Image
Milhares de apartamentos vazios, árvores, jardins, avenidas: nada de gente, nada de automóveis (Foto: wnd.com)

Cidades inteiras, com conjuntos habitacionais imensos, maciços de escritórios, shoppings center gigantescos – vazias.

Bairros repletos de aranha-céus, centros comerciais maiores do que de Miami ou de Cingapura – e nenhuma pessoa dentro, nenhum movimento, nada.

Cidades fantasmas, que custaram centenas de bilhões de dólares.

Isto está acontecendo na China. Para manter alto o crescimento do PIB determinado pelas autoridades centrais do Partido Comunista, em Pequim, dirigentes provinciais e municipais mandam ver – e a maneira mais fácil de conseguir crescimento econômico, em números, é a construção civil.

Image
Bairros residenciais enormes, completos, boas casas, jardins, alamedas, imitando os subúrbios americanos… sem ninguém (Foto: meuploads.com)

Há, porém, um pequeno problema: os imóveis não têm demanda – são caros demais para o poder aquisitivo da maioria das pessoas. Sem contar que, volta e meia, são construídos em áreas obviamente inadequadas, como na zona rural, onde trabalhadores sobrevivem com rendimentos miseráveis.

Há um inacreditável, atordoante estoque de 64 milhões de moradias vazias. “Quando a bolha imobiliária chinesa estourar”, diz o consultor britânico Gillen Tullock, baseado em Hong Kong, “a dos Estados Unidos vai parecer brincadeira”.

Paradoxalmente, centenas de milhões de chineses moram em condições miseráveis.

Confiram na ótima reportagem do jornalista Adrian Brown, do programa Dateline, da emissora de TV Special Broadcasting Service da Austrália.

O vídeo é arrasador.

DEIXE UM COMENTÁRIO

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

4 − 1 =

79 Comentários

Douto Piragibe em 20 de novembro de 2014

O MST do Stedile ja esta planejando invadir.

verdade da silva em 19 de novembro de 2014

leva o boulos p lá. só sei que na primeira que ele abrisse a boca, levava bala na nuca e a família teria que pagar tudo. te dou até passagem. e leve junto os vagabundos ignorantes que te apoiam.

Marcelo em 18 de novembro de 2014

Meninos, quem dá as cartas por lá sabe o que faz. Não se iludam, isso em um preço, e quem vai pagar não será o povo chinês.

Denize Morone em 18 de novembro de 2014

Just unbelievable...

Fernandojr em 18 de novembro de 2014

... vai lá Boulos! ... vai com sua turma e tenta a sorte!

marco lima em 17 de novembro de 2014

Pois é, lá, como aqui, o "minha casa, minha vida" não deu certo, por um motivo ou por outro. Será que não há um erro de avaliação ou conceito na idéia?

Cronos em 17 de novembro de 2014

Nem o capitalismo mais selvagem seria capaz de uma proeza dessa.Eis o produto de uma filosofia socioeconômica totalmente voltada para o capital em detrimento do ser humano.

Alexandre C. em 17 de novembro de 2014

O MTST poderia tentar a sorte lá.

João Alves em 17 de novembro de 2014

A China verificando que estava crescendo a taxas de até 14 % ao ano e já antevendo que tais taxas poderiam viriam a cair, em função da crise mundial, a taxas inferiores a 6 % resolveu tomar medidas econômicas que apenas visavam garantir que a referida taxa não caísse abaixo dos 7 %, tendo como resultante um desemprego em massa. Assim, adotou uma política semelhante àquela preconizada pelo New Deal dos EUA após a crise de 1929, em reação ao desemprego, tudo de conformidade com as teorias do economista britânico John Maynard Keynes, ou seja, para os chineses, definitiva e corretamente, "cavalo não desce escada !"

Fábio Renato em 17 de novembro de 2014

Qualquer comparação não será jamais por mera coincidência. "Parabéns" aos eleitores petistas.

Luiz Carlos (não o Barretão) em 17 de novembro de 2014

Senhor Ricardo um bom vídeo a ser compartilhado com os leitores do blog. Um venezuelano, jovem, exilado no Brasil, pedindo para lutarmos contra os bolivarianos: http://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=29goA3SHrC4

J.R.Monteiro em 17 de novembro de 2014

Quanto maior é a Estatal, maior a roubalheira e o desperdicio. Por aqui, a Petrobras é o exemplo pronto e acabado disso. Empresa, é uma atividade privada. Quando é pública, não é empresa, é departamento do governo.

Will Mathews em 23 de setembro de 2014

Quando a Nova Ordem Mundial for Instalada no mundo... Os unicos a estarem no mundo serão a elite e o chineses com sua mão de obra trabalhando para ele... É o resto do mundo... Exterminados!! http://www.espada.eti.br/n2440.asp

Cornelio Dias em 14 de junho de 2014

Corrigindo pequeno erro, onde se lê ...se alguém da ouviu... leia se ...se alguém já no lugar de [da] e em: ...somente que pesquisa.. leia se ...somente quem pesquisa... erros de hábito - digitar na velocidade do pensamento. Grato pela publicação.

Cornelio Dias em 14 de junho de 2014

Bom´, não sei se alguém da ouviu falar de um plano de Governo Global que está sendo estruturado para ser implantado no futuro próximo. Este projeto chama-se, Nova Ordem Mundial (NOM). Todos estes projetos chineses além de outros ainda não conhecidos pela midia, estão diretamente sendo arquitetados pelos protagonistas desta elite global. Não vou dizer mais, porque vão classificar este comentário como ininteligível além do que ninguém vai admitir esta hipótese, somente que pesquisa sobre este assunto, sabe do que estou dizendo.É parte de um projeto político futuro e global.

GEROLDO ZANON em 04 de junho de 2014

Igual o PAC da DILMA

Antônia Barbosa em 03 de junho de 2014

Obrigada por postar esse vídeo. muito revelador!

Daniel em 02 de junho de 2014

Cena triste. Na lógica de mercado seria construir para atender a demanda, mas tal lógica não faz parte do partido comunista chinês. Por outro lado, caoticamente, podemos vislumbrar uma China mais moderna e para muitos, muitos chineses (que nunca poderão concretizar seus sonhos de habitação - ou o Estado Chinês vai liberar tudo de graça?).

Iza Mendes Lopes em 02 de junho de 2014

Ah, ia me esquecendo: Boa participação no Roda Viva de hoje Setti. Obrigado! Abração

Iza Mendes Lopes em 02 de junho de 2014

O DACEM das 10:37 já falou exatamente o que eu iria postar. Já que são todos tão amiguinhos, idolatram o comunismo e acreditam que não existem barreiras de países e culturas, pertencendo todas a uma Internacional Socialista; então que internacionalizem nossos sem-isto e sem-aquilo. Todos para a China, já!

Mike em 01 de junho de 2014

Setti, no endereço abaixo tem o mesmo vídeo com legendas em português. Abraços. http://faxinapolitica.blogspot.com.br/2012/01/o-imperio-do-centro-visto-de-dentro.html

Dacem em 01 de junho de 2014

Taí a solução ! O PSTU, o PSOL, o PCB, o PCB do B, o MST, o MTST, o PT, o MPL, o Lepo Lepo, o Esquenta e todos os maravilhosos seres que compõem tais bandos, poderiam invadir esse imóveis e até sobraria para as guerrilhas, cubana, colombianas, venezuelanas e outras antas. Vão Lá. Pago a passagem de todos. Vazem !

Kitty em 01 de junho de 2014

Olá caro Ricardo, Que falta de visão do governo chinês em construir moradias consideradas caras quando as pessoas que poderiam habitá-las não têm meios econômicos para possui-las. Não dá para entender o critério usado para semelhante inversão quando sabe-se que os salários estão aquém das possibilidades do povo. E agora estão lá vazias sem utilidade e são muitas..uma pena grande e muito dinheiro desperdiçado..realmente não dá para entender..É sempre bom reler artigos interessantes e como você diz quando uma matéria é boa vale sempre uma reprise..eu gostei!!//O meu abraço fraterno de sempre-Kitty

thacatyhgaa em 24 de maio de 2014

http://olharparaofim.blogspot.com.br/2014/05/por-que-grandes-cidades-desabitadas.html povo besta...

george em 21 de abril de 2014

isso e muito triste, a visão curta e egoísta de um grande governo sem ofensa, eu acho que isso e falta de um bom adi ministrador se não for esse o problema, e falta de Jesus, no pais quando isso acontece, toda a nossa riqueza e frustração para nos mesmo, paramos no tempo e não vemos a necessidade das pessoas; conclusão, falta de amor gera isso

Edson em 11 de abril de 2014

Se isso for verdade a bolha irá explodir, e não afetará apenas a economia chinesa, mas o mundo, a China é a planta fabril do mundo, o Brasil será tragado por essa crise, vale lembrar que a China é nosso maior parceiro comercial.

Ana em 09 de abril de 2014

Meu marido teve convite de trabalhar na china,eu falei vc vai e eu fico na Alemanha ou no intrior do Brasil,a poluicao nas cidades chinesas é horrivel,fede,desculpa mas qualidade de vida na China e muito caro.

PAULO em 05 de abril de 2014

Em brasilia tem o bairro de AGUAS CLARAS, com varios predios vazios. è pura especulação em cima dos imoveis, agora os preços estão caindo por que não existe comprador

Sérpico em 04 de abril de 2014

Noooossaaaaaaa !!!! Que maravilha é a vida na China ! O Comunismo disfarçado de Capitalismo ! E que salários ótimos , R$6mil/ano ... Mas está tudo desocupado porque os pobres não tem como comprar um apartamento , uma moradia decente . Cadê o sistema de financiamento público que promova a venda destas moradias aos necessitados ??? Quem acredita que o futuro Mundial é este modelo Chinês-Comunista também sonha em viver do mesmo jeito , igual CACHORRO !

Rodolfo em 04 de abril de 2014

Os petista amam a China, mas lá não tem moleza para MST ou Movimento dos Sem Teto! Ai deles se ousarem invadir esses imóveis... São fuzilados na hora! Na China também não existe "Juizes pela Democracia" para dar liminar para arruaceiro! Eu acho que tanto lá, como aqui, não deve ocorrer estouro de bolha, porque isso é esquema de governo com empreiteiro. Só estoura se o país estourar primeiro.

sem noção em 03 de abril de 2014

Caros Moacir e Carlos... Vocês deveriam assistir aos vídeos da música "I'm happy", nas versões copa da dilma e paródia(real) disponíveis no site aqui da veja. Assim, deixariam de acreditar nessas fábulas comunistas... que por aqui são socialistas...Abraços...

CA SP em 05 de fevereiro de 2014

Enquanto isto, aqui no Brasil, os investidores em imóveis já registram prejuízos. Procure pelo google por "Comprar imóvel em tempos de bolha imobiliaria". Trabalho publicado hoje, com 18 depoimentos. Vale a pena a leitura, para visualizar a REALIDADE do que já está acontecendo por aqui...

CA SP em 11 de janeiro de 2014

Se a bolha chinesa explode e eles reduzem consumo de commodities, combinado com a redução de QE pelos EUA e com situação econômica do Brasil, que está entre os "Five Fragiles", teremos a tempestade perfeita mencionada por Delfim Neto, que entre outras coisas, causará uma mega explosão da bolha imobiliária brasileira. Péssima situação da economia brasileira= Em 2013 pior balança comercial dos últimos 13 anos, piores vendas de Natal dos últimos 11 anos, maior saída de dólares dos últimos 10 anos, pior geração de empregos formais p/ período de Janeiro a Novembro dos últimos 10 anos, inflação próxima do topo da meta e o dobro da média do G20, juros real que é o maior do mundo e crescente, super-endividamento das famílias e consumo estagnado, desindustrialização piorando, ameaça de redução de rating Brasil e evolução do ultimo PIB divulgado (3T2013) sendo a pior entre as grandes economias mundiais. Agora, se quiseram saber o quão critica já está a bolha imobiliária brasileira, com uma série de evidencias, acessem: www.defendaseudinheiro.com.br/as-evidencias-da-bolha-imobiliaria-nas-cidades

Flávio José em 23 de dezembro de 2013

Se você quiser saber porque seu texto foi deletado, por favor consulte as regras para publicação de comentários no blog no link http://goo.gl/u3JHm Obrigado.

Patrizia Suzzi em 23 de dezembro de 2013

Porque não mandamos nossos excluídos pra lá? O governo compra os aps e ainda pode levar algum de troco pro PT. Tipo médicos cubanos.

zecarlos aquino em 21 de dezembro de 2013

o setor imobiliario da china e como um dragão inflável de plastico prestes a estourar

ALEXANDRE em 21 de dezembro de 2013

ESTAMOS IGUAIS...aqui o governo faz casa e ninguem quer sair da FAVELA...caso : Favelas RIO X Casas Santo Cristo...ninguém quer sair da vida boa do " tudo de graça " e pagar algo...pode ser o caso !

CA SP em 20 de dezembro de 2013

A bolha chinesa é colossal, sem duvida, mas e aqui, como é nossa bolha? Já tivemos aumento no desemprego de quase 50% em Salvador por causa dela, embora poucos saibam... Quedas elevadas em vendas, super-estoques, quedas elevadas em preços, investidores c/ altíssimo prejuízo, 5 grandes construtoras virtualmente quebradas e mais uma série de evidências... Quer comprovar o que consta acima, com links p/ notícias, pesquisas, gráficos e análises? Acesse endereços abaixo: www.defendaseudinheiro.com.br/as-evidencias-da-bolha-imobiliaria-nas-cidades www.defendaseudinheiro.com.br/desenhando-a-bolha-imobiliaria-brasileira

RONALDE em 19 de dezembro de 2013

Manda a Dilma para lá, ela enche todos os imóveis com o pessoal do Minha Casa Minha Vida, aqueles mesmos que pagam a primeira parcela do financiamento e depois não pagam mais nada, pois sabem que e a Chefa não vai tirá-los dali.

Alvaro em 18 de dezembro de 2013

Setti: Parabéns pelo constante bom gosto. Além dos assuntos ditos "sérios", você sempre presenteia seus leitores com fotos e biografia de mulheres lindas, inteligentes e bem sucedidas. Aliás, existe alguma coisa mais "séria" que mulheres lindas, inteligentes e bem sucedidas????

CA SP em 18 de dezembro de 2013

A bolha chinesa é impressionante mesmo. Se, como e quando vai explodir, é uma boa questão. O Governo chinês vai segurar a explosão sozinho? Como ficarão as construtoras e os empregos relacionados? Será que poderá ter algum efeito para o Brasil? Se pensarmos em alguns acontecimentos previstos que podem se combinar, vemos que a situação do Brasil, como um dos "Five Fragiles" é, sem dúvida, das mais arriscadas no Mundo. Vamos apenas supor que os EUA reduzam o QE e que um pouco depois disto, a China, devido a explosão de sua bolha imobiliária ou outro motivo, reduza o consumo de commodities mais drasticamente. Consideremos que junto com os fatores externos acima, temos ainda os internos: inflação no topo da meta, super-endividamento das famílias, PIB com crescimento muito baixo para um país em desenvolvimento, comércio exterior pouco competitivo, desindustrialização persistente, etc. Agora vamos olhar para outro aspecto, subestimado por todos: 5 grandes construtoras com Ações na BOVESPA, que tem dívidas liquidas muito acima do Patrimônio liquido, sendo que dívidas equivalem a anos de vendas, assim como os estoques. Combinemos com fatos acima, que em Salvador, em virtude da paralisação das obras (estoque de imóveis de 25 meses), desemprego alcançou 9,4% pelo IBGE, crescendo quase 50% de Ago/12 para Ago/13, que temos situações críticas de quedas elevadas de preços de imóveis combinadas com super-estoques em várias cidades do Brasil. Agora, "coloquemos no liquidificador" todas as informações acima, alguém faz ideia do resultado? Super-explosão da bolha imobiliária brasileira, com elevadíssimo impacto para economia e sociedade. Enquanto isto tudo ainda não aconteceu, construtoras e segmento imobiliário tentando vender o quanto mais possível para investidores, para transferir o que puder do super-problema que está nas mãos delas. Se acontecer a combinação dos fatores acima, o segmento imobiliário virá com a desculpa que foi uma "crise internacional" combinada com erros na política econômica do Governo... O Governo dirá que culpa foi de crise internacional e dos especuladores no Brasil... Quem pagará a maior conta? Endividados de forma geral, especuladores em especial e por fim, toda a economia e sociedade. Este será o grande preço a ser pago pela ambição de alguns agentes, nenhuma novidade em relação a todas as bolhas imobiliárias ao redor do Mundo, mas aqui, somos "diferentes" na opinião de alguns... Quem quiser ler mais sobre nossa bolha, seguem alguns links: www.defendaseudinheiro.com.br/as-evidencias-da-bolha-imobiliaria-nas-cidades www.defendaseudinheiro.com.br/desenhando-a-bolha-imobiliaria-brasileira

Fernando em 18 de dezembro de 2013

Nada que um governo intervencionista não consiga...num país do tamanho da China até que 80 milhões e pouco é bemmm pequeno. Mas a assimetria entre demanda e oferta é marca registra de economia planificada. Claro, que a China abriu o mercado, mas ainda tem muito intervencionismo, nas áreas mais rurais então...fazem qq coisa para bater a meta de crescimento econômico. Até essas coisas um tanto...anti-mercado.

Santana*100 em 18 de dezembro de 2013

Em resposta a moacir - 09/01/2013 às 19:48 "Lá vimos a China permitida. A China que pode ser vista. E ela é impressionante." ######## Caro senhor, se você só viu a CHINA PERMITIDA - A QUE SE PODE VER! Pergunto: Como pode o senhor INFERIR que a tal capacidade de trabalho dos 1,4 bilhões de chineses é assustador? Como deduzir de tão pouco, que o futuro do mundo será chinês? Qual o método o senhor usou para fazer tal dedução? O quanto da China que se PODE VER representa percentualmente ao da China que não PODE SER VISTA? Se for 10 % é 140 milhões de pessoas! é mais da metade de toda população brasileira! mas, só 10% de toda à população chinesa! O que não representa absolutamente nada se comparando com os outros 1 bilhão de chineses que podem(não afirmo)está na miséria. Santana*100

max em 15 de fevereiro de 2013

entendam o que está acontecendo na China veja: http://www.espada.eti.br/n2440.asp

carlos em 12 de janeiro de 2013

Moro na china a 8 anos, e a realidade é justamente como Moacir abaixo abortou, não sei se há distorção na matéria ou falta de informação.

Ezequiel-SP em 10 de janeiro de 2013

Ninguém invade ?? rsrsrsrsrs

moacir em 09 de janeiro de 2013

Prezado Setti, Este assunto sempre que abordado me deixa cético. Estive na China há 4 anos ,meses depois das Olimpíadas.Na China,como não temos contatos,os tais telefones de amigos de amigos,o jeito foi ser turista mesmo.Há um distanciamento cultural enorme, por causa da barreira da língua mas principalmente por conta da MENTALIDADE. Lá vimos a China permitida.A China que pode ser vista.E ela é impressionante. A capacidade de organização,planejamento e trabalho daquele 1,4 bilhão de pessoas é assustadora.O futuro será chinês.Ponto parágrafo. Por isso não consigo engolir a tal de property bubble.Provocar uma bolha imobiliária ,cuja explosão seria um tsunami mundial,para garantir um pre-determinado PIB? Não creio que seja por aí.Não parece o jeito chinês de fazer,o seu modus operandi. Há enorme diferenças entre os EUA e a China. Me parece que os 64 milhões de apartamentos estão vazios mas a maior parte foi comprada não para moradia ou renda.Mas como investimento.Os preços caíram em média 20%.Os que investiram estão mais pobres. Apenas.Os bancos que receberam entradas de até 50%,sofrerão mas não se desmantelarão como os americanos.Os construtores de menor porte abrirão falência.Cairá no mundo a venda de material de construção.Nossas exportações serão muito menores. E a vida continuará seu inquebrantável curso na China...Como diria um dos comentaristas aqui mais assíduos...sinistro.

Vanessa em 13 de outubro de 2012

Sobre esta matéria, leiam o seguinte Artigo: http://www.espada.eti.br/n2440.asp

Ricardo Leite em 01 de setembro de 2012

Moro na China e tenho uma opiniao um pouco diferente. A maior diferenca e que o indice de enriquecimento das pessoas na china eh muito maior do que qualquer lugar no mundo. .Na realidade o governo tem atuado para reduzir o aquecimento do mercado imobiliario. Lembrando que mesmo no interior os menos favorecidos estao melhorando a condicao de vida e aumentando sua renda media. A diferenca maior ainda comparada com o brasil eh que existe planejamento coisa que nao acontece no Brasil. Por exemplo os chineses nao gostam de financiamento e todos eles tem economias, cartao de credito eh coisa que nao se usa pois o dinheiro esta no banco como garantia. O poder aquisitivo aqui aumenta de verdade, nao com base em 24 vezes para pagar porem com pagamento a vista e em moeda. Finaciamentos de carro praticamente nao acontecem e sim penso que ha uma visao de esxpasao futura onde se preve uma demanda muito maior.

Christiane Ávila em 02 de agosto de 2012

Oi, tudo bem? A realidade do mercado imobiliário chinês é muito diferente da brasileira. E lá o governo manda nos preços, basta eles quererem baixar que o valor será outro. Mas isso não acontece. Aqui podemos encontrar facilmente em sites como o ImovelVIP ( http://imovelvip.com.br/ ) apartamentos no Rio de Janeiro na casa dos milhões. Mas não vejo os bancos emprestando dinheiro, como exemplos dos EUA e da Europa, com aceitação de propriedades como garantia. Mas caso isso aconteça, existirá bancos que vão quebrar e afetar diretamente na economia brasileira. Por isso a redução forçada dos juros no primeiro semestre deste ano. Abraço!

Microempresário em 01 de julho de 2012

Concordo com o Chen: muito barulho e pouca análise. Para quem achou "um absurdo" os valores citados, experimente pegar 70 ou 100 mil dólares e comprar um apartamento em uma cidade brasileira. Sem esquecer que 6 mil dólares por ano é mais que nosso salário mínimo. Então, claro que há gente que não tem acesso, como há aqui, mas, se essa é a média, por definição alguns ganham menos que isso e outros ganham mais. Quanto à "bolha", o problema nos EUA e na Europa é que bancos emprestaram dinheiro aceitando propriedades como garantia, e quando os imóveis se desvalorizaram e os compradores pararam de pagar, houve uma quebradeira de bancos que afetou toda a economia. Na China, a economia é controlada pelo estado. Na hora que quiser, o governo pode abaixar o preço e ocupar todos os imóveis, sem grandes consequências, já que "valor de mercado" por lá não é algo importante.

Chen em 01 de julho de 2012

Muitas analises e comentários fora de contexto. Nao há bolha se tem q dar de entrada 50% e pagar o financiamento em 3 anos. Onde no mundo funciona assim? Com uma pop de 1.3bilhão. 64 milhoes de imóveis é pouco. Há pouco interesse em liberar a demanda reprimida..

Milton Guedes Guimaraes em 30 de junho de 2012

Pior seria se fosse o contrário .

Leonardo em 29 de junho de 2012

Perfeito! A China está construindo cidades planejadas para depois trazer as pessoas que migram do campo. Diferente do Brasil onde as pessoas saem do campo e, não encontrando espaço nas cidades, se instalam em favelas.

Margarida em 27 de junho de 2012

Nossa até a crise vai vim da China.Eles mentem e falsificam.

Cil em 27 de junho de 2012

Nossa mãe! Quanto absurdo! Prédios de 70-120 mil dólares em um país onde as pessoas tem ganho anual médio de 6 mil dólares? Imagine morar próximo de moradias desocupadas? Imagine o tamanho da bolha chinesa? Como bem disse o Lanterna Verde: The bigger you are, the faster you burn.

jfaraujo em 27 de junho de 2012

Pelo pouco de english que conheço, em determinado momento consegui ouvir um entrevistado dizer "bubble". Se é isso que está acontecendo na China então é gravíssimo, sinal de que está vindo uma crise global braba por aí... Ué, mas você não conferiu as legendas em português? Sim, o analista de mercado britânico que é entrevistado fala exatamente numa bolha imobiliária na China, perto da qual a (gigantesca) dos Estados Unidos é fichinha. Vem crise por aí, não se sabe exatamente ainda quando, mas vem -- e proveniente da China, o que vai ser muito sério. Abração

Hattori Hanzo em 26 de junho de 2012

Boa ideia, vamos mandar nossos comunistas para lá.

Mairalur em 26 de junho de 2012

Ué, mas não são comunistas? Não deveriam dar moradia a quem dela precisa? O "povo" precisa comprar? Que diacho de governo comunista é esse?

Blog and Roll em 26 de junho de 2012

Vejam para onde foram nossas commodities! Se não havia demanda, então foi uma jogada meramente política com o governo do Brasil.

cristaldo_jr em 26 de junho de 2012

Consequência inevitável de uma economia planejada centralmente a sombra de uma ditadura, privilegiando grupos econômicos eleitos pelos mandatários de plantão. E pensar que essa fórmula é o sonho das elites que hoje dirigem nosso país.

sandra d'agostini em 26 de junho de 2012

Ana Maria - 25/06/2012 às 19:44 Oi Ricardo, matéria excelente, mas o vídeo é antigo, assisti no midiasemmascara.com.br há muito tempo. Notícia interessante, mas velha né? Para mim, neste blog, não tem coisa velha ou nova. Se é interessante e vale a pena, sai. Tenho certeza de que a grande maioria dos leitores do blog não viu o vídeo. ----------------- Bingo Ricardo. Eu não havia visto. E, acredito, a grande maioria da população brasileira tb não!

EDSON DIAS DA SILVA em 26 de junho de 2012

ISTO E UMA VERGANHA OK.

Fábio SC em 26 de junho de 2012

Setti. Impressionante. Será que o Governo Chines já ouviu falar em iniciativa privada? Oferta x Demanda? A seleção de assuntos em seu Blog é de ótima qualidade. Visita diária obrigatória. Parabéns. Caro Fábio, muito obrigado pelas boas referências ao blog. Volte sempre! Abração

ari alves em 26 de junho de 2012

Lá na China é essa barbaridade que o blog mostra. Aqui, temos outras barbaridades, praticadas pelo comuno-lulo-petismo que abomino. Viva o saudoso general Médici!

JT em 26 de junho de 2012

Temos que olhar para a nossa bolha imobiliária também. No Brasil dos últimos anos muita coisa foi construída com o dinheiro fácil de financiamentos. As construtoras assumiram mais compromissos do que podiam dar conta, tocando obras em paralelo e sofrendo com a falta de mão de obra especializada e até de profissionais de projeto e gerenciamento. Teve muito recém formado assumindo mais responsabilidades do que eram capazes no momento. O resultado prático demorou um pouco para chegar mas está sendo sentido pelos moradores de vários prédios novos: construções mal acabadas, com trincas de reboco e vazamentos para todos os lados, janelas que não abrem direito e por aí vai. Também estamos ficando com um estoque de habitações cujos preços elevados são impeditivos para muitas famílias. A princípio isso tem o lado positivo de regular o mercado, mas precisamos tomar cuidado para a nossa bolha também não estourar.

Luiz Pereira em 26 de junho de 2012

Setti, td bom? Se a turma que toca no link abaixo botasse pra quebrar numa dessas cidades, garanto que fantasmas reencarnariam. abs http://www.youtube.com/watch?v=UfoPRcDb9yY&feature=related Que ma-ra-vi-lha, caro Luiz! Obrigado. Abração!

Angelo Losguardi em 25 de junho de 2012

E tem maluco que inveja o regime chinês e gostaria que o Brasil fosse assim também... Um misto de ditadura chinesa com cleptocracia completa.

edson em 25 de junho de 2012

Seria Nova Ordem..?

paulo barbosa da silva em 25 de junho de 2012

se tudo isso e real.pra onde caminha o povo da quele pais.k absurdo, muita covardia contra seu propio filho.

Thiagoss em 25 de junho de 2012

Cara, é impressionante. Pior que chinês é assim mesmo. Trabalho com a comunidade chinesa aqui no Brasil. Os caras trabalham duro, quando quer uma coisa correm atrás. Mas ao mesmo tempo chinês é maluco, faz coisas que o ocidental tem dificuldade de entender.

murilo em 25 de junho de 2012

O artificialismo no crescimento econômico não é sustentável ao longo do tempo, tem prazo limitado de duração. Economias planejadas e centralizadas não respondem as verdadeiras demandas da sociedade, pois somente a livre iniciativa tem essa capacidade, porém, tem muita gente que acredita nisso, daí essas aberrações.

Tuco em 25 de junho de 2012

. APENAS PARA OS SEUS OLHOS Grande RSetti, fique a vontade quanto à citação - no entanto reputo desnecessária! Bom mesmo é dar um quinhão a esse Valoroso Espaço que tão bem nos instrui e acolhe! Faça do seu jeito! E, se assim quiser, pode dizer que sou fã de carteirinha dessa conceituada marca! Um grande abraço e obrigado! . Beleza, Tuco!

ricardo em 25 de junho de 2012

como tem maluco neste mundo. construir tantos imoveis para ninguem. que coisa horrorosa.cui- dado, porque os lulistas vão querer fazer a mesma coisa.

Newman em 25 de junho de 2012

A China é um país condenado. Além dessa bolha imobiliária, outra casca de banana em seu caminho é a poluição fora de controle. Estrangeiros que retornam de lá reclamam de problemas de respiração que chegam a durar semanas. Se já é assim com eles, imagine então os efeitos sobre a população que mora lá e que é obrigada a conviver com isso diariamente. E para a China o pior ainda está por vir, pois no final dessa década ou certamente já na próxima, o país passará a enfrentar a crise provocada pelo envelhecimento da população, trazendo a falta de mão de obra. Décadas de políticas de controle familiar - 01 filho por família, principalmente homem - levarão o país a condição de potência decadente. Será um futuro sombrio para os chineses, com famílias tendo que cuidar de parentes velhos cada vez mais numerosos e também uma sociedade cujo espírito não será dos melhores já que haverá menos mulheres. Se na proporção de 1:1 já é difícil encontrar a sua cara metade, imagine num país com um déficit de dezenas de milhões de mulheres. O lado positivo para o planeta é que no futuro não haverá mais o fantasma de conviver e sustentar um mundo super-povoado, pois a população dos países poderá cair pela metade.

Tuco em 25 de junho de 2012

Atendendo a seu pedido, não publico o comentário, caro Tuco. E obrigado pela dica. É sensacional! Estará no blog amanhã!!! Costumo sempre dizer, no texto, que a dica foi do amigo do blog Fulano etc. Você não quer ser citado? Abraço

flavio cavaleiro em 25 de junho de 2012

Essa conta vai chegar, como chegaram as dos EUA, da Grécia, da Espanha, e de todas as outras algazarras protagonizadas em economias interligadas. É verdade, Flavio. E infelizmente vai sobrar para nós, que dependemos tanto das importações chinesas.

Ana Maria em 25 de junho de 2012

Oi Ricardo, matéria excelente, mas o vídeo é antigo, assisti no midiasemmascara.com.br há muito tempo. Notícia interessante, mas velha né? Para mim, neste blog, não tem coisa velha ou nova. Se é interessante e vale a pena, sai. Tenho certeza de que a grande maioria dos leitores do blog não viu o vídeo.

Valdecir zimmermann em 25 de junho de 2012

Vamos avisar o MST

VER + COMENTÁRIOS
TWITTER DO SETTI