O caseiro Francenildo: “Só porque eu disse a verdade, vou ser prejudicado pelo resto da vida”

 

Francenildo Foto Agência Estado

Amigos, vejam só: até hoje o caseiro Francenildo, exemplo de retidão do brasileiro médio, não recebeu um centavo de indenização da Caixa Econômica Federal pela quebra ilegal de seu sigilo bancário, em 2005. A Caixa foi condenada, mas, claro, recorreu para empurrar o caso com a barriga e o processo dorme numa gaveta da Justiça.
Enquanto isso, o rapaz continua pobre e vivendo de bicos.

A reportagem é do site do Estadão:

. . . . . . . . . . . . . . . .

BRASÍLIA – No Dia Internacional de Combate à Corrupção, comemorado neste dia 9 de dezembro, o ex-caseiro que denunciou o ex-ministro Antonio Palocci faz um desabafo em entrevista exclusiva ao estadao.com.br. Francenildo Santos Costa reclama da dificuldade que tem tido para arrumar emprego fixo nestes últimos cinco anos e meio depois que contou ter visto o ex-ministro por diversas vezes na chamada “casa do lobby” em Brasília.

“Só porque falei a verdade eu vou ser prejudicado pelo resto da vida?”

Francenildo vive de bicos como jardineiro e limpezas de piscina. Não conseguiu nenhum emprego com carteira assinada depois que teve a coragem de enfrentar um dos homens mais poderosos da República. Ele afirma que possíveis empregadores ficam com receio diante de sua fama, mas não se arrepende de ter falado a verdade.

“Ainda bem que tem a imprensa”

Para o ex-caseiro, combater a corrupção passa por falar a verdade e não mudar a versão, diz ele fazendo referência aos escândalos mais recentes. Ele acredita que a corrupção sempre existiu. “Ainda bem que tem a imprensa para denunciar.”

Aconselhado pelo advogado, Wlicio Nascimento, retomou os estudos. Ele Francenildo só tinha a 4ª série quando ganhou notoriedade e deve concluir o segundo grau no próximo ano. Para ele, esta foi a parte boa de ter feito a denúncia, ter recebido incentivo para evoluir.

Sobre o ex-ministro Palocci, que perdeu outro cargo neste ano sob suspeita de corrupção, prefere nem falar: “O que ele (Palocci) faz não me interessa, meu problema é com a Justiça.”

Conta que acompanhou o julgamento que absolveu Palocci no Supremo Tribunal Federal (STF) porque espera que alguém seja punido no episódio. O processo continua em andamento contra outros envolvidos, como o ex-presidente da Caixa Jorge Mattoso.

Reparação

Francenildo aguarda a conclusão de um processo em que pede indenização por seu sigilo bancário ter sido violado. Na primeira instância, a Caixa Econômica Federal foi condenada a indenizá-lo em R$ 500 mil. O banco público recorreu e o processo está paralisado no Tribunal Regional Federal da 1ª região, em Brasília.

Enquanto a reparação não sai, procura manter a discrição.

A pedido da mulher, não recebe mais jornalistas em sua casa em São Sebastião, na cidade satélite de Brasília. Conversa apenas no escritório do advogado, no Lago Sul, bairro nobre da capital.

Recusou convite para entrar na política e procura dedicar sua energia para a filha nascida no ano passado e espera no futuro poder dar uma vida melhor para a família. No dia a dia, procura seguir o que fez no caso Palocci, falar a verdade.

Veja o vídeo com a entrevista de Francenildo ao Estadão neste link

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

14 Comentários

  • Roberto souza

    Pois é caro Setti.
    Francenildo continua pobre, vivendo de bicos, enquanto isso, Palocci saiu do imbroglio com o caseiro, outra vez virou ministro todo poderoso, aprontou de novo,ficou milionário, saiu pela porta dos fundos e aproveita a vida numa boa aguardando o momento de voltar ao poder e ficar ainda mais rico.
    Viva o Brasil onde todos são iguais perante as lei, apenas com o detalhe que alguns são “mais iguais” que outros.

  • Mari Labbate *44 Milhões*

    A JUSTIÇA DIVINA APLICARÁ AO BRASIL A PENALIDADE MÁXIMA, querido irmão Francenildo Santos Costa, pois não existe Impunidade no Universo! Fiquei muito feliz, ao saber que está estudando! Parabéns! Esse é o verdadeiro caminho do Progresso Espiritual e Material!

  • Teresinha

    Este caso do Francenildo comove.
    Já que a comissão da verdade está a todo vapor, como exemplo,deveriam apressar o processo deste rapaz que tornou-se vítima do sistema pt.
    Ele sim é um brasileiro de verdade e da verdade.

  • Gamal

    Francenildo e Eriberto; homens do povo.
    Lina Vieira; servidora pública.
    Disseram a verdade.
    Amargaram consequências.
    Mas preservaram a dignidade e consciência pessoais,
    Não é pouca coisa, já disse certa vez o senhor Eriberto.
    Salve os Francenildos, Eribertos e Linas!

  • Vera Scheidemann

    Tenho muita pena desse rapaz. Está sendo punido
    por ter agido exatamente como qualquer homem de
    bem deve agir. Tomara que a justiça faça o seu
    papel e a reparação que tão justamente lhe é devida não tarde muito mais ainda.
    Vera

  • Dexter

    Caro Francenildo:
    Você é um orgulho para todos nós!
    Felizmente o Brasil tem muita gente como você.
    Não esmoreça e receba de todos os brasileiros de bem, o apoio e a força para continuar sua batalha
    Pode ter certeza que você já é o vitorioso.
    Mesmo que as forças dos mais iguais que os outros te dê outra rasteira, não desanime.
    Sua vitória é nossa vitória.
    Obrigada!

  • Luiz Antonio

    O francenildo merece uma estátua em sua homenagem, erguida em frente ao Congresso Nacional, como símbolo franqueza e honestidade.
    Que a justiça seja feita!!!
    Que sua atitude sirva de exemplo a todo povo brasileiro.
    Parabéns Francenildo!!!.

  • Ora ! não é coitado coisa nem uma, O que ele ganhou para, como caseiro de confiança denunciar o patrão? Será que foi só por amor a patria ? Na verdade ele nem sabia o que lá se fazia, coisas que a maioria dos politicos de Brasilia fazem, e os de outras bandas também . Se falou da quebra do sigilo dele, tudo bem, foi ilegal, mas ficou evidente que o nobre caseiro pouco antes das denuncias recebeu gordas boladas, e de quem e para que? isto não investigaram, a desculpa do tal pai biológico não cola, porque só agora mais de vinte anos depois ele se preocupou com o filho? Por favor parem com os tais brasileiros honestos e patriótas pois isto não existe, pode até existir algum enquanto não surgir oportunidade de ganhar algum numa maracutaia, ou seja todos são corruptos até prova em contrário, como no tempo dos milicos: Todos são culpados até prova em contrário!!!

  • carlos nascimento

    Em nosso País a Justiça sempre tarda, as vezes engaveta, outras prescrevem, deixando um rastro de impunidadse e de injustiças, resta um consolo, como diria o Mestre Confúcio: “o tempo é o Senhor das Soluções”, não há mal que dure pra sempre.
    Francenildo, não perca a esperança, o seu lugar já está reservado na história, sua coragem e exemplo de dignidade, servirão de sementes para novas gerações que um dia assumirão os destinos do Brasil, ai a Justiça se fará presente, premiando quem de fato a merece.

  • carlos a silva

    Geraldo Dalla Nora deixe de ser idiota e puxa saco destes bandidos do PT e pare de escrever bobagens, se para vc a honestidade tem preco, para homens como o Francelino ela e uma obrigacao

  • tico tico

    Francenildo precisa relembrar o Brasil da injustiça praticada pela Caixa. A melhor forma seria ficar em frente a agencia que lhe estuprou a conta bancária, com um cartaz dizendo “nesta agencia começou meu pagamento por ser honesto”.

  • Dimas

    No País de Mentira, falar a verdade pode condenar um cidadão á morte social e até a morte fisica.O Nacional Socialiasmo do PT está acabando com o que restava do estado democrático de direito, recuperado após a ditadura militar.Vivemos atualmente uma ditadura nazi-fascista.

  • Geraldo Dalla Nora

    Enquanto a maioria do povo esta satisfeita o PT vai continuar mandando, quem é operário ou trabalhador rural sabe bem o que foi aguentar os anos dos milicos sanguinários.

  • Geraldo Dalla Nora

    Não posso divulgar aqui um comentário elogiando o nazismo. Procure outro blog para isso, Geraldo.