Image
“Tree”

Não faz nada, ora.

Porque não se trata de uma mulher nua.

Trata-se de uma obra de arte representando uma mulheer nua — uma escultura feita de resina e pintada pela americana Carole Feuerman, considerada uma das melhores artistas hiperrealistas do mundo, com trabalhos expostos em alguns dos melhores museus que existem, como o Metropolitan, de Nova York, e o Hermitage, em São Petersburgo, na Rússia.

Entre as personalidades que possuem obras de Feuerman estão o imperador Akihito, do Japão, o ex-presidente americano Bill Clinton e sua mulher, Hillary, o ex-secretário de Estado Henry Kissinger e o ex-presidente soviético Mikhail Gorbachov.

“Sou mais conhecida por minhas escultuas hiperrealistas de nadadores e de pessoas tomando banho, minuciosas a ponto de conter cada sarda da pele e cada gota de água”, diz, com acerto, Feuerman. “Procuro esculpir a figura humana de forma tão semelhante a pessoas vivas para que as peças pareçam até respirar… ”

Para ficar no estado de perfeição que quer, a artista explica que uma peça pode requerer até 100 mãos de tinta, e lixar e polir entre cada camada, para alcançar o acabamento e a luminosidade necessários. Do começo ao fim, o processo de criar uma escultura pode levar de seis meses a vários anos.

Image
“Employee Shower”, da coleção Grounds for Sculpture

Image
“Balance”

Image
“General’s Twin”

Image
“NBA”

Image
“Luca”

Image
“Capri”

Image
“Survival of Serena”

Image
A modelo real sobre peça que inspirou, “Survival of Serena”, incompleta

Image
Carole trabalhando em “Balance”

Image
Carole Feuerman trabalhando na obra “Brooke with Beachball”

Image
Carole Feuerman trabalhando em “Lady Neptune”. O brilho excessivo da escultura indica que ela ainda não está pronta

Image
“Nude Coming Through the Wall”

DEIXE UM COMENTÁRIO

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

três × quatro =

TWITTER DO SETTI