Image
A Allianz Arena lotada, como sempre: exemplo de como o futebol pode ser um sucesso dentro e fora de campo (Foto: Allianz Arena)

Enquanto o futebol brasileiro, a não ser por iniciativas dos próprios jogadores como Bom Senso F.C., não dá sinais significativos de que sairá da era medieval tão cedo, alguns grandes clubes europeus caminham na direção diametralmente contrária.

Para muitos o maior time da atualidade, o Bayern de Munique é um grande exemplo do quão diferente do nosso pode ser o futebol.

Image
O elenco do Bayern para a temporada 2013-2014: jogadores como Ribéry, Robben, Lahm (fila inferior à direita), Schweinsteiger (no topo à direita) e os brasileiros Thiago e Dante (terceira fileira) (Foto: Bayern de Munique)

E os fatos de a equipe, atual campeão alemã, europeia e mundial, contar com a base da seleção alemã no elenco – nomes como Boateng, Lahm, Schweinsteiger e Müller -, possuir um dos três melhores jogadores do mundo (o francês Franck Ribéry) e ser dirigida pelo gênio catalão Pep Guardiola são apenas parte de um enorme projeto de sucesso.

Sete anos e meio de casa cheia

No último dia 7, Markus Hörwick, diretor de comunicação do clube bávaro, divulgou a inacreditável informação de que os últimos 255 jogos do esquadrão pelo Campeonato Alemão foram realizados em estádios lotados. Tanto na fabulosa Allianz Arena, casa do Bayern desde 2005 com capacidade total para 71 pessoas, quanto nos alçapões visitantes.

Considerando que o torneio, mundialmente conhecido como Bundesliga, é disputado há mais de 20 anos por 18 equipes no formato pontos corridos (34 rodadas), faz-se o cálculo e chega-se a conclusão de que o Bayern não se apresenta em caráter sold out no certame há exatos sete anos e meio.

Incentivos e ingressos a preços acessíveis

Image
Imagem aérea do estádio (Foto: Allianz Arena)

O fenômeno da torcida local se explica em parte por uma política de incentivos de fidelidade da própria entidade. Aos 38 mil sócios que possuem carnês para os jogos pede-se que frequentem o mínimo de 8 partidas por temporada. Do contrário, o privilégio passará a mão de outro torcedor.

Ao mesmo tempo, as entradas, embora possam custar até 70 euros (R$ 229,00), são vendidas por uma média de 22 euros (R$ 72,00). Trata-se de mais um motivo para sentar e chorar se compararmos com o futebol brasileiro. Nossos grandes clubes não hesitam em pedir R$ 500,00 ou mais por ingressos sem sequer garantir a segurança dentro ou fora dos estádios aos consumidores.

O futuro é alemão

Quanto ao fato do Bayern também encher os estádios quando joga fora, a resposta pode ser encontrada nas estatísticas da própria Bundesliga. Na temporadas 2012/2013, o campeonato foi o que melhor média de público teve na Europa (41.914), à frente da poderosa Premier League inglesa (35 mil) e do Campeonato Espanhol (28 mil).  O Brasileirão 2013 teve média de 14,9 mil por jogo. Três vezes menos do que na Alemanha.

Esta e uma série de outras razões, que comentei neste post de maio do ano passado, nos levam a crer cada vez mais seriamente de que os alemães, além de estarem entre os favoritos à Copa 2014, em breve terão o melhor campeonato nacional do mundo.

Image
Pep Guardiola no vestiário do clube (Foto: The Guardian)

Quanto ao Bayern de Guardiola, a história está se fazendo muito rapidamente: a equipe já conta com dois canecos desde sua chegada, no início da temporada – Supercopa da Europa e Mundial de Clubes da FIFA -, e deve abocanhar o bicampeonato alemão com tranquilidade e não há quem duvide de sua capacidade de repetir o feito também na Champions League.

DEIXE UM COMENTÁRIO

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

12 − três =

4 Comentários

carlos nascimento em 15 de fevereiro de 2014

Ricardo, Não é necessário nem comentar, basta vida inteligente, observando o padrão das (3) fotos postadas, o nível de organização é altíssimo, fico me perguntando por cá, quando nosso País terá esse nível de excelência ? creio, talvez na 3a. geração dos meus netos, é duro fazermos comparativos, estão acima, bem acima, da nossa capacidade de organização. DADOS Comparemos os padrões: lá o principal Clube - Bayern de Munique - vive o seu apogeu,levantando Taças, aqui, o nosso famoso Timão - Corinthians - tem o seu CT invadido, lá o Bundesliga bate recordes de arrecadação, público e mídia, por cá....o campeonato da rede globo está sub judice, talvez seja resolvido na Justiça Comum, é para chorar......de RAIVA. Aproveitando, minha previsão para a Copa do Mundo, a Alemanha é a grande favorita - 80% - para levantar a Taça. Á CONFERIR. abração.

Fernando 3 em 14 de fevereiro de 2014

Exemplos como este, Ricardo, tem q ser estudados, nem acho q pra serem seguidos à risca (pq existem diferenças "irreconciliáveis, cultura, história...) mas a verdade dos fatos está aí, nua e crua: Estádios lotados! O futebol não pode prescindir deste espetáculo! Abraço! SAN! F3

Marco Antônio - Curitiba (PR) em 14 de fevereiro de 2014

E eu que pensava que Bundesliga era um título meritório da CBF... :D

ocai em 14 de fevereiro de 2014

Sei comentário ofensivo, mentiroso e calhorda foi deletado. E além do mais enviado com pseudônimo e email falso, o que demonstra seu caráter. Suma deste blog!

VER + COMENTÁRIOS
TWITTER DO SETTI