Com o amigo Dieter, olhando o Muro de Berlim e o triste panorama de Berlim Oriental, cinco anos antes da derrubada. Em missão profissional para a revista IstoÉ, de que era redator-chefe, outubro, 1984.

O vazio entre os dois territórios era a terra de ninguém vigiada ferozmente por soldados da então Alemanha comunista para impedir a fuga de seus cidadãos.

DEIXE UM COMENTÁRIO

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

1 × dois =

TWITTER DO SETTI