O dia em que Sílvio Santos fez a imprensa de boba

Amigos do blog, apresento-lhes neste texto um dos melhores jornalistas que conheço: o bravo gaúcho Luiz Cláudio Cunha, que já enriqueceu redações e chefias em veículos como VEJA e o Estadão, e é autor de um esplêndido livro sobre um caso emblemático da nefanda “Operação Condor” — colaboração entre os órgãos de repressão das ditaudras que oprimiu o Cone Sul — que ele desvendou e cobriu quando chefiava a sucursal da revista em Porto Alegre, Operação Condor: o Sequestro dos Uruguaios (editora L&PM, 2008).

Sílvio Santos não poderá mais repetir o seu famoso bordão: “Quem quer dinheiro?”.

Abriu-se na sexta-feira o baú de infelicidades do mais famoso animador de auditório da TV brasileira, dono do SBT, a terceira maior rede do país no ranking de audiência, transmitida por 106 emissoras (15 próprias e 91 afiliadas).

O seu banco, o Panamericano, queria dinheiro, muito dinheiro, para cobrir o rombo de 2,5 bilhões de reais no seu balanço fraudado. O banco de SS repassava carteiras de créditos de suas operações para outros bancos, mas não contabilizava essa transferência no balanço, que justificaria hoje o bordão de Santos no programa Tentação: ”Vale dez reais?”

No melhor estilo Lula, Sílvio Santos apressou-se a declarar: “Eu não sabia de nada”.

A fraude do lucro inflado no banco do apresentador de Topa Tudo por Dinheiro representa 40% dos ativos do Panamericano, que somam R$ 6,5 bilhões, e passou batido por uma das mais respeitadas empresas de auditoria do mercado, a Deloitte.

A solução engenhosa para sair da enrascada estava embutida num dos bordões mais conhecidos de SS: “Vem pra cá, vem pra cá”.

Foi o que ele disse ao governo Lula, que foi lá para o SBT em apuros, já que tinha interesse no caso — a Caixa Econômica Federal adquiriu no ano passado 49% das ações do banco –, por meio do camarada FGC, o Fundo Garantidor de Crédito, mantido pelos bancos mas sensível a apelos federais. Sobretudo quando o Banco Central recomenda que apóie determinadas operações.

O FGC, a quem SS ofereceu 44 empresas de seu grupo como garantia, disse que a recomendação de socorro feita pelo Banco Central tinha por objetivo evitar o “risco sistêmico” que poderia abalar a área financeira do país.

Quando o PT de Lula era oposição, essa desculpa do PSDB de FHC era motivo de zombaria para a inclemente confraria petista.

O sempre bem informado Guilherme Barros, colunista de economia do portal iG, informou que o BC, ao contrário de Lula e de Silvio Santos, sabia de “inconsistência contábil” no Panamericano há dois meses, ou seja, desde setembro.

Foi examente em setembro, uma quarta-feira, 22, dez dias antes do primeiro turno da eleição presidencial, que Sílvio Santos visitou Lula inesperadamente no Palácio do Planalto, causando o alvoroço previsível.

Naquele dia, o sorridente SS avisou que estava ali apenas para convidar o presidente para a abertura do Teleton, um programa que arrecada recursos para crianças e adolescentes com necessidades especiais. No embalo, ainda arrancou uma doação de R$ 12 mil de Lula.

Silvio atropelou a agenda presidencial, tirando do caminho uma reunião prevista para aquele horário justamente com Henrique Meirelles, o presidente camarada do BC que dois meses depois seria fiador do SOS para SS.

O que espanta, neste processo, é a inconsistência sistêmica da imprensa brasileira, que cobriu burocraticamente a surpreendente visita de SS ao Planalto: “Não venho aqui desde o governo Itamar Franco”, avisou ele, ou seja, fazia já 18 anos.

E os repórteres e editores engoliram, em seco, a explicação boboca sobre o Teleton. Se não fosse tão preguiçoso, habituado ao declaratório e ao oficialiesco, um jornalismo esperto poderia ter percebido ali as fagulhas do rolo do Panamericano que enfiou o FGC, o governo e Sílvio Santos no mesmo baú de desinformação e incertezas.

O desprezo de SS pela notícia já faz parte do folcore nacional. Na noite de 17 de julho de 2007, as maiores redes de TV do país interromperam a cobertura dos Jogos Panamericanos do Rio para mostrar as primeiras imagens fumegantes do Airbus da TAM que explodiu no aeroporto de Congonhas, em São Paulo. O SBT foi o último a informar sobre a tragédia.

Nem Bin Laden conseguiu desfazer o sorriso de plástico de SS. No 11 de setembro de 2001, o dia do maior ataque terrorista da história, que as TVs do mundo inteiro cobriram ao vivo para o mundo estarrecido, o SBT continuou, impávido, a transmitir sua programação normal, quebrada apenas por breves flashes de plantão nos horários comerciais.

Naquele dia, o SBT atingiu um dos menores índices de audiência de sua história.

Prova de que o povo, apesar de Sílvio Santos e alguns de nossos jornalistas, não é bobo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

2 × um =

Nenhum comentário

  • Geraldo

    O que mais falta para que os 84% de “Ótimos e Bons” percebam que estão sendo enganados, sistematicamente, nesses últimos, digamos, 5 anos, só para começar pelo mensalão?

  • Marco

    Caro R. Setti: S. Santos sempre declarou q TV na sua opinião era diversão !
    Abs.
    PS: Mas claro q o peso da tua opinião é maior q a da dele, pelo menos para mim.

    Valeu, obrigado, caro Marco.

    Abração

  • Laélia Carvalho Giacon

    Esse pessoal é tão esperto quando o dinheiro entra, mas tão bobinho na hora de assumir responsabilidades.
    E a conta irá para… Nós, cidadãos trouxas, que trabalham para pagar tanto imposto.

  • P R I

    Pena que nada disso foi divulgado antes da eleição. Também, não sei se mudaria alguma coisa, as pessoas ficaram cegas parece. E o jornalismo do SBT vai continuar do mesmo jeito, se prestando a esse tipo de papel. Um papel igual ao daqueles que rodearam SS em Brasília pra tirar fotos.

  • Edú

    A rede de SS também foi a única a ignorar a transmissão pela televisão aberta da declaração da presidente eleita após o anuncio do resultado oficial das urnas.Nunca concordei com sua proposta de fazer televisão mas seu sucesso iminente como self made man e pessoa física q mais contribui com o IR no pais sempre impôs um modelo as avessas de receita pública para o êxito comercial.Lamento porém q próximo dos 80 anos de idade o empresário tenha q sacrificar mais de metade de seu patrimônio para fazer frente aos recursos tomados para evitar a liquidação de sua instituição financeira.

  • Reynaldo-BH

    Setti, dois breves adendos.
    Na “visita” ao Planalto que agora sabemos do que se tratava, ele referiu-se à última visita feita até então como para “auele presidente estranho, que era mineiro!”, obviamente referindo-se a Itamar. Ninguém me disse, eu vi em uma reportagem!! Entre risos de deboche e um ar blasé de pouca importância. Quanto ao estilo SS de 4respeito ao jornalismo, vale dizer à informação, resta lembrar que foi o primeiro a colocar atrizes e personalidades instantâneas como âncoras de noticiários. Como disse em um comentário em outro post seu, pode demorar, mas todos acabamos por saber o por que daquela visita tão extemporânea. Insisto que o que mais me agride é o aspecto temporal deste “auxílio” que segundo Lula, é dado a quem precisa. Mesmo que fruto de roubo, como ficou claro. Dez dias após as eleições e 40 após à visita ao Planalto. Admitindo que antes das eleições ninguém havia movido uma palha para este socorro, que a CEF não teria interesse no assunto, que esta mesma Caixa desconhecia a roubalheira (ou os dirigentes são coniventes ou incompetentes!), solicito a esra instância de análise creditícia a mesma agilidade para comigo que tiveram com SS. Só preciso de uns parcos reais! Quando precisei e recorri, o tempo foi maior. Mas, pensando bem, eu não tenho as “garantias reais” que certamente SS ofereceu. Entre elas, um jornalismo a lá “quem quer dinheiro?!”

  • Angelo Losguardi

    Excelente artigo. Completo apenas dizendo que nunca antes na história deste país uma “bolinha de papel” custou tão caro.

  • Ivelyse Ferraz

    SILVIO SANTOS VEM AÍ, junto com Luis Inacio, Dilma, PT, enfim, todos os assaltantes dos cofres públicos… FORA GENTALHA!!!!!!

  • Mauricio

    Ricardo:
    Me desculpe por estar novamente discordando de você.
    Analise: a transferência do Banco Nacional ao Unibanco foi a primeira e mais cara das transferências, custando R$ 5,898 bilhões ao BC. Agora, a conta foi paga por quem? Como diria um colunista da FSP: “pela Viúva” (Erário Público), correto? As negociações com os chamados “títulos podres” para reembolsar a União… bem… isso daria margem à discussão em um novo tópico.

    Olha, caro Maurício, o Proer, que salvou o país da bancarrota e que foi atacado furiosamente pelo PT, já foi elogiado por este governo publicamente em mais de uma ocasião, foi um dos fatores essenciais para que os bancos brasileiros e o sistema financeiro como um todo resistisse muito bem à crise financeira mundial iniciada em 2008 e mereceu sempre todas as homenagens do então ministro da Fazenda, Antonio Palocci.

    Quanto ao fim do Nacional, o que eu quis dizer é que o presidente FHC não se deixou tocar pelo fato de que, quebrado o banco, com a decretação da intervenção, a fortuna pessoal de sua própria nora esteve envolvida. A família Magalhães Pinto deve ter hoje 5% do que tinha. Quantos homens públicos são capazes desse gesto?

  • pedro simon bolivar

    caro 7:
    os políticos dominaram o cenário econômico. o que foi uma fagulha de capitalismo está hoje rescaldado pelas medidas estatizantes do governo.
    a acao da nossa caixa era negociada a 18 reais no mesmo ano em que o banco do brasil pagou mais de 70 num claro conluio tucano-petista…e que atrasou ou sepultou a privatizacao da cesp.
    pq que nao falam nada da expansao descontrolada da petrobras? pq nao investigam seriamente as graves denuncias apontadas pelo tcu?
    ora…está todo mundo mamando. tucanos, dems e petralhas.
    esse escandalo do panamericano é apenas mais um a ser abafado…

  • Luara

    Ricardo, encontrei hoje no blog do Lucio Neto uma notícia estarrecedora: está lá no blog cópias dos tweets ameaçadores que o deputado do PMDB Luis Romanelli mandou para ele. Confira. Ameaça-o com o mesmo destino de Diogo Mainardi. Nesse blog consta que Diogo precisou ausentar-se do país por estar recebendo ameaças de morte.
    Eu pergunto: um deputado pode fazer isso? Um advogado pode fazer isso? Onde está a OAB? Onde está Diogo Mainardi? Onde estão os protestos pela ameaças de morte que ele vem recebendo? Onde está a polícia? Peço-lhe encarecidamente que investigue esse assunto e publique uma matéria a esse respeito. Não podemos abandonar Diogo, cujo único mal que fez a essa gente foi denunciar seus conchavos. Vida longa ao Diogo Mainardi. Cadeia para o deputado ameaçador já!

    Cara Luara, troquei emails com o Diogo recentemente e ele se mudou para Veneza, segundo me disse, por duas razões: seus filhos e a calma para escrever um livro sobre paralisia cerebral. Ele me pareceu muito feliz lá e não comentou nada sobre essas supostas ameaças de morte. Você não o tem visto nos domingos à noite, às 23 horas, no canal GNT, participando do “Manhattan Connection”?

  • Maria Odete de Paula

    Que loucura!!!!
    Estou horrorizada, mas, não surpresa. Recentemente ouvi falar sobre outra fraude enorme ao INSS e também que muitas pessoas lá da Bahia estão sem água e sem tudo. Quem irá salvá-los, urgentemente?

  • carlos nascimento

    Então quer dizer que a reportagem que o meu xará Carlos Nascimento -sbt- engendrou – bolinha de papel – sobre o Serra, teve esse fabuloso custo – R$ 2,5 bilhões -, caramba, trata-se da “bolinha” mais cara do planeta, aqui vai uma pergunta, podemos acionar o “GUINESS” ?
    Amigos, volto a lhes dizer, sou discipulo do Mestre Confúcio “o tempo é o Senhor das Soluções”, aguardem, a festa acabou, a ressaca vai ser braba, os tapetes não conseguem esconder o lixo.
    Sai já dai molusco, correndo………….pega.

  • maria cristina

    Silvio Santos, zombou, humilhou, e vendeu ilusão para o povaréu, sua forma mesquinha de fazer aviãozinho com notas e atirá-las à platéia, foi desrespeitosa, degradante, nojenta e asquerosa.
    Existe uma lenda que diz: a pessoa pode ter muito dinheiro, mas caso não faça bom uso do mesmo, esse poderá mudar de mãos, deixando-o na penúria, será que isso está acontecendo com o sr. Abravanel?

  • Rodolfo

    Se isso acontecesse na Venezuela, o Hugo Chavez não iria imediatamente ESTATIZAR o banco e o canal de TV(SBT)?

    Provavelmente, sim.

  • Amadeus

    Setti,

    Espanta-me sua entusiasmada defesa do Proer.

    A família do sujeito sequestrado, depois de salvá-lo do pior, vai defender sempre a correção do preço estipulado para o resgate.
    Se não fosse pago as consequências seriam piores.

    O Proer foi isso.
    Estávamos sequestrados e pagamos o resgate cobrado.

    Os americanos foram descuidados e não “pagaram” o que insinuava exigir o Lehman Brothers.
    E a coisa ficou pior; custou muito mais.

    Não queira emoldurar o Proer com virtudes, porque não é disso que se trata, mas de vícios e seu preço.

    Sequestrados, pagamos o preço exigido e seguimos adiante.

    Sábios foram aqueles que à época vislumbraram que os golpes e os golpistas são parte inseparável do negócio e instituiram esse tal de FGC.
    A jogatina se reconheceu como tal e assumiu parte preponderante dos riscos inerentes ao jogo.

    O empreendimento humano avança na terra apesar das virtudes; e não o contrário.

    E por falar em virtudes, que tal uma estátua para o SS.
    É a primeira vez que vejo um empresário entregar seu patrimônio pessoal para o salvamento de um de seus negócios.

    Isso deve ser reconhecido, pois a legislação não exige que assim deva ser.

    Os donos do Econômico não perderam nada do que detinham, e nem lhes foi exigido, e hoje os Calmom de Sá ameaçam serem mais ricos que dantes.

    Nunca se imaginou que algum herdeiro do falido Banco Nacional tenha vertido uma única gota de suor para garantir a sobrevivência da espécie.

    Aqui no Paraná um candidato a Governador questionado sobre a hipótese de eventualmente ficar sem “cargo público” alegou que não precisava disso, pois era herdeiro de banqueiro falido, portanto, bem de vida.

    O Proer foi boa coisa?
    É claro que foi.

    Saímos vivos e devendo alguma coisa que vai dos 50 aos 150 bilhões de reais.

  • reca sampa

    Ricardo, abaixo o link do vídeo dos estudantes. EU OS APOIO.

    http://www.youtube.com/watch?v=xEQbHDA_HF

    Obrigado pela visita e pelo link, e um abração.

  • thiago

    Talvez seja apenas coincidência, mas vale lembrar que no meio do segundo turno, após o cancelamento de um debate pela então candidata Dilma, o SBT cancelou uma entrevista com o candidato José Serra que iria ao ar no Nordeste.

  • Akio

    Ora, cortejar governo de plantão, seja lá de que matiz for, agir sorrateiramente e criminosamente; ser arrogante, discricionário, autoritário, e oportunista, sempre foram a marca do Senor Abravanel, é o malufismo traduzido no empresariado; agora, afinado com a bandidagem governista petista, que nunca sabem de nada, e nunca souberam, a não ser rapinarem de forma descarada e corrupta os cofres da nação à revelia da lei; fazer caridade com o bolso alheio, sempre foi a tônica de Lula e seu governo; fazer circo nos meios de comunicação e cassinos com suas empresas, sempre foi a tônica do Senor Abravanel; agora, quando pego na delinqüência, corre para a casa do reizinho de plantão e pede socorro, é atendido, estão todos afinadíssimos, todos mentem descaradamente, de que não sabiam, não viram, não ouviram, não falaram. É um circo, como eles gostam, e querem fazer do Brasil, Lula, Senor Abravanel. Quem quer dinheiiiiiiiro? Vem prá cá, … vem prá cá, … vem prá cá…

  • igor

    Eu dise para o indio da costa pelo twitter:

    Eu aposto que tem dedo do governo no meio…A PARTIR DAÍ COMEÇA A CENSURA DOS VEÍCULOS DE COMUNICAÇÃO, COMO ESTÁ PREVISTO NO PNDH-3

    tem algo de errado aí! pq justo o Sílvio Santos tem que pagar o pato pelas burradas desse banco fajuto?

    querem tirar o dinheiro do silvio santos…em um governo de esquerda, ninguem mais pode ser rico…é lamentavel! a prioridade é sempre para os pobres…ou seja o governo gosta de ver pobreza!

    O problema, caro Igor, é que o “banco fajuto” pertence ao Silvio Santos…

  • Emerson

    Oi, Setti.
    O texto de Luiz Cláudio Cunha serve, de alguma maneira, como mea-culpa, não? Afinal, nesse caso faltou “jornalismo esperto” em toda a imprensa. (Ou houve alguma exceção que não vi?)
    Abraços.

    É um mea culpa no sentido de que o Luiz Cláudio também é jornalista e os colegas que cobrem o Palácio do Planalto não investigaram o que havia por trás da visita nem seus chefes se interessaram por um trabalho mais detalhado. Mas não um mea culpa dele próprio, que hoje ocupa uma função de assessoria e não está na chamada frente de batalha.

    Abraços

  • alexandre fernandes

    trecho do jornal valor econômico de hoje : ” a decisão do empresário de colocar todo seu patrimônio como garantia ao fgc, assumindo a responsabilidade pela contabilidade irregular, foi uma solução inédita na história do sistema financeiro nacional. Os prejuízos de gestão fraudulenta em geral são assumidos, em última instância, pelo Tesouro Nacional”. Em outro trecho do mesmo jornal, o presidente do conselho de administração do fgc, Gabriel Jorge Ferreira diz : ” atuo no sistema financeiro há 50 anos e nunca vi nada parecido. Um empresário financeiro entregar seu patrimônio para evitar uma liquidação. Em geral eles fazem o oposto, uma blindagem. Foi um comportamento exemplar”. Concluindo : não se deve comparar o Silvio Santos com outros banqueiros falidos, que jogaram o prejuízo para os contribuintes. Ele paga o maior IR do Brasil mesmo sem ser o mais rico do país. Ele pode ter suas “esquisitices” mas é um dos empresários mais honesto desse país.

  • A péssima qualidade do nosso jornalismo investigativo é inegável.Se os verdadeiros motivos da visita de SS tivessem sidos descobertos, talvez o episódio da “bolinha de papel”, armado pelo SBT, não teria acontecido ou teria ocorrido com menos credibilidade para a emissora. O fato é que a montagem feita pelo SBT, e desmascarda pela Globo, prejudicou Serra.O rombo do Panamericano com certeza é MAIOR DO QUE O VALOR ANUNCIADO. Se o Banco Central já sabia, o governo e o SSS também sabiam. Ficaram omissos de setembro até ontem quando estourou o escândalo.

  • jefferson

    Sempre que os donos dos meios de comunicação estão com dificuldades financeiras batem a porta do papai estado e pedem ajuda. Seja por meio de emprestimo, isenções fiscais, compras sem licitação, jornalismo alinhado ao poder e achaque mesmo.
    Detestam o estado para os outros e amam o estado para si.

  • carlos nascimento

    Ricardo,

    Falemos da “bolinha de papel”.
    Vc conhece muito bem o xará do SBT, se R7 fosse o âncora do jornal do SBT, aceitaria fazer o papelucho de jogar o Serra ao ventilador de lama, só para defender o patrão que estava enrolado no Bancentral ?
    Me ajude a fazer uma avaliação do Carlos Nascimento, pelo qual tenho ainda um certo respeito

    Carlos Nascimento.

    No seu lugar, eu dissociaria inteiramente o Carlos Nascimento do Silvio Santos. Carlos Nascimento é um excelente jornalista.

  • cacalo kfouri

    o que eu quero saber é pra que que servem as empresas de auditoria. todos os bancos que quebraram – aqui e fora daqui – foram auditados por essas mesmas empresas, que nada descobriram quando a vaca já estava no brejo – e não era a caminho. empresa de auditoria, a meu ver, funciona como a da piada: o contratante pergunta quanto é dois mais dois? o auditor responde: quanto você quer que dê?

    Realmente essa conta das empresas de auditoria não fecha, caro Cacalo. Tenho a mesma dúvida que você.

    Um abração saudoso

  • Mauricio

    E não seria coincidência demais, também, a visita dele ao planalto ter ocorrido, justamente no horário em que havia uma reunião com o Meirelles do BC? Será que a agenda foi realmente atropelada e a reunião cancelada? Estranho que a visita tenha ocorrido justamente na hora da reunião com o Meirelles.

  • Rodolfo

    O Henrique Meirelles acabou de dar uma declaração nos jornais em que diz que o não houve dinheiro público na ajuda ao Pan-Americano.

    Eu concordo com ele, afinal de contas a CEF, o BB, os CORREIOS….. não pertencem mais ao Brasil, e sim a uma entidade PRIVADA chamada PARTIDO dos TRABALHADORES, cujo CEO chama-se Lulla da Silva e que tem dentre umas de suas SUBSIDIÁRIAS INTEGRAIS o PMDB, o PSB, o PC do B…….

    O PT virou uma das HOLDINGs mais lucrativas no Brasil. Se fizessem um IPO do partido seria o maior sucesso aqui e em NY!

  • Rodolfo

    Lembro que durante a crise do subprime em 2008 quando o Governo dos USA compraram grandes participações em bancos e seguradoras para não deixar essas falirem, o Lula veio às TVs e disse que o SOCIALISMO salvou os EUA, que o ESTADO FORTE salvou os americanos, o SOCIALISMO salvou o CAPITALISMO….. e outras idiotices mais.

    Acontece que nos USA, o Governo comprou fatias de empresas quase que a US$ 1,00, ASSUMIU o CONTROLE, mudou a gestão, cortou bônus dos executivos, reduziu custos, endireitou tudo e começou a vender essas participações com LUCROS extraordinários, muito mais até do 100% em vários casos, trazendo no final das contas um BENEFÍCIO para o contribuinte americano.

    Aqui no Brasil, é o inverso, ou seja, o “Grande Capitalista” Lulla da Silva manda uma Estatal(CEF) comprar uma participação de 49% num banco PRIVADO, quase FALIDO, com DINHEIRO PÚBLICO, SEM ASSUMIR o CONTROLE(com que finalidade????) e agora essa mesma participação vale apenas 50% do valor pago no final de 2009.

    O Lulla e o PT são “GENIAIS”…..

  • Rodolfo

    Aliás, Ricardo, o Governo salvou o Pan-Americano que nem conta-corrente pessoa física tinha e deixou a VARIG naufragar, levando junto milhares de aposentados e pensionistas do fundo de pensão da companhia!

    Quanta gente quebrou no caso da VARIG?

    E quantas pessoas, além do SS, quebraram no cado do Pan-Americano?

    Uma certa maldade, não acha?

    Abs e um ótimo dia.

  • Jota

    Todos já comentaram isso mas… não tem como resistir à piada:

    É bolinha de papel pra lá, e bolada de grana pra cá.

  • Marcos Jordão

    Sei que meu comentário pode nao entrar, mas de longe já pecebe-se um tucano acusando um empresário que ta se arriscando até o pescoço para salvar seu patrimonio,nao prejudicar a economia nem os clientes de seu banco.É válido observar as ciatçoes de partido político, o que caracteriza uma abordagem alem das fronteiras economicas mas sim partidária. Arranja agora um motivo para desdenhar e relacionar o Grupo SS ao PT,no mínimo preconceituoso no comentário em que cita os bordoes do empresário como referência ao golpe que o Grupo sofreu. Acredito que poucos empresários se arriscaria como ele nesse caso, Silvio Santos Mostrou que tem dignidade, responsabilidade e honestidade diferentemente de muitos políticos e mi e até bilhionarios desse pais. Cabe ao jornalista saber separar suas ideologia partidária com sua profissao. isso nao é profissionalismo.

  • @MarcosNews

    Sei que meu comentário pode nao entrar, mas de longe já pecebe-se um tucano acusando um empresário que ta se arriscando até o pescoço para salvar seu patrimonio,nao prejudicar a economia nem os clientes de seu banco.É válido observar as ciatçoes de partido político, o que caracteriza uma abordagem alem das fronteiras economicas mas sim partidária. Arranja agora um motivo para desdenhar e relacionar o Grupo SS ao PT,no mínimo preconceituoso no comentário em que cita os bordoes do empresário como referência ao golpe que o Grupo sofreu. Acredito que poucos empresários se arriscaria como ele nesse caso, Silvio Santos Mostrou que tem dignidade, responsabilidade e honestidade diferentemente de muitos políticos e mi e até bilionarios desse pais. Cabe ao jornalista saber separar suas ideologia partidária com sua profissao, isso nao é profissionalismo.

  • marcos vale

    Se não fosse triste, seria hilariante…
    Para qualquer um que tenha inteligência mediante, deve-se concluir que (teve a participação do Presidente do BAnco Central, na reunião (porém, foi mais um embuste do Governo), ao afirmar que a reunião com o Presidente do Banco Central foi desmarcada, em função da reunião emergencial com Silvio Santos.
    Dessa reunião participaram Lula, Meireles e Silvio Santos.
    Desde agosto para setembro já era sabido pelo Banco Central e pelo Presidente Lula do rombo do Banco Panamericano, porém, ficou tudo em sigilo, em função das eleições.
    O que o Silvio não faz para ganhar um emprestimozinho?
    O que o Todo Poderoso Onipresente não faz para ganhar mais uma eleição?
    É só não ter medo de afirmar o imaginado, e repetir atá a exaustao para que pareça verdade e assim vão convencendo parcelas significadas, que estão empenhadas em quando mais comer do erário público melhor, e, ainda, convencer também bom parcela da população, com o refrão “eu não sabia”, “eles estão mentindo”,”nunca antes neste país’, e muitos outros…

  • Corinthians

    Eu ainda estou um pouco confuso para montar este quebra cabeça.
    Faltam peças.
    Discordo quando diz que Carlos Nascimento é um bom jornalista – e sinceramente atribuo à ele a reportegem mentirosa da bolinha de papel. Bem antes disso o Jornal do SBT (do qual ele é editor) já apresentava um grande viés socialista ao apresentar reportagens como “máquinas agrícolas automatizadas acabam com o emprego no campo” e coisas do tipo, ignorando o fato de que tecnologia demanda muito mais empregos do que remove.
    Também é lamentável o fato de que a entrevista com Serra não foi mostrada no Nordeste.
    Ainda mais as diversas auditorias falhas (o que eu duvido). Normalmente as auditorias são feitas por especialistas que geram documentos mostrando as irregularidades, e os gerentes/diretores de posse destes documentos tomam as decisões de correção ou não. Duvido que não tenham sido gerados estes documentos e que ninguém tenha percebido a manobra do banco. Acredito sim que este documentos foram propositalmente ignorados.
    Também acho lamentável, como sempre, o povo brasileiro ser o útlimo a saber das coisas para não “interferir” no processo eleitoral… só aqui no Brasil acham justo que o eleitor vote sem conhecimento pleno do que está ocorrendo no país, e por isso escondem informações e deixam ações para ocorrer após as eleições.
    Por fim, fica o alento de que diferente de todos os outros bancos, pelo menos o SS colocou seu patrimônio como garantia para salvar sua instituição financeira. Temos que considerar isso junto ao fato de ele ser o maior pagador de impostos do país. Isso foi uma atitude louvável e honesta – sim honesta, pois de acordo com a lei isto era desnecessário.
    Por isso continuo admirando Silvio Santos.
    Mas já passou da hora de ele mandar o Carlos Nascimento embora e esclarecer definitivamente as falhas jornalísticas de sua emissora.
    Jornalismo do SBT – você NÃO pode confiar.

  • Simone

    Li num jornal que o então presidente do Panamericano era personal trainner antes de ser escolhido pelo Silvio Santos para essa função. Isso procede? Se afirmativo, teria sido incapacidade ou fraude mesmo? Existe algum mecanismo para impedir novas aventuras como essa, via CVM, Banco Central, etc.?

    O Banco Central não fiscaliza a escolha de diretores, cara Simone. É preciso ter alguém dono de um banco suficientemente, digamos, cabeça fresca para indicar pessoas que não são do ramo. A prática normal dos banqueiros, em seu próprio interesse, é escolher bem, não é mesmo?

  • carlos nascimento

    O mercado hoje andou “auscultando” agumas vozes que entende do riscado, temos outros barulhos na praça, quem será ?
    Não serei “leviano”, por isso vou ficar quieto, a festa acabou, à ressaca vai ser dura, quando o bicho pegar, eu quero ver a cara de um certo líder que gosta de dizer “nunca antes na história desse pais”, o certo meus amigos é que perdemos a grande chance de virarmos à página de subdesenvolvimento, surfaram na onda e acabaram perdendo a prancha, agora é chegada à hora de sair da praia – epa,palanques – ainda vou ouvir “petralha” dizer que era feliz com o FHC e não sabia.

  • Umberto Boihagian

    Amigo Ricardo,como sempre, quando o filme envolve o sistema bancário, não tem mocinhos,só tem bandidos, tais como, os executivos do banco que “maquiaram”os balanços para garantir seus bonus,as auditorias que nada detectaram,a Caixa Econ.Federal que comprou sem examinar direito se a mercadoria não estava podre, a agencia FITCH que melhorou a classificação do banco pela entrada da CEF,o Banco Central que estimulou sem pressão (??)a entrada da CEF e pecou nas fiscalizações, eo o próprio empresário Silvio Santos.Esse último alocou seu patrimonio em garantia de um empréstimo,oque não é nenhum favor.Se não o fizesse perderia tudo em uma falencia.Isso é mais uma lição do risco que representam os bancos sejam os pequeninos como o BP, ou os grandes não estatais,infelizmente.

    Obrigado por suas luzes de sempre, caro Umberto. E desculpe a demora na resposta. Viajei hoje de SP para Brasília.

    Abração

  • FREDY

    Que ridículo esse seu comentário pra nao dizer puramente raivoso. Duvidar da reputacao de SS é realmente estar fora da realidade do país onde voce vive. E pior, querer comprar SS com Lula no “eu nao sabia” nao é algo realmente injusto e desproporcional. Voce realmente parece nao saber o que escreve. Devia pensar melhor antes de escrever um “artigo de impacto” como parece ter sido a sua intencao. Lamentável !!!

    Eu realmente não sei o que eu escrevo, Fredy. Sabe de uma coisa? Eu sou bobo.

  • ÁLVARO JUNQUEIRA

    Esse assunto do Silvio Santos, e agora a possiblidade do SBTX, do Eike Batista, me fizeram lembrar da entrevista do Zé Dirceu no Roda Viva.
    Fiz questão de reproduzir o trecho que achei bem revelador:
    Paulo Moreira Leite: “Vocês dizem: a imprensa precisa ser mais plural. Por que é que não tem? Por que não faz um jornal diferente? Por que não fazem revistas diferentes? O que é que impede?”.
    José Dirceu (com aquele típico sorriso irônico e superior de quem sabe muito, não abre o jogo e desdenha da ignorância dos interlocutores: “Vão surgir, não se preocupe não, vão surgir… Precisa unir interesses, articular interesses”.

  • Bastardo Inglório

    Não esquecer da falsa entrevista que o apresentador concedeu à revista Contigo. A imprensa pede pra ser zoada, às vezes.

  • EDSON GANDARELA

    NUNCA ANTES,
    SE NÃO FOSSE TRÁGICO,
    SERIA HILARIANTE.
    NUNCA ANTES,
    ESTE BRASIL,
    TEVE TANTO ASSALTANTES.
    NUNCA ANTES,
    O POVO CONHECEU,
    TANTOS FARSANTES.
    NUNCA ANTES,
    LADRÕES DE COLARINHO BRANCOS,
    BONITOS E GALANTES.
    NUNCA ANTES,
    SE VIU EM HOSPITAIS
    GENTES COM MENTES DELIRANTES.

    ——————————-

    AINDA ME LEMBRO QUE UM PRESIDENTE FOI EXPULSO
    DE BRASILIA, SÓ PORQUE FAZIA FESTA NA CASA DA
    DINDA E COMPROU UMA FIAT ELBA, SEM EXPLICAR,

    ………..E HOJE, NINGUEM, DIZ NADA, CADE OS
    CARAS PINTADAS………

    Ôooo, Edson, não foi só um Fiat Elba, não. Meu Deus do céu, a coisa chegava a centenas de milhões. O esquema de corrupção era bravíssimo.

  • Marco

    No meio de tantas “incosistências” alguém sabe explicar p/ q a CEF contratou um banco, o tal Fator, para avaliar o Panamericano? Eles não tem capacidade para fazer tal avaliação de preço e condições de saúde? Se não tem , q tipo de banco é a “nossa” CEF?

  • Jefferson

    Silvio Santos não faz só a imprensa, mas milhões de brasileiros de bobos, com suas loterias tele-sena, seu topa tudo por dinheiro onde ele humilha os participantes em troca de mixarias e sua programação jornalística desprovida de credibilidade, tem sido assim desde o início do SBT. Isso mostra que concessão de espectro de TV é coisa séria, tem que analisar bem o grau de idoneidade e as reais intenções daqueles que o pretendem.

  • luiz antonio - rj

    SS não é jornalista, é animador de auditorio e excelente vendedor. Infelizmente uma penca de profissionais da imprensa é “de esquerda”, satisfaz-se com um dindin governamental e faz vista grossa para a safadeza encrustrada em Brasilia.Todo mundo babando com lula.Perderam todo e qualquer auto-respeito.

  • fpenin

    Setti,
    Não concordo com a citação de que Sílvio tenha feito a imprensa de boba. Por ser elemento da mídia, o apresentador, abusando de seus colegas,apenas usou o seu dom de iludir.Se, nesse episódio, alguém saiu com a imagem arranhada não foi a imprensa. A vida apresenta muitas alternativas; enquanto uns usam fantasias de destaque,outros desfilam no bloco de sujos. E todos se julgam acima do bem e do mal, e…felizes.Caráter não se vende em feira-livre!

  • fpenin

    Setti,

    Setti,
    Tempos honestos, os dos anos 90. O então ministro Magri aceitou a esmola de 30 mil dólares, uma merreca. E perdeu o cargo. A Operação Uruguai, tão modesta, foi amarrada por módicos 5 milhões, uma titiquinha. O preço pago pelas consciências cresceu exponencialmente nesse governo que aí está;é o progresso, meu!

  • amc

    A HISTÓRIO SE COMPLETA:
    DESDE NOV/2009 JÁ TINHA PROBLEMAS NO PANAMERICANO, A CEF COMPROU 49% PARA NÃO DEIXAR ELE QUEBRAR ASSIM COMO FEZ COM O BANCO VOTORANTIM,OU SEJA, FOI COMPRA POLÍTICA AO INVES DE DEIXAR IR AO FGC!!!
    A VALORIZAÇÃO DEPOIS DA COMPRA DAS AÇÕES DO PANAMERICANO FOI DE 291%!!!! O SS E DEMAIS GANHARAM UMA GRANA PRETA HEN!!!
    OS COMPANHEIROS AQUI PAGAM A CONTA DA CEF CERTO SR. LULA???
    O SS JÁ SABIA DO ROMBO DE SEU BANCO, A POUCO TEMPO FICOU SABENDO QUE O ROMBO ERA AINDA MAIOR! APELOU AO LULA EM VISITA, E ESTE PEDIU, DEIXA PASSAR AS ELEIÇÕES E VÊ SE DÁ UMA FORÇA PARA A DILMA NO JORNAL DO SBT QUE ASSIM GARATIMOS A SUA AJUDA APÓS AS ELEIÇÕES!!!
    JÁ ADIANTO AOS DEMAIS TROUXAS DO BRASIL ONDE ME INCLUO, O LULINHA (E DIRCEU) VÃO FICAR COM O SBT, TALVEZ O EIKE BATISTA SEJA O TESTA DE FERRO UMA VEZ
    NINGUEM VAI DESCONFIAR DESTE “BILIONARIO”.
    AOS PETISTAS DE PLANTÃO, TOMEM VERGONHA NA CARA E SEJAM BRASILEIROS DE VERDADE E PAREM DE PUXAR O SACO DE SEU IDOLO IMORAL!!!!

  • uilian

    O autor dessa matéria eu não conheço!!!
    Mas o Silvio santos, eu e o Brasil conhecemos bem!!
    sua história, sua luta e seu trabalho.Confio nele;e sei que ele não errou,erraram os idiotaas dos executivos,como ele já falou seu negócio não é o banco;e o prejuíso foi único dele,pois são seus bens que estão em jogo!! então torço para o SS sair dessa ,e dar mas um exemplo de persistência e garra para vencer!!

  • justinanceiro

    A diferença está muito clara, como era feito o socorro aos Bancos antes e depois de Lula. Antes existia um tal PROER – Programa de Estímulo à Reestruturação e ao Sistema Financeiro Nacional, criado MP 1179, em 1995, por FHC, que o Governo Federal absorvia a parte pôdre do Banco e a parte BOA ficava com o Banqueiro que comprava o Banco quebrado. Hoje não é mais assim, o sistema financeiro é muito bem regulamentado e existe o fundo garantidor criado com recursos dos próprios Bancos que empresta aos Bancos em dificuldades. No caso do Panamericano, foi uma operação perfeita, o governo não entrou com um centavo; o próprio fundo garantidor emprestou o dinheiro e o Grupo SS deu seu patrimônio em garantia, coisa jamais visto na história do Brasil. Existe uma grande diferença.
    Teste da Verdade:
    Procure ver a negociata da transferência do Banco Nacional ao Unibanco foi a primeira e mais cara das transferências, custando R$ 5,898 bilhões ao BC, em 1995, veja de quem era e quem administrava o Banco Nacional. Você vai ter uma surpresa!

  • César

    Sílvio Santos alterou o seu famoso bordão para: “Quem TEM dinheiro?”.

  • ALEX DE CAMBOJA

    Se até os auditores mais regorosos não detectaram a fraude contábel nas contas do Panamericano, como duvidar que Silvio Santos poderia saber? Não podemos esquecer já foi considerado um dos maiores pagadores de impostos no Brasil.

    Caro Alex, estou entre os que acreditam que ele, Silvio, agiu de boa fé.

    Abraço

  • ALEX DE CAMBOJA

    Alguém sabe me citar algum empresário que empenhou todo o seu patrimônio para resguardar a sua imagem e não prejudicar os seus clientes e o até sistema finaceiro nacional? Alguém sabe que o Silvio Santos já foi considerado o maior pagador de imposto no Brasil?

  • Carlos

    Isso só mostra a falta de caráter e de hombridade moral de Silvio das Chagas Santos. Senhor Abravanel, respeite o nosso povo mais humilde. Os Silvas e os Santos legítimos. Peça dinheiro aos Safra, aos Rotchild ao sionismo internacional.

  • joao suizu

    LULA COMO SEMPRE SABIA DE TUDO, MAIS O ESCANDALO ANTES DA ELEIÇÃO PODERIA PREJUDICAR SUA PUPILA….ANTES DELE SAIR MAIS ESCANDALOS VIRÃO A TONA…..ETA PRESIDENTE DO POVO.!!!!!

  • fpenin

    Segundo informa a imprensa, em 11 de setembro O Sr.Sílvio já tomara conhecimento (se é que não soube antes)das mutretas que estavam sendo criadas no Banco Panamericano. Uma breve pergunta: por que somente após aproximadamente 60 dias o nosso comunicador resolveu divulgar os fatos ? É fácil deduzir, mas…

  • celia

    Hoje, me pergunto, nesses últimos 8 anos poderíamos ter destituído aquele cara que nunca sabe da nada… e nada fizemos, cadê os caras pintadas desse país?????? Por que o Lula terminou os dois mandatos????Por que ninguém faz nada contra a escória que assolou nosso país?????
    Por que a CEF comprou 49% do Panamericano falido??? Por que estamos passando por tudo isso??? celia

  • Ernesto José Malheiro Neto

    Isso é o começo de muitas coisas que ainda irão aparecer no final do governo MULa e o início ou meados do governo da terrorista “Dirrrmmmma”

  • ALEX DE CAMBOJA

    Compreensível esses comentários provocados pelo crise no grupo Silvio Santos. Mas todo o problema na vida é referente a dinheiro ou custa R$ 2,5 bilhões, mas isso serve de lição a todos nós: quando o assunto é patrimônio, a credibilidade é o maior de todos eles e deve sempre ser preservada!!! E Silvio Santos provou de forma responsável ao colocar todo o seu patrimônio como garantia, que sua imagem não tem preço.

  • ALEX DE CAMBOJA

    O proprietário da Loterias Muricy, Auxílio Suguimoto, em Curitibam diz que não observou qualquer diferença na movimentação relacionada a vendas e trocas de TeleSenas. “Em algumas promoções como às relacionadas ao Natal e Dias das Mães, o lote de 500 unidades não dura um dia”, comenta o proprietário.“É impressionante a credibilidade e o carinho que a população deposita nos produtos do Sílvio Santos”, completou.

    (http://www.parana-online.com.br/editoria/economia/news/491100/?noticia=CLIENTELA+SEGUE+FIEL+AO+PANAMERICANO)

  • biribinha

    Impressionante como as pessoas e a midia tranmitem e noticiam que o homem do bau esta preocupado coma sua credibilidade.Mula sem cabeca,cegonha ,Papai Noel existem.A conta da farra nos pagaremos,sempre.

  • nilton rosa

    Caro Setti..
    Já São * anos de governo Lula, qtas. vezes a capa da veja estampou a “cara” do Lula em matéria “do bem” , como vcs gostam de fazer? e qtas vezes o Psdb? e qtas aGlobo? e qtas. os governos pró- veja? o dinheiro é de uma conta particular entre os bancos e o nacional? vc sabe quem administrava o banco que usou o dinheiro PUBLICO para a negociata da época AH!! na época, era o governo “do bem” , desculpe, chapa branca sé em carro OFICial..obrigado.

    Sobre as capas de VEJA, por gentileza, dirija-se ao diretor de Redação, pelo email veja@abril.com.br

    Sobre meu blog, escreva pra mim.

    Obrigado e um abração.

  • Carolina Setti

    nooooooossa esta do teleton eu também não sabia!!!!!!!!

    :-S

    12 mil do Lula ou do cofres públicos??

    AAAAAAAFFFFFHHHHH

    Querida sobrinha, a história do Teleton seria uma colaboração pessoal do Lula que, segundo Silvio Santos, o presidente não pagou…

    Beijos

  • No final das contas, dinheiro só tem valor porque as pessoas acreditam que vale algo. Concorda?

  • sabrina schatz

    Esse texto é incoerente,a forma que ele foi escrito é um tanto infatil quando se trata que foi escrito por um aduto

  • Lodisval

    Quando a imprensa não cumpre seu papel investigativo, para dizer o mínimo, pagar uma fatura de 2,5 bilhões de reais é pouco.

  • OSAMA

    A cada dia que entro nesse site e passeio por estes blog’s fico ABISMADO e ESTARRECIDO com o tamanho da dor de cotovelo e inveja desses ELITISTAS podres que aqui tramam, propagam e tentam fazer o povo de bobo!
    Vc’s são patéticos !
    Parabéns governo e BRASIL .. outro nível !

  • marco ribeiro

    parece materia investigativa, mas a cada dia concordo que a imprensa seja livre, mas que de alguma forma esta mesma imprensa possa falar com imparcialidade , e não com textos dirigidos que tentan influenciar o público com suas opinião tendenciosas, com fundos de verdade mas na verdade tomando partido por a ou por b, queremos verdades e não ser dirigidos pela imprensa, desculpe vocês que não querem enxergar os beneficios que o Presidente lula fez ao Brasil e ao mundo. Reconhecer os erros e melhor que ficar patinando em um mar de verdades presumidas. felicidades para todos. com a graça de Deus.

  • rayane

    oiii silvio santos eu tenho um sonho a realiza , so tenho 13 anps vc pode mim ajuda? moro em vila velha , no bairro de guaranhuns n:4 te amo vc e muito bom