Image
Ministro Lupi e Paulinho da Força, colegas de partido: tranquilidade preocupante. (Foto: José Cruz/ABr)

Amigos do blog, já escrevi e repito: não podemos condenar o ministro Carlos Lupi, do Trabalho, como criminoso, como bandido, como malandro.

Apesar da nuvem de suspeita que paira sobre roubalheiras ocorridas em seu Ministério, o ministro não é réu, nem sequer indiciado.

Ele tem o direito constitucional — e o direito moral — à presunção da inocência: ninguém pode ser considerado culpado até o julgamento final, condenatório, pela Justiça.

Tudo isso está certo, e é assim mesmo.

Mas, como já escrevi, e repeti, e repito de novo: há um limite para qualquer político se apegar a um cargo quando sobre ele pairam dúvidas.

Lupi deveria ter a dignidade de se afastar, pedir demissão, deixar que corram as investigações para, uma vez comprovada, eventualmente, sua inocência, possa voltar, altivo, a posto.

Essa sucessão de patéticas declarações que vem fazendo, uma atrás da outra, uma mais constrangedora do que a outra — que só saía “à bala” do cargo, que “ama” a presidente Dilma, que a presidente da República faz o seu tipo –, são terríveis, provocam vergonha alheia.

O ex-presidente FHC, comentando o caso, foi cavalheiro ao dizer que “após certo ponto, ministro passa a ser peso”. Faz tempo, muito tempo, que Lupi ultrapassou esse ponto.

Agora, vem o deputado Paulinho da Força (PDT-SP), companheiro de partido de Lupi, depois de conversa com o ministro, dizer que ele está absolutamente “tranquilo”.

Lupi pode até estar de consciência tranquila, o que seria ótimo. Mas não pode estar tranquilo por fazer arrastar interminavelmente essa crise.

Se ele está tranquilo, quem deve estar intranquilo?

Se eu fosse a presidente Dilma, estaria.

Se ela não está, então, certamente, intranquilos estamos nós, os cidadãos.

DEIXE UM COMENTÁRIO

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

7 − 6 =

25 Comentários

ROBERVAL ROCHA em 24 de novembro de 2011

Eu como brasileiro gostaria que uma comissão investigasse a bela criação do Ministro Dr. Lupi Pardal. Através da portaria 1510 do MTE ele criou o novo Relógio de Ponto denominado REP. Todos os especialistas da área não viram real motivo para a criação deste aparelho eletrônico que solta um comprovante para o funcionário, pois somente as mudanças no software já tinham resolvida a questão. Ele foi avisado das mil falhas no equipamento e na sua certificação desde o início, mas com o sei jeitão de general não voltou atrás. Resultado: Já adiou a data de vigor da portaria por quatro vezes e o prejuízo para empresas fabricantes de relógio, fabricantes de Software de Gerenciamento de Ponto, Distribuidores deste tipo de equipamento e empresários que investiram estão na casa do BILHÂO, fora que assas mais de 10.000 empresas do segmento está sendo massacradas nesses dois anos porque na indefinição do MTE ninguém quer investir na compra e as vendas caíram drasticamente. Vocês lembram-se do Kit primeiros socorros? Isso merece uma investigação, pois todos sabem que está errado, mas ninguém quer tocar no assunto, inclusive a Presidenta e a mídia. Eu e toda a minha família votamos na Dilma, mas esse Ministro ainda em exercício está nós fazendo repensar no nosso voto. Esse Ministro é o cara mais falso que eu já conheci na política, e olha que têm muitos hem!

EDSON GANDARELA em 24 de novembro de 2011

Fisicamente o CLT Carlos Lupi Trapalhão, parece o Dino da familia dinosauro, só na aparencia, porque o Dino é puro, correto, educado, bom pai, bom marido, honesto. O CLT é o oposto, ou seja, é tudo que não presta. O Paulinho da forca é outro traste, notaram que eles não tem pescoço, acho que é de tanto contar mentiras, a cabeça vai afundando. Como ele mesmo afirmou, vai ter que ser abatido a bala, eles não tem pescoço, vamos por a corda aonde. - Um detalhe, avisar ão carrasco, para atirar no lugar certo... para não estragar o couro.

Jaimisson dos Santos em 24 de novembro de 2011

Chamar a presidenta Dilma de faxineira me parece grosseria...portanto seu proximo comentario a respeito do meu comentario vai ficar aguardando moderacao da presidenta Dilma... Nunca chamei Dilma de "faxineira". Nunca ofendi ninguém neste blog, nem as pessoas a quem critiquei com mais veemência.

Jaimisson dos Santos em 24 de novembro de 2011

Grosseria meus comentarios?? Como definir o que se chama grosseria e o que se chama ...verdade grosseira? Francamente...se tenho que escrever somente aquilo que vc quer ler...estou no blog errado. Como vc nao escreve aquilo que eu gostaria de ler...estamos 50% versus 50% Tenho coragem de escrever aquilo que muita gente pensa ...e nao tem coragem de falar ...ou escrever. Censura? Hummmmm...me engana que eu gosto....voltamos aos anos de chumbo..... Se blogs surtissem efeito...o governo ja teria caido...blogs funcionam como bate papo entre desconhecidos.... VEJA criticou, criticou e criticou o Lupi...o cara caiu??? Acha que a nossa adorada presidenta Dilma vai ligar para o que os blogs contam??? Para cima todo santo ajuda...para baixo a coisa toda muda!!! De leve... Jaimisson, pode criticar à vontade, inclusive (ou principalmente) a mim. Mas não posso aceitar que os comentários venham com xingamentos, ofensas, palavrões etc, sejam dirigidos a quem forem. Só isso. Pode-se criticar duramente, terrivelmente alguém, seu comportamento ou suas ideias sem xingá-lo ou ofendê-lo. Não é censura, é compostura.

Vanderlei em 23 de novembro de 2011

Ricardo, não é só o Lupi que está tranquilo. O Paulinho também está. Esses caras andavam no "vermelho" e depois que passaram a viver às custas do dinheiro do contribuinte, estão no "azul". VIVA AS ONGS, tanto as do Ministério do Esporte como as do Trabalho. Na foto há 3 erros. No lugar do cafezinho e da água deviam estar duas algemas.

Jaimisson dos Santos em 23 de novembro de 2011

Muita grosseria, caro Jaimisson. Não dá para publicar. Pelo jeito você não conhece as regras do blog, que já apresentei aqui mesmo inúmeras vezes. Mas vamos lá: Clique no link http://veja.abril.com.br/blog/ricardo-setti/tema-livre/143081/

sandovalsader em 23 de novembro de 2011

Caro Jornalista: Destaco dois pontos: 1)O Lupi não saí e fica esperando ser inocentado porque investigações no pais das maravilhas não acabam nunca... 2)Nossa justa intranquilidade(e indignação) não comevem aos poderosos... Esta ajuda do "honorável" Paulinho da Força é tranquilizadora..... Viva o Lupi.

Think tank em 23 de novembro de 2011

“Amigos do blog, já escrevi e repito: não podemos condenar o ministro Carlos Lupi, do Trabalho, como criminoso, como bandido, como malandro.” Melhor expressando: Concordo até aqui, com a justiça que temos, com quase todos membros do STF indicados pelas gangues do MENSALÃO-2005, certamente não podemos condenar e nem sonhar em condenar este e todos os seus comparsas similares, estão e estarão tranqüilos, com a certeza da impunidade, ou melhor com a garantia de impunidade nas mãos. Pior ainda é sustentamos estes politicorruptos com o suado GIGA tributos com a certeza de que nada reverterá em beneficio da sociedade, mas apenas para custeio da sinecura e a farra destes larápios.

Caio Frascino Cassaro em 23 de novembro de 2011

Prezado Setti: Esqueci: "Dignidade" e "Luppi" não cabem na mesma frase. A não ser que entremeados de um "falta de". Um abraço

Markito-Pi em 23 de novembro de 2011

Caro Setti. V., como sempre está certo.A Justiça e a Lei, sempre têm o princípio de presunção de inocência. É do Estado de Direito que assim seja.É por esta razão que espero ( inutilmente, pelo que vejo) que o MPF denuncie logo o sr. Lupi por crimes capitulados no Código Penal. Como não sou juiz, nem mesmo agente do Estado, mas um simples e eventualmente raivoso eleitor brasileiro, posso - e devo- dizer o que penso.Para minha felicidade, esta mágica chamada internet nos proprociona um megafone potentíssimo para discutir idéias e opiniões.Em blogs de gente de primeira, como Nunes, Setti, Azevedo, e alguns poucos outros honestos, vale a pena berrar contra a canalhice federal que o país vive. Carlos Lupi é um cafajeste incurável. Não tem pompa, circunstancia, estofo e inteligencia para ser nem mesmo síndico de condomínios.Em governo petista, isto é curriculum; para gente decente, é opróbio.Sua atuação pública nos últimos 2 meses, é ultrajante.É o espetáculo diário do mais agudo mau gosto, canalhice, mentira desavergonhada e rastejamento puxasaquista da história. A tudo isto, agora acrescenta-se o depoimento deste Paulinho da Força, que até pouquíssimo tempo atrás, os petistas chamavam de Paulinho da Farsa , falar esta sandice, o que apenas é mais um testemunho da desonestidade de Lupi.Paulinho é aquele mesmo, que com a esposa Vera, surrupiou um monte de grana destinada a uma tal ong assistencial.Um testemunho que condena o Lobos. Calpurnia não tem de ser honesta;tem de parecer honesta. Lupi , Paulinho e PDT não parecem. E não são.

Caio Frascino Cassaro em 23 de novembro de 2011

Prezado Setti: É claro que ele está tranquilo. O sujeito disse que não saia nem a bala e a faxineira que parece gostar de lixo corroborou o que ele disse. Aparentemente o sr. Luppi, cujo nome é retrato exato da sua forma de agir, encostou uma faca no pescoço de dona Dima e vai ficar aonde está até quando quiser. O sujeito mentiu para o Congresso Nacional - o que, na condição de ministro, configura crime de responsabilidade. A partir daí, o fulano já é objeto de ação civil pública. Quanto à tranquilidade, sabendo o que ele sabe, eu também estaria tranquilo. É mais um "imexível" oriundo do sindicalismo brasileiro. Um abraço

Aldo Matias Pereira em 23 de novembro de 2011

Setti, É que o paulinho sempre dá força a qualquer larápio que possa ajudá-lo a não devolver os recursos que sua ong desviou. Simples assim!

Think tank em 23 de novembro de 2011

"Amigos do blog, já escrevi e repito: não podemos condenar o ministro Carlos Lupi, do Trabalho, como criminoso, como bandido, como malandro." Concordo até aqui, com a justiça que temos, com quase todos membros do STF indicados pelas gangues do MENSALÃO-2005, certamente este e seus comparsas estarão tranquilos, com a certeza de impunidade, ou melhor com garantia de impunidade. Nós sustentamos estes politicorruptos com o suado GIGA tributos com a certeza de que nada reverterá em beneficio da sociedade.

Vera Scheidemann em 23 de novembro de 2011

Com certeza, Ricardo, que os intranquilos somos nós. Eles, que não têm um pingo de vergonha ou compostura, estão (ou fingem que estão) tranquilos. Cada dia mais agarrada ao cargo conta, para essa gente sem escrúpulos, como uma vitória e a Brasil que se dane. Vera

Ismael em 23 de novembro de 2011

A esposa de Paulinho é outra "dona" de ONG (no caso, para cuidar de crianças carentes) que recebeu uma dinheirama do BNDES. No Lulalato, como Setti apelidou o peródod petista de governo, foram 23 bilhões de reais desperdiçados com ONGs, que a rigor deveriam se sustentar com contribuições privadas. Já imaginaram 23 bilhões aplicados em pesquisa científica, combate às drogas, melhorias na saúde, etc. Haveria dinheiro de sobra para todos esses investimentos, mas o que vimos foi um festivald e descalabros. Pobre Brasil.

Observador100 em 23 de novembro de 2011

Caro Setti Como observou a Dora Kramer no seu artigo de ontem: A Dilma está sendo presidida pela base aliada e eu acrescentaria, pelo Lula. Nunca meu caro devemos nos esquecer disto. O Lupi é "cachorro grande", "p. velha" e iria cair matando. Portanto não vai cair! Este é o retrato deste governo, deste país. O resto são sonhos de uma noite de verão abraço

pericles em 23 de novembro de 2011

A tranquilidade do Lupi me lembra uma piada. Um médico atendia simultaneamente vários pacientes, entre eles um que estava com os nervos à flor da pele e outro com o intestino solto. Receitou remédio para os dois mas a enfermeira, muito atarefada, trocou as receitas. No fim de semana, o médico vai ao estádio e encontra o paciente do intesitno solto e pergunta; "Como vai?" E ele responde: "Doutor, estou todo cagado" "O que é isso? estranha o médico. "Ah, doutor, mas estou tranquiiilo!"

Corinthians em 23 de novembro de 2011

Francy Granjeiro - 22/11/2011 às 20:51 Mais um comentário de lógica impecável, com construção de pensamento perfeito e documentos e links comprovados. Aliás o comentário tem tudo a ver com o post. A ligação do vazamento com o processo de licitação é realmente algo de gênio. -- P.S. Sou só eu ou parece que os "esquerdistas" e "petistas" estão pulando de alegria com o vazamento em águas brasileiras ?

Francy Granjeiro em 22 de novembro de 2011

Serra, amigo da Chevron Segundo documentos do WikiLeaks, na campanha do ano passado o candidato tucano prometeu a Patrícia Pradal, diretora da Chevron, que mudaria os contratos do pré-sal para beneficiar a empresa: “Deixa esses caras [do PT] fazerem o que quiserem. Nós vamos mostrar a todos que o modelo antigo funcionava. E nós mudaremos de volta”. O vazamento no Rio abalou vários privatistas e entreguistas nativos! OOOOOOOOOOOOOOOOOOOOO

Corinthians em 22 de novembro de 2011

Natal, Ano Novo... Em janeiro ninguém vai lembrar mais de nada... vai vir a reforma ministerial e aí vai trocar o Lupi por mais uma indicação política... será o próprio Paulinho ? Que vergonha...

Soares em 22 de novembro de 2011

SEGUINDO A CARTILHA DO PT: Do Curso de Formação do Perfeito Cumpanhero AQUI TEMOS 51 IDÉIAS PARA ILUSTRAR O CURSO DE FORMAÇÃO DA CUMPANHERADA. (Vale para a todas as situações o que importa é o cumpanhero sair ileso!) 1)Como mentir em público. 2) Como locupletar-se com dinheiro público. 3) O sindicalismo amestrado e o futuro. 4) Confecção de dossiês. 5) A virtude da hipocrisia. 6) Método Ronaldinho de Enriquecimento Rápido de Filhos. 7) A arte de conquistar uma base alugada fiel. 8)Introdução ao Stalinismo Farofeiro. 9)Mensalão: Quarenta Homens e um Segredo. 10)Como proteger e afagar assassinos comunas em solo tupiniquim. 11)Como afagar companheiros ditadores e facínoras mundiais. 12)Como afagar os companheiros que roubam o patrimônio brasileiro em solo estrangeiro. 13)Como Violar todas as regras eleitorais e liturgias do cargo. 14)Como abraçar o ditador Fidel Castro, enquanto um dissidente está morrendo numa greve de fome. 15)Como Governar oito anos chafurdando num loçadal de corrupção e nunca saber de nada. 16)Como transformar ministérios em balcão de negócios. 17)Como Usar expedientes poucos honestos para tentar abalar a oposição. 18)Como espancar a lógica e o português. 19)Como desestruturar moralmente um ex-presidente durante oito anos de governo. 20)Como apropriar-se das ideias alheias 21)Garantindo aposentadoria como ex-revolucionário. 22) Comprando novos aliados entre velhos inimigos. 23)Comprando os aliados profissionais. 24)Como se fazer de gênio mesmo sendo um idiota. 25) Como aumentar seu patrimônio 20 vezes em apenas 4 anos com uma pequena empresa de consultoria. 26) Aparelhando o Estado e os movimentos sociais – A arte de fazer amigos e obter apoio da companheirada. 27)Reescrevendo a história a seu favor com maestria. 28) A arte de satanizar uma oposição inerte e se ainda fazer de vítima. 29) Aprendendo com o quiabo: Como ser liso 30) Dólares na cueca: As melhores técnicas para o uso desta vestimenta. 31) Minta sempre com os dois cantos da boca, infundindo respeito. 32) Um vez assimilado pela Nomenklatura da esquerda nominal, relaxe e goze 33) Como ser um socialista rico. 34) Nunca roube de pobre; assalte o erario. Dinheiro de todos, cachorro sem dono. 35) Nunca saiba de nada – evita dissabores e evidencia habilidade de gestor. 36) Fantasie-se de conferencista e ganhe como um lobista. Rima e paga bem. 37) Cuidado com o curriculum vitae: doutorados de araque acabam fedendo. 38) Gastos com publicidade devem ser ululantes, ficando o decoro para depois. 39) Prometa aos eleitores futuro esfuziante, com o consumo ao alcance de todos, como burocratas, bolsistas e mensaleiros. 40) Diga a todos que a burocracia governamental tem de crescer, a fim de pagar as bolsas e as mensalidades destinadas aos caciques de aluguel. 41) Jamais esquecer que o regime funciona apenas com mentiras e muitas promessas. 42)Como amestrar “artistas” 43)Como amestrar “jornalistas” 44)Como sindicalizar a democracia 45)Como apoiar tiranias e repelir democracias. 46)Como ser um megalomaníaco. 47)Como justificar o mal em nome do “bem maior”. 48)Como sempre, nunca saber de nada. 49)Como - Se fingir de bravo e culpar a “mídia golpista”. 50)Princípios Básicos do Enriquecimento Através de Consultorias. 51) Como continuar fazendo pose e discurso de pobre mesmo depois de enriquecer.

Tuco em 22 de novembro de 2011

. E então, Grande RSetti, é pra comentar de que maneira? Com respeito ao ilustre Deputado, com deferência e polidez? É assim, né? Nem um palavrãozinho, nem uma expressãozinha de baixo calão? OK. Mais esta vez eu passo… .

João Augusto em 22 de novembro de 2011

Os atos pelos quais esse ministro está sendo acusado, viraram fato recorrente no pais, em breve será nota de rodapé. Preocupar-se por isso, nem pensar! Realmente, nos, cidadãos, é que deveríamos estar preocupados por permitir que essa gente ainda esteja dando as cartas no governo. Me envergonho do ministro tanto quanto daqueles que o protegem.

Rosa Maria Pacini em 22 de novembro de 2011

Setti, esperar postura digna de pessoas com o perfil do Lupi e do Paulinho é ilusório. Não há qualquer vestígio de hombridade nessas duas pessoas e em seus comparsas. O Paulinho chegou a sugerir que o deputado Regufe e os senadores Pedro Taques e Cristovam Buarque deixem o partido, já que se sentem constrangidos com a falta de escrúpulo do Lupi. Eu também acho que eles deveriam fazê-lo, pois o pessoal que tomou o partido de assalto não tem o menor compromisso com a verdade e com a decência. E se a Dilma, para usar o mesmo tratamento usado por Lupi, o mantém é porque eles se merecem. Eu nunca duvidei disso, agora está mais do que provado.

mac z em 22 de novembro de 2011

A foto é claríssima: Lupinho está tranquilo e Pauzinho, feliz.

VER + COMENTÁRIOS
TWITTER DO SETTI