Quer dizer que Fidel Castro não está “em condições” de se dedicar “todo o tempo” ao Partido Comunista de Cuba e renunciou à sua liderança, não é mesmo?

É, como sabemos, o que disse o Granma, jornal oficial do Partido Comunista da ilha, citando um “encontro com estudantes” durante o qual o velho caudilho anunciou a novidade: não é mais “secretário-geral” do PC.

Fidel renunciou à presidência de Cuba em 2008, passando-a de vez ao irmão Raúl, que a ocupava interinamente.

Aos estudantes — pasmem — disse que estava “satisfeito, porque o país está trabalhando, apesar de todos os desafios”. Mesmo diante da miséria econômica, social e moral de Cuba.

Procura-se, agora, quem acredite que essa renúncia mude alguma coisa e que Fidel não continuará dando as cartas no país, como faz, em última instância, há 51 anos.

DEIXE UM COMENTÁRIO

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

19 + 5 =

8 Comentários

André Cogo Dalmaschio em 27 de novembro de 2010

Aos que elogiam Cuba e as maravilhas do regime socialista, ficam as perguntas: quantas pessoas tentam, todo ano, abandonar Miami e morar em Cuba? Quantas pessoas pularam o muro de Berlin rumo à Alemanha Oriental? O socialismo/comunismo só é encarado como forma viável de governo em regimes ditatoriais e fechados como Cuba e Coréia do Norte (a China já está rumando para o seu abandono) e, misteriosamente, nos diretórios estudantis das faculdades federais. Percebe-se que a distribuição da pobreza é conceito de justiça para alguns, mas nem justo se pode considerar Cuba, pois os membros do partido comunista não ficam na fila do racionamento.

Hugo Leandro Venturini em 20 de novembro de 2010

Infelizmente acho que somente aparecerá uma luz no fim do túnel para Cuba quando Fidel e Raúl estiverem mortos. Não estou desejando a morte de ninguém não, não é isto, mas não vejo como eles abrirem mão do poder, depois de tanto tempo. O que é lamentável para o povo cubano.

Joe em 19 de novembro de 2010

Estou começando a pensar que ele tem personalidade bipolar. Um dia ele é o Coma Andante e no outro dia é o Comediante en Jefe. Vai saber...

flavio divinpolis mg em 19 de novembro de 2010

O SOCIALISMO ESTA AINDA EM FASE DE CRESCIMENTO . O SOCIALISMO E JUSTO NÃO PERMITE DESIGUALDADES E POBREZA , NO SOCIALISMO NÃO A ANALFABETISMO E DESIGUALDADES ,

flavio divinpolis mg em 19 de novembro de 2010

Ricardo setti o FIDEL CASTRO e um grande lider um grande humanista , ele transformou cuba em uns dos paises mais justos da america latina . cuba tem baixos indices de analfabetismo e mortalidade infantil graças a revolução socialista. o socialismo e sim o melhor passo para um mundo mais justo . VIDA LONGA AO GRANDE LIDER FIDEL CASTRO . Cada um democraticamente tem sua opinião, não é mesmo, Flávio? Você o considera um grande líder e um grande humanista. Eu o considero um tirano apegado ao poder e um assassino. Então, estamos conversados. Abraços

Esron Vieira em 19 de novembro de 2010

Se ele fosse imortal eu duvidaria da renuncia. No atual estágio, o corpo humano com a idade avançada é que renuncia. Não tem jeito. Quanto à ditadura em Cuba, tenho uma opinião controversa a de muita gente. Creio que nenhum país da America, com um minimo de desenvolvimento economico, suportaria uma ditadura (seje Militar ou comunista) com todo este tempo que Cuba suporta. Quero dizer é que: o embargo economico que mantem os Castros no poder. Quanto mais pobre e impotente o povo for, menas resistencia poderá oferecer ao governo. Creio que sem o embargo, os Castros já seriam História. Também acho o embargo contraproducente, caro Esron. É a desculpa que os Castros pediram a Deus para justificar a catástrofe em que se transformou Cuba. Abraço

Yvone em 19 de novembro de 2010

Os que acreditam na renúncia de Fidel Castro são os mesmos que acreditam que o Lula vá para sua cobertura em S.Bernardo ( até quando? ) ou que vá fritar seus pobres coelhinhos e assitir o Corinthians jogar. Conversa de botequim! Você está distorcendo gravemente as palavras do presidente, cara Yvone, e isto não se faz com um chefe de governo. Lula jamais disse que iria fritar coelhos em seu sítio. O presidente jurou que iria "assar" coelhos, isto sim. Hahahahaha. Estou brincando sobre distorcer as palavras do presidente. Abraços e obrigado pela visita.

Marcos Aarão Reis em 19 de novembro de 2010

Putz, Ricardo!... Tem de acreditar. Depois de 50 anos, ele já vai tarde. Cuba carece de outra revolução.

VER + COMENTÁRIOS
TWITTER DO SETTI