Amigos, ninguém — nem os tiranos ou tiranetes que se julgam salvadores da pátria e acima do bem e do mal — está livre da humaníssima superstição.

É o que parece estar ocorrendo com o coronel Hugo Chávez, homem-forte da Venezuela, que regressou ontem a seu país vindo de Cuba, onde prosseguiu tratamento para curar um câncer sobre o qual muito se fala e pouco se sabe.

De uns tempos para cá, ele parou de brandir o lema maluco que inventou para sua “revolução bolivariana”, que é “Pátria, Socialismo ou Morte”.

Como se falar na Indesejada das Gentes desse azar.

Veja como Chávez costumava falar a três por dois em morte neste link.

DEIXE UM COMENTÁRIO

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dezoito + 3 =

8 Comentários

danielle borges em 03 de agosto de 2011

estou agora na escola e isso esta me ajudando muito em meu trabalho

Diogo Gianeri em 26 de julho de 2011

Sou um cético incorrigível, porém minha velha mãe costuma dizer que "as palavras tem poder"... e o Código de Hamurabi diz "olho por olho, dente por dente".... Chávez tirou mais do que a vida de muitos venezuelanos, detratores de um regime que causa asco à todos aqueles que possuem um mínimo de sensatez, baboseiras ideológicas à parte.

JR PIT BOY CPF14933389861 em 26 de julho de 2011

um dos maiores lideres politicos da direita general chavez um abraço...www.jrpitboycpf14933389861.com.br

joão lourenço em 25 de julho de 2011

O cancer é terrivel eu sei,mas para este senhor isso é um troféu merecido.Em seu quintal esta perseguindo opositores destruindo familias e matando seu povo de fome.

terceira via em 25 de julho de 2011

gostaria de saber que tipo de pedra o povo venezuelano jogou na cruz???

duduvieira10 em 25 de julho de 2011

Prezado Sr. Setti; A nossa salvação é que até os bons ditadores NÃO são eternos: a do Kremlim durou quase 80 anos mais esfarelou, as dos Árabes algumas estão por fio, a de Cuba um dia vai, aposto que não passa de 100 anos. A da Venezuela ferrou com os venezuelanos, Venezuela está caindo os pedaços. Outro o dia o Financial Time publicou o francasso da economia de Hugo Cháves e o sucesso do Brasil. Elementar meu caro RS,,,Eu sei porque! O Brasil deixou com a iniciativa privada e lhe arranca a metada das riquezas produzidas na forma de Imposto. Na Venezuela até os botequins passou para mão do Estado, não paga imposto mas também não é necessário produzir nada, o Estado vende o Petróleo e cobre tudo, embora a Estatal PDVSA já virou sucata. Quero dizer: adianta estar sentado em cima de milhões de barril de PetrÓleo? Dinheiro não dá em árvare e nem cai do Céu. Quero dizer: na cabeça deve haver massa cinzento.sds

Reynaldo-BH em 25 de julho de 2011

Informações macabras "pero cierto", dão conta que agora é a Velha Senhora que anda falando de Chávez! TE CUIDA CHAPOLIM BOLIVARIANO COLORADO!!!

Mari Labbate em 25 de julho de 2011

SETTI, quem defende "Pátria, Socialismo ou Morte", na conjuminância dos fatores dá MORTE, pois a composição filosófica correta é: Pátria, Liberdade e VIDA! Haja vista a declaração de Liberdade proferida por Dom Pedro I, no Ipiranga: INDEPENDÊNCIA OU MORTE, no dia 7 de setembro de 1822! Chamou-me a atenção o Dom Lulla montar o seu instituto, no mesmo bairro do Ipiranga. O Universo, com certeza, cobrar-lhe-á Liberdade para o Povo Brasileiro e ele não terá como pagar. É o mesmo caso de Dona Dilulla, que comparou-se aos herois inconfidentes, em Minas Gerais... É o momento em que a enorme dívida fica impagável!

VER + COMENTÁRIOS
TWITTER DO SETTI