Amigos, o ex-tesoureiro do PT Delúbio Soares, figura central do escândalo do mensalão, por isso mesmo expulso do PT em 2005, vai voltar ao seio do partido em abril.

Leia a matéria da sempre bem informada repórter Marina Dias, do site de VEJA.

Um dos argumentos do pessoal favorável ao retorno do homem da mala do PT é de que “não há punição eterna”. Mas, como escrevi num post de 24 de janeiro, e repito agora, “ao procurar velhos companheiros e pressioná-los, como tem feito, ele [Delúbio] revela que não quer ficar na chuva. Estar no PT é uma forma de abrigar-se.

E o ex-tesoureiro nem precisa lembrar, porque todo mundo sabe, que é um arquivo vivo de fatos que podem, ou não, chegar ao conhecimento da Justiça, dependendo de como sopre o vento. Delúbio não quer ficar na chuva, e o PT está numa saia justa porque teme tanto reabrigá-lo — seria um escândalo de grande repercussão — como deixá-lo molhar-se.”

O PT preferiu correr o risco do escândalo a um outro: o de Delúbio resolver falar o que sabe.

DEIXE UM COMENTÁRIO

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dez + três =

Nenhum comentário

Tito em 04 de fevereiro de 2011

Escândalo para o PT, aliás para o Brasil, é só uma coisa que logo passa. O povo e a imprensa têm memória curta. Sem dúvida, amigo Tito. O escritor Ivan Lessa costuma dizer que a cada 15 anos o brasileiro se esquece do que aconteceu nos 15 anos passados. Agora estamos reduzindo a coisa para 15 meses -- e chegaremos a 15 dias. Você sabe que este blog não passa sem você, não é? Abração

Lilian em 03 de fevereiro de 2011

Setti, Frase de parachoque de caminhão: "Mudou o apelido do avião do Lula. Agora é Arca de Noé: 'Só entram os sobreviventes do Delúbio'." Abraços! Muito boa! Abraços

Marco em 03 de fevereiro de 2011

Caro R. Setti: Tbm já tinha comentado no A. Nunes,q tu já tinha matado a charada, q o melhor é ignorá-lo, a fim de não seguir sua pegadas... Abs. Obrigado, amigo Marco. Mas não dá para não ficar de olho no homem... Abração

Roberto P. Pedroso em 03 de fevereiro de 2011

Dulibio retorna, outros são nomeados para assessores, outros no segundo escalão e assim todos se acomodam. E nós, bem nós continuamos nós.

VER + COMENTÁRIOS
TWITTER DO SETTI