Image
Pepe, Cristiano Ronaldo e Marcelo: com Coentrão, que não está na foto, alvo de um policial atrás de mafiosos em Madri (Foto: Correio do Povo)

 O policial de Madri que comandou uma “batida” num celebrado restaurante da capital, dias atrás, devia estar no mundo da lua.

O policial, que chefiava outros quatro, atendeu a uma queixa anônima sobre uma suposta reunião de mafiosos num reservado do restaurante e quis entrar.

O dono argumentou que não era nada disso, que ali estavam quatro jogadores e ídolos do time do Real Madrid — Pepe, Cristiano Ronaldo, Marcelo e Coentrão – boa parte do que a imprensa espanhola chama, inadequadamente, de “clã português”, e que inclui, além de Marcelo, também Kaká. Eram convidados de Pepe, brasileiro naturalizado português, para comemorar seu aniversário.

Os craques ficaram boquiabertos quando, diante da argumentação do proprietário, o policial, em plena capital da Espanha, na cidade-sede do time de futebol que tem milhões de torcedores no país e no exterior, e que não sai das telas de TV mundo afora, respondeu:

— Não sei quem são esses sujeitos.

Até que seus próporios colegas o chamaram à parte e disseram que, sim, eram os jogadores em questão.

Turrão, o homem da lei não se deu por achado: deu uma olhada geral no reservado, com se estivesse inspecionando o local, até que, solenemente, bateu em retirada com seus comandados.

 

DEIXE UM COMENTÁRIO

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

2 − 1 =

39 Comentários

Ernesto Dantas em 27 de abril de 2012

Tem que abordar mesmo, são cidadãos como outros quaisquer!

Gilberto em 12 de abril de 2012

Sou leitor assíduo desta coluna e considero os assuntos abordados muito bons. Não entendi o motivo de alguns leitores mandarem mensagens tão indignadas com você. Não vi absolutamente nada de terrível, indelicado ou o que quer que seja, na abordagem dos fatos. O tema foi interessante, porque num mundo globalizado, é difícil não reconhecer algumas pessoas "famosas", inclusive jogadores de futebol. O policial era (ou estava desligado) ou então, fez tipo. Tipo tonto. Abraço!!! Muito obrigado por ser leitor assíduo da coluna, caro Gilberto. O que sinto é que o anonimato pela Web libera instintos agressivos de muita gente, não raro sem nenhuma razão. Faz parte de meu trabalho receber mensagens desagradáveis. Felizmente, a esmagadora maioria é como a sua. Um grande abraço

Thiago Pereira em 10 de abril de 2012

No mínimo esse policial torce pro Barça... hahaha, mas vamos lá né, as leis tem de ser para todos, pois não deve-se separar as leis em classes: Ricos, pobres, famosos e não famosos... ainda bem que não foi aqui no Brasil, por que senão coitados dos jogadores... Iria ser fotos, autógrafos e quem sabe até um... "me dá um dinheiro ai"... hahaha

aze em 10 de abril de 2012

Setti, pisei feio na bola. No meu comentário abaixo, onde se lê "deslise", leia-se "deslize". Ou seja, deslizei na gramática, ahaha.

aze em 09 de abril de 2012

Caro Setti, também não vi deslise profissional no comportamento do policial espanhol. Esteve correto no exercício de suas funções. Toda denúncia deve ser apurada. Sabemos, e como sabemos!, que famosos do Brasil andam derrapando todos os dias. Só que aqui se alisa demais a cabeça dos faltosos. Talvez ele tenha dito que não os conhecia para agir com isenção. Ou talvez seja torcedor do Barça e tenha aproveitado a ocasião pra dar uma esnobada no Real Madrid, hehe. Abraço! Ahahaha, deve ser isso. Um grande abraço para você também, caro Aze. E volte sempre!

carlos nascimento em 07 de abril de 2012

A semana esportiva foi rica em detalhes para mostrar o atual padrão do futebol brasileiro, confiram nas entrelinhas e tirem suas conclusões: - Ronaldo Gorducho vai ao Sírio-Libanês fazer genuflexão perante o seu novo guru. Engraçado, algum tempo atrás, era apenas o presidente que gostava de tomar todas, quem diria, o fenômeno virou fenomenal, que caráter maravilhoso. - Ronaldo, o ainda gaúcho, está cada dia mais carioca, afundando com o Flamengo, cada dia mais Flamengo, incrível esse Clube, é o retrato do País, grandioso pela torcida, anão pelos dirigentes que possui, no fundo do poço da mediocridade. - Adriano em nova coletiva, dessa vez não era para justificar problemas com a polícia, anuncia o inicio de um novo tratamento médico, pena que o especialista para o seu caso esteja errado, o Dr. Runco não resolverá, sugiro um médico especialista em bons RONCOS, o rapaz para se curar precisa ter sonos restauradores. - Mano Menezes em belo exemplo é parado na blitz, até ai nenhuma novidade, o pior é saber que o Tonto, amigo do Zorro, acusa o técnico de covardia, só quer jogar com time fraco, sei não, a vaca está indo para o brejo, ninguém se entende por lá, é o começo da tragédia. Finalizando, um abraço ao Marco, que pode testemunhar in-loco, a diferença do Santos para o seu atual Colorado, anos luz os separam, num dia em que GANSO estava mais para pato, aliás, acabo de postar mensagem ao Ganso, pedindo que se aconselhe com o Dr.Eduardo Gonçalves, o nosso eterno TOSTÃO, aqui vai um pedido, Dr. Eduardo sintonize esse rapaz, ele pode nos dar grandes alegrias.

anonymos em 07 de abril de 2012

ele deve curto um baseboll ou baskateboll sei la como escreve mas e por ai

j.pereira em 06 de abril de 2012

O policial é um alienado em relação ao futebol ou é torcedor(roxo) do Barcelona!É tão óbvio!

Marco em 05 de abril de 2012

Amigo Setti: O problema do Fla é só as festas, não tem mal time não, mas com as festas como é q vão ter preparo fisico, contra os adversarios. Tem 2 bons Laterais, bom goleiro, Wagner Love e Willian tbm são bons jogadores. Abs. PS: Acho o Parreira, um homem muito inteligente,não sou muito seu fã como treinador. E agora se associou com o R9, só para vender carros importados para bolerada. O problema de jogar no Flamengo, com toda a badalação incluída, acaba sendo este que você menciona, caro Marco. Quanto ao Parreira, tanto é inteligente que... vai ganhar mais um monte de dinheiro. Mas no Corinthians ele teve sua melhor fase, conquistou tudo o que disputou. Abraço

Marco em 05 de abril de 2012

AMigo setti: A única dúvida q tenho em relação ao Santos, como um time extrordinário. É se é ou não depedente do Neymar. Outra coisa, o Damião e o Borges, ontem não jogaram absolutamente nada. Abs.

Marco em 05 de abril de 2012

Meu amigo Setti: Uma coisa q eu não entendi, ontem,foi o Mano assistir o jogo do Inter, ja q ele já tinha feito as convocações, o certo não era assistir o Real Madrid do Kaká. Sobre o jogo de ontem, antes q meu amigo C. Nascimento comente. O Santos é muito superior técnicamente q o Inter. O Inter ainda jogou desfalcado, o Neymar é sim um jogador diferenciado, O Inter ontem o marcou com virilidade, não deslealmente, e ele é um jogador participativo,q leva bordoada se levanta e vai para cima. O Inter acho muito díficil alguma pretenção na competição, acho q vai ficar com o regular Corinthians, Santos ou Flu. Outra coisa o q joga o peladeiro Arouca é um absurdo. Peladeiro no sentido de participação, tipo Toninho Cerezo, O Neymar realmente tem vitória pessoal e é muito dificil marcá-lo. O Ganso só joga com a bola nos pés. Ontem não posso reclamar do Inter, q jogou com aplicação e pegada. O Fla, não tem jeito é uma esculhambação! Abs.

Patrícia de Sampa em 04 de abril de 2012

Não sei porque alguém denunciaria esses rapazes como "mafiosos"!!! A Máfia não contrata pessoas com esse perfil. Esse de boina (tb não sei quem é, pois não me ligo em futebol), por excemplo, está mais para cantor de reggae do que mafioso. Talvez eles estivessem fazendo muita algazarra, incomodando os frequentadores mais conservadores, e quem os denunciou achou que estivessem drogados, sabe-se lá.

Patrícia de Sampa em 04 de abril de 2012

Ao contrário de muitos, achei que o policial estava mais do que correto. Nós, que sempre achamos que a polícia costuma fazer distinção entre os seus suspeitos, achando que suspeitos pobres e anônimos merecem continuar suspeitos, enquanto os ricos e famosos são liberados de cara, só por serem ricos e famosos, deveríamos aplaudir a atitude desse policial. Afinal, alguém fez uma denúncia e ele, naquele momento, fez o que todo bom policial, isento, imparcial deveria fazer: ignorar a fama daqueles sujeitos, declarando, inclusive não conhecê-los, e investigar o que estava acontecendo. Não é porque alguém joga bem futebol é que deva ser considerado anjinho: lembre-se do caso Bruno!!

Regina Prata em 04 de abril de 2012

HAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHA ...bem, embora seja uma situação meio difícil de acreditar (os espanhóis são com o futebol praticamente como nós brasileiros), ainda assim é possível acreditar nisso, embora a cara do Cristiano e do Kaká sejam bastante reconhecidas entre os espanhóis... (vivi lá alguns anos, porisso posso dizer isso por experiência)

SergioD em 04 de abril de 2012

Ricardo, acho que você pegou pesado com o pobre do policial. Acho que eu conheceria o Cristiano Ronaldo e o Pepe. O Marcelo, com aquela touca, está mais para cantor de reggae do que para lateral esquerdo do Real e da Seleção Brasileira. Bem, vai ver que o cara não se liga em futebol. É um torcedor apaixonado do Fernando Alonso ou do Rafael Nadal. Ou, como disse o Reynaldo, é um catalão perdido em Madrid. Hahahahahaha..... Abraços

Jerônimo Cursino em 04 de abril de 2012

Acho que o policial agiu corretamente. Num país onde a lei deve vigorar acima de todos, não importa quão importante sejam as pessoas. Se ele recebeu a notícia do crime é sua obrigação averiguar.

Arnaldo Barbosa em 04 de abril de 2012

O comentário foi mesmo infeliz, até quando teremos que aguentar essa situação..., jogador de futebol deve ter o mesmo tratamento que qualquer pessoa. Esse pais só vai melhorar quando as pessoas forem tratadas como iguais e não pela conta bancaria. Já não basta a babaquisse com os jogadores de futebol daqui, agora temos que aturar os de fora. Pessoalmente, se eu estivesse num restaurante, esses tres entrassem fazendo algazarra, eu sairia rapidinho!!!!

Elton em 04 de abril de 2012

Sr. Ricardo Setti, não concordo com o a sua opinião sobre o policial. Além disso, após ler os comentários e a sua resposta a alguns deles, nunca mais vou ler qualquer coisa que, por ventura, o senhor venha a escrever, pois sua ignorância e egocentrismo é tamanha e tão latente que não percebe que, sem os leitores, o jornalista não é nada... Não é todo mundo que irá concordar com a sua opinião, só que o Sr. acha que a sua opinião é a mais pura verdade e tão perfeita que não aceita que discordem dela. Espero que nos próximos comentários o Sr. seja mais flexível e saiba usar a sua inteligência devidamente para responder aos leitores. Fica a dica! Mais do que ninguém sei que os leitores são meus patrões. E parabéns por, com tão poucos elementos, você ter conseguido estabelecer o tamanho de minha ignorância e de meu egocentrismo.

JMello em 04 de abril de 2012

Caro Setti, Acho que se eu tivesse no lugar dos policiais teria feito a mesma coisa. Eles tem a obrigaçao de averiguar uma denúncia, falsa neste caso, e ir até o fim. Se o policial nao reconheceu os jogadores, paciência. Nem todo mundo gosta de futebol.

Carla em 04 de abril de 2012

Por acaso o policial tem a obrigação de saber que os caras são jogadores famosos? Pode ser que ele não goste de futebol. Daí a dizer: "ser demitido por ignorância" é, no mínimo, forte...

Zeca em 04 de abril de 2012

Bom, acho que o policial fez muito bem. Pode ter passado vergonha por não ter encontrado nada, mas agiu certo. Mesmo que tivesse reconhecido cada um deles, ainda teria obrigação de ver o que estava acontecendo. Ou jogador de futebol está acima da lei? Errado é a polícia daqui abordar galãs da Globo metidos com drogas e abafar tudo.

Leonardo Sudo em 03 de abril de 2012

Infeliz matéria. Demitido? Ninguém é obrigado a conhecer celebridades. Muito menos jogador de futebol. O Policial se mostrou um excelente profissional, ao contrario do senhor. O policial precisa ter um mínimo de informação para reconhecimento visual até de bandidos. Agora, você precisava agredir, não é, Leonardo? Tudo bem, fica aí seu comentário para que avaliem seu nível de educação e polidez. Passar bem.

Vinícius em 03 de abril de 2012

Nossa a polícia da Espanha é exemplar para o resto do mundo, como sabemos, ou melhor, colocam em nossas cabeças, quem mora nos países EUA e da União Europeia são os "melhores" e o resto que se dane. Estou chamando todos os brasileiros para irmos para a Europa, "países de 1° mundo",e sermos confudidos com marfiosos e presos, ou mortos. Isso são países de 1° mundo, graças a Deus o Brasil não é, e tomara que continue não sendo.

e.fernando em 03 de abril de 2012

Caro Ricardo Setti, gostei do teu jeitão de "interagir" com teus leitores, porém espero que não sejas daqueles (e ja ví que não é) que ao ser criticado, não posta o comentário, o debate é bom, quanto mais como é sincero e de igual para igual com os teus leitores...fica um negocio assim meio ...familiar, abraço. Caro E. Fernando, pelo jeito você é leitor recente do blog. Se assim for, seja muito bem-vindo! Sendo leitor recente, como suponho que seja o caso, você com certeza não leu os incontáveis comentários críticos que publiquei aqui, dos mais de 70 mil que já recebi desde o início do blog. Não apenas publiquei e publico comentários críticos, como publiquei e publico -- pergunte a leitores mais antigos do blog -- POSTS que contrariam meus pontos de vista pessoais. Até post de um senador do PSOL já publiquei. Que venham, pois, as críticas que você houver por bem fazer. O que não publico é ofensa, xingamento, agressão, palavrão -- são regras mínimas que o blog observa. Um abração

Marcos Barros em 03 de abril de 2012

Achei totalmente inapropriado o que o senhor falou na matéria. O que mais me espanta é o tratamento recebido pelas pessoas que leem e comentam seu blog. Sem essas pessoas o senhor não e nada. Mas respeito, por favor. Mais de 70 mil leitores que postaram comentários aqui são testemunhas de meu tratamento respeitoso e cortês em 99% dos casos. Sou duro com quem é mal educado ou me ofende. Respeito é bom, e eu gosto.

j vito em 03 de abril de 2012

esse cara mostra como a policia espanhola e eficiente

Rafa em 03 de abril de 2012

Demitido por ignorância? Por quê diabos? Se eu avistasse as três sumidades transitando pelas ruas eu também não os reconheceria. O policial está certo duas vezes, por trabalhar corretamente e por desconhecer os apedeutas do futebol. Tem pauta aí não senhor Ricardo Setti? Não, não tenho pauta porque, como você sabe, nada acontece no Brasil nem no mundo. Você, como grande jornalista, não quer me ajudar?

Reynaldo-BH em 03 de abril de 2012

Sei não... Tô achando que a Carmem Rodriguez é namorada daquele reaça que vive por aqui elogiando ditaduras, o Ari Alves. Será?

heberpai em 03 de abril de 2012

Tá certo o policial. denuncia tem que ser investigada. Ninguem é obrigado a conhecer ninguem, muito menos um policial. Lá não é aqui. Chega de estarmos acostumardoscom carteiradas. Por isso somos a m... do mundo em cidadania.

Roliço em 03 de abril de 2012

eita falta de assunto hein VEJA

Marcos Sartori em 03 de abril de 2012

Se visse na rua também não reconheceria e ainda ficaria cabreiro por que acho que eles tem cara de bandido...

Gonçalves em 03 de abril de 2012

Esta policia Espanhola fasa me ofavor se incompetencia e burrise dece premio seria a policia mais premiada do mundo.

Carmen Rodriguez em 03 de abril de 2012

Sr Ricardo.... Se todo policial fosse assim,talvez não haveria tantos crimes....quem disse que "carreira" é sinônimo de honestidade.....Infelizmente aqui no BRASIL as pessoas confundem pessoa física com jurídica....Quem deveria perder o emprego seria o SENHOR !!!!!Autoridade deve exercer o seu PAPEL seja com quem for.......!!!!!Cada PAÍS com suas normas e regras....a ESPANHA não é esta bagunça de Brasil....onde o "cidadão" olha pro policial e diz:sabe com quem está falando????? SEU COMENTÁRIO foi HORROROSO !!!!!! OK, peça que o diretor de VEJA, Eurípedes Alcântara, me demita. O email dele é veja@abril.com.br Satisfeita?

Victor Melo em 03 de abril de 2012

Pensando como o policial: Se eu fosse dar uma batida em um estabelecimento, onde supostos traficantes ou mafiosos estariam, pouco iria importar o que o dono me falasse. Afinal ele poderia estar acobertando uma atividade ilegal em seu local de trabalho (fato comum). Acho que o policial sabia quem eram os jogadores, porém não acreditou no relato do dono. Estou com ele, e teria a mesma atitude. "Deveria ser demitido por ignorância" é uma frase que eu não usaria, afinal cumpriu com seu dever.

Vagner em 03 de abril de 2012

Fez o trabalho dele,pena q no BraZil apenas um telefone sirva para proibir os policias de trabalhar.

Danilo Mendes em 03 de abril de 2012

Deveria ser demitido por ignorância? Você tem certeza? Ele recebeu uma ligação dizendo que havia mafiosos no local e foi averiguar...Se fosse no Brasil, óbviamente o policial não iria, por vagabundagem. Não é obrigação de ninguém saber quem é quem e ele fez o correto, de ainda olhar o local. Interessante sua matéria, porém foi infeliz na parte do policial.

Sueli Ferandes em 03 de abril de 2012

Que saia justa...O policial talvez nao goste de futebol.Eu com absoluta certeza não os reconheceria. Já vi fotos do Crisriano Ronaldo,ele tem um rosto muito comum.

Reynaldo-BH em 03 de abril de 2012

Reunião de mafiosos???? KKKKK! Coisa de torcedor do Barça, com certeza. O que não se esperava é que o policial fosse torcedor do Benfica....ou do Porto!

carlos nascimento. em 03 de abril de 2012

Ricardo, É o chamado complexo de vira-latas da autoridade. Vou aproveitar para dar um pitaco sobre a vergonhosa arbitragem do jogo de hoje - Barcelona x Milan - os italianos foram surrupiados de forma vergonhosa, me parece que o Mourinho começa a ter razão em suas observações, há um complô montado para proteger o Barça, o time catalão não precisa disso, mas o pessoal que assessora o Barcelona joga pesado, aquela figura que foi parceiro do Ricardo Teixeira conhece os caminhos das pedras. O 1o.penalti, que resultou no gol de Messi foi imoral, Messi voltava de uma posição impedida, além de não ter sido falta, ele girou o corpo e o juiz estranhamente marcou falta, dois erros num mesmo lance, no lance do 2o. penalti, o Puiol fez a primeira falta no Nesta,que desequilibrou e derrubou o Pedro. Outro lance, Robinho ganhou disputa de bola, a bola sobra na frente e o juiz deu toque de mão, um verdadeiro assalto. Hoje até os jogadores do Barcelona ficaram constrangidos com o assalto. Lastimável. Abraços Carlos Nascimento.

VER + COMENTÁRIOS
TWITTER DO SETTI