Image
O senador Blairo Maggi (PR) em Brasília: “oposição” ao governo Dilma: (Foto: Geraldo Magela / Agência Senado)

Uma das grandes piadas dos últimos tempos foi a “rebelião” da bancada do PR no Senado, que se declara, pela palavra do senador e líder da bancada Blairo Maggi (MT), em “oposição” a governo Dilma.

Assim sendo, ouçam aqui a gargalhada que ele merece:

Na oposição, um bilionário, um dos reis mundias da produção de soja, duas vezes governador de Mato Grosso?

Ué, por que, então, o senador deixou o PPS, partido de oposição ao lulalato, pelo qual se elegeu pela primeira vez?

Essa “oposição” é tão firme que os deputados do PR estão hesitando em caminhar junto aos seis senadores do partido. Preferem continuar agarrados, como carrapatos, às benesses do governo: um carguinho ali, uma comissãozinha acolá, uma diretoria de estatal mais adiante, “emendas parlamentares” ao Orçamento para “beneficiar sua região” etc etc.

“Razões nobres” e a boquinha perdida

E quais foram as razões nobres pelas quais o senador Blairo disse que não dá mais para apoiar o governo Dilma?

Divergências sobre os rumos da política econômica? Propostas para melhorar a saúde pública? Alguma coisa sobre educação, sobre segurança, sobre a necessidade de obras cruciais de infraestrutura?

Nada disso. O ilustre senador está bravo com a presidente porque seu partido — um amontoado de políticos insípidos, inodoros e incolores, que vai para onde o vento sopra — perdeu uma boquinha.

Uma bocona, aliás: o Ministério dos Transportes.

E perdeu por uma boa razão: o então ministro Alfredo Nascimento viu-se envolvido por uma nuvem de denúncias que se concentravam, principalmente, em roubalheira grossa no Departamento Nacional de Infraestrutura em Transportes (DNIT).

O senador promete ficar na oposição, mas não perpetrar uma oposição “intransigente”. Vai votar a favor de projetos “de interesse nacional”.

Sabem o que significa, em português corrente, “votar em projetos de interesse nacional” para determinados políticos?

“Votar projetos de interesse nacional” quer dizer que, a cada projeto importante que o governo deseje aprovar no futuro, terá que negociar, no balcão de favores, minuciosamente, com cada uma das ilustres Excelências do PR.

A presidente Dilma que se prepare.

DEIXE UM COMENTÁRIO

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

1 × três =

Nenhum comentário

Ailton em 23 de março de 2012

Caro Ricardo Setti Veja que há dois pesos e duas medidas na avaliação da nossa imprensa, se memro do governo se corrompe, isso via notícia por meses afio, e não podia ser diferente. Agora, o Sr. ACM-O Neto, deputado pelo DEM da coligação PSDB de oposição, simplesmente dobra seu patrimônio pessoal em apenas um ano, sem que nenhum órgão de imprensa noticie ou comenta tal fato suspeito? Só os 'Cartas Capitais' da vida, foram os que deram páginas para o ocorrido. Assim, com essa imprensa protecionista dos seus assemelhados, como poderemos um dia atingir a democracia plena? Acho que nunca, pois a imprensa tem que ser um poder paralelo, imparcial e livre para dar cobertura também imparciais e livres de qualquer favores. No caso ACM-O Neto nada se comentou de seu super enriquecimento pessoal. TRISTE IMPRENSA QUE POSSUÍMOS.

Ailton em 23 de março de 2012

Caro Amigo Ricardo, não estranhe meu IP, como falei antes, roubaram meu Notebook no aeroporto da bela BH de Aécio, ainda na semana passada, estou com um alugado até a sony localizar o meu, através de um programa de GPS que todos NB possuem internamente j[a sabem em que bairro ele está, o nome da rua e numero da casa, o aparelho não é muito importante, o mais importante são os projetos estruturais de uma super plataforma petrolífera que estamos a construir, projetos estavam armazenados nesse NB. Não se preocupe em explicar nada, caro Ailton. Com um IP ou outro, você será sempre bem-vindo aqui -- mesmo que divergindo de ideias que exponho no blog. Um abraço

Ailton em 23 de março de 2012

Caro Ricardo Setti Comentei da Nau, pois foi o único navio civil, que FHC tentou construir em seus oito anos de governo. Civil porque navios militares construídos nos arsenais de marinha no Rio, o nosso Fernendo construiu nada menos que 23 super navios militares, assim distribuídos: 4 fragatas, 4 submarinos convencionais, 10 corvetas e 5 torpedeiros. NÃO SE DEU POR CONVENCIDO, AINDA FOI COMPRAR UMA SUCATA, SUCATA QUE A FRANÇA IA DESMONTAR E VENDER COMO FERRO VELHO, essa mesma sucata incendiou e matou um de nossos bravos marinheiros a bordo, episódio me fez lembrar a fatídica P-36da Petrobrax Caro Ailton, você é um homem inteligente, então pense bem: deve haver alguma coisa errada em alguém, como você, que não consegue enxergar UMA ÚNICA REALIZAÇÃO POSITIVA num presidente que governou durante oito anos, tomou milhares de medidas e mudou profundamente uma série de coisas no país. Será que a ideologia não o faz tapar os olhos para o mundo? Um abraço

Ailton em 23 de março de 2012

Olá Querido Ricardo Setti. Quero encontrar-te a gozar de muita saúde e muito amor de todos os seus familiares. Caro Ricardo, Infelizmente ainda não sou especialista em petróleo, precisarei de mais 14 meses para sê-lo, Assim que soube que mais quatro esteleiros viriam par a minha Bahia, tratei de me especializar, esse será o meu diferencial, para concorrer a uma promoção profissional, graças a deus nunca tive preguiça, desde os tempos de estagnação e falencias que o Brasil sofrera, que eu sempre procurei oportunidades de evoluir profissionalmente. Navios: A era JK eram mais cuidadosa e profissional na construção de navios, meu amigo, se fosse isso uma verdade, fatalmente não teríamos agora o montante de U$140.0bi de dólares em encomenda para entregar até 2020, o Brasil é o quarto maior armador do mundo, nosso sucesso é tao grande, que a Holanda, proprietária da maioria dos nossos estaleiros, não estaria a ampliar nuas áreas de industrias navais em nosso país, até o EIKE se rendeu ao nosso grande sucesso, vai instalar três super estaleiros, como falei antes, um no Ceará, um na minha Bahia e outro no Rio. Lembro que na era FHC, tentaram construir uma nau para o aniversário dos 500 anos do Brasil, isso no ano de 2000, meu nobre, a construção foi um fracasso sem precedente, uma simples cópia do projeto de embarcações que Pedro Álvares Cabral construía com machados, escopos, formões e inchós. naus construidas no seculo XIV e XV, e com elas atravessavam mares e oceanos, faziam viagens dentre tormentas, cruzavam o cabo da boa esperança, um lugar de procelas gigantes, e ventos de 120km/h. sem nenhum nau se perdesse ou naufragasse, pois bem, o nosso sociólogo e seu ministro da cultura, o Sr Fábio Greca, simplesmente não conseguiram com toda a tecnologia empregada, com maquinários de ultima geração, até projeto da Nasa usaram na confecção dessa replica de nau do seculo dos descobrimento, foi acabar de construir e lançar ao mar, para a nau ir parar no fundo do atlântico, ainda no porto e no momento do lançamento(inauguração), uma nau que o Pedro Alvares e Cristovão Colombo fizeram centenas viajens pelos oceanos revoltos do mundo. Fábio Greca era aquele ministro da cultura que recebeu R$30milhões para o desastrado projeto da nau brasileira, usou apenas R$22,0 milhões, embolsou R$8.0 milhões caso foi publico e noticiado por meses a fio pelas melhores revistas e jornais, inclusive Veja, A Folha, O Globo e sua TV. ETC A propósito Fabio Greca não foi demitida e continuou por mais três anos, tempo que durou o mandato do Fernando. Olá, meu querido e fiel leitor Ailton, Quer dizer que até aquela ridícula nau que não navegava foi culpa do Fernando Henrique?... Abração

Ailton em 23 de março de 2012

Dionizio Gonçalves Briga de aves bicudas, agora? Quanto ao navio que mencionastes, meu caro o que conhece de Arraes, de estaleiros, o que sabe da rotina da construção de super bólido do calado do navio petroleiros que disseste encalhado e incompleto? Continue com seu bico apontado para o Timão e pare de xingar, pega mal e só mostra inveja contra o prospero Brasil que Lula entregou a Dilma, coisa que o seu admirado(FHC) não fez. Abraços

Ailton em 23 de março de 2012

Corinthias Errata: O preço da plataforma P-36 de propriedade da PETROBRAX foi de U$ 880.0 milhões e não U$880.0 bilhões e nove vidas foram perdidas, por causa de incompetencia governamental da época.

Ailton em 23 de março de 2012

Corinthians Você diz: ..."Eike Batista nunca ganhou tanto dinheiro quanto no governo petist". eu caro, esqueceu que a Vale agora é privada, se ele vendeu, exportou bilhões só resta meritos a ele mesmo, o PT nada tem a ver com isso, esqueceu? ele ganhou bilhões, assim com todos ganharam com o governo Lula, seja trabalhadores, empresários, comerciantes, ambulantes dentre outros, caro, no governo Lula todos conheceram a prosperidade, inclusive 126 milhões de brasileiros que agora estão na classe média. como dissera A Folha de SP. O caso Eike foi gritante, ele torna-se bilionário da noite para o dia, em 1994 possuía apenas a irrisória quantia de U$4.0 milhões de dólares e compra nada menos que uma empresa avaliada em U$129.0bi sw dólares, por apenas U$9.0bi e ainda pagos pelo BNDES, EIKE só começará a por as mãos no bolso em 2020, lembro que venda foi em 1998, portanto 22 anos para começar a pagar, (governo FHC vendeu e ele mesmo (governo FHC) pagou as contas). "Itens de incentivo navais na era FHC", outro deliria, parece que não lê o que envia em blogs, meu caro, FHC apenas regulamentou o movimento de carga entre os portos brasileiros, em nenhum momento aquele documento mencion, incentiva ou ordena a reabertura dos estaleiros, que havia 15 anos fechados e navios/plataforams eram compradas da Asia, inclusive a P-365 da PETROBRAX, QUE CUSTOU u$880.0 BI E NPVE VIDAS HUMANAS. Lembro que até agora a seguradora não pagou um centavo e nem vai pagar, outro vexame foi o super graneleiro do Eike, construído na Asia, afundou com 300 mil toneladas de minérios, deu um prejuízo de U$900,00 milhões a mancebo bilionário.

Dionizio Gonçalves em 20 de março de 2012

Ricardo Setti. O petroeliro entalado nos estaleiros desse petralha, Ailton, foi inaugurado inacabado, inaugurado como se estivesse pronto para navegar pelo Lulaísmo desvairado, ele o chefão mor, queria marcar o fim do seu mandato como sendo o maior construtor de petroleiro do mundo e quebrou a cara, um anos depois o petroeliro ainda esta em construção. Petrobras que o caso mal resolvido sexualmente, e por isso usa codinomes, Corinthians tanto fala, foi umk cxaso de bolha, venderam mais ações que o mercado podia suportar, mercado de ações é claro quanto a esse assunto, se exste exedente haverá queda de preço, Lula explodiu a venda de açõles com os seus delírio megalomenos, levou milhões a comprar e agora os preeços desabaram.(regra do mercado para ótarios cairem e cairam, agora sofrem perdas imensuradas. Para esse petralha Ailton; meus risos ishuaishuaishuaishua E para o mal resolvido que usa codinome 'Corintians', uma pergunta, < Meu caro voce não trabalha não? vive de que? fala! o governo Serra lhes fez rico, dono de alguma fortuna identica a dele? cara procure fazer alguma coisa, o governo de Serra acabou e já fazem alguns anos. a mamata terminou desde 2002. quer viver nos blog defendendo aquele nefasto.

Petista arrependido em 18 de março de 2012

Setti, Não me resta dizer mais nada sobre o Blairo. Você esgotou o assunto brilhantemente. Outro dia eu não falei que você tava ficando bão? Taí o resultado...

Corinthians em 18 de março de 2012

O Ailton - 17/03/2012 às 20:57 continua perdido com essa história. Eike Batista nunca ganhou tanto dinheiro quanto no governo petista. Esquece-se que o super petroleiro João Cândido ainda não foi entregue, já superando 2 anos de atrasos, devido à incapacidade deste navegar. Esquece-se que a Petrobrás, na gestão Gabrielli, desde que adotou a nacionalização só conseguiu perder valor de mercado, reduzir absurdamente seus lucros, deixar de cumprir metas e portanto deixou de contratar. Esquece-se que no governo FHC, além das leis de incentivo à indústria naval, foram construídos dois portos. Claro que isso nada tem a ver com a base alugada do PT, que por um acaso mais uma vez demonstrou ser um partido que mente descaradamente - depois das campanhas de 2006 e 2010 falando mal das privatizações fez tudo de novo, igual ao que os "tucanos" fizeram com 15 anos de atraso. Claro, com a velha incompetência de sempre, pois foram aceitos lances duvidosos - tomara que não ocorra aqui o que ocorreu na Argentina. O Ailton, tão entendido no setor de petróleo, foge como pode do superconstrangedor caso do fracasso vergonhoso da construção do petroleiro "João Cândido". No governo JK, há meio século, o Brasil construía navios com mais cuidado e profissionalismo do que ocorreu no caso do "João Cândido".

Markito-PI em 18 de março de 2012

Caro Setti. Permita-me discordar. Este amontoado de picaretas, herdeiro da mais pura tradição de peculato do antigo PL, com os escombros da turma do Dr.Enéas, cujo dono- É dono mesmo--é um tal de Waldemar Costa Neto, não pode ser chamado de insípido,inodoro e incolor.tem gosto de fel, cheiro de merda e a cor do pecado ( nenhuma parecença com o grande samba de Bororó).

Ailton em 17 de março de 2012

E por falar em bilionários, meu caro amigo Ricardo Setti. Agora ficou claro, as razões pela qual o nosso atual bilionário, o Sr. Eike Batista, foi ter com a Dilma ainda ele esperneou, bateu o pezinho no gabinete da presidente, em Abril de 2011, ele queria que Dilma desistisse dos navios petroleiros e plataformas fabricados(as) no Brasil e passasse a comprar de cingapurianos, que presidenta passasse a adquirir navios da Asia, amigo, ele pretendia montar seus estaleiros em terras orientais, devido mão de obra ser uma 'miséria', diante da negativa da Dilma, o Sr Eike, resolve então, montar seus três super estaleiros aqui mesmo no Brasil, um na Bahia, um no Ceará e outro no Rio, embora a razão que mais pesara, foi o vexatório fracasso da sua primeira aquisição, um dos nove mega graneleiros comprado de asiáticos, que naufragou na primeira viajem, aliás, primeira viajem não!, ele nem chegou a zarpar do porto, bólido se partiu ao meio e comeu a afundar durante a operação de carregamento em um dos terminais da Vale do Rio Doce. Como Vemos, nosso bilionário, homem que, ainda em 1994 possuía apenas U%4.0 milhões de dólares em patrimônio, e graças ao governo do Fernando Cardoso e o BNDES,usado para pagar as privatizações da decada de noventa, faz do Eike Batista , um dos dez bilionários do planeta. Como vemos, ele não pessou no Brasil na hora de instalar sua industria nava, só o faz agora, por saber que aqui estão um dos quatro maiores e melhores parques armadores de navais do mundo, o mundo sabe disso, pois misso estamos abarrotados de encomendas, sucesso dos produtos navais é tão grande, que Holandeses resolvem montar mais quatro estaleiros na Bahia, além dos dois que existe, chegam junto com a unidade do Sr. Eike. Se governo ainda fosse tucano, fatalmente o Sr. Eike teria conseguido seus propósitos, seus intentos, tucanos nunca pensaram no Brasil seriamente, só pensam em si e nos lucros que podem levar com operações escusas dos subterrâneos. EIKE, 1 X 0 PARA NÓS, METALÚRGICOS NAVAIS,

Teresinha em 16 de março de 2012

Esse é o caso de rir para não chorar. Com que tranquilidade o bilionário Blairo Maggi se coloca diante do país; é oposição até que sejam atendidas as vontades de um partido sem responsabilidade.

Luiz Pereira em 16 de março de 2012

JEFFF, Pois é, quando alguém solta uma anedota boa como a sua, sempre tento caprichar numa melhor. att

SergioD em 16 de março de 2012

Ricardo, o quadro partidário que temos é um espelho de nossa sociedade. Vai levar um tempo para que nosso povo tenha maturidade suficiente para perceber que partidos são a verdadeira base da democracia representativa. O principal motivo desse estado de coisas está em nosso sistema eleitoral. Para a Câmara dos Deputados o sistema de voto proporcional com lista aberta não favorece a formação de maiorias sólidas provocando essa mixórdia de partidos fisiológicos que enxovalham aquela casa legislativa. O mesmo também ocorre no Senado Federal por conta de a eleição para Senador não ter um segundo turno que indique um candidato que represente a verdadeira maioria da população do seu estado, além da execrável figura do suplente financiador de campanha. O dia que tivermos um voto distrital com segundo turno dentro dos distritos, uma regra em que um Deputado que quiser assumir uma secretaria de estado ou um ministério tenha que renunciar ao mandato com sua vaga sendo assumida pelo segundo colocado em seu distrito seja de que partido for, e que um Senador para ser eleito tenha que passar por um segundo turno nos estados e, valendo a mesma coisa, para assumir um ministério ou secretaria tenha que renunciar assumindo o segundo colocado na eleição, aí sim poderíamos começar a ter uma representação política mais coerente com os verdadeiros interesses da população. (Em caso de renúncia ou morte deveriam ser realizadas novas eleições no distritos e nos estados). Sim, claro, some-se a isso tudo o voto facultativo. Infelizmente, você sabe quando essas regras seriam aprovadas: NUNCA. Nossos políticos, de qualquer partido, estão mais ocupados com os seus interesses do que com os de seus eleitores. Um abraço Concordo totalmente com sua opinião sobre a conveniência da adoção do voto distrital -- e das dificuldades para aprová-lo. Abração

Jefff em 16 de março de 2012

Quando disse anedota foi o fato de misturar o Setti junto com os outros. Que apesar da divergencias é anos luz mais profissional que os outros. Ah, bom, melhorou... Muito obrigado, Jefff. Abraço

JOSÉ CARLOS WERNECK em 16 de março de 2012

A presidente Dilma,não pode ceder às chantagens dos integrantes da “Base Afiada”,nem à cara feia e aos “beicinhos” dos chorões! O contentamento com as últimas medidas tomadas pela presidente da República,mexendo com o poder dos coronelões e seus feudos políticos, pode se resumido na seguinte frase, ouvida, ontem, nos corredores do Congresso Nacional, dita por um veterano jornalista: “Será que alguém acha que Dilma foi eleita por ter como companheiro de chapa,o vice Michel Temer?

Mari Labbate *44 Milhões* em 16 de março de 2012

NECESSIDADE EXTREMA: que todos os partidos rebelem-se contra o TERRÍVEL-GOLPISTA PT! A solução para esses inaceitáveis males é a adoção do Parlamentarismo! SONHEMOS...

Jefff em 16 de março de 2012

Sempre que alguem resolve me "responder" escreve notas dignas de uma anedota.

Jefff em 16 de março de 2012

Os herdeiros de Roberto Marinho, fundador das Organizações Globo, também construíram em 2008 uma casa de 1,3 mil metros quadrados, com piscina e heliponto que desmatou uma área de mata protegida na praia de Santa Rita em Paraty. A praia pública e a área da residência são protegidas por dois guardas armados com pistolas a espantar quem tenta se banhar no local, afirma a Bloomberg. Em 2010, um juiz ordenou que a casa fosse derrubada e a área recuperada, mas os proprietários recorrem da decisão. O sergio cabral poderia mandar a policia militar desocupar essa área com da mesma maneira co que foi feito no pinheirinho.

Caio S em 16 de março de 2012

Setti, sem dúvida a situação é ridícula. Só para ver como a política é ruim neste nosso pobre Brasil, vamos inverter? E quais foram as razões nobres pelas quais o senador Blairo disse que o PR apoiaria Dilma?? O fisiologismo impera, mas sabe o que mais ajuda que isso se mantenha assim? A falta de projetos do governo: política econômica? Seguem o software tucano e mais nada, vide o ridículo das medidas do "manteiga" contra o cambio. Saúde pública? Com Padilha como ministro? O homem é mais sabão do que omo! Educação? Sem comentários! Segurança? Só para Batisti e parentes de Medina. Obras de infra? Com os navios feitos orgulhasamente por tupiniquins e com os campeões nacionais??? Sabe, se houvesse pelo menos um projeto para o Brasil pelo menos o governo poderia exigir um alinhamento com propostas. Sabe, fica meio ridículo Dilma dizer que não negocia com a faca no pescoço como se ela também não colocasse a faca no pescoço dos outros... triste Brasil!

Reynaldo-BH em 16 de março de 2012

O PR, que continua a fazer parte da base alugada, conseguiu o inimaginável em termos de cinismo. É oposição no Senado e situação na Câmara. Walter Pinheiro foi até Blairo Maggi pedir que reconsiderasse a decisão "corajosa" de ser oposição. Nem precisava. Foi uma elegância do senador baiano. Quem tem o histórico de Maggi não pode ser oposição nem mesmo ao PCC. O governo que iria promover uma faxina continua a somente trocar as latas de lixo. Não deveria causar espanto a ninguém a chantagem patética - mais um rato que ruge! - do PR. Causou pelo inusitado. São dois PR´s. Um contra e outro a favor. Na média, o axioma de Kassab faz escola: nem centro, nem esquerda e muito menos direita! O PR inventou a oposição que é sem nunca ter sido. O grave nesta pantomina toda é a continuidade das trocas efetuadas na boca do caixa do Planalto. A verdadeira partilha do assalto que só se vê em filmes policiais de quinta categoria. E hoje é política de governo em nome de uma tal governabilidade. Como um contraponto que nos deixa envergonhados, hoje o ex-governador de Illinois (Rod Blagojevich) começou a cumprir pena de 14 anos de prisão por ter cobrado pedágio para ocupação da vaga deixada por Obama ao ser eleito presidente. No mesmo dia, Blairo Maggi foi convidado a ser ministro dos Transportes. Está negociando. Quer autonomia até para demitir o atual ministro, que é funcionário de carreira do ministério. Isso às claras. A manter uma proporcionalidade, quais seriam as penas de dirigentes do PR, PMDB, PDT, PCdoB e outros "postos de pedágio" em funcionamento em Brasília?

patricia m. em 15 de março de 2012

A presidente Dilma ja deveria estar preparada, pois nao apenas foi preparada pelo Padinho Lulla, que a lancou no cenario politico como sua criatura de estimacao, como fez parte do governo do Painho por longos anos, governo esse que foi o MAIS FISIOLOGICO do Brasil. . O unico fato "novo" eh que a presidente Dilma nao sabe lidar com os politicos. Parece que lancaram a criatura mas se esqueceram de perguntar a ela se queria mesmo ser presidente do Brasil, HAHAHA. A bichinha esta sempre de cara fechada, o^coisa...

Luiz Pereira em 15 de março de 2012

JEFFF, boa tarde, Vc está certo. A imprensa deve mesmo fazer isso. O Setti faz isso. Augusto Nunes, idem. Reinaldo Azevedo, também. Cito 3 só daqui da Veja. Quem não deseja se livrar dos fisiologistas é o governo Dilma. Assim como Lula também não desejou. Na verdade, para quem detém a caneta, é muito mais prático (o que não significa que seja o melhor para o país) governar desse modo. Em maior ou menor escala, sempre houve fisiologismo no Brasil. Há que se reconhecer que FHC e Itamar Franco governaram menos escancaradamente nesse aspecto. O motivo? Principalmente o fato de gostarem de receber políticos e conversarem face a face com eles. Por políticos, entenda-se deputados e senadores, não necessariamente os líderes de cada partido, mas qualquer um que pedisse audiência. Isso afaga o ego da grei. Lula gostava de ser unanimidade ovacionada. E Dilma, detesta a classe. Então, só agindo de modo a exacerbar o fisiologismo. Nada vai mudar. abs

Corinthians em 15 de março de 2012

A Dillma tá tentando romper com fisiologismo ? Já sei, foi por isso então que ela manteve Pimentel, ou então trocou Wagner Rossi por Mendes Ribeiro, ou ainda deu o Ministério da Pesca para Marcelo Crivella ? Entendi. Combate ao fisiologismo é só uma metáfora para incapacidade de gerenciar o fisiologismo. Dillma deveria ter se preparado antes. Cadê as creches ? E as UPAs ? E as UPPs ? Combate ao fisiologismo. Vai ver por que ela se deparou com ministros que não conhecia. Quem os nomeou afinal ? Ela não conhecia o trabalho deles ? Ah esqueci. Foi ela mesma que os nomeou, ela já conhecia o trabalho deles por ser do governo Lulla (Ministra da Casa Civil que deixou Erenice Guerra em seu lugar, aquela do filho lobista)... Já sei, é combate ao fisiologismo pois assim que foram identificadas irregularidades na área pelos órgãos fiscalizadores ela tomou atitude... Se bem que ela não fez nada até a imprensa noticiar... aliás ela não fez nada até o desgaste das pessoas... no caso então do Guido Mantega, que foi avisado das irregularidades, tudo continua como antes.

Felipe em 15 de março de 2012

A Dilma não quer se livrar do fisiologismo. Ela só quer se livrar do fisiologismo dos partidecos da base aliada. Ela prova não saber lidar com a matilha de hienas que é a maioria da classe política brasileira com diplomacia, para, lentamente, fazer passar as reformas necessárias ao bem do país (se é que ela está nesta por querer o bem do país) com fez FHC. A senhora Dilma deve estar com saudades de seu rifle AK-47 dos tempos de guerrilheira...

GlorInha de Nantes em 15 de março de 2012

Há excesso de coerência nesse presidencialismo de barganhas e tráfico de Poder por mais Poder. Por mais paradoxal que possa parecer, há esgotamento e entropismo, entretanto, diante de tal e tanto esquartejamento do Poder. . A insepulta democracia, estropiada, destroçada, estuprada, estraçalhada, nos últimos dez anos, pela Dinos&Trogls arrasta-se ainda viva, virtualmente, à conveniência e para sorte dos vis. . Até quando?! Até onde?! Qual é o limiar que a eles faltaria ultrapassar?! E que limites estariam, subrrepticiamente, explorando?!

Marcelo Meireles em 15 de março de 2012

Inodoros ? Tem certeza ? rsrsrs Vc tá com uma rinite braba hahahaha - Mas olha. Esses caras são perigosos. Os do PMDB, mais ainda. E Collor até já deu seu conselho. Esses caras armam uma casinha pra ela fácil, fácil - Dilma pelo menos tá tentando enfrentar alguns fisiologistas históricos. É claro que ela não vai consertar um vício de séculos em 4 anos. - Mas se tiver apoio da Sociedade, da Imprensa nesse combate, será um enorme bem pro Brasil. - O duro é que a maioria desses caras tem Veículos de Comunicação, né rsrsrs

Jefff em 15 de março de 2012

A imprensa seja de qual matiz ideologica for deve apoiar qualquer governante que queira romper com o fisiologismo nojento pelo qual os partidos funcionam.

VER + COMENTÁRIOS
TWITTER DO SETTI