Image
Vai que é tua, Roy Carroll: goleirão do Manchester United falhou e foi buscar a bola no meio do gol, mas o juiz não viu nada (Imagem: Reprodução SKY TV)

Por Daniel Setti

Não é nenhuma novidade que, em termos estruturais e cívicos – para não dizer também técnicos – , o futebol europeu está a anos-luz da bagunça e da barbárie que frequentemente dão as cartas no Brasil e na América do Sul. Isso inclui, entre dezenas de aspectos, um nível de arbitragem bem mais elevado do que o nosso.

O que não livra necessariamente a Europa da ocorrência de verdadeiras calamidades quando o assunto é apito.

Exemplos mundialmente conhecidos destas mancadas imperdoáveis não faltam, vide o clássico “gol fantasma” da Inglaterra contra a Alemanha na final da Copa de 1966, e a “resposta” no Mundial de 2010, quando um gol inglês claríssimo contra os germânicos não foi confirmado pelo juiz.

Mas os três vídeos abaixo, ironicamente também extraídos de partidas disputadas nas respeitadíssimas ligas inglesa e alemã, vão além, com erros inacreditavelmente grosseiros, daqueles que nem nas peladas mais hediondas da várzea acontecem.

As falhas são capitais, já que envolvem a anulação de um tento escandalosamente legal e a validação de dois “não-gols” incríveis. Mais do que comprovarem o ancestral provérbio de que “errar é humano”, atestam também que juiz ruim existe em qualquer parte. Divirtam-se.

Watford x Reading, Segunda Divisão Inglesa, setembro de 2008: o árbitro simplesmente “inventa”, sem que ninguém perceba, um gol do Reading em jogada de escanteio. A “explicação” do momento onde a pelota teria entrado, pelos pés de John Eustace, vem aos 25 segundos de vídeo:

MSV Duisburg x Eintracht Frankfurt, Segunda Divisão Alemã, janeiro de 2010: o chute de Christian Tiffert, do MSV, bate no travessão e quica a 1,5 metro à frente da linha. O “Professor” aponta para o centro do gramado, validando o gol:

Manchester United x Tottenham Hotspur, Primeira Divisão Inglesa, janeiro de 2005: antes que os leitores digam “ah, mas erros de segunda divisão não valem”, vamos a este vídeo. Após incrível bobeada – “o momento mais constrangedor de sua carreira”, como diz o narrador, o goleiro Roy Carroll, então do MU, corre desesperado atrás da bola e a busca no meio do caminho entre linha e rede. Como o chute de Pedro Mendes, do Tottenham, vinha do meio de campo, nem juiz e nem bandeirinha estavam próximos ao lance. O que explica, mas não justifica o fato de que ignoraram o tento.

DEIXE UM COMENTÁRIO

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dezessete − 13 =

4 Comentários

Marco em 04 de março de 2013

Don Setti; Deixa eu agradecer o Moacir, sempre com palavras carinhosas comigo. Muito obrigado! Moacir uma coisa q aprendi aqui no Setti, a gente debate com amigos valorosos e adversários calorosos. Esse é o grande charme do Blog. Abração, e mais uma vez muito obrigado, pelas palavras sempre gentis. Abraços.

VERDADE DOI!!!!!!!! em 04 de março de 2013

- Prezado, vivi no futebol des criancinha.... joguei, treinei, preparei fisicamente, ministrei aulas de arbitragem, fui árbitro..... MUITO ME ADNMIRA VER E OUVIR OS COMENTARISTARSITAS DE ARBITRAGEM NA TV..... o Arnaldo, por exemplo era um "coluna do meio"..... e outros.... amch~eos hoej, mas que no apito, se sobresairam pro questões outras..... - MAS O QEU QUERO DIZER , NAÕ TEM ANDA COM ISSO, ams sim com nossa condição de ser humano, nossas limitaçõess visuais.... A GLOBO, no Globo Reporte, lá nso anos 70 (final), 80 (inicio) apresnetou um programa sobre o assunto, E QUE TEM MUITO COM O TEMA...... - colocaram 3 câmeras, em uma praça, cada uma em um posto estratégico..... UM VELHINHA QUE PASSAVA PELA PRAÇA FOI AsSALTADA, levaam a bolsa dela.... - pasasavam epla praça, no momento do assalto, UM ATLETA CORRENDO, um de bicicleta e um com um cão.... - INTERESSANTE - a visão que se tinah, de cada câmera, de cada ponto DE ONDE A CENA FOI VISTA, tinha-se a CERTEZA DE QUEM FOI O LADRÃO....... - - isso, elvado ao futebol à arbitragem, da a dimensão de que ERROS, POdEM NÃO TER ACONTECIDO, OU FORAM MOTIVADOS PELA LIMITAÇÃO DE NOSSAS VISTAS........ assim, em resumo, CADA UM TEM UMA VISÃO DO,ALNCE, e como a interrpeção cabe ao árbitro, FICA DIFÍCIL RESPONSABILIZADO, moralmente falndo, a não ser, tendenciosamente... - - NÃO SOU FAVORA´VERL A CÂMERAS NOS ESTADIOS APRA TIRAR D´PUVIDAS , A NÃOS ER EM SAIDA OU ENTRADA DE BOLA... lembra-se doca so do Juniro Baiano na copa........ UMA TV não oficial captou o penalti........ PARA TERMOS VALIDADE, SERIAM NECESSA´RIAS CETENAS DE CÂMERA, ÃNGULOS, ETC.... - - em cruso de arbiotragem, FIZ A ESEPRIÊNCAI DO GLOBO REPORTER, não com câmeras, não as tinha, MAS, POSICIONANDO ALUNOs EM DIVERsOS PONTOS DA QUADRA DE FUTEBOL DE SLÃO.... o resultado foi o mesmo................... - - - NOTA: vemos nas tranmissões, que faltas apontaas pela transmissão, naõ aconteceram,e vice versa, quando são mostrados vários ângulos..... - - - -

moacir em 03 de março de 2013

Daniel, Eu realmente não conhecia esse FRANGO do Carroll.inacreditável a não marcação do gol. Don Marco, Eu fico imaginando como ia ser se você "estivesse acompanhando futebol"... Abraços

Marco em 03 de março de 2013

Don Setti; Daniel, um importante juiz q hj é teu colega, tb formado, aqui do RS, q já apitou, se não me engano 2 copas. Sempre se destacou pela polêmica. Até na política. Chego a conclusão, q o juiz fica bem mais conhecido quando erra. Dá muito mais mídia d q passar em branco numa partida. Quanto erros de juízes os piores são quando marcam perigo de gol. Ou, os sem critério para os descontos. E tb o q é mais comum ainda no Brasil. O Juiz caseiro. Na duvida sempre para o time da casa. Como não tenho acompanhado muito futebol. Gosto do Leandro Voaden e o Seneme aí de SP. Os árbitros carioca, são sempre confusos. Mas como gosto de ti, mais uma vez vou te passar a lista dos melhores de 2012. Por Estado; Alagoas: Francisco Carlos Nascimento Bahia: Marielson Alves Silva Ceará: Avelar Rodrigo Espírito Santos: Pablo Alves Goiás: Wilton Pereira Sampaio Mato Grosso: Edilson Ramos Mata Minas Gerais: Cleisson Veloso Pereira Pará: Dewson Fernando Freitas Paraná: Evandro Roman Pernambucano: Sebastião Rufino Filho Rio de Janeiro: Marcelo de Lima Henrique Rio Grande do Norte: Suelson Diógenes Rio Grande do Sul: Marcio Chagas da silva Santa Catarina: Paulo Henrique Godói Bezerra São Paulo: Wilson Luis Seneme Abração. Ps; Para não abusar do teu pai, de novo, não pude ver o Pato, hj, mas vou pesquisar sobre sua atuação. Quem estreou hj no Inter foi o Forlan, se puder ver os golaços. Vale a pena! Obrigado pela lista, caro Marco. O Forlan foi uma contratação espetacular e genial do Inter. Quanto ao Pato, voltou a jogar bem no 0 a 0 contra o Santos, mas todo o time do Corinthians estava claramente se poupando para a partida pela Libertadores no México, nesta quarta-feira. Tijuana fica muito longe, junto à fronteira do México com a Califórnia, e vai ser um voo longo e cansativo, com escalas etc. Então o pessoal estava se poupando. Um abração

VER + COMENTÁRIOS
TWITTER DO SETTI