José Padilha e Wagner Moura farão filme sobre o Mensalão

José Padilha e Wagner Moura, durante as gravações de Tropa de Elite 2

José Padilha e Wagner Moura, durante as gravações de Tropa de Elite 2

O cineasta José Padilha, diretor de Tropa de Elite e de Tropa de Elite 2, prepara-se para filmar Nunca Antes Neste País, filme cuja temática será o escândalo do mensalão, de 2005 — o caso de pagamento de propina a deputados para apoiarem o governo Lula, num esquema supostamente coordenado pelo então chefe da Casa Civil, José Dirceu, ora em julgamento pelo Supremo Tribunal Federal.

Padilha ainda não decidiu que papel caberá a Wagner Moura, o “capitão Nascimento” dos dois Tropa de Elite.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

11 − 10 =

Nenhum comentário

  • Jornalista Nasser

    “Tamo” ai na area de novo.
    Tem ator sobrando aqui no MS,e ainda com a vantagem de ser bem experiente nesta area de mensalões e mensalinhos, não vai nem precisar de ensaio,ainda sobra material para alguns programas do tipo”A vida como ela é”.
    E como se diz aqui no Pantanal,”TEM GENTE DE MAMANDO A CADUCANDO PARA COMPOR O ELENCO”.

  • Marcelo

    Já fez um filme sofrível como esse Tropa de Elite, faz uma sequência caça-níquel e agora vai se meter a falar de uma ficção jornalística. Explique-me qual a lógica de um governo pagar para a membros da base aliada (inclusive do próprio partido) votar com ele. A mídia tradicional inventa e o cineasta vai tentar tirar uma casquinha. Vou te contar. Estamos mal.

    A lógica de o governo pagar para que deputados o apoiassem tem a ver com o grande número de deputados fisiológicos — aqueles sempre atrás de vantagens, antes de mais nada — que compõem sua base de sustentação no Congresso. Gente do PMDB, do PP de Maluf, de vários pequenos partidos.

    Quanto ao petistas que embolsavam dinheiro do esquema Marcos Valério, bem, tudo foi feito em nome de “gastos de campanha”, passados ou futuros.

    Abraços, volte sempre.

    Ricardo Setti

  • mariaa

    Esses dois tem que tomar cuidado, vide Celso Daniel e Toninho do pt.

  • ADAMIR NIVALDO(MAZZAROLO) ANGHINONI

    Eu acredito que o que está acontecendo no país é o PT se aproveitando que o povo que o apoia, devido a alguns eventos que deram certo porque o governo subsidia, está com diarréia cerebral. Isto faz com que esse mesmo povo, que o apoia, não enchergue o lamaçal e a podridão de corrupção existente, nem veja o TAMANHO DA DÍVIDA INTERNA que o país adquiriu por causa dos excessos cometidos para poder alcançar êxito nesses projetos incompletos: veja o Bolsa família por exemplo. É um poço sem fundo, pois não existe um projeto real para tirar essas famílias da miséria. O que existe é uma compra de votos institucionalizada. Deveríamos fazer um filme para cada atitude errada dos nossos governantes. E depois o PT não fala que Dilma é uma ASSASSINA. Sim ela o é, mas como ficou mais de dez anos se escondendo no exterior foi beneficiada porque passados esses dez anos tudo caduca. Como é que pode a justiça ser tão manipulada por esses políticos que aprovam essas leis absurdas? Cadê os nossos juízes? Cadê eles? Será que se comportam como deuses apenas diante dos pequenos porque ninguém os defende? Comigo já foi assim. Isso eu já fui ameaçado e acusado de fazer falcatrua quando que quem estava fazendo essa falcatrua era uma pessoa com a posição de “JUIZ”. Até quando esse país ficará calado diante destes desmandos e abusos de autoridade por parte de nossos governantes e de alguma autoridades de nosso judiciário? Tomára que o povvo ponha a mão na consciência e vote com a consciência imparcial.
    Abçs a todos. Boa sorte paras todos nós.

  • Riva Mendes

    Me parece que já estamos esboçando, graças a Deus, uma reação a esse subproduto ideológico da ditadura militar, de quinta categoria, que é o “lulismo”. Não vai ser a velha geração que ouvia Geraldo Vandré que vai promover isso. Dessa, muito preferiram permanecer no velho espírito esquerdista/romântico que lhe dá conforto emocional e auto-identificação. São os que não passaram ainda por uma crise (crescimento, no sentido original grego) libertadora (em relação ao PT, nem diante do mensalão). Para eles, o Lula é o nosso (meu não!) “bom selvagem”.
    Afinal, mudar, deixar convicções acalentadas no coração por anos e anos, costuma ser doloroso pra quem não tem espírito aberto ou anti-doutrinário.

  • Menezes

    Interessante que o filme só foi liberado para ser exibido em 2011 “após as eleições”. Porque será? Rsrsrsrs.

  • Aru

    Eu concordo q teve baixaria no governo do PT, mas pelo menos não abafaram o caso que nem acontecia no do PSDB.. quem não lembra na década de 90 que “tudo acabava em pizza”..?

  • Diego

    Querido marcelo, assista tropa de elite 2 ao invés de falar besteira e chamar a excelente sequência de caça-níquel. Se Dê ao trabalho de conhecer as coisas antes de sair falando asneiras.

  • ito

    um bom título para o filme sobre o mensalão seria:
    “Lulla o Pai da Corrupção” ou “Nunca antes neste pais se roubou tanto”.

  • Fernanda

    é uma boa jogada de marketing politico isso…
    e ainda terá apoio de toda a mídia e a direita conservadora do país…

  • Fernanda

    e o filme será baseado nas investigações e decisões judiciais, ou nos fatos espalhados pela mídia e não comprovados??????

    Creio, Fernanda, que se baseará em boa parte na denúncia em que o procurador-geral da República acusa José Dirceu de ser chefe de uma “quadrilha” — denúncia aceita pelo Supremo Tribunal Federal e hoje em fase de investigação, sob o ministro Joaquim Barbosa, que já ouviu mais de 400 ou 500 testemunhas.

  • sheila coelho

    Outras boas sugestões, que tal:” O aborto da Mônica”,”Sr Zé o Santoanás”,”Bolinhas de papel podem matar”,” Licitação é coisa séria”….tenho outros, precisando de mais sugestões é só falar. Um abraço.Fiquem com DEUS e com Dilma.

  • Rayssa

    Fico imensamente feliz por tal parceria!
    Apoio profundamente!
    E torço muito!
    ALém de brilhantes e talentosos… São inestimáveis!
    Parabéns… Padilha, genial… Wagner… ah! Simplesmente Wagner, o poder! haha

  • rose

    “Esses pobres moços” deverão, desde já, pedir proteção aos órgãos internacionais de direitos humanos, já que no Brasil esses órgãos são subordinados à mesma TROPA PETRALHA que encandalizou o país.

  • Emmanuel

    Ai, ai… tomara que falem a verdade, depois da decepção que foi o Tropa de Elite 2 que destruiu definitivamente o que teria construído (pelo menos aparentemente) no anterior, isto é, uma visão mais justa e mais aproximada da realidade. Sugiro que leiam o excelente artigo “Bandidos & Letrados” de Olavo de Carvalho.

  • Barrett

    Em entrevista a própria Veja , o diretor Zé Padilha afirma com todas as letras que o filme tratará da história da manobra política que passou a ser conhecido com o nome de “mensalão”, a partir de 2005, e não que tratará “APENAS” deste ultimo caso, que não passa de uma reincidência. Ele também esclarece que recebeu financiamento do BNDES para o filme, salientando que não houve nenhum tipo de censura ou restrição por parte do atual Governo.

  • Penso q pior q quem é obrigado a pagar o mensalão é o q cobra não é mesmo? É um grande filho de uma mãe que não sabe quem é o pai uma pessoa dessa.
    Ele teva com $erra, se chama Roberto Jefferson
    uiiiiiiiiiiiiiiii