Ric Elias tinha um assento na primeira fila no vôo 1549, o do Airbus A320 que fez um pouso forçado no meio do rio Hudson, em Nova York, em janeiro de 2009 — quando a incrível habilidade do comandante Chesley “Sully” Sullenberger, de 57 anos, permitiu que todos os 155 passageiros sobrevivessem.

Em uma palestra inédita no TED – espécie de conferência anual realizada nos Estados Unidos com o objetivo de compartilhar ideias brilhantes –, Elias conta as três coisas que aprendeu naquele dia.

“Inventei um ditado, que diz, ‘Coleciono vinhos ruins’. Porque se o vinho é bom, está à disposição e a pessoa está ali,  eu abrirei”, ensina. “Não quero adiar mais nada na vida”.

Leia também:

Vídeo: veja a impressionante reconstrução do acidente com o voo 1549 no rio Hudson

DEIXE UM COMENTÁRIO

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

três × 5 =

3 Comentários

LEVY SABINO em 28 de agosto de 2013

Fantástica, merecedora de toda consideração, a conclusão que esse rapaz tem da vida!

Vera Scheidemann em 11 de julho de 2011

Maravilha de vídeo ! Todos os dias são presentes que recebemos e temos que valorizar cada minuto. Um abraço ! Vera

Marcia Setti em 10 de julho de 2011

Oi Ric, ao ver este vídeo reforço ainda mais a certeza de que estamos no caminho certo. beijo M Sem dúvida, amor de minha vida. Beijo

VER + COMENTÁRIOS
TWITTER DO SETTI