Image
Reprodução do convite do presidente da Câmara, Marco Maia, do PT, para o lançamento de documentário sobre FHC

Viva a civilidade, viva a convivência de contrários.

Amanhã, terça-feira, às 12 horas, no Salão Negro do Congresso Nacional, será lançado o documentário A Construção de Fernando Henrique, produzido pela TV Câmara.

Quem expede os convites para o evento é alguém sem cujo OK o documentário nem teria sido realizado: o presidente da Câmara dos Deputados, Marco Maia (RS), atualmente um dos expoentes do PT – partido que há pelo menos 18 anos não cessa de criticar FHC, suas ideias e feitos.

 

DEIXE UM COMENTÁRIO

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

16 + 2 =

Nenhum comentário

Carlos Xavier em 17 de abril de 2012

Incrível, triste e decepcionante ao mesmo tempo. Um Marco Maia de um lado e um FHC de outro. Cada qual mais medíocre que o outro. Um do partido mais corrupto da história, o outro , uma das maiores farsas da nossa história. Um presidente da câmara dos deputados, por acordo. Imaginem que tipo de acordo. PT e PSDB. Um é partido é o outro é rachado, o que dá no mesmo. Os dois partidos e os dois indivíduos são motivos de vergonha e decepção para os cidadãos de bem deste país. O Marco Maia é um zero a esquerda. Uma despesa, um custo. O FHC, depois de 18 anos, com ajuda da imprensa paulista, provinciana e bairrista, tenta, ainda, se apossar da criação do Plano Real. Ele, que nem fazia parte do governo federal na época da gestação e criação do Real. Presidente mesmo, inteligente, moderno, visionário, criativo, foi JK. Criou, construiu tudo, fez tudo, sem dinheiro e sem gente qualificada, na época. No dia do velório do Itamar Franco, o FHC disse, para quem quisesse ouvir, que realmente, como dizem seus parentes e os mais próximos, ele é somente um desqualificado e mau caráter. Vendeu tudo que conseguiu, sumiu com o dinheiro, viajou para os quatro cantos da terra, torrando nosso dinheiro com garrafas de vinho de cem mil reais. Seus maiores feitos na vida e como presidente: Conseguiu comprar a reeleição e arranjar um emprego de funcinária fantasma no senado para a própria filha. Este é o cara. Carlos Xavier Brasília.

bruno em 17 de abril de 2012

Quero ver se a imprensa vai divulgar o evento como faz com todos os eventos com lula com direito a fotógrafo oficial.....Para mim foi o Presidente mais importante do Brasil, aquele que realmente iniciou a arrumação da casa que era uma bagunça e respeitou as instituiçoes democráticas, mas aí veio o lula e estragou tudo......

Reynaldo-BH em 17 de abril de 2012

Setti, Recebi um mail do comentarista Ari Alves, que anda meio sumido deste espaço. (Me arrependo dele ter tido acesso, por minha concordância, ao meu mail). Ele está revoltado por não ter conseguido os objetivos a que se propôs, segundo o mesmo , “uma cruzada contra os comunistas do PT”. Ele diz que pretende, em Natal onde reside, promover uma manifestação pública pedindo “cadeia imediata para Zé Dirceu e o início do processo de impeachment de Dilma.” Só pude responder ao Ari que não concordo, em absoluto, com estas proposições. Quem dirá se José Dirceu deve ou não ser encarcerado – e só após um julgamento – é a Justiça. E sou contrário a um movimento sem sentido como este de golpe contra Dilma. Só te envio este comentário para que você possa avaliar o quanto alguns – mesmo que um direitista assumido como o Ari Alves – estão perdendo a paciência. E a razão. Gente, não é por aí. Vamos com calma e com decência. E peço ao Ari Alves que reveja estas posições raivosas e sem sentido. Abraços. Pois é, Reynaldo, volta e meia tenho dúvidas sobre se publico comentários desse leitor. Mas, como não censuro leitores por posturas ideológicas, venho publicando seus sucessivos elogios ao ditador Médici, ao assassino Pinochet e a políticos como Maluf e Jair Bolsonaro. Fazer o quê? O homem é de extrema direita convicto... Tal como você, acho que Dirceu só pode ser considerado culpado, e ir para a cadeia, depois do pronunciamento do Supremo Tribunal. E não vejo cabimento em qualquer movimento de impeachment da presidente Dilma. Um abraço

Hélio em 17 de abril de 2012

Nos últimos tempos temos visto cenas de civilidade na política brasileira : a carta de Dilma nos 80 anos de FHC, a visita de Alckmin e FHC à Lula no hospital,, e agora o gesto de Marcos Maia. Infelizmente, ainda são exceções, quando deveriam ser a regra. Apesar das diferenças ideológicas e programáticas, é inegável que os governos FHC e Lula criaram as condições essenciais que permitem hoje ao Brasil ocupar posição de destaque no mundo. O PT e o PSDB, como os maiores partidos brasileiros, deveriam começar a aprender a reconhecer os méritos uns dos outros, e deixar a política rasteira no passado.

castro em 16 de abril de 2012

Tucanos e Petistas tudo fafinha do mesmo saco furado!

dpiresmont em 16 de abril de 2012

Antes de elogiar o gesto, gostaria de saber o conteúdo do documentário.

Pedro em 16 de abril de 2012

Parabenizo a Câmara dos Deputados por um exemplo de POLÍTICA na melhor acepção da palavra!

SidneyCWB em 16 de abril de 2012

Setti. A tua pergunta é facilmente respondida por exemplo vendo o comentário das 16:01, abaixo. O FHC não fez tudo certo, claro. Cometeu seus erros, mas no geral ele foi super bem sucedido em nos tirar daquele inferno da hiperinflação e criar o Real que está até hoje, bem ou mal, funcionando. As pessoas que não viveram aqueles tempos não têm idéia do que era a inflação. Ele modernizou a economia, mas dizem que entregou o país. Nunca me esqueço da Vale. Ela todo santo ano fechava com prejuízos enormes para o caixa do Governo Federal. Ele a privatizou e em pouco tempo ela se tornou uma empresa que passou a dar lucros enormes para o país, isto é, transformou um abacaxi em uma coisa excelente para nos, mas tem um monte de gente que o critica dizendo que ele entregou a Vale e outras tantas empresas que sangravam nossa economia. Acusam, acusam mas não fazem nada melhor. Até nas bolsas famílias e na reforma agrária ele foi mais eficiente que o governo seguinte. Ele deu mais ajuda e distribuiu mais terras que os 8 anos seguintes ao seu governo, mas isso ninguém fala pois a idéia é desconstruir tudo que ele realizou e transformá-lo em vampiro. Se todos procurassem se informar antes de criticar, veriam que a coisa não é o que falam por aí, mas descer o malho é bem mais fácil, não?

SergioD em 16 de abril de 2012

Faço minhas as palavras do Marcelo Meireles, e não poderia esperar outra resposta do Ricardo ao seu questionamento. No entanto, não acredito que tenhamos tão cedo esse tipo de consideração entre políticos de governo e oposição. Nem mesmo nos EUA de hoje esse tipo de "carinho" existe entre democratas e republicanos.

ALCIONE em 16 de abril de 2012

Seria uma ótima oportunidade para o Amauri Junior vender muitos exemplares do seu livro "Privataria Tucana"! PS. Porque o FHC não processou o autor? Será por medo de ficar pior ainda? Abraço.

Ixe em 16 de abril de 2012

- Apersar do exemplo filho-único do presidente da cãmara, se há um grande responsável pelo baixíssimo nível a que chegou a representação política no país, este é sem dúvidas o lulopetismo. Responsável-mor pela mais avançado estágio de degradação moral, pelo ambiente irrespirável e pelo péssimo exemplo de psssoas públicas. O lulopetismo implementou a esculhambção mais escancarada no Bananão. Não que tenha inventado nada de novo, mas sultiva, dissemina e pratica o pior da política, com altas doses de cinismo e dissimulação. Responsável direto pela degeneração acelerada da vida pública. O lulopetismo é a verdadeira vanguarda do atraso em todos os sentidos.

Wander Dantas em 16 de abril de 2012

Se este exemplo fosse regra, e não excessão, seríamos um outro país, uma outra civilização... Ideal próximo do conceito que a porção séria, íntegra, inteligente e culta deste imenso Brasil desejaria que fosse realidade.

Marcelo Meireles em 16 de abril de 2012

Que maravilha. Falta agora um apmplo setor da imprensa tratar Lula, o PT e a esquerda em geral com civilidade tb. - Concorda ? Sim.

Heitor em 16 de abril de 2012

O Congresso Nacional Reunido da pilantragem, extorsão, falsidade ideológica, tráfico de influência e prostituição da República tem outras prioridades.

VER + COMENTÁRIOS
TWITTER DO SETTI