Este foi o o primeiro vídeo com propaganda eleitoral do DEM para as eleições de 2014, transmitido no final de maio.

O partido, aliado do PSDB na disputa presidencial, aproveitou seu tempo de TV para fazer duras críticas ao governo do PT, apontando inflação, juros elevados, baixo índice de investimento e economia estagnada como os principais problemas que travavam o crescimento do país. O programa lembrou que o Produto Interno Bruto (PIB) do Brasil, no ano anterior, foi o segundo pior da América Latina. Poderia ter lembrado, da América do Sul, levou o título de o pior.

“O Brasil se tornou um país caro. Caro para quem quer investir aqui e para os brasileiros que sabem que a feira da semana que vem será mais cara da que se faz hoje”, disse o presidente da legenda, senador José Agripino (RN). Agripino comentou ainda a perda da credibilidade do governo lulopetista e sua incapacidade de atrair investimentos para o país, e ressaltando haver “um clima de desconfiança dos mercados e um desânimo na sociedade”.

O partido também lembrou o prejuízo bilionário do país com a compra da refinaria de Pasadena (EUA) pela Petrobras, os indícios de corrupção na estatal, as obras inacabadas e as promessas não cumpridas pela presidente Dilma Rousseff, além fazer de críticas à péssima situação da saúde pública e à crise no setor elétrico, causada por “uma gestão incompetente e irresponsável”.

Como proposta para combater a pasmaceira na economia, o partido defendeu a redução da máquina pública, mais privatizações e concessões de serviços públicos e o aumento da taxa de investimento para 25% do PIB. Queria também menos impostos e menos burocracia, mais apoio ao agronegócio e incentivo aos jovens empreendedores.

Participaram do programa os deputados federais Mendonça Filho (PE), Ronaldo Caiado (GO) e Onyx Lorenzoni (RS), além do pré-candidato ao governo da Bahia, Paulo Souto, e do ex-prefeito do Rio de Janeiro César Maia.

DEIXE UM COMENTÁRIO

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

3 × 3 =

Nenhum comentário

Moacir 1 em 12 de junho de 2014

Setti, Na semana passada a partir de outra reportagem da FSP ,eu comentei aqui que o número de trabalhadores em férias coletivas era de 25.000. Naquele total, porém, não estavam incluídos os funcionários que às vésperas da CopA , foram mandados para casa para ver os jogos. São já 85.000 os brasileiros em CopA ColetivA. Lentamente o "pessimismo" começa a afetar postos de trabalho. * http://www1.folha.uol.com.br/mercado/2014/06/1468820-ferias-coletivas-param-um-maracana.shtml * Abc

Platão em 11 de junho de 2014

Fiquei positivamente impressionado. Esperava a clássica defesa da iniciativa privada e a redução do tamanho do Estado. Só que governar um país não é só isso: o programa do DEM mostrou também preocupações sociais, e esforços na redução da pobreza. Afinal é a miséria que aflige parte da população brasileira QUE ABRE ESPAÇO PARA O POPULISMO!!!

Malu em 11 de junho de 2014

O DEM sabe fazer mais oposição que o PSDB, isso e fato!

Manoel Conceição Araújo Neto em 11 de junho de 2014

Não havia visto antes. Gostei! O programa está muito bom.

Antonio ricardo em 11 de junho de 2014

porque os governadores desse partido nunca completam os seus mandatos em setti me explica aí,ex brasilia e Rn.

Moacir 1 em 11 de junho de 2014

Setti, Eu gostei do programa do DEM. Objetivo. Mas já que seus leitores não dão valor a PARTIDO NANICO,peço licença a você - em prol da audiência! - para publicar aqui o texto do planfleto distribuído ,ontem , na convenção do MAIOR PARTIDO BRASIL - O PMDB!! - que é O MAIOR ALIADO de Dona DilmA ,mas só praí só em uns 41%. Dizia a cartinha de amor,conforme o Lauro Jardim: // “Ao companheiro do PMDB, * Por que participamos de um governo onde nossos ministros não têm poder de decisão e nosso vice-presidente não é ouvido para nada? * Por que sermos co-responsáveis pela volta da inflação, da carestia, pela falência da saúde, da segurança e da educação? Por que sermos responsáveis pelo recorde mundial de homicídios e violência? * Por que sermos co-responsáveis pelos escândalos da Petrobras, pelo superfaturamento das obras da Copa e pelas promessas não cumpridas? * Por que ficar mais quatro anos assim? Só para dar mais quatro minutos de horário eleitoral para o PT? // Com aliados GIGANTES assim , quem precisa de adversários? Eu o PT fazia mais amigos ANÕES! Fico aqui imaginando ,o que dirão nos seus palanques e redutos eleitorais - longe dos olhos presidenciais - os deputados e senadores dissidentes - 273! - sem falar de mais todos aqueles outros deputados estaduais , prefeitos e vereadores traíras tão descontentes com o PT? Xiiii! BYE,BYE,HEGEMONIA PETISTA! Com certeza. Ah! Ia me esquecendo, os opositores aliados pmdbistas também VAIARAM ,no evento, o Rui Falcão. E o TEMER já falou: vai se vingar das bancadas ingratas.Ou seja,no Ceará,no Rio Grande do Sul ,na Bahia e no Rio de Janeiro vai ter guerra fraticida. Adivinha quem vai sair ganhando? Abraço

Antoninho em 11 de junho de 2014

Esse é o único partido q possui ótimas qualidades e capacidade de administrar recursos públicos. O único q tem respeito por esses recursos. Como tarefa e trabalho público. E é considerado MONSTRUOSO e inimigo pelo PT. Tb nao se mistura com partidos ou qq coisa com prévia de alguns desvios. EXPULSA mesmo. Esse partido foi tentado ser DESTRUÍDO e OBSTRUÍDO. Pelo ex presidente Lula,nas últimas eleicoes quando ainda falava em vida e país maravilhoso. Esse partido nao pode deixar de existir jamais no Brasil como ideia organizadora do Estado.

Meia Verdade em 11 de junho de 2014

Jose Almeida - 11/06/2014 às 12:33 Você lendo a matéria já tá bom demais. AECINFLAÇÃO....subindo como a inflação

Jose Almeida em 11 de junho de 2014

Não comento sobre partido nanico...

VER + COMENTÁRIOS
TWITTER DO SETTI