Artigo de 2004: O escândalo que dorme na Justiça

Superior Tribunal de Justiça patina para decidir sobre ministro suspeito de vender sentenças. Desde 1822, nunca houve causa igual no Judiciário brasileiro

Artigo de 2004: O escândalo que dorme na Justiça A sede do STJ, em Brasília (Foto: STJ)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *