em identificar esses tipos de absurdos. E isso irrita e azeda muito malandros ideológicos.
    Abs.

  • adair giacomo baccin

    Que tal. Da mesma forma todos os que acompanham os cometários do Reinaldo já o aplaudiram e manifestaram seu apoio incondicional, mesmo sendo desnecessário, vez que, os artigos do Reinaldo são arrazadores , colocando esta turma de encapuzados no seu devido lugar. Esta turma de “intelectuais” – que tal chamá-los de intelectuais – encontraram um osso duro de roer. Olha poucos escrevem tão bem e claro como o Reinaldo Azevedo, seus artigos matam a cobra e mostram o pau .

  • Markito-Pi

    Que tal transformar teu texto em manifesto?Coloque, por favor, meu nome no abaixo assinado.

  • SergioD

    Ricardo, discordo do Reinaldo na maioria das vezes. Já discordava no tempo de sua revista, a Primeira Leitura, com a qual não concordava com a linha editorial, mas lia, em respeito às opiniões divergentes. Concordo também com um companheiro de BLOG aí abaixo: ele é mau humorado. Mas ele tem o direito de emitir sua opinião qualquer que ela seja. O máximo que pode lhe acontecer é ser criticado e mesmo, no caso dos mau educados, xingado.
    Agora, ser ameaçado por isso… Esse tempo já passou e muitos sofreram muito para enfrentar os que gostariam de colocar uma mordaça na boca da sociedade.
    Embora tenha minhas diferenças com o Reinaldo, ele também tem a minha solidariedade.
    Grande Abraço

  • Leonardo Carvalho

    Reinaldo é um grande analista politico e entende muito bem da politica nacional e internacional. Eu também ofereço minha solidariedade a ele e que esses criminosos respondam pelos seus atos na Justiça.

  • Razumikhin

    Essa é a democracia desses “socialistas” – ameaças de morte a quem não concorda com eles. No poder, executaram milhões na Rússia, em Cuba, China, Vietnam, Angola.
    Para mim, não restam dúvidas. Se o povo brasileiro não tivesse se levantado contra esses canalhas em 1964, nós estaríamos hoje vivendo em uma das partes do antigo território do Brasil, que teria sido dividido: Brasil do Norte ou Brasil do Sul. Esses canalhas estariam exultantes na sua república “democrática”. Milhares de brasileiros mortos. Para aqueles, não são nada.

  • Denúncia do Arruda Setembro/2010

    Meu caro, não posso publicar comentário ofensivo como o seu. Comentários críticos, sim, sempre, mesmo que com críticas duras. Xingamentos e ofensas, não.

  • Nilson Torres

    Sr. Setti
    A Veja nao tem pensamento unico, isto eh
    mais engracado do que o video postado acima.

    VEJA tem, obviamente, uma linha editorial.
    Os blogueiros que aqui escrevem, porém, têm absoluta liberdade de escrever o que quiserem, inclusive divergindo uns dos outros e da própria revista.

  • jader pereira

    Também me solidarizo com o Caro Reinaldo que,na companhia do sr. e do do prezado Augusto Nunes dão exemplo de jornalismo político.Aproveitando a oportunidade,eu peço ao sr.que,se possível,disponibilize um arquivo dos seus posts,como fazem os seus colegas anteriormente citados.Ocasionalmente,fico alguns dias sem acessar o blog e tenho que retroagir página por página,pacientemente.Ou quero ler um post específico de meses atrás(do qual não lembro o título) e dá dor de cabeça pra achar.Adotando o sistema dos seus colegas facilita bastante.Acredito eu que vários leitores passam pelo mesmo que eu e ficariam agradecidos se o prezado atendesse ao meu pedido.Desculpe o uso do espaço para dar a sugestão que escapou ao comentário.Desde já, grato.

    Muito obrigado por seu interesse, caro Jader.
    Vou ver da possibilidadede fazer como você diz.
    Abraços

  • Rubens

    Não publico comentários sobre a revista VEJA. Para tanto, dirija-se ao diretor de Redação, por meio do e-mail veja@abril.com.br