Image
Dilma durante os instantes em que teve uma queda de pressão após o debate no SBT, na quinta-feira: duvido solenemente que a presidente fosse simular algo do gênero hoje para se beneficiar eleitoralmente (Foto: Reprodução SBT)

A boataria anda infernal nesta reta final de campanha e, mesmo separando o que tem algum fundamento do que não tem, não é tarefa fácil para este espaço driblar as armadilhas com cara de verdade que são preparadas para fazer a gente tropeçar.

Nesse sentido, quero registrar uma série de supostas informações que me chegaram hoje — e não só a mim — dando conta de que, no curso do debate da Record, logo mais, os marqueteiros da presidente Dilma supostamente teriam preparado um roteiro que inclui a candidata do PT fingir que passa mal — ou durante um dos intervalos, ou mesmo no ar.

Dilma passou realmente mal logo após debate anterior, no SBT, em conjunto com o portal UOL e a rádio Jovem Pan, quando teve forte queda de pressão ao falar a uma jornalista da emissora.

A suposta cena do debate da Record teria como objetivo bater na tecla em que setores da campanha petista (mas não Dilma) vêm insistindo, segundo a qual o candidato tucano Aécio Neves “trata mal” mulheres.

Registro aqui essa supostas informações, deixando claro que não acredito que a presidente Dilma permita que tal aconteça.

Faço muitas restrições às políticas da presidente, mas não acredito que a pessoa Dilma, por tudo que passou na vida, chegasse a um extremo desses para obter efeitos eleitorais, nem que a presidente da República que, durante boa parte de seu mandato, foi ética, cordial e generosa com o principal nome do PSDB, o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, permitisse um ato desses, e sobretudo participasse dele.

Além do mais, não creio que uma pessoa que, aos 66 anos, venceu um câncer e faz tudo para manter-se bem brincasse com a própria saúde para uma pantomima eleitoral.

DEIXE UM COMENTÁRIO

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

13 + 1 =

66 Comentários

taina souza barros em 20 de outubro de 2014

a dilma só que mais uma chance para **** ***** novamente ficou anos na politica e não fez merda nenhuma e pq agora ela iria fazer se ela é uma presidente tão boa pq o brasil esta nessas condiçoes de vida

Martins em 20 de outubro de 2014

Acredito que dá para se notar claramente nesta campanha eleitoral para a presidência da república que existem dois pólos distintos. De um lado o PT representado pela candidata Dilma, desesperada, pelo fato de que não conseguiu, em momento algum, ter o sucesso que Lula teve como Presidente e do outro lado um candidato que teve várias chances de demonstrar sua capacidade para gerenciamento de crises e o fez com maestria. Deixou o governo de Minas com 92% de aprovação, após pegá-lo destroçado !!

Gebr em 20 de outubro de 2014

Eu acredito piamente, assim como aquele discursinho idiota da Luciana "baixa o dedo", já era peça programada. E quem acredita no mal estar da Dilma, me poupem! O teatro foi muito mal ensaiado.

armando franco em 20 de outubro de 2014

Por tudo que passou na vida?cordial com fhc? Venceu um cancer? Que papo furado esse

sebastião aranha de souza em 20 de outubro de 2014

Caro Setti Tenho uma doença incurável, cardiopatia obstrutiva crônica grave.Já fiz vários procedimentos cirúrgicos (duas cirurgias abertas, vários cateterismos, cinco angioplastias).Nunca tive pressão alta, sempre pratiquei esportes. Nunca bebi. Não gosto de nada com gordura. Fumar então, o cheiro me incomoda. Dentre os 14 remédios diferentes que tomo, dois são para controlar a pressão mais baixa que a normal (entre 10x8,11x9). É muito estranho o que aconteceu com a presidente no debate, jà que a pressão, como ocorre normalmente, cai quando a pessoa está sentada ou agachada e fica de pé, de maneira repentina ou não. É sem sombra de dúvida, muito estranho, o que aconteceu com a presidente. Abraço!

Luiz Ayres em 20 de outubro de 2014

Fingimento foi, só que quando ela perdeu o rumo na entrevista, e descobriu que estava ao vivo. Sem a sinaspe dos neurônios funcionando, só lhe restou fingir o acontecido. Patético...mas dei muita risada!!!

Lucas Daniel em 20 de outubro de 2014

LÍNGUA HIPOGLICÊMICA (OU QUEDA DE PRESSÃO NA LÍNGUA) Médicos do meu conhecimento me asseguraram que o “passar mal” alegado pela “presidenta” após o debate do SBT parece ter sido o primeiro caso de Língua Hipoclicêmica observado no Brasil. Língua Hipoglicêmica, segundo eles, é uma doença rara, decorrente do stress, da dificuldade que certas pessoas têm de falar de improviso e, também, do embaraço que elas encontram em pronunciar palavras que não estão acostumadas a empregar. Ocorre, em tais casos, uma súbita constrição dos vasos sanguíneos que irrigam os músculos da língua, o que causa uma baixa oferta de glicose aos mesmos (língua hipoglicêmica) e queda da pressão sanguínea no órgão, afetando os seus movimentos. Em consequência disso, a língua fica enrolada, a pessoa, gagueja, engasga e não consegue articular direito certas palavras. Por exemplo, mesmo uma palavra como “inequívoco”, que é de fácil pronúncia, pode ser pronunciada como “nec, nequi ou nhóqui”. É um quadro muito feio de se ver e ouvir, pois dá a impressão de que a pessoa está mastigando as palavras ou engasgando-se com elas. Por outro lado, a pessoa costuma se abanar freneticamente com as mãos, pois tem a sensação de que caiu sua pressão, de que está passando mal... Mas, estranhamente, não aceita sentar, que é a primeira coisa que uma pessoa que tem queda de pressão procura fazer. Prefere, vejam só!, ficar em pé. A recuperação é rapidíssima, o que não é comum na hipotensão. E logo a pessoa quer voltar.a fazer o que estava fazendo antes, o que também não é comum no caso de quem que sofre uma queda súbita de pressão, pois, em geral, a pessoa fica assustada com o mal estar que sente, achando que se trata de algo mais grave. Por fim, na crise de Língua Hipoglicêmica a pessoa mostra-se bastante irritadiça após o episódio e, à menor contrariedade, perde facilmente as estribeiras. Minutos depois, se perguntarem a ela como está, responde, em geral: "Estou ótima!". Não parece ter sido isso que aconteceu com a “presidenta”? Pois é, e pode se repetir no próximo debate, caso ela fique estressadinha de novo.

Celis em 20 de outubro de 2014

Eu acredito.Vindo de petista eu acredito em qualquer baixaria; como eles disseram "iam fazer o diabo para ganhar as eleições".Basta ver o comício do Lula em Belo Horizonte. Depois disso, ainda há dúvida que eles não são capazes de qualquer coisa?

Li em 20 de outubro de 2014

Eu concordo com tudo o que o Settti disse sobre a Dilma. Basta ver aquela face tranquila, sorridente, repleta de paz e simpatia para duvidar que ela seja capaz de qualquer baixaria. O culpado de tudo é o seu titereteiro, João Santana, que manda ela dizer todas aquelas barbaridades. Coitada, em sua santa pureza, ela não tem consciência do que faz. Ass. Velhinha de Taubaté.

paolo em 20 de outubro de 2014

dessa gangue chamada pt já não duvido de mais nada.

Homem Bomba em 20 de outubro de 2014

Para mim não tenho dúvida nenhuma que essa **** malldita da dillma rouçef fingiu estar passando mall, llastimoa que tenha sido só fingimento, dessa gentallha malldita do pt só se pode esperar fallsidade, a queda de pressão dessa **** malldita foi tão reall como uma nota de R$ 3,00 (treis reais), fora malldita dillma, fora malldito llula, fora malldito pt, pt NUNCA MAIS, pt NUNCA MAIS!!!! ***** malldita e fingida, pt NUNCA MAIS!

André em 20 de outubro de 2014

Setti, essa gente pode qualquer coisa para não deixar o poder. Esta claro que após o debate do sbt, dilma simulou um mal estar, porque estava completamente sem saber o que falar. Tentava transmitir algum sentimento de comoção para conseguir mais alguns votos. Se ela estava passando mal, porque o marqueteiro dela, e não um médico foi socorre-la(afinal ela é Presidente da República, então deve ter uma equipe médica com ela)? Como alguém que dizia está com pressão alterada, em poucos minutos se sentia muito bem? Eles sabem que a esta altura será difícil reverter os votos de Aécio por meios das mentiras sobre ele, e tentarão um truque para comover o eleitorado e fazer parte deles e os indecisos votarem na dilma. Não vou ficar surpreso de lula simular uma doença e no leito pedir votos para dilma.

luciano dias em 20 de outubro de 2014

Situação complexa...e estranha. Em todo caso eu "acredito em papai noel"...

golpista da oscar freire em 20 de outubro de 2014

Só pra você saber: os "comentários" de provocadores, palhaços, imbecis e cafajestes NÃO SÃO publicados. Então, não perca seu tempo. Vá para os blogs sujos, sustentados por dinheiro público pelo lulopetismo, e se espalhe. Aqui, vai tudo pro lixo direto.

Uber em 20 de outubro de 2014

Aquilo foi um nocaute com efeito retardado! Mas que se aproveitaram do fato é inegável!

Sandro Freixe em 20 de outubro de 2014

Senhores, “O problema” do Brasil não é examente Lula ou Dilma ou o PT: está na hora de termos a coragem de encarar que eles são a manifestação de grande parte daquilo que nós, brasileiros, também somos: resultado de uma história cultural na qual predominam a inveja do valor individual alheio (quaisquer valores!) e o desrespeito ao Conhecimento (quantos sabichões você conhece? quantos “técnicos em tudo” você conhece? quantos leigos ao conversarem com você automaticamente se tornam experts no SEU assunto de expertise?). Cuidado, Senhores: a fundamental diferença psicológica entre Conservadores e Revolucionários é a negação e/ou distorção da realidade, seja por histeria (frágeis que se fazem de fortes por meio do pensamento mágico) e/ou psicopatia (a consequência final da inveja e das culturas onde predomina o mito do auto-sacrifício do indivíduo como algo bom para o próprio).

Rodrigo Stochini em 20 de outubro de 2014

ela estava mentindo sim eu afirmo , pois como pode alguém estar mal e não avisar os seus assessores de que estava passando?

Mauro Pereira em 20 de outubro de 2014

Caro Ricardo Setti, boa tarde. Caro amigo, particularmente, eu também não acreditei na notícia que se espalhou pela internet dando conta que Dilma choraria simularia choro ou desmaio durante o debate da Record. Não que João Santana e Lula não tivessem coragem de articular uma farsa dessa magnitude, já entabularam piores. No entanto, acredito que um dos fatores para que Dilma não topasse participar da trama sórdida foi a sua péssima vocação para a arte cênica. Porém, nesse mundo vazio de valores éticos e morais habitado pelo lulopetismo, nada mais me surpreende. Opa, retiro essa afirmação, pois crer que o PT tem algum limite seria muita ingenuidade minha. Só como ilustração, uma pesquisa publicada pela CNA mostra Dilma com 51% e Aécio om 49%. Até aí seria tudo normal se um outro dado da consulta não soasse no mínimo estranho: Na pergunta querendo saber quem o entrevistado achava que seria eleito o resultado foi o seguinte: Aécio 47%, Dilma 43%, ou seja, nem mesmo os eleitores de Dilma acreditam que ela será reeleita.

nena em 20 de outubro de 2014

Fico com o Gilx das 0:56: não havia sido planejado mas na hora do branco e com a dica da repórter, apenas prestativa e educada, sem intenção de contracenar, a candidata teve um insight para fugir do vexame, explorando o redemoínho dos dois neurônios. Também concordo que um chefe de Estado, ou presidente, jamais faria essa pantomina eleitoral, como você diz, mas estamos falando da dilma!!! E, como ela mesma disse, "fazer o diabo" é pouco para eles. Logo... E não duvido nada que o valente-fujão vá se internar para mais um ato de demagogia. Surtar e ficar possesso na praça não deu bons resultados, então vai apelar para o coitadismo que comove tanto o brasileiro bonzinho.

O PT vende para Cuba e você é quem paga! em 20 de outubro de 2014

Foi um blefe para conter Aécio. Tudo bem até quinta feira. Agora é Aécio, é o Brasil querendo mudar!

Despetralhando em 20 de outubro de 2014

O problema de quem quer "fazer o diabo", implica em muitas coisas, inclusive isso. Mas acho que não fez por saber que seria cobrada não só por deixar de ir; Mas porque sua ausência seria tratado como fraqueza e na atual conjuntura seria um tiro no pé.

Meia Verdade em 20 de outubro de 2014

Não acredito, que naquele debate teria ocorrido uma farsa.......ela poderia passar aos eleitores fraqueza...ou se passar por vítima....duvido que fariam uma aposta de alto risco, sem saber qual seria a repercussão.

Paulista em 20 de outubro de 2014

Desculpe-me a sinceridade, porém, acreditar que esse trambolho e seus pares de facção não capazes de simular situações é quase uma infantilidade. Afinal afirmaram que fariam o "diabo" para vencer essa eleição. Além disso, esquece que foi essa "distinta senhora", que alega ter sido perseguida, a ******* intelectual (isso é forte) do crime que explodiu em pedacinhos o jovem militar que montava guarda e um quartel. Chega de ilusionismo, é preciso desnudar esse bando, essa seita, essa turba de mentirosos e destruidores de reputações. São ********, covardes e não tem limites para conseguir seu intento. Diga com quem andas que direi quem tú és.

Pedro Arruda em 20 de outubro de 2014

Ela não fingiu passar mal para prejudicar o Aécio... Ela fingiu passar mal para evitar um vexame maior de ter se atrapalhado com uma simples entrevista. Deu branco no Tico e Teco dela.

Einstein Bohr em 20 de outubro de 2014

Lamento Ricardo, mas dilma FINGIU que passou mal na entrevista do último debate. Todos viram que ela se perdeu e esqueceu que a entrevista era ao vivo. dilma já provou que não tem um pingo de ética. E isso é muito triste.

Mauro de Curitiba em 20 de outubro de 2014

Também acho que o achaque de Dilma não foi simulado, mesmo porque não acrescentou nada de bom à imagem dela, que se diz "coração valente". Agora ... "não acredito que a pessoa Dilma, por tudo que passou na vida, chegasse a um extremo desses para obter efeitos eleitorais" ... isso não! Acho que ela seria capaz disso, sim, bastando ver como ela mente constantemente e com o maior cinismo.

Hipócrates Viana em 20 de outubro de 2014

Concordo com você Ricardo, mas com reservas. Assisti ao debate e vi com muita atenção a tal entrevista. Pelo desenrolar tenso do debate, e pela notória dificuldade da Presidente em articular palavras e frases, principalmente quando sob estresse, era visível seu cansaço físico e mental, não só na tal entrevista, mas também no último bloco do debate. Quando começou a entrevista, ela até começou bem, depois invocou uma palavra comprida e difícil para quem já tem problemas de dicção. Mandou ver: "é ineq... é ineqüi... é inegüi...". A frase seria: é inequívoco... mas aí deu um nó. Aí bateu uma pane momentânea e ela se desorientou e pediu para recomeçar a entrevista, mas era ao vivo, quando a repórter avisou que era ao vivo, bateu o desespero e ela improvisou o "passar mal", "queda de pressão", no que se saiu muito bem. Foi uma estratégia, um insight. Daí a deduzir que foi premeditado, marquetagem é puro exagero. Essa é minha opinião sem torcida. Abraços.

Berlatto em 20 de outubro de 2014

O problema da presidenta/poste é de linguagem mesmo, caro Setti. Ela sofre, pena, quase desmaia, com seus anacolutos, sua falta de sintase, suas incongruências e, claro, com suas mentiras. Eis a causa do quase "desmaio" da Dilmona. Ps-Se bem, caro jornalista, do PT e seu marqueteiro, se pode esperar de tudo. Mentira é o método deles. Não é não?

Dacem em 20 de outubro de 2014

Mas se essa gente só sabe mentir para conseguir o que querem da para duvidar ?

Marcelo Silva em 20 de outubro de 2014

Voce está criando um ser novo: a petista honesta. Não ter corridor o fato, não comprova a sua tese. Como foram descobertos antes, desistiram.

mairalur em 20 de outubro de 2014

Eeeepa, digo, ELA tentou falar com voz embargada.

mairalur em 20 de outubro de 2014

Nas considerações finais ele tentou falar com voz embargada.Se foi ensaiado ou espontâneo, só Deus sabe.

Alex Arns em 20 de outubro de 2014

Óbvio que essas teorias conspiratórias são fantasiosas e sem nexo... Igualmente me parece óbvio que Dilma não teve queda de pressão naquele ou hipoglicemia. Não vi nenhuma evidência física; e em segundos ela estava ‘recuperada’ e destilando o autoritarismo de sempre. . Vale lembrar que ela começou a entrevista com um discurso nonsense - até aí nada de novo. Mas depois se engasgou com as palavras e se perdeu de vez. E para não ficar tão feio quis voltar a “gravação”. . Ora, quem acredita que ela não sabia que estava ao vivo? Isso não existe! O que deixa meio óbvio que ela só queria ‘corrigir’ as bobagens que estava falando... Se continuasse naquela toada acabaria vendo uma figura oculta atrás da repórter. . Mas é claro que nada disso foi premeditado. Quem diz esse tipo de coisa perdeu a noção da realidade ou está fazendo o mesmo tipo de jogo sujo do PT.

Mariangela Travassos em 20 de outubro de 2014

Eu acho o PT capaz de tudo, Ricardo. Se não aconteceu, foi porque vazou em diferentes pontos da web.

Ronaldo Braga em 20 de outubro de 2014

Eu acredito que ela seja sim capaz disso ou de qualquer outra coisa, o que não acredito é que isso venha a ajudar a Dilma, mostraria fraqueza e então não pode ser presidente da república. A Dilma, caro Setti, é mais baixa do que o senhor imagina, não tem limites, ora, meu caro, esta turma se aliou ao PCC em São Paulo, no Amazonas um partido aliado da Dilma negocia com criminosos apoio nas eleições do segundo turno e ninguém ouviu censura da Dilma. Infelizmente esta turma vermelha faz o diabo e muito mais, para tanto ganhar como para se manter no poder, são indecentes. http://www.ronaldobragas.blogspot.com R.B.Santana

Eire Maria Rossi em 20 de outubro de 2014

Há mais um boato circulando na net e no WhatsApp. Que Lula se internará nas vésperas da eleição para comover o povo. Que dará entrevistas do hospital dizendo-se mal e pedindo votos para a candidata.

Petrus em 20 de outubro de 2014

Estou com você, também acho que ela não fingiu passar mal no debate do SBT, estava cético em relação a ela "fingir" hoje na Record, como não acredito que nessa sexta ela ou o Lula serão internados só para causar comoção. Acho isso tudo um bando de boatos não só porque ainda não chegamos (ainda bem!!) a tamanho nível de demagogia, como porque ambos sabem que um líder de Estado deve passar uma imagem forte, de saúde, se não sua fraqueza volta-se contra ele, pois as pessoas não votariam em quem está a beira da morte (ainda mais depois do Tancredo que deixou a "bendita" herança Sarney).

Gilx em 20 de outubro de 2014

Dilma não premeditou, mas para mim, ela improvisou naquele momento uma queda de pressão com o vexame de não assumir que deu um "brancão" na cabeça dela.

Reinon em 20 de outubro de 2014

Eu acredito !! Mas a notícia está na rede desde sexta-feira, Os caras que comanda a campanha, percebeu que o povo está atento.

Lenicio Andrade em 20 de outubro de 2014

Caro Ricardo, Creio que você subestima o PT. Isso é um erro. Grande abraço.

Ronaldo força em 19 de outubro de 2014

Ricardo Setti,concordo com o jornalista, a candidata Dilma Roussef não planejou um desmaio ou coisa parecida para dar um golpe publicitário na campanha. Inclusive, ela não sabe improvisar um gesto teatral, pois só consegue falar com segurança quando lê o texto dado pelo seu marqueteiro. O que houve foi uma palavra mal enunciada - inequivocamente, e um lapso momentâneo de memória. Quando sentiu o gafe e percebeu que estava ao vivo, quis melhorar o enredo dizendo que estava passando mal. Nem tão pouco houve queda de pressão sanguínea ou tensão arterial, quando teria aí sim um desmaio. Ela realmente ficou transtornada com a resposta do Aécio Neves e afirmação sobre o seu irmão. Isto a desequilibrou, pois não esperava tal ataque, principalmente quando acabava de dizer que era contra nepotismo e não tinha ninguém da família empregado por sua influência. Pura balela!

EduardoSG em 19 de outubro de 2014

EU também acho que isso não foi planejado. Fica claro no vídeo (pra mim) que foi uma malandragem improvisada após a repórter dar uma saída (sem querer) para ela ganhar um tempo e recomeçar depois da trapalhada. Mas a malandragem não funcionou... o tempo já tinha sido gasto. Mas posso compreender quem imagina que foi tudo planejado previamente, afinal se trata do PT. Grande abraço! Obrigado pelo ótimo blog.

Charles A. em 19 de outubro de 2014

Setti, você além de um grande jornalista deve ter um grande coração para ver qualidades morais nessa criatura. Entendo seus argumentos e tsmbém creio que isso não vai acontecer.Só que ela náo vai fazer isso porque seria péssima estratégia, não por que tenha pruridos morais. Náo depois do que ella já fez...

JB Figueiredo em 19 de outubro de 2014

Golpes baixos e canalhice tem sido a marca registrada do Pt ao longo da historia. Qual a razao para esperar que vao se comportar com honestidade quando estao ameacados de perder o poder, serem investigados e ate serem punidos com encarceramento? Eles ameacaram ate subverter a ordem publica se perderem as eleicoes.

Tasso Lima em 19 de outubro de 2014

Caro Ricardo Setti, Vou imaginar que está zombando. Só pode ser uma piada da pior espécie. Imaginar que a anta da dilma não esteja nessa encenação, é brincadeira. Ela não passou mal, ela fingiu. Ou será que é preciso desenhar? Sinto um certo dom de zombaria de sua parte. E espero que seja real. Afinal de contas, o que esperar de uma "presidenta" sem ****, **** e inútil como *** **** da dilma? A mesma aproveitor a deixa da jornalista e fingiu. Apenas isso. A tática dos petistas, merdas, ignaros, ímpios e escrotos é mentir. Só não ver quem é imbecil, idiota, cego ou ordinário como são todos os que fazem parte da quadrilha pt. Já passou da hora de nos livrarmos dessa quadrilha (PT). Viva AÉCIO NEVES, futuro Presidente deste país, depois de longos doze anos de desgoverno. Tasso Lima.

Berta Reel em 19 de outubro de 2014

Pois eu discordo em parte. Acredito que até ela está levando muita bronca-pressão do Lula e seus companheiros, não está mais aguentando a pressão que sofre, não dorme mais, não pode dar palpite, não tem liberdade para falar o que quer, acredita que é uma fracassada pois o partido depende dela. Vai chorar e de verdade!Que chore, desde que não coloque a culpa no Aécio!

Costa em 19 de outubro de 2014

Para quem já foi guerrilheira, pode esperar tudo, principalmente golpes baixos. A presidenta **** pode fazer o que quiser, mais ela já perdeu essa eleição, o povo não é idiota como ela pensa. AÉCIO NEVES VAI SER NOSSO PRÓXIMO PRESIDENTE.

Guilherme em 19 de outubro de 2014

Existem informes que ela também poderia chorar durante o debate.

Neo Reaça em 19 de outubro de 2014

Well Ricardo, Eu acredito que Dilma, por tudo que "já fez" na vida,chegue a qualquer extremo para obter vantagens eleitorais. Mas não acho que Dilma vá desmaiar ou algo parecido, coisa que tb não aconteceu após o debate do SBT. Naquela noite, aconteceu tão somente um trava-línguas ao pronunciar a palavra "inequívoco" e isso a fez perder o raciocínio. Apenas isso. O "gancho" da repórter, acho que inocente, foi a ajuda que pediu a Deus. Abraço

Jorge S em 19 de outubro de 2014

Não me agrada, mas tenho que discordar. Partindo dessa corja, tudo é possível. Como disse Sêneca (acho): "Nada do que é humano, me é estranho".

Eleni Bettes em 19 de outubro de 2014

Nossa! Vocês ainda acreditam em Papai Noel? Essa mulher não tem dignidade nenhuma, pois se prestou a ser presidente do nosso país sem nenhum preparo, uma farsa total! Onde está a decência de uma pessoa que vira marionete de um megalomaníaco?

dexter em 19 de outubro de 2014

Bom, se a vigarice chegar a esse ponto, pelo menos a notícia se espalhou antes e será fácil desmascarar o teatro. Espero que o Aécio seja inteligente o suficiente e não entre nessa roubada. Mas eu queria mesmo é que todos os envolvidos numa safadeza dessa grandeza fossem punidos. Pode ser assim com uma diarréia de 3 dias.

Geraldo J Rodrigues em 19 de outubro de 2014

Ricardo, com deste pessoal pode-se esperar tudo. Eu não confio em nenhum deles e espero tudo. Agradeço por suas palavras, que só traz dignidade ao seu blog, mas, pra este pessoal tudo é possível infelizmente e o pior eles esquecem que são os representantes da nação.

MILTON SIMON PIRES em 19 de outubro de 2014

ahah..Nem eu.. abraço, Ricardo 'tamo junto

Vhera em 19 de outubro de 2014

Nao acredito, Setti! Está bastante claro que, confusa, Dilma encerrou a entrevista com um suposto mal súbito. Quando deveria vir um médico, veio o marqueteiro!!! Por outro lado, quem tenta denegrir caráter do outro , inclusive apelando para falsidades , é o que? Falta de educação ou falta de caráter? Com todo o respeito, Setti, sendo um jornalista de escol, não lhe cabe o modelito de ingênuo.

Virgínia Souza Pereira em 19 de outubro de 2014

Só vendo o debate para me certificar. Definitivamente, não confio em petistas. Para eles, os fins justificam os meios, "quaisquer meios". Os petistas que não compactuam com essas práticas já se mandaram do partido.

Paulo Maciel em 19 de outubro de 2014

Caro Setti, o único câncer eleitoral em que acredito é o de Chavez. O dos outros (luLLa, Dilma, Cristina K) são piada de salão entre os bolivarianos. Mas posso estar errado em superestimar o talento teatral de tais espécimes.

J.B.CRUZ em 19 de outubro de 2014

Dilma quando faz seus ataques, parece que é tudo decorado..Ela não sabe explicar nem seus programas de governo..AÉCIO bem que tem tentado divulgar seus projetos,metas,sua equipe e seu programa de governo..Pode ver que ele não ataca, só reage depois que Dilma vem com perguntas capciosas e invasão de sua privacidade..Aí meu amigo, aguenta!!

M. Silveira em 19 de outubro de 2014

Penso que eles estão espalhando este boato para que o Aécio fique todo bonzinho sem fazer nenhum ataque, aí ela vai aproveitar e com a língua de víbora - atacá-lo e ele sem poder fazer nada. O pt é capaz de tudo e ela é pt.

Maurilio em 19 de outubro de 2014

Já foi dito que ela não teve queda de pressão, teve alta; de 13 para 45.

clayton em 19 de outubro de 2014

Não crer que a Dilma seja capaz de mentir,inventar,***,simular mal estar!Onde voce esta com a cabeça Setti.Ela vai chafurdar na pocilga da Record,e a lama atingira a todos.Leve os sais Aécio. Ainda acho que a presidente tem uma dignidade pessoal que está muito distante da falta de caráter e de limites do Lula.

Reginaldo Castro Curado em 19 de outubro de 2014

Sei não, petista é capaz de tudo. Vamos aguardar e ver. Largar o osso não é com eles...

João Paulo Rossellini em 19 de outubro de 2014

Concordo com você Ricardo. Acho que o PT, LUla e a corja principal são uma coisa, e Dilma é outra. Me parece uma mulher digna e não se prestaria a esse papel.

Thomas Rossi em 19 de outubro de 2014

Sou antipetista, mas acho a presidente Dilma, apesar de não fazer um bom governo, alguém pessoalmente correto, que não faria uma coisa dessas, participar de uma palhaçada dessas. Ela tem filha, é avó, tem sua dignidade. Marqueteiro pode até querer, mas, sinceramente, eu duvido, embora vá votar em Aécio.

Artista Plastico em 19 de outubro de 2014

Ja que no que me concerne acredito que os petistas são capazes de tudo. Celso Daniel que o diga. A dinâmica das quadrilhas e tal que os membros vigiam e cobram quem esta na ponta e fala por eles. Sao chefes ate o momento que falham a liderança. E coisa feia mesmo.

Antonio R. Melo Jr. em 19 de outubro de 2014

Pois eu ACREDITO. O maucaratismo dessa gente não tem limites.

VER + COMENTÁRIOS
TWITTER DO SETTI